A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância à Saúde, solicitou junto ao Governo do Estado a presença do carro fumacê no município visando intensificar o combate às arboviroses (Dengue, Zika, Chikungunya) nos locais onde foi notificada a presença de possíveis focos dos mosquitos transmissores dessas doenças, como o Aedes aegypti.

A partir de segunda-feira, 26, dois carros fumacês estarão fazendo um trabalho de aplicação de inseticida nos bairros Bom Jardim, Paredões, Barrocas e Santo Antônio. A ação de combate as arboviroses acontecerá pela manhã e tarde, até que seja cumprindo o número de cinco ciclos. A presença do carro fumacê nas ruas da cidade deve acontecer a cada três dias, tempo recomendado para efeito da aplicação do inseticida.

A Vigilância à Saúde do Município orienta que a população mantenha portas e janelas abertas para uma melhor aplicabilidade do inseticida. A Vigilância também reforça que a sociedade pode e deve ser uma importante aliada na luta contra as arboviroses. Não deixar recipientes com água parada nas residências e proteger as caixas d’águas, por exemplo, são atitudes simples, mas de uma importância crucial nesse combate.

Fonte:  Prefeitura de Mossoró

Via Radar On-line

Apesar da impopularidade, Michel Temer parece ter esperanças em permanecer no cargo. Além dos louros que a intervenção federal pode lhe trazer, o presidente vai viajar pelo país em “campanha”. Um e-mail enviado pela Secom para todos os ministérios revela um pouco dessa estratégia.

“Informamos que a Secretaria de Imprensa da Presidência da República está programando uma série de entrevistas do senhor Presidente da República na imprensa regional. Nessas oportunidades, serão abordadas realizações do Governo Federal nos estados”, diz o comunicado.

O motivo do e-mail é para que as pastas organizem um “briefing contendo as principais políticas públicas do ministério […] com a maior brevidade possível”.

Com o apelo da intervenção federal e as entrevistas pelo país, Temer mostra que não vai largar o osso assim tão fácil.

Por Dimitrius Dantas / O Globo

O ex-presidente Lula acredita que o decreto de intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro é um sinal de que o presidente Michel Temer quer se candidatar à reeleição e está fazendo uma movimentação para angariar votos de simpatizantes do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ).

“Acho que o Temer está encontrando um jeito de ser candidato a presidente da República. E eu acredito que ele achou que a segurança pública pode ser uma coisa muito importante para pegar um nicho de eleitores do Bolsonaro”, disse em entrevista à “Rádio Itatiaia”. Mesmo admitindo a impossibilidade de ser contrário a uma medida emergencial em relação ao crescimento da violência no estado fluminense, Lula indicou que o decreto de Michel Temer tem mais de cálculo político do que estratégia séria para solucionar a área de segurança pública.

MUDANÇA DE AGENDA – Para Lula, a cúpula do Palácio do Planalto, após perceber que não poderia aprovar a Reforma da Previdência em razão da rejeição encontrada tanto na Câmara dos Deputados como entre a população, resolveu mudar a agenda, de um tema negativo, a mudança nas aposentadorias, para outro positivo, a intervenção federal. “O que eles pensaram? Vamos criar outro espetáculo, e criaram passando para a sociedade que agora vão acabar os problemas. Mas não vão acabar”, disse.

Lula citou outras experiências fracassadas no estado que foram bem recebidas inicialmente mas não tiveram efeitos duradouros, como a instalação das Unidades de Polícia Pacificadora em favelas e a ocupação do Complexo da Maré em 2015. O ex-presidente ainda indicou que o Exército não é preparado para enfrentar o narcotráfico e que colocar oficiais das Forças Armadas para combater a violência urbana pode levar a resultados negativos, como a corrupção entre os oficiais da corporação.

21
fev

Informes

Postado às 19:31 Hs

UFRN convoca aprovados na segunda chamada do Sisu para cadastramento

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) publicou no último dia 19 a segunda chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que inclui aprovados e suplentes para preenchimento das vagas remanescentes da instituição. Os candidatos devem consultar a lista de convocação no endereço www.sisu.ufrn.br, no qual também está disponível o edital com a documentação necessária para cadastramento e matrícula, que acontecem a partir desta quarta-feira, 21.

Em Natal, o cadastramento dos aprovados na segunda chamada acontece de 21 a 24 de fevereiro na Escola de Ciência e Tecnologia (ECT) da UFRN, localizada no campus central, onde serão atendidos os aprovados em Natal e Macaíba. Os demais devem comparecer aos respectivos campi onde foram aprovados, nas seguintes datas: de 21 a 23 em Caicó e de 22 a 23 em Currais Novos e Santa Cruz.

O horário de cadastramento é o mesmo em todos os locais, das 8h às 11h30 e das 13h30 às 17h, sendo as datas e os períodos de atendimento divididos por curso, conforme o quadro disponibilizado no edital.

21
fev

Consulta

Postado às 16:18 Hs

A fim de identificar lacunas na produção de dados e estabelecer as prioridades no uso das informações para a formulação de políticas públicas, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abriu consulta pública para o Censo 2020. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) recomenda a participação dos gestores locais, uma vez que as ponderações dos representantes permitem o levantamento, o registro e a análise de demandas que possam ser objeto de futuros estudos pelo Instituto.
21
fev

Informes

Postado às 14:53 Hs

Demonstrativo de IR do INSS já está disponível para consulta no site “meu.inss.gov.br”.  Os aposentados e pensionistas do INSS obrigados a apresentar a declaração do Imposto de Renda à Receita Federal – ano base 2017 – já podem acessar o demonstrativo de rendimentos no site do INSS. Cerca de 40 milhões de brasileiros devem declarar o imposto de renda este ano. O programa para preenchimento da declaração do IR 2018 será disponibilizado pela Receita na última semana de fevereiro e o prazo de entrega terá início já no começo de março.
21
fev

Charge: Brasília em movimento

Postado às 14:14 Hs

21
fev

Seminário

Postado às 13:52 Hs

Gestores, técnicos em educação e prefeitos de todo o estado do Rio Grande do Norte, vão participar nos dias 08 e 09 de março do Seminário Estadual da União dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME-RN). O encontro acontecerá em Natal, no Centro Municipal de Referência em Educação (CEMURE), que tem como tema: O Regime de Colaboração e os Desafios para a Gestão Educacional. O debate vem como eixo central, porque União, Estado e Municípios precisam dialogar e construir projetos, programas e planos de educação de forma horizontal, onde todos possam colaborar na construção da educação pública de qualidade que tanto se anseia.  
21
fev

* * * Quentinhas … * * *

Postado às 12:21 Hs

* * * O Tribunal de Justiça rejeitou a denúncia contra o prefeito Carlos Eduardo Alves  na qual ele era acusado de captação irregular de impostos. Prevaleceu o “in dubio pro reo”, ou, na dúvida, o réu é favorecido na decisão, sendo inocentado.* * *

* * *A greve dos servidores da Saúde terminou, após 100 dias de paralisação, sem sucesso. Os servidores não conseguiram nenhuma das reivindicações propostas. Os salários continuam atrasados e o Governo já disse que não tem como atender as reivindicações. * * *

* * * O governador Robinson Faria (PSD) pediu socorro ao Ministério da Defesa para enfrentar a escalada da violência em Mossoró, a segunda maior cidade do Rio Grande do Norte. O grande número de assassinatos, que vem batendo recordes históricos, mostra que o Estado fracassou e que só o reforço “extra” é capaz de restabelecer a paz. A Força Nacional, que está em Natal desde a rebelião em Alcaçuz, há mais de um ano, será transferida para Mossoró na próxima sexta-feira (23). O governo não deu detalhes de como será feito o trabalho, o número de homens e estrutura que será usada. As informações serão apresentadas aos jornalistas somente na sexta-feira, com a chegada da Força Nacional.

* * * Comenta-se nas rodas políticas de Mossoró que a deputada estadual Larissa Rosado (PSB) poderá ser indicada pela prefeita Rosalba Ciarlini (PP) para ser vice de Carlos Eduardo (PDT) na disputa pelo Governo do Estado. Dessa forma, Rosalba prestigiaria a aliada e deixaria o terreno mossoroense mais livre para trabalhar a candidatura de Kadu Ciarlini à Assembleia Legislativa. O PP, presidido no Estado pelo ex-deputado Betinho Rosado, pretende conquistar pelo menos uma das 24 cadeiras de deputado estadual. * * *

* * * O bloco formado por Avante, PMN, PTB, Patriota, PPS, PRTB, PEN e PMB, chamado de G8, vai lançar duas chapas para a Assembleia Legislativa e uma para a Câmara Federal. A meta é eleger um deputado federal e seis estaduais. * * *

O Senado aprovou, na noite desta terça-feira (20), a intervenção do governo federal no Rio de Janeiro. Foram 55 votos favoráveis e 13 contrários, além de uma abstenção. A aprovação, no entanto, não ocorreu sem discussão e dividiu opiniões no Plenário. Enquanto os senadores favoráveis apontavam que a medida pode diminuir a violência, os contrários registravam o temor de a violência aumentar, principalmente contra os mais pobres. O senador Eduardo Lopes (PRB-RJ), relator do decreto, afirmou que a escolha de seu nome pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira, representou uma forma de respeito ao estado do Rio de Janeiro. Ao opinar pela aprovação da proposta, Eduardo Lopes disse que a população fluminense aplaude a presença das forças militares no estado. Ele apresentou argumentos jurídicos pela intervenção e disse que a violência está banalizada no Rio de Janeiro.

Por Mônica Bergamo – Folha de S.Paulo

Ciro Gomes (PDT-CE) e Fernando Haddad (PT-SP) tinham um jantar marcado para a noite desta terça (20) em São Paulo.

É a primeira conversa pessoal entre eles desde a condenação de Lula. Ciro, que com a possível saída de Lula do páreo eleitoral tenta se firmar como opção à esquerda, repete onde vai que a chapa ideal para a Presidência da República, sem Lula no páreo, seria a que tivesse ele na cabeça e Haddad como vice.

Apesar do diálogo, a costura em torno desta hipótese é complexa. Petistas como Haddad seguem afirmando que o ex-presidente será o candidato do partido e que não existe plano B. Além disso, Ciro tem feito críticas a Lula que o PT não engole.

O vice-governador Fábio Dantas está em Brasília onde se reúne logo mais às 10 horas com o comando nacional do PCdoB para definir sobre saída ou permanência no partido.

Fábio também admite que poderá disputar o Governo.Decisão que não tem a pressa de ser anunciada até 7 de abril já que, diferente do governador, o vice não precisa renunciar para disputar, por exemplo, o Senado.

Então Fábio segue apto a ser candidato majoritário sem renunciar. Porém, se a escolha for pelo Senado, a partir de 7 de abril ele não poderá assumir o Governo em caso de viagem do titular.

O nome do vice-governador Fábio Dantas é hoje o preferido do grupo de empresários que defende um novo modelo de gestão no Rio Grande do Norte. Nesse grupo estão Marcelo Alecrim, Flávio Rocha, Tião Couto, Jorge do Rosário, Marcelo Rosado, Genivan Rosado entre outros.

Aguardemos…o jogo político potiguar continua nebuloso, somente após 7 de abril as coisas ganharão novos contornos.

Com fama de cumpridor de missões disciplinado, o general Walter Souza Braga Netto ganhou na noite de quinta-feira (15) o que um conhecido seu qualificou de o maior abacaxi da sua carreira: o cargo de interventor federal na segurança pública do Rio de Janeiro. Braga Netto estava de férias quando recebeu a notícia. No dia seguinte, estava ao lado de seus superiores civis em Brasília no anúncio do decreto da intervenção. O mesmo amigo aponta que ele parecia desconfortável pela rapidez com que os fatos se sucederam, e as declarações curtas que deu explicitando que iria trabalhar num plano operacional a partir de agora reforçaram essa impressão. Disse que há muita mídia na avaliação da gravidade da situação.

Do governador Robinson Faria (PSD), na 96FM, sobre possibilidade do seu vice, Fábio Dantas, ser candidato ao Governo:

“Se eu não for candidato ele pode ser o nome. Se eu não for candidato será um prazer apoiar o nome de Fábio”, disse Robinson que não economizou nos elogios ao seu vice, com quem almoçou no domingo passado.

“Ele tem nome, tem honestidade, tem passado e tem capacidade”, declarou Robinson, afirmando que, se não tiver condição de disputar reeleição, dará oportunidade a outro nome.

Via Thaisa Galvão

O suplente de deputado federal Junji Abe (PSD-SP) confirmou hoje (20) que vai assumir a vaga de Paulo Maluf, afastado ontem (19) de seu mandato como parlamentar pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Desde dezembro, Maluf está preso na Penitenciária da Papuda, em Brasília, depois de ter sido condenado a cumprir pena de sete anos e nove meses pelo crime de lavagem de dinheiro.

O suplente de Maluf, Junji Abe, deve tomar posse ainda nesta terça-feira (20), na Secretaria da Mesa Diretora da Câmara. Ele está na vida pública desde 1972. Foi prefeito de Mogi das Cruzes (SP) por duas vezes, vereador, deputado estadual e deputado federal.

Antes da posse, Junji, segundo sua assessoria de imprensa, convocou para hoje uma entrevista coletiva no início da tarde em sua cidade para formalizar a decisão de assumir a vaga de Maluf e se defender a respeito de processos a que responde na Justiça por improbidade e corrupção.

Ainda segundo a sua assessoria, Junji não tem condenação transitada em julgado e nenhum dos processos contém provas periciais.

Ele sofreu uma condenação em segunda instância por contratação de procurador jurídico para a prefeitura de Mogi das Cruzes. No entanto, o caso foi descaracterizado como violação à Lei da Ficha Limpa pelo Tribunal Superior Eleitoral e como motivo passível de perda de direitos políticos, o que permitiu que ele concorresse às eleições de 2014. Junji perdeu a eleição e se tornou suplente da coligação PMDB-PROS-PP-PSD.

(Ag. Brasil)

Os governadores da região Nordeste pretendem definir uma proposta conjunta e vão levar ao presidente Michel Temer para que seja adotada na região como medida para a área de segurança pública, informou a Tribuna do Norte.

Os governadores pretendem apresentar ao presidente uma pauta comum de ações emergenciais, que precisam do apoio do governo federal, no combate à violência nos estados.

A partir do anúncio da criação do Ministério da Segurança Pública pelo presidente da República, Michel Temer, os governadores tomaram a iniciativa de articula essa proposta. Eles definiram que vão se reunir em João Pessoa (PB), em breve, a fim de debater a questão do  combate a criminalidade nos nove estados nordestinos.

A data ainda não está agendada, mas o governador do Rio Grande do Norte,Robinson Faria (PSD) confirmou que “nos próximos dias” participará da reunião na capital da Paraíba, a fim de tirarem uma proposta conjunta para melhorar a questão da segurança pública nos estados do Nordeste, “que sempre se reúnem a cada dois meses” para uma discussão sobre a solução dos problema dos seus estados.

Aconteceu nesta segunda-feira (19) a posse do primeiro juiz após a prorrogação das convocações dos aprovados em seleção realizada em 2014. A posse do magistrado Ítalo Gondim aconteceu na Presidência do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), com a presença do presidente do Poder Judiciário potiguar, desembargador Expedito Ferreira.

“Esse é um momento muito solene na vida de um magistrado”, comentou o presidente. Expedito Ferreira reforçou que o novo juiz vem dar sua contribuição ao esforço da Justiça do RN em prestar um serviço cada vez melhor à população.

Ítalo Gondim é natural da Paraíba, formado em Direito pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e pós-graduado em Direito Processual Civil. O magistrado já exercia o cargo de juiz no Tribunal de Justiça do Maranhão. “O Tribunal do Rio Grande do Norte era algo que eu já sonhava”, comentou o magistrado.

“Recentemente, o TJRN bateu a meta de produtividade, então eu venho com a grande responsabilidade de tentar manter tudo isso que o Tribunal já conseguiu, eu já entro com uma grande responsabilidade”, disse o juiz, que foi designado para um grupo especial de juízes que auxiliarão no cumprimento da Meta 4 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que diz respeito à priorização do julgamento dos processo relativos à corrupção e à improbidade administrativa.

“Minhas expectativas são as melhores possíveis”, ele contou. “O cargo de juiz é um cargo muito difícil, mas tem uma importância relevante no Estado Democrático de Direito”, completou.

fev 21
quarta-feira
21 52
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
24 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5654990 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram