Instituto IBOPE divulga pesquisa para o Senado no RN (Estimulada):

Os mais citados foram:

Styvenson Valentim (Rede): 23%

Garibaldi Alves (MDB): 21%

Geraldo Melo(PSDB): 14%

Zenaide Maia(PHS): 12%

Antônio Jácome(Podemos): 7%

Alexandre Motta (PT): 4%
Ana Célia (PSTU): 4%
Bispo Levi Costa (PRTB): 3%
Douglas Azevedo (Patriota): 2%
João Morais (PSTU): 2%
Magnólia (Solidariedade): 2%
Dr. Joanilson (DC): 1%
Jurandir Marinho (PRTB): 1%
Professor Lailson (PSOL): 1%
Telma Gurgel (PSOL): 1%
Branco/Nulo – Vaga 1: 28%
Branco/Nulo – Vaga 2: 46%
Não sabe: 27%

 

 

17
ago

Pesquisa Ibope no RN

Postado às 20:07 Hs

Pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira (17) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para governador do Rio Grande do Norte:
·                   Fátima Bezerra (PT): 34%
·                   Carlos Eduardo (PDT): 15%
·                   Robinson Faria (PSD): 8%
·                   Professor Carlos Alberto (PSOL): 2%
·                   Brenno Queiroga (Solidariedade): 1%
·                   Freitas Júnior (Rede): 0
·                   Heró Bezerra (PRTB): 0
·                   Branco/Nulo: 31%
·                   Não sabe/não respondeu: 9%
A pesquisa foi encomendada pela Inter TV. É o primeiro levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.

Sobre a pesquisa
·                   Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
·                   Quem foi ouvido: 812 eleitores de todas as regiões do estado, com 16 anos ou mais
·                   Quando a pesquisa foi feita: 14 a 16 de agosto
·                   Registro no TRE: RN-05553/2018
·                   Registro no TSE: BR‐03466/2018
·                   O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
·                   0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado

Espontânea
Na modalidade espontânea da pesquisa Ibope (em que o pesquisador somente pergunta ao eleitor em quem ele pretende votar, sem apresentar a relação de candidatos), o resultado foi o seguinte:
·                   Fátima Bezerra (PT): 20%
·                   Carlos Eduardo (PDT): 9%
·                   Robinson Faria (PSD): 5%
·                   Professor Carlos Albertos (PSOL): 1%
·                   Outros: 2%
·                   Branco/Nulo: 36%
·                   Não sabe/não respondeu: 27%

Rejeição
O Ibope também mediu a taxa de rejeição (o eleitor deve dizer em qual dos candidatos não votaria de jeito nenhum). Nesse item, os entrevistados puderam escolher mais de um nome. Veja os índices:
·                   Robinson Faria (PSD): 59%
·                   Carlos Eduardo (PDT): 17%
·                   Fátima Bezerra (PT): 14%
·                   Brenno Queiroga (Solidariedade): 7%
·                   Dário Barbosa (PSTU): 6%
·                   Heró Bezerra (PRTB): 6%
·                   Freitas Junior (Rede): 5%
·                   Professor Carlos Alberto (PSOL): 5%
·                   Poderia votar em todos: 1%
·         Não sabe: 18%

13
ago

Pesquisa Ibope

Postado às 11:40 Hs

InterTV/Costa Branca registra pesquisa do Ibope para divulgação sexta-feira,17

Os pesquisadores do Ibope estão nas ruas do Rio Grande do Norte, aferindo a intenção de votos dos eleitores para governador e senador . Os números deverão ser divulgados pela emissora na próxima sexta-feira, 17.

Os dados estão sendo coletados deste a última sexta-feira, dia 11, data de registro do levantamento na Justiça Eleitoral. Serão ouvidos 812 eleitores.

A pesquisa está registrada sob o número RN-05553/2018. O nível de confiança da sondagem é de 95% e a margem de erro é 3%.

Via Gutemberg Moura

Metade do eleitorado brasileiro será identificado pela biometria nas eleições deste ano, o que equivale a 73,7 milhões de eleitores. Os dados são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Mais de 87 milhões de eleitores já possuem o cadastro biométrico, aproximadamente 60% do eleitorado. No entanto, parte dessas pessoas estão em cidades onde não terão o reconhecimento biométrico disponível para as eleições de outubro. Por essa razão, o número de eleitores cadastrados é maior do que os que irão de fato utilizar a biometria para votar.

Na eleição de 2014, o total de eleitores com biometria cadastrada era de 21,7 milhões de pessoas, ou 15,2% do eleitorado brasileiro. A meta do TSE é cadastrar 100% dos eleitores do Brasil até 2022.

No total, nove estados concluíram o cadastramento biométrico, além do Distrito Federal: Alagoas, Amapá, Goiás, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Roraima, Sergipe e Tocantins.

Além disso, 22 dos 27 estados possuem mais da metade dos eleitores cadastrados. Os estados com taxas mais baixas são: São Paulo (45,1%), Minas Gerais (30,2%) e Rio de Janeiro (18,7%).

09
ago

Concentrados

Postado às 12:39 Hs

Três municípios concentram quase 36% do total de eleitores do Rio Grande do Norte, onde o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contabiliza 2.373.619 pessoas aptas ao voto nas Eleições deste ano.

Natal, com 557.109 eleitores, Mossoró, que tem 174.189 pessoas aptas ao voto, e Parnamirim, com 119.014, somam 850.312 votantes e são as cidades que detém os 35,8% do eleitorado estadual.

De acordo com os números do TSE, quase metade dos eleitores potiguares se concentram na Região Metropolitana. Os 14 municípios da Grande Natal têm, juntos, 986.677 votantes, ou seja, 41% do eleitorado estadual.

Representando 0,07% de todo eleitorado do Rio Grande do Norte, Viçosa, no Oeste Potiguar, é o município com a menor quantidade de eleitores do estado. No município, 1.697 pessoas estão aptas ao voto.

08
ago

RN Eleições 2018

Postado às 20:39 Hs

Instituto Seta/Blog do BG divulgam nova pesquisa.
Veja os números da sucessão estadual no RN.  Lembramos que a campanha própria dita não começou ainda.  Esses números são momentâneos. Muita coisa vai mudar ainda. Aguardemos !

Veja os números da pesquisa :

Governo/estimulada
Fátima Bezerra (PT) – 25,5%
Carlos Eduardo (PDT) – 14,7%
Robinson Faria (PSD) – 8,7%

Governo/espontânea
Fátima Bezerra (PT) – 8,4%
Carlos Eduardo (PDT) – 6,5%
Robinson Faria (PSD) – 2,9%

Senado/estimulada
Garibaldi Filho (MDB) – 14,4%
Zenaide Maia (PHS) – 14%
Capitão Styvenson (REDE) – 13,3%
Geraldo Melo (PSDB) – 6,1%

Senado/espontânea
Garibaldi Filho (MDB) – 4,5%
Zenaide Maia (PHS) – 3,5%
Capitão Styvenson (REDE) – 3,3%
Geraldo Melo (PSDB) – 2,2%.

A coleta dos dados aconteceu entre os dias 31 de julho e 2 de agosto. A pesquisa foi calculada com margem de erro de 3,5% para mais ou para menos e com grau de confiança de 95%. Ela foi registrada na Justiça Eleitoral sob os protocolos RN-09856/2018 e BR-05663/2018.

Na primeira eleição em que candidaturas femininas terão uma cota de recursos para campanha do fundo eleitoral, o número de mulheres candidatas a vice cresceu tanto na disputa presidencial quanto nos estados.

Ao todo, 67 mulheres serão candidatas a vice-governadora nas eleições deste ano, o equivalente a 37,6% do total. Em 2014, eram 27,7%, e em 2010, 19,5%.

No caso de candidatas a vice-presidente, agora são 4 em 13 (30,7%) — em 2014, foram 3 em 11 (27,2%) e, em 2010, apenas 1 em 9 (11,1%).

As escolhas se deram em meio a um limbo jurídico após a decisão do TSE, em maio deste ano, a qual define que R$ 510 milhões do R$ 1,7 bilhão aprovado para o fundo público de financiamento de campanhas devem ir para candidaturas de mulheres.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou os números oficiais do eleitorado do Rio Grande do Norte para as eleições de 7 de outubro deste ano, que é de 2.373.619 pessoas em todos os 167 municípios. Desses, vão votar por via biométrica, com identificação digital 2.365.752 pessoas (99,67%), enquanto 7.867 eleitores (0,33%) vão ter de apresentar documento comprobatório de identidade para ter direito ao voto. Houve um aumento de 1,98% do eleitorado, um percentual abaixo do crescimento nacional que foi de 3,14%.

As estatísticas do TSE mostram que o Rio Grande do Norte é o sexto estado do Nordeste com maior número de eleitores, à frente do Piauí (2.370.894), Alagoas (2.187.967 e Sergipe (1.577.058). Em relação ao eleitorado do país, o RN é o 16º colocado, também na frente do Mato Grosso, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Tocantins, Acre, Amapá e Roraima, que é o último colocado.

Nas eleições de 2014, o Rio Grande do Norte contava com 2,327 milhões de eleitores, número que chegou a 2,4 milhões em 2016 e caiu agora, depois do batimento eleitoral que excluiu, por exemplo, duplicidade de títulos eleitorais, eleitores mortos. Segundo os dados do TSE, no Rio Grande do Norte, 125 eleitores vão usar o nome social e 31,678 eleitores são portadores de alguma deficiência.

Três em cada dez jovens e adultos de 15 a 64 anos no país (29% do total, o equivalente a cerca de 38 milhões de pessoas) são considerados analfabetos funcionais.

Esse grupo tem muita dificuldade de entender e se expressar por meio de letras e números em situações cotidianas, como identificar as principais informações em um cartaz de vacinação ou fazer contas de uma pequena compra.

Há dez anos, a taxa de brasileiros nessa situação está estagnada, como mostram os dados de 2018 do Indicador do Alfabetismo Funcional (Inaf). O estudo, feito pelo Ibope Inteligência, é uma parceria entre a ONG Ação Educativa e o Instituto Paulo Montenegro.

Dos 29% de brasileiros classificados nos níveis mais baixos de proficiência em leitura e escrita, 8% são analfabetos absolutos (quem não consegue ler palavras e frases). Os outros 21% estão no nível considerado rudimentar (não localizam informações em um calendário, por exemplo).

Revista VEJA

Meu saudoso amigo Paulo Montenegro me disse uma vez que as pesquisas eleitorais são as únicas que podem ter seu resultado conferido por toda a opinião pública do país. É verdade. Porque todas as demais pesquisas, sejam de audiência da TV, sejam relativas ao mercado econômico, não passam por uma revisão popular e integral de seus prognósticos e resultados. Conheci muito o Paulo Montenegro, que assumiu o Ibope a partir de 1945 e dele não se afastou até o final de sua vida. A projeção do Ibope foi evoluindo através do tempo, tanto assim que nas eleições no Rio em 1962, Montenegro fez uma permuta com o jornal Última Hora para publicar o prognóstico apontando a vitória de Eloi Dutra sobre Lopo Coelho, que disputavam o cargo de vice-governador da Guanabara. Lembro que Lacerda, então governador, no final da campanha afirmou que só a Marinha tem contra-almirante e, por isso, a então Guanabara não deveria ter um contra-governador. Mas foi o que aconteceu.
02
ago

Pesquisa

Postado às 16:31 Hs

Mais uma pesquisa eleitoral será divulgada nesta sexta-feira (03). O trabalho é realizado pelo Instituto Consult, com coleta de dados tendo iniciado domingo (30), em todas as regiões do estado, para complementação nesta quinta-feira (2). Aguardemos !

02
ago

Números…

Postado às 0:28 Hs

Brasil tem 147,3 milhões de eleitores; aumento de 3,14% desde 2014
O eleitorado brasileiro aumentou 3,14% nos últimos quatro anos, saltando de 142.822.046 votantes, em 2014, para 147.302.354 eleitores, divulgou nesta quarta-feira (1º) o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os eleitores estão distribuídos pelos 5.550 municípios e em 171 localidades de 110 países.

Há ainda 1.409.774 eleitores que não poderão votar nem se candidatar este ano, por estarem com os direitos políticos suspensos, segundo o tribunal.

De acordo com o perfil do eleitorado brasileiro para as eleições gerais 2018, houve crescimento expressivo dos eleitores no exterior nos últimos quatro anos, passando de 354.184 para 500.727 eleitores, aumento de 41,37%.

Agência Brasil

 

01
ago

BC mantém taxa de juros em 6,5% ao ano

Postado às 22:43 Hs

O Copom (Comitê de Política Monetária) decidiu manter nesta quarta-feira (1º) a taxa básica de juros da economia em 6,5%, na mínima histórica.

A decisão foi unânime e era esperada por 36 dos 38 economistas ouvidos pela agência de notícias Bloomberg. Essa é a terceira manutenção seguida da Selic, após ao Banco Central pegar o mercado de surpresa e encerrar em maio o ciclo de cortes.

“Indicadores recentes da atividade econômica refletem os efeitos da paralisação no setor de transporte de cargas, mas há evidências de recuperação subsequente. O cenário básico contempla continuidade do processo de recuperação da economia brasileira, em ritmo mais gradual do que aquele esperado antes da paralisação”, disse o BC em comunicado. O anúncio do BC se dá após a aceleração da inflação em junho, devido à paralisação de caminhoneiros, e fortalecimento do dólar ante o real. Esses fatores, no entanto, trouxeram certo alívio em julho.

O IPCA, índice oficial de inflação, teve alta de 1,26% em junho, a maior para o mês desde 1995, mas o IPCA-15 de julho (prévia da inflação) já desacelerou para 0,64%. “A inflação do mês de junho refletiu os efeitos altistas significativos da paralisação no setor de transporte de cargas e de outros ajustes de preços relativos.

01
ago

Eleições 2018: Os maiores colégios do RN

Postado às 20:24 Hs

Três municípios do Rio Grande do Norte concentram 35,8% do total de eleitores do estado. Natal, Mossoró e Parnamirim têm, juntos, 850.312 eleitores. Em todo o estado são 2.373.619 eleitores aptos a votar nas eleições de 2018. O pleito acontece no dia 7 de outubro.O primeiro turno e em caso de segundo turno dia 28 de outubro.

A capital potiguar é a cidade com o maior número de eleitores: 557.109. Em seguida estão Mossoró com 174.189 e Parnamirim com 119.014. Os 14 municípios da região metropolitana de Natal têm 986.677 eleitores, o que corresponde a 41% do total de eleitores do estado.

A cidade com o menor número de eleitores no RN é Viçosa que tem 1.697 pessoas aptas a votar.

Fonte: G1

A cada eleição a juventude demonstra mais desinteresse pela política no Rio Grande do Norte. O primeiro sinal é a diminuição do número de eleitores com idade entre 16 e 17 anos, que deixam de fazer inscrição eleitoral. Para as eleições deste ano, são 37.481 jovens aptos aptos ao voto, o correspondente a 0,58% dos 2,37 milhões de eleitores potiguares.

Em 1992, primeiro ano com dados disponíveis no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre o número de eleitores dentro daquela faixa etária (o voto facultativo para eleitores com mais de 16 anos e menos de 18 foi instituído na Constituição Federal de 1988), havia 73.337 adolescentes eleitores no Estado, o equivalente a 5,01% do eleitorado  norte-riograndense, que à época era de 1.465.174 pessoas.

Em 2000, o número de eleitores de 16-17 anos subiu para 77.767 adolescentes ou 4,32% dos mais de 1,8 milhão de eleitores. Nas últimas eleições esse número caiu quase pela metade, chegou a 37.477 eleitores ou a apenas 0,56% do total de eleitores do RN, que era de 2,327 milhões.

Ano de eleição municipal, esse fato deve ter contribuído para o maior interesse dos jovens na política, porque o número de eleitores dessa faixa etária voltou a crescer, indo a 55.092 eleitores ou 0,67% de um contingente eleitoral de 2,4 milhões de pessoas no Rio Grande do Norte.

29
jul

Cenário indefinido na disputa ao Senado

Postado às 11:26 Hs

A pesquisa FIERN/Certus apontou que quatro nomes estão empatados tecnicamente para o Senado na soma do primeiro e segundo voto. Quatro nomes disputam o cargo com intenções de voto variando dentro da margem de erro de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Apenas 3,1% separam o líder Garibaldi Alves Filho (MDB) da quarta colocada Zenaide Maia (PHS). Entre eles Geraldo Melo (PSDB) e Capitão Styvenson (sem partido).

Já no item rejeição o campeão é Garibaldi com 14,91% seguido por Geraldo Melo com 9,51%. Veja os números tabulados para o Senado;

Soma de primeiro e segundo voto:

 

A pesquisa do Instituto Certus encomendada pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (FIERN) aponta um cenário estável para o Governo do Estado.

A senadora Fátima Bezerra (PT) segue líder com 29,15%, mantendo a mesma distância das outras pesquisas (inclusive a anterior da Certus) para o segundo colocado Carlos Eduardo Alves (PDT) que ficou com 15,39%. O governador Robinson Faria (PSD) tem 6,31%.

Na pesquisa espontânea (sem lista de candidatos) o cenário é mais equilibrado com Fátima Bezerra tendo 8,72%, Carlos Eduardo 6,10% e Robinson Faria 2,91%.

A maior rejeição é de Robinson Faria com 35,28%, seguido por Carlos Eduardo com 7,17% e Fátima Bezerra com 6,73%.

A pesquisa FIERN/Certus foi realizada no período de 21 a 25 de julho com 1.410 entrevistados de 40 municípios de 7 regiões potiguares. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos. O estudo está registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob os números RN-08199/2018 e BR-04763/2018.

 

 

26
jul

População do RN diminuirá a partir 2047

Postado às 11:44 Hs

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou informações da Projeção de População, que estima demograficamente os padrões de crescimento da população do País, por sexo e idade, até 2060.

No Rio Grande do Norte, a população deverá crescer até 2047. A partir daí, haverá uma diminuição no número de pessoas. A expectativa para o Estado supera em um ano a média do País, que ficou em 2048. Além do RN, outros 11 estados terão redução na população a partir 2047. Os demais sofrerão o decréscimo após 2048.

ago 18
sábado
09 22
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
29 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5732427 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram