Para abrigar a atriz Regina Duarte no governo federal, o presidente Jair Bolsonaro avalia recriar o Ministério da Cultura, segundo interlocutores do Planalto. A leitura do governo é que o nome da atriz é muito reconhecido para um status de secretaria, que era comandada até anteontem pelo dramaturgo Roberto Alvim. Ele foi demitido do cargo após protagonizar um vídeo com referências ao nazismo. Bolsonaro e Regina Duarte devem se encontrar amanhã, 20, no Rio de Janeiro. O presidente já tinha agendas marcadas na capital fluminense – às 10h, ele se encontra com o prefeito Marcelo Crivella. Segundo uma fonte que acompanha as discussões para sucessão no comando da Cultura, Bolsonaro e a atriz combinaram um encontro pois querem uma “conversa olho no olho”. A interlocutores, o presidente disse que a atriz pretende entender o que Bolsonaro espera dela, caso aceite o cargo.

A atriz Regina Duarte foi convidada para assumir a secretaria de Cultura do governo federal após a demissão de Roberto Alvim, demitido nesta sexta-feira depois de divulgar vídeo com discurso com referências nazistas. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo apurou, ela ainda não respondeu.

Duarte já havia sido convidada para integrar o governo no início do ano passado, mas recusou. A atriz é uma das mais famosas apoiadoras do presidente Jair Bolsonaro e já elogiou a política do governo no setor. Procurada nesta sexta-feira, 17, Duarte não retornou os contatos até a publicação da notícia.

Em novembro, ela havia criticado a nomeação de Alvim. Nas redes sociais ela elogiou a decisão de Bolsonaro em mudar a pasta de ministério (da Cidadania para o Turismo), mas também disse não ‘aprovar’ totalmente a escolha do ex-diretor da Funarte para o cargo.

“Não posso dizer que aprovo esta nomeação. Quem me conhece sabe que se eu pudesse opinar, teria sugerido outro perfil de pessoa para ocupar cargo de tal responsabilidade. Alguém com mais experiência em gestão pública e mais “agregadora” da classe artística”, escreveu na época.

Em outubro de 2018, Duarte manifestou publicamente seu apoio a Jair Bolsonaro. “Ele tem uma alma democrática”, disse Regina na ocasião, interpretando as declarações consideradas homofóbicas e racistas do então candidato como frutos de um homem com um “humor brincalhão típico dos anos 1950, que faz brincadeiras homofóbicas, mas que são da boca pra fora, coisas de uma cultura envelhecida, ultrapassada”.

Nesta sexta-feira, 17, Bolsonaro demitiu o secretário de Cultura, Roberto Alvim, após a referência ao nazismo em vídeo divulgado nas redes sociais. Ao anunciar o Prêmio Nacional das Artes, Alvim cita textualmente trechos de um discurso do ideólogo nazista Joseph Goebbels. Após a demissão de Roberto Alvim, o vídeo foi excluído das redes sociais.

17
jan

Jair Bolsonaro decide demitir secretário

Postado às 18:33 Hs

O presidente Jair Bolsonaro decidiu demitir o secretário de Cultura, Roberto Alvim, após a polêmica referências ao nazismo em vídeo divulgado nas redes sociais.

Segundo o Estadão, a situação de Alvim ficou “insustentável”. O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, já foi comunicado da decisão.

O presidente Jair Bolsonaro, através das redes sociais, comunicou o desligamento do então secretário de cultura, Roberto Alvim. “Um pronunciamento infeliz. Ainda que tenha se desculpado, tornou insustentável a sua permanência”, disse. Bolsonaro ainda reiterou repúdio “às ideologias totalitárias e genocidas, como o nazismo e o comunismo, bem como qualquer tipo de ilação às mesmas”.

Nesta quinta-feira (16) acontece o lançamento oficial da 25ª edição da Feira Internacional de Artesanato (Fiart), a partir das 8h, no Espaço Neuma Leão, em Morro Branco. O lançamento deverá contar com as presenças da imprensa, patrocinadores, apoiadores e colaboradores. Na ocasião, serão apresentadas a estrutura, a programação e as novidades da próxima edição da Feira, que acontecerá de 24 de janeiro a 02 de fevereiro, das 16h às 22h, no Centro de Convenções de Natal.

A Fiart 2020 é realizada através da Espacial Eventos e Promoções, Governo do Estado, Prefeitura do Natal e Sebrae/RN, contando também com o patrocínio, através da Lei de incentivo municipal Djalma Maranhão , da Unimed Natal e a Luck Receptivo.

11
jan

Carnaval de Areia Branca 2020

Postado às 19:45 Hs

A Prefeitura de Areia Branca acaba de confirma após divulgar o Trio Metrô para puxar os arrastões da praia de Upanema para a cidade, a Prefeita de Areia Branca Iraneide Rebouças anunciou nesta sexta-feira, 10, a primeira atração musical do Carnaval 2020. Sensação dos carnavais, micaretas e grandes eventos festivos no RN e estados vizinhos, a Banda Grafith foi confirmada como uma das atrações para dia dia 22 sábado de carnaval em Areia Branca. Conhecida como a banda das multidões, Grafith e outras grandes atrações nacionais vão animar o Carnaval de paz e alegria que a prefeitura está preparando para este ano.

Aguardem, que vem mais notícias boas sobre o reinado de momo na Salinésia.

Nosso blog vai divulgar os principais roteiros do estado e região como sempre fazemos. Aguardem !

A 25ª edição da Feira Internacional de Artesanato – FIART promete este ano inovar ainda mais. A Feira traz em sua programação diária uma mostra cultural com dança, poesia, música sempre privilegiando o Folclore, as manifestações Parafolclóricas e a cultura popular em geral. Com o tema “Inspiração e Arte, Negócios e Tradição”, a FIART começa de 24 de janeiro e segue até 02 de fevereiro, no Centro de Convenções, em Natal. As inscrições para a Mostra Competitiva Parafloclore estão abertas e seguem até o dia 22 de janeiro. A premiação irá oferecer R$ 6 mil, sendo R$ 3 mil para o primeiro lugar; R$ 2 mil para o segundo lugar e R$ 1 mil para o terceiro.  O júri oficial será composto por 05 membros e os critérios de avaliação serão: Figurino; Originalidade; Coreografia; Música; Ritmo; Destaques típicos; Evolução/Harmonia; Apresentador; Ritual; Tema e Histórico.  Para participar basta acessar: https://forms.gle/EM9J2QSgjXyTWYYr7 

As apresentações acontecerão nos dias 29, 30 e 31 de janeiro entre 18h30 e 20h. No dia 31 serão anunciados os 06 finalistas que se apresentarão na final, dia 01 de fevereiro entre 18h30 e 20h30. As apresentações deverão ter no máximo 20 minutos de duração.  Toda programação cultural, coordenada pela M.A.P.A. Realizações Culturais, conta com o patrocínio, através da Lei Municipal Djalma Maranhão, da Unimed e a Luck Receptivo. De acordo com a Diretora do Festival Fiart Cultural, Veluska Leão, o lema da FIART este ano é: “Mais arte na maior feira de Artesanato do RN”.

Fonte: Assessoria

31
dez

§ § Espaço Web § 2020

Postado às 6:20 Hs

Receita de Ano Novo

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor de arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ver,
novo até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra
birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta ou recebe mensagens? passa telegramas?).
Não precisa fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar de arrependido
pelas besteiras consumadas
nem parvamente acreditar
que por decreto da esperança
a partir de janeiro as coisas mudem


e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.
Para ganhar um ano-novo que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo de novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.

 

 

                                                            Por Carlos Drummond de Andrade

26
dez

Festa de São Sebastião 2020 em Caraúbas

Postado às 21:35 Hs

É Janeiro, Caraúbas e região referenciar a Tradicional Festa de São Sebastião 2020, com as melhores festa da região oeste do RN.

Clima de alegria, visitantes, filhos ausentes chegando em sua terra natal, convidados, barracas montadas, parque de diversão, programação social e religiosa afinadas, dentre outro ingredientes, que antecedem o início dos Festejos de São Sebastião 2020, em Caraúbas. Tudo pronto para dez dias de festividades, com início marcado para sexta-feira, 10, tanto na questão religiosa, com a procissão de chegada do santo padroeiro a Igreja Matriz, quando na festividade social, com os shows na Praça de Eventos.

Confira a programação cultural da Festa de São Sebastião 2020 em Caraúbas/RN

10/01 – Zé Cantor / Iury Morais
11/01 – João Netto Pegadão / Jr Lima
12/01 – Luan Estilizado
13/01 – Noite do Brega
14/01 – Forró da Mídia
15/01 – Henry Freitas / Diego Marcilio
16/01 – Bonde do Brasil / Bruno Martins
17/01 – Banda Grafith
18/01 – Banda Feras
19/01 – DJ Kevin / Raí Saia Rodada
20/01 – Forró dos 3 / DJ Diego Sena

Uma festa de cunho sócio religioso da nossa região. Turismo de eventos. Programe-se !

19
dez

Continua…

Postado às 8:14 Hs

Nesta quarta e quinta tem recital Isadora & Oriano na Escola de Música da UFRN

Além do Recital, na ocasião será lançado o documentário “Quando as Nuvens Eram Nossas”

Nesta quarta (18) e na quinta (19), a jovem pianista Isadora Rezende apresenta, a partir das 19h na EMUFRN – Escola de Música da UFRN, o Recital Isadora & Oriano. Na mesma ocasião, também será lançado o documentário “Quando as Nuvens Eram Nossas”, de autoria do cineasta Carito Cavalcanti. Serão duas noites em homenagem ao pianista Oriano de Almeida, que prometem envolver e encantar a plateia. A entrada é gratuita e os ingressos podem ser retirados uma hora antes do início de cada apresentação.

Projeto Isadora Rezende conta com o patrocínio do Programa Djalma Maranhão e do CEI Romualdo Galvão. O homenageado da noite, o pianista Oriano de Almeida nasceu em Belém, mas veio ainda criança pra Natal em 1930, quando começou a estudar piano com seu tio, o maestro Waldemar de Almeida, e desde cedo demonstrou sua destreza ao instrumento. Foi um pianista que ficou conhecido em todo o Brasil, tocou em alguns dos maiores palcos do mundo, e ganhou muitos prêmios fazendo o que mais amava: tocar piano. Além de pianista, Oriano também foi compositor, que cantou suas memórias e seus afetos, em obra que reflete sua memória afetiva, suas alegrias e sua terra. Ao longo dos anos, tornou-se uma figura importante no desenvolvimento da música e das atividades artísticas e culturais do Rio Grande do Norte. A jovem pianista Isadora descobriu e se apaixonou pelo feito de Oriano quando ainda tinha 10 anos de idade.

O fotógrafo Fernando Chiriboga lança no próximo dia 17 de dezembro seu décimo sexto livro: ‘Luz na Terra do Sol – Natal e Litoral Potiguar’. Com muito talento e profissionalismo, Chiriboga revela em mais uma obra o amor pela terra potiguar, à qual se incorporou com todo o reconhecimento de sua cidadania pelos norte-rio-grandenses. O lançamento vai acontecer das 18h às 22h, na Galeria Fernando Chiriboga, no 3º piso do Shopping Midway Mall, em Natal.

Terra de muitas belezas, o Rio Grande do Norte é revelado na nova edição fotográfica com destaque para rica variedade de ambientes sumamente importantes do ponto de vista ecológico, tais como recifes, corais, mangues, campos de dunas e estuários. Natal também é revelada com sua beleza singular, das lindas praias que compõem sua paisagem urbana – Ponta Negra, praias da Via Costeira, Miami, Areia Preta, Praia dos Artistas, Praia do Meio, Praia do Forte e Redinha – possuem irresistível encanto que seduz moradores e visitantes, e neles provoca o desejo de conhecer as demais belezas do litoral potiguar.

O livro ‘Luz na Terra do Sol Natal e Litoral Potiguar’ revela as belezas do Litoral Oriental, delimitado ao sul pela praia de Sagi, que fica na divisa com a Paraíba e pertence ao município de Baía Formosa. Ao norte está delimitado pela Ponta do Calcanhar, no município de Touros. Estende-se por 166 quilômetros e compreende os municípios de Baía Formosa, Canguaretama, Tibau do Sul, Senador Georgino Avelino, Nísia Floresta, Parnamirim, Natal, Extremoz, Ceará-Mirim, Maxaranguape e Rio do Fogo. O Litoral Setentrional também é destaque com o limite a leste pela Ponta do Calcanhar e a Oeste pela praia de Tibau, na divisa com o Ceará. Abrange os municípios de Touros, São Miguel do Gostoso, Pedra Grande, São Bento do Norte, Caiçara do Norte, Galinhos, Guamaré, Macau, Porto do Mangue, Areia Branca, Grossos e Tibau.

Retratando paisagens urbanas e costeiras, o livro ‘Luz na Terra do Sol – Natal e Litoral Potiguar’ que chega com duas opções de capa, busca fazer um registro do belo patrimônio – testemunho das riquezas da terra potiguar – e desta forma contribuir para a conscientização da necessidade de sua preservação como importante legado para as futuras gerações.

11
dez

@@@ O dia de hoje na História… @@@

Postado às 6:45 Hs

11 de dezembro:
Dia do Arquiteto.
Dia do Evangelho.
Dia do Tango e dia do Engenheiro
Dia de São Damásio.
Nesta data em:

1942 – Segunda Guerra Mundial: Alemanha e Itália declaram guerra aos Estados Unidos da América.
1994 – Começa a Primeira Guerra da Chechênia, envolvendo a Rússia e os separatistas chechenos.
1997 – Assinatura do Protocolo de Quioto.

Nasceram neste dia…

1475 – Papa Leão X (m. 1521).
1908 – Manoel de Oliveira, cineasta português.
1910 – Noel Rosa, na imagem, compositor brasileiro (m. 1937).

Morreram neste dia…

383 – Papa Dâmaso I (n. 305).
1893 – John Stott Howorth, empresário luso-britânico (n. 1829).
1826 – Maria Leopoldina de Habsburgo , imperatriz-consorte do Brasil (n. 1797).

2002 — Carlos Zara, ator brasileiro (n. 1930)

2007 — Ottomar Pinto, político brasileiro (n. 1930)

2009 — Jamil Haddad, político e médico brasileiro (n. 1926)

2011 — Rodolfo Bottino, ator e chef (n.1959)

2012 — Ravi Shankar, músico indiano (n. 1920).
03
dez

Acontece

Postado às 23:01 Hs

Apresentadora da TCM Emanuela de Sousa lança livro nesta sexta-feira

A jornalista e apresentadora do Bom Dia Mossoró, telejornal do canal TCM 10 HD da TCM Telecom, Emanuela de Sousa lança nesta sexta-feira, 6, Sinal Fechado, livro-reportagem sobre pessoas em situação de rua, pela Editora Sarau. A noite de autógrafos acontecerá no RustCafé do Memorial da Resistência, a partir das 19h.

Na publicação, a jornalista conta a história de moradores de rua de Mossoró através de 30 reportagens escritas com o cuidado de quem tem empatia pelo ser humano. Fazendo uso do jornalismo literário, Emanuela retrata as dores, pensamentos e desafios de quem vive à margem da sociedade.  Em Sinal Fechado, Emanuela questiona quando foi a última vez que você parou e olhou nos olhos de uma dessas pessoas? “O sinal pode estar fechado, mas podemos abrir caminhos”, analisa a escritora.

Emanuela Patrícia de Sousa é radialista e jornalista formada pela UERN, Universidade do Estado do Rio Grande do Norte. Potiguar, nascida em 1981, começou a trabalhar em rádio aos 16 anos de idade. Nunca mais calou a voz. Em agosto de 2009 teve o primeiro contato com a TV.  Em abril de 2014, a problemática sobre pessoas em situação de rua já era uma das principais pautas para a repórter que sempre acreditou no jornalismo como um pilar capaz de compor uma sociedade mais democrática. Naquele ano, Emanuela levou ao ar, pelo canal TCM 10 HD, Excluídos, uma série com cinco reportagens sobre a população de rua em Mossoró. A partir daí decidiu mergulhar no tema. Para concluir o curso de Jornalismo, quis escrever um livro-reportagem sobre pessoas vivendo em condições de rua. Assim nasceu Sinal Fechado.

Serviço:

Tipo de evento: Bate papo, sessão de autógrafos, exposição fotográfica sobre o tema com mostra do trabalho do fotografo Cláudio Júnior e apresentação da banda Oitavo Andar;

Local: RustCafé do Memorial da Resistência, Av. Rio Branco;

Data: 06 de dezembro, às 19h;

Aberto ao público.

02
dez

Estreia

Postado às 17:54 Hs

O espetáculo teatral Oratório de Santa Luzia completa 19 anos repleto de novidades. A estreia será na próxima terça-feira (03) após a novena. Neste ano, a história da virgem de Siracusa será encenada pelos próprios fiéis, voluntários oriundos dos quatro cantos da cidade de Mossoró e por artistas de grande experiência, no adro da Catedral de Santa Luzia. O oratório relembra a vida e os martírios vividos pela santa padroeira de Mossoró.

Num ato de devoção e fé, o Oratório de Santa Luzia 2019 traz para a comunidade cristã um espetáculo que retrata o amor de uma jovem por Cristo. Santa Luzia seguiu o exemplo do próprio Cristo que morreu crucificado e deu a vida por amor ao mundo.

Formato

A direção geral do espetáculo é de Marcelo Flecha. Um dos destaques é o número de pessoas envolvidas – o maior elenco nesses 19 anos de trajetória. Serão 230 pessoas no palco. Na assistência de direção Luciana Duarte e Jeyson Leonardo; as coreografias são assinadas por Adriana Castro e Hykaroo Mendonça. A proposta basilar da montagem é ter os devotos propondo cada cena, transmitindo sua fé ao contar a história de Santa Luzia de maneira voluntária, solidária, generosa e criativa, marca da vocação teatral da cidade de Mossoró.

O Oratório propõe uma retomada da gênesis do espetáculo, quando resgata a dramaturgia original de João Marcelino e algumas soluções cênicas como o emblemático cavalo do martírio e a trilha original de Danilo Guanais, enriquecida por composições de Romero Oliveira que também está a cargo da direção musical. Com esta proposta, Flecha tenta retomar a motivação inicial gerada pela devoção à padroeira e adota sua política de contemplar o maior número de artistas profissionais em atividade permanente na cidade, investindo na sustentabilidade do fazer artístico de Mossoró.

06
nov

O legado de Mazzaropi

Postado às 6:39 Hs

Memória – Filho de imigrante italianos e portugueses Amácio Mazzaropi sentiu ainda menino a paixão pela vida artística. Com apenas 14 saiu de casa para atuar no Circo La Paz. Os pais se preocupavam, não viam futuro naquela atividade e desejavam que o filho fosse operário, como eles. Mazzaropi, porém, não parou mais. Trabalhou em circo, no teatro, em rádio, televisão, até chegar ao cinema, se destacando em todos esses meios de expressão artística. Compôs desde o início um tipo cômico, caipira, que de imediato ganhou a simpatia do povo simples do interior e da capital de São Paulo. Na década de 40 o rádio viveu sua época de ouro no Brasil. E Mazzaropi foi figura de destaque na Tupi, emissora dos Diários Associados, de Assis Chateaubriand O programa “Rancho Alegre”, dirigido por Cassiano Gabus Mendes, fez sucesso durante muitos anos e na década seguinte chegou à televisão.
Evento garante desenvolvimento socioeconômico para o município, um dos maiores produtores atuneiros da região Nordeste.   “De Areia Branca Para o Mundo”. Com esse lema, acontece a segunda edição do Festival do Atum (antes Festival Gastronômico do Atum), marcado para acontecer entre os dias 14 a 16 do mês de novembro na cidade. O Rio Grande do Norte é o maior produtor de atum do Nordeste, concentrando cerca de 70% do fornecimento regional da região — onde destes, 60% é produção de Areia Branca, segundo dados da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (FIERN). A pesca comercial do atum é um negócio que movimenta mais de 270 milhões de dólares em todo o Brasil, produzindo cerca de 50 mil toneladas por ano. “Nossa expectativa com a realização da segunda edição do Festival do Atum em Areia Branca, é a melhor possível! Além do incentivo à atividade e estímulo ao consumo interno, consolidamos nossa cidade como uma referência nacional e internacional na produção do peixe que hoje é o mais procurado do planeta, fortalecendo assim nossa economia e turismo”, disse a prefeita Iraneide Rebouças.

Assis Marinho, um dos principais artistas plásticos do Nordeste, vai expor suas obras, a partir de 1º de novembro, na Galeria ArteZero, do Instituto de Ação Social e Cidadania Nilo e Isabel Neri (Iasnin), em São Miguel do Gostoso-RN. A exposição será aberta às 19h desta sexta-feira (1º) e segue até o início de 2020.

É a primeira vez que um artista do porte de Assis Marinho expõe em São Miguel do Gostoso. Sua exposição chama-se “Terras Potiguares”, pela marcante referência a cenários e pessoas que vivem no Rio Grande do Norte. Mas de 20 obras do artista estarão expostas na Galeria ArteZero. A entrada é gratuita.

Nascido em Canoas de Cubati (PB), mas vindo ainda criança morar em São João do Sabugi, no Seridó do Rio Grande do Norte, Assis Marinho é um artista que já expôs em inúmeros museus do Brasil, entre eles o MAC (Museu de Arte Contemporânea), de São Paulo. Também expos em Brasília e galerias e museus de outras cidades.

Entre os dias 30 de outubro e 03 novembro, o Partage Shopping Mossoró receberá a Feira do Livro de Mossoró, que terá edição especial, celebrando 15 anos de história. O empreendimento é parceiro do projeto, sediando-o pela quarta vez, sendo esta a terceira edição consecutiva dentro do Shopping, funcionando durante todo o horário de operação.

Com o objetivo de continuar fomentando a leitura e a educação na cidade, a Feira receberá 17 expositores (entre livrarias, editoras, livreiros, instituições parceiras e cordelistas) na praça de eventos do shopping, em um espaço com climatização, iluminação e segurança, reconhecido pela qualidade para eventos dessa natureza.

Ao todo, serão mais de 100 horas de atividades, com destaque para a comemoração dos 70 anos de Antônio Francisco, patrono da Feira e poeta mossoroense que ocupa uma cadeira na Academia Brasileira de Cordel.  O evento terá cinco dias de duração, com encerramento no domingo, 03 de novembro. Confira a programação:

 

# DIA 30/10/2019 (Quarta-feira)

14h – Apresentação Cultural: Teatro Palco das Letras Praça de Alimentação E.E. TERTULIANO AIRES

14h30 – Apresentação Cultural: Teatro Pinóquio Palco das Letras Praça de Alimentação Uei Izabel Macedo

15h – Apresentação Cultural: Dança Pastoril Palco das Letras Praça de Alimentação E.E. DIRAM RAMOS DO AMARAL

18h – Lançamento do livro: Leoa não tem juba Palco das Letras Praça de Alimentação Denise Martins

18h40 – Lançamento do livro: A menina que sabe chover Palco das Letras Praça de Alimentação Paula Belmino

19h30 – Solenidade de Abertura da 15ª Feira do Livro de Mossoró Palco das Letras Praça de Alimentação Coordenação da FLM e parcerias

 

# DIA 31/10/2019 (Quinta-feira)

14h – Apresentação Cultural: Dança Palco das Letras Praça de Alimentação Escola Paulo Freire

14h30 – Apresentação Cultural: Conto Palco das Letras Praça de Alimentação E.E. HERMÓGENES NOGUEIRA DA COSTA

18h  – Lançamento do livro: Folheto de Cordel “Chuva de Bala no País de Mossoróque expulsou o Rei do Cangaço Vírgulino Ferreira – Lampião” Palco das Letras Praça de Alimentação Mateus Poeta de Jaguariuna

18h20 – Lançamento do livro: “PauferrenseAgalopado” Palco das Letras Praça de Alimentação Robson Renato

18h40 – Lançamento do Zine-book “Cada” Palco das Letras Praça de Alimentação Vitto Poeta 19h “Música para João” – Sarau musical em homenagem a João Carlos Brito Palco das Letras Praça de Alimentação Amigos de João

# DIA 01/11/2019 (Sexta-Feira)

14h – Contação de Histórias Palco das Letras Praça de Alimentação Marcus Vinícius

14h30 – Apresentação Cultural: Poetas Palco das Letras Praça de Alimentação GRUPO SLAM – POETAS

18h30 – Mesa com Mulheres: “Mulheres que escrevem” Palco das Letras Praça de Alimentação Salizete, Larissa Gabriele e Manu

19h30 – Bate-papo: Vozes do sertão: os novos caminhos da literatura popular Palco das Letras Praça de Alimentação Manoel Cavalcante e Mailson Furtado

# DIA 02/11/2019 (Sábado)

17h40 – Lançamento do livro: “Desanuviando; qualquer coisa que se sonhara” Palco das Letras Praça de Alimentação Marcus Aurélio 18h Lançamento do livro: Poesia na rua Palco das Letras Praça de Alimentação Alexandre Filho

19h30 – 70 ANTÔNIOS “Homenagem ao Poeta Antônio Francisco”  Palco das Letras Praça de Alimentação  Antônio Francisco e Moisés Marinho, Segundo Neto, Thiago Camilo, João Vitor, João Neto e Clara Bezerra

# DIA 03/11/2019 (Domingo)

14h30 – Lançamento do livro: A princesa Glória no planeta dos animais Palco das Letras Praça de Alimentação Glória Maria

18h – Lançamento do livro: Fórum de Mulheres com Deficiência Palco das Letras Praça de Alimentação Fórum de Mulheres com deficiência de Mossoró e Região Benômia Rebouças.

18h20 – Lançamento do livro: Um maço de cordéis – Lições de gente e de bichos Palco das Letras Praça de Alimentação Gilberto Cardoso dos Santos

28
out

AS VOLTAS QUE O MUNDO DÁ

Postado às 16:13 Hs

No passar dos anos Deus tem me cobrado muito, como você sabe, mas  me presenteando muito tb. E eu curto a vida, de acordo com a situação que me é imposta.
Faço parte da Oficina de Teatro do PAI – Programa de Ação Integrada para o Aposentado, do Governo do Estado.
Este ano montamos o espetáculo “As Voltas que o Mundo Dá”, com 35 participantes todos da Maturidade (de 60 a 85 anos). O Texto e direção é de Walden Luiz. Produção Mazé Figueiredo, Coreografia Mara Alexandre. Imagine você, querer que 20 pessoas idosas, aprendam percussão em 3 meses, com 01 aula por semana de 2h. É ser mesmo louca, mas qual o artista que não á louco???? E deu certo.


Nosso trabalho envolve o mundo artístico, validando o talento do idoso, mas prioriza a busca da qualidade de vida e um envelhecimento saudável. Aqui entra a Gerontóloga. E seguimos com Cora Coralina: “Recria tua vida, sempre, sempre. Remove pedras, planta roseiras e faz doces. Recomeça”. Estreamos dia 01 de outubro, palco principal do Teatro José de Alencar,
lotado. Foi uma noite de glória. Chegaremos aí, dia 01. 11, em ônibus fretado, com 50 pessoas. Nós do teatro temos que cumprir a apresentação no Hotel Thermas do dia 01.11 e
a do dia 02.11, no Teatro Lauro Monte Filho, com você. Eu vou de carona com uma amiga que vai de carro, portanto chegando mais cedo. Contato: 085. 988113881.


Estou muito feliz em poder voltar a minha terra e agora já uma anciã (81 anos), fazendo teatro que eu amo e lembrando que foi aí que comecei. E até coloquei: Vocês interpretem bem, pois na minha terra, o povo é bom e sabe fazer teatro.

– Sinopse de – As Voltas que o Mundo Dá –
As voltas que o mundo dá procura mostrar de uma forma divertida o amor que os cearenses tem por sua terra, mesmo com todo desejo de correr o mundo.
Em todos os continentes, nos recantos mais ermos deste vasto mundo, sempre se encontra um cabeça chata, com sua maneira de se expressar, com sua capacidade de comunicação e com toda vontade de vencer na vida. Mas, uma coisa é certa. Ao primeiro sinal de chuva, o extinto de “Asa Branca” que existe no coração do cearense fala mais alto, e ele volta cheio de esperança, cheio de fé e de alegria, nem que seja só para matar a saudade que está lhe matando.

Assim é o cearense. Assim é este trabalho feito por pessoas que já viveram longamente esta saudade e que hoje a representa em forma de teatro, dança, canção e muito amor.


OUTRAS INFORMAÇOES –
A atriz e aposentada do BNB, Mazé Figueiredo, é produtora do musical ”As Voltas que o Mundo Dá, aos 81 anos. Como atriz desde sua aposentadoria do BNB, batalha por um espaço validando o artista idoso. Pra isso criou o I Festival de Teatro da Terceira Idade de Fortaleza – I FESTIDADE, que já está em sua quarta edição. Como Gerontóloga acredita no potencial da Maturidade em vivenciar o passar dos anos como pessoa pensante e atuante em sua consciência cidadã. A longevidade apresenta-se como uma questão em evidencia na realidade brasileira, comprovada pelo avanço da expectativa de vida da população, exigindo assim uma maior reflexão dos governantes e da sociedade sobre a Maturidade.
O Brasil deixou de ser um país de jovens, apresenta-se de cabelos brancos, sendo segundo dados do IBGE, em 2020, o sexto país do mundo em população idosa.
Neste contexto, nada mais edificante para a sociedade comprometida com o social do que proporcionar ao longevo, segmento populacional que mais cresce no mundo um campo para o lazer e o trabalho através dos quais ele possa sentir-se um ator social, partícipe do processo de seu crescimento pessoal, contribuindo para a sociedade da qual faz parte.

Ferramenta impulsionadora da arte e da cultura, o teatro permite pleitear a mudança de um mundo que precisa cada vez mais dialogar e interagir e o fazer teatral cumpre não só uma função integradora, mas dá oportunidade para apropriação crítica e construtiva dos conteúdos sociais e culturais, no dinamismo da experimentação, da fluência criativa, proporcionada pela liberdade de expressão, oportunizando ao artista, levar para o público a sociabilidade e construção da cultura, como um conjunto de atitudes e modo de agir, de costumes, de instituições, de valores espirituais, políticos e sociais.

Fonte: Assessoria

 

 

jan 19
domingo
19 54
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
16 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5812459 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram