01
jul

Propostas

Postado às 8:57 Hs

João Maia propõe que bancada federal e Governo do Estado cobrem da Petrobras perfuração de poços para minimizar seca. O presidente estadual do PR, João Maia, foi o entrevistado do Jornal da Noite da rádio 95 FM, nesta terça-feira (30), pelos jornalistas Juliana Celi, Thaisa Galvão e Eugênio Bezerra. Durante mais de 20 minutos, o ex-deputado falou sobre política, o PR, a seca no interior, Governo do Estado, economia, entre outros assuntos. A entrevista teve início com o questionamento de um ouvinte de Ceará-mirim sobre pretensões políticas para o futuro. João Maia explicou: “Eu tenho uma missão que me foi dada pela direção nacional do partido de fortalecer o PR no Rio Grande do Norte e eu tenho feito de forma planejada e com dedicação para as eleições de 2016. Minhas pretensões eu verei depois das eleições do ano que vem”, declarou.
29
jun

Solicitando

Postado às 11:42 Hs

unnamed
O deputado Ezequiel Ferreira de Souza, presidente da Assembleia Legislativa, encaminhou requerimento ao ministro da Integração Nacional, Gilberto Magalhães, solicitando convênio com o Governo do Rio Grande do Norte para aquisição de máquinas perfuratrizes, tendo em vista que o Estado só dispõe de sete para atender a 23 municípios que estão em situação crítica de abastecimento. “O Governo do Estado, em função do quarto ano seguido de seca e a perspectiva de mais um consecutivo de estiagem sem trégua no semiárido potiguar, decretou calamidade pública em 153 municípios. As chuvas ocorridas no segundo semestre de 2014 e este ano foram insuficientes para a formação de estoque de água potável nos reservatórios”, justificou.
24
jun

Em elaboração

Postado às 20:04 Hs

unnamed (1)
Um evento realizado na manhã desta quarta-feira, 24, no auditório da Biblioteca Ney Pontes Duarte, deu início ao processo de elaboração do Plano Municipal de Saneamento Ambiental, atendendo o decreto nº 4.518 publicado no Jornal Oficial de Mossoró (JOM) do dia 23 de junho de 2015. A solenidade foi aberta pelo prefeito Francisco José Júnior, que observou a importância dos investimentos feitos na área do saneamento básico. “Entemos a importância desse momento para Mossoró. Quando se trabalha sem planejamento, os serviços causam transtornos para a população e gastos desnecessários com o dinheiro público. Então é preciso manter o zelo. Os números mostram que a cada real gasto com saneamento básico, economizamos quatro reais com a saúde pública. Isso mostra o quanto é inteligente e importante investir nesse setor”, revelou o prefeito. Uma das características mais evidenciadas na elaboração do Plano é que ele será feito integralmente com a participação popular. “
24
jun

Informativo

Postado às 11:38 Hs

A Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ) acaba de divulgar o Índice de Desempenho Ambiental (IDA) referente ao 2º Semestre de 2014. O IDA é instrumento de acompanhamento e controle de gestão ambiental em instalações portuárias que permite quantificar e simplificar informações de forma a facilitar o entendimento do público e de tomadores de decisão acerca das questões ambientais portuárias. O IDA foi construído com o uso de metodologia de análise multicritério, considerada a mais adequada para tratar problemas de avaliação de desempenho ambiental. A metodologia aplicada foi a do Processo de Análise Hierárquica (AHP – Analytic Hierarchy Process). Os indicadores que compõem o IDA foram escolhidos com base em literatura técnica especializada, legislação ambiental aplicável e boas práticas observadas no setor portuário mundial.Em meio a informação,
17
jun

* * * Quentinhas… * * *

Postado às 10:58 Hs

* * * As mulheres ganharam o equivalente a 79,5% dos salários dos homens em 2013, segundo dados do Cadastro Central de Empresas (Cempre). Em média, eles receberam R$ 2.334,46 e elas, R$ 1.855,37. O levantamento é composto por cerca de 19 milhões de companhias e 20,7 milhões de unidades locais.Para o gerente da pesquisa, Francisco Marta, a diferença salarial reflete, entre outros fatores, a menor remuneração de cargos mais ocupados por mulheres, como nos setores de educação e saúde. Segundo o IBGE, quase 70% dos ocupados no segmento educacional, por exemplo, são mulheres. Proporção maior que na média da administração pública em geral, que é dividido em 56% de mulheres e 44% de homens – “e elas vêm ganhando participação”, acrescenta o pesquisador. * * *

* * * Os estudantes que buscam uma bolsa do Programa Universidade para Todos (ProUni) podem se inscrever até quinta-feira (18) na internet. Nesta edição, o ProUni oferta 116 mil bolsas em 856 instituições privadas de ensino superior. O resultado da primeira chamada será divulgado no próximo dia 22.Para se inscrever, o candidato deve ter feito a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014 e obtido no mínimo 450 pontos na média das notas. Além disso, não pode ter tirado nota zero na redação. O candidato tem que informar o número de inscrição e a senha usados no Enem. * * *

* * * Pesquisa divulgada hoje (17) – Dia Mundial de Combate à Seca e à Desertificação – pelo Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, mostra que 16% do território nacional estão suscetíveis à desertificação. O Estudo sobre o Estado da Arte da Desertificação, Degradação das Terras e Seca no Semiárido Brasileiro foi desenvolvido para subsidiar o desenvolvimento de políticas públicas voltadas à mitigação dos efeitos das mudanças climáticas. A data foi criada pela Organização das Nações Unidas (ONU) para promover a conscientização sobre o problema, que atinge 42% das terras do planeta e 35% da população mundial. As consequências desse processo climático, agravado pela interferência humana, vão desde a diminuição da fertilidade dos solos à redução da disponibilidade hídrica. A desertificação pode transformar grandes áreas, antes produtivas, em desertos e colocar em risco a vida nessas regiões.* * *

09
jun

Informativo

Postado às 16:11 Hs

unnamed (2)
Um grupo de deputados liderados pelo presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza (PMDB), se reuniu nesta terça-feira (9) com representes dos criadores e produtores rurais do Rio Grande do Norte para discutir soluções para a crise enfrentada pelo setor em função da seca que aflige o Estado. “Discutimos hoje o socorro que a classe política deve dar ao setor primário do Estado. Deliberamos sobre temas como a escassez de água, a burocracia enfrentada para o acesso ao crédito rural e a cobrança exorbitante de juros a um setor que está sacrificado e que sofre há anos os efeitos da estiagem. A Casa Legislativa é parceira na luta dos produtores e criadores potiguares” disse Ezequiel. De acordo com o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária (FAERN), José Vieira, a principal reivindicação do setor é em relação ao endividamento rural. “Precisamos mobilizar as classes políticas da região Nordeste para discutir essa questão. A solução é unir forças para pressionar e sensibilizar o Governo Federal quanto à situação crítica enfrentada pelos agropecuaristas nordestinos”, afirmou Vieira.
04
jun

Chegando…

Postado às 9:45 Hs

A Secretaria Municipal de Agricultura e dos Recursos Hídricos (SEMARH) preparou ações dentro da Semana da Gestão Ambiental e, desde a última terça-feira, 2, percorre escolas e comunidades da zona rural de Mossoró, com palestras e rodas de conversa sobre a educação e conscientização sobre a importância de cuidar do meio ambiente. A programação teve início na noite desta terça, 2, com os moradores da comunidade rural de São João da Várzea, que participaram da palestra sobre a potabilidade da água, gestão de gerenciamento de recursos hídricos e o respeito ao meio ambiente e à saúde do homem com a não utilização de agrotóxicos. O encontro foi coordenado pelo engenheiro agrônomo Edimar Filho, com colaboração da equipe da Defesa Civil de Mossoró.
03
jun

No Seridó

Postado às 20:00 Hs

unnamed

Por solicitação de Ezequiel Ferreira, Governo iniciou ações emergenciais no abastecimento do Seridó

 

Atendendo uma solicitação do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza, o Governo do Estado, através da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) iniciou as ações emergenciais para ajudar a manter o abastecimento de água nos municípios de Currais Novos e Acari, na região do Seridó.

“Máquinas já estão nas aluviões do Rio Acauã em Currais Novos fazendo os serviços de limpeza, manutenção e teste de produção em 20 poços tubulares, bem como a execução de 50 metros de sondagens hidrogeológicas a trado manual, na área da bacia hidráulica do Açude Gargalheiras em Acari. Trata-se de uma causa pela qual estamos empenhados há mais de um ano. Pedimos celeridade ao governador, onde determinou os técnicos estudarem e apresentarem soluções imediatas para o abastecimento de água desses dois municípios”, afirmou Ezequiel. No final do mês de abril, o deputado e presidente da Assembleia Legislativa levou uma comissão de Currais Novos e Acari para uma reunião com o governador Robinson Faria. Na oportunidade foi garantido que todo o corpo técnico das secretarias e órgãos do Estado estariam empenhados em avaliar e sugerir alternativas, que possam aliviar de forma emergencial os problemas de abastecimento de água de Currais Novos e Acari.

O Açude Gargalheiras que através de adutora abastece Currais Novos e Acari está hoje com apenas 1,88% de sua capacidade total, segundo a última medição realizada pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh). Com a seca que ainda atinge o Estado, a Caern tem realizado o abastecimento em sistema de rodízio. O fornecimento de água em dias alternados tem como objetivo principal prolongar o uso do produto ainda disponível. Entre as 11 cidades que hoje passam por rodízio estão Currais Novos e Acari, que devem ser abastecidas por carros-pipas.

Fonte: Assessoria

28
mai

Audiência pública

Postado às 22:08 Hs

unnamed
Representantes de órgãos ligados ao meio ambiente, professores universitários, instituições e entidades da sociedade civil se reuniram hoje, 28, para debater propostas para revitalizar o rio Apodi-Mossoró. O debate, presidido pelo vereador Genivan Vale, ocorreu no plenário da Câmara Municipal de Mossoró (CMM). Segundo Genivan Vale, autor da proposição, a audiência atende a uma sugestão do arquiteto Carlos Mendes. “Atendemos uma sugestão deste grande profissional, a fim de discutirmos a situação do rio Apodi-Mossoró, no intuito de buscarmos alternativas para este problema”, disse o edil. O secretário estadual de Recursos Hídricos, Mairton França, apresentou resultados de estudos sobre a problemática do rio Mossoró. Ele revelou que há um projeto no Governo do Estado com ações para revitalizar o rio que aguarda execução, o que depende de dotação orçamentária. “Quando chegamos à secretaria desengavetamos alguns projetos, entre eles o da revitalização do rio Mossoró. Para executar as ações propostas, em especial para a zona urbana do rio, seriam necessários recursos em torno de R$ 25,4 milhões. Vamos tentar buscar junto ao Governo Federal recursos para viabilizar o projeto”, declarou Mairton França.
27
mai

Informativo

Postado às 12:36 Hs

Presente em 52 municípios, a bacia hidrográfica do rio Apodi-Mossoró corta mais de 30% do território do Rio Grande do Norte. Apesar de sua notória importância para o estado, o manancial sofre com os altos índices de poluição. Problema que se arrasta por décadas e vem se agravando ano após ano. No intuito de discutir ações para a revitalização do rio Apodi-Mossoró, será realizada nesta quinta-feira, 28, uma audiência pública na Câmara Municipal de Mossoró (CMM). O debate, proposto pelo vereador Genivan Vale, terá início às 8h, e atende a uma sugestão do arquiteto Carlos Mendes. Deverão participar do evento, o secretário estadual de Recursos Hídricos, Mairton França; o secretário municipal de Meio Ambiente e Urbanismo, João Gentil; e professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) e da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa).
25
mai

No Seridó…

Postado às 18:05 Hs

unnamed
Ezequiel Ferreira se reúne com Dnocs em busca de soluções para crise hídrica no Seridó O abastecimento de água no Seridó é motivo de preocupação não só para a população da região, mas também para as autoridades do Rio Grande do Norte. A adutora de engate rápido que vai abastecer Currais Novos e Acari precisa de aproximadamente 70 km de tubos instalados. A obra está orçada em R$ 35 milhões e apenas pouco mais de R$ 1 milhão foi liberado.A primeira carreta de canos chegou à cidade na última quarta-feira (20) com mais de 100 canos. A GAID Construções, empresa responsável pela execução da obra, já iniciou a limpeza das vias que servirão de base para a obra. O assunto foi pauta de mais uma reunião, realizada nesta segunda-feira (25), entre o presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira (PMDB) e o diretor do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), Walter Gomes.
Com o intuito de contribuir com o desenvolvimento sócio econômico sustentável do Estado e fomentar a utilização racional e eficiente de energia alternativa, o deputado Souza apresentou Projeto de Lei, que começou a tramitar na Assembleia Legislativa, instituindo a Política Estadual de Incentivo ao Aproveitamento das energias Eólica e Solar. “Estudos indicam que o Rio Grande do Norte tem um enorme potencial de energias eólica e solar não aproveitado. Ocorre que o principal entrave ao seu crescimento é, sem dúvidas, a falta de políticas públicas. O Estado deve ser o responsável pela condução e implementação de políticas públicas voltadas ao incentivo do aproveitamento de energia renovável, visto que não existe possibilidade de desenvolvimento econômico que não seja o sustentável”, justificou o deputado. O parlamentar lembrou que, embora a competência originária para legislar
22
mai

Em Pau dos Ferros…

Postado às 17:36 Hs

Município discute sustentabilidade em seminário institucional

O II Seminário Institucional Ambiental de Pau dos Ferros, realizado na manhã de ontem, 21, pela Secretaria de Meio Ambiente (SEMA) do município, reuniu servidores públicos para a discussão do tema “A importância da responsabilidade socioambiental na administração pública”.

Segundo a secretária Fátima Araújo, o seminário foi “um momento que teve como objetivo principal estimular a incorporação de princípios e critérios de sustentabilidade em atividades rotineiras, levando em consideração a economia dos recursos naturais, a gestão adequada dos resíduos sólidos e a redução de gastos institucionais na administração dos bens públicos”.

Além de palestra sobre a importância de uma instituição sustentável e ambientalmente organizada, os participantes do evento foram divididos em grupos de trabalho: Uso Racional dos Resíduos Naturais, Gestão de Resíduos Sólidos, Sensibilização e Capacitação, Qualidade de Vida no Ambiente de Trabalho e Licitações Sustentáveis.

Parte do secretariado municipal e pelos menos dois representantes de cada secretaria participaram do II Seminário Institucional Ambiental de Pau dos Ferros, que ainda contou com a presença do prefeito Fabrício Torquato, incentivador da causa ambientalista na cidade.

22
mai

Em debate…

Postado às 16:31 Hs

unnamed (1)
Audiência pública discutirá propostas para revitalização do Rio Apodi-Mossoró. Presente em 52 municípios, a bacia hidrográfica do rio Apodi-Mossoró corta mais de 30% do território do Rio Grande do Norte. Apesar de sua notória importância para o estado, o manancial sofre com os altos índices de poluição. Problema que se arrasta por décadas e vem se agravando ano após ano. No intuito de discutir ações para a revitalização do rio Apodi-Mossoró, será realizada na próxima quinta-feira, 28, uma audiência pública na Câmara Municipal de Mossoró (CMM). O debate, proposto pelo vereador Genivan Vale, terá início às 8h, e atende a uma sugestão do arquiteto Carlos Mendes. Deverão participar do evento, o secretário estadual de Recursos Hídricos, Mairton França; o secretário municipal de Meio Ambiente e Urbanismo, João Gentil; e professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) e da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa). Também foram convidados para audiência os deputados federais Beto Rosado (PP) e Rafael Mota (PROS)
21
mai

Avaliando…

Postado às 22:15 Hs

Ministro do Turismo avalia projeto de parque ecológico na barragem de Umari

O ministro do turismo, Henrique Eduardo Alves, recebeu do prefeito de Upanema, Luiz Jairo, a proposta de um projeto para aproveitamento turístico da barragem de Umari, terceiro maior reservatório do Rio Grande do Norte, com capacidade para 300 milhões de m³. A barragem fica no rio Upanema a 8km da cidade e a 47km de Mossoró pela nova BR-110. Atualmente, o reservatório é utilizado para produção de peixe em cativeiro e pequenos projetos de irrigação. “Precisamos também aproveitar o potencial turístico que Umari representa para a região”, disse o ministro. O projeto do Parque de Umari inclui, além dos acessos até o reservatório, toda a infraestrutura para receber banhistas e visitantes.

O ambiente natural propicia a prática de esportes náuticos e radicais. Área de camping, píer, mirante e trilhas estão entre os atrativos do futuro Parque de Umarí. Uma das trilhas leva à Pedra do Sino e aos sítios com pinturas rupestres no entorno da barragem. A proposta de um parque ecológico tem o objetivo de gerar emprego e renda com as atividades de lazer e preservar o ambiente de forma ecologicamente correta, justa do ponto de vista social, e economicamente viável e sustentável.

21
mai

Em debate

Postado às 18:34 Hs

Numa iniciativa da Câmara Federal e com o apoio da Universidade Federal Rural do Semi-Árido e da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, será realizado em Mossoró, o Seminário Integração das Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional – Ênfase Eixo Norte – com a Transposição do Rio São Francisco. O Seminário vai acontecer na próxima sexta-feira, 29, das 14 às 19h, no Auditório do Hotel Vila Oeste. A proposta é promover ampla discussão sobre o projeto de integração da bacia hidrográfica do Rio São Francisco, com as bacias potiguares, em especial a bacia do Apodi-Mossoró. Serão debatidos os impactos desse projeto, bem como as possíveis destinações desses recursos hídricos, em função das demandas presentes e futuras. O Seminário contará com duas mesas temáticas, sendo uma técnica acadêmica, e outra política executora, com a presença de professores doutores e de membro de órgãos governamentais, responsáveis pela execução da obra.
10
mai

Racionalidade

Postado às 17:48 Hs

Ezequiel propõe a instituição de um Programa de Uso Racional da Água e Energia

 

Criar um Programa Estadual de Conservação e Uso Racional da Água e Economia de Energia Elétrica em Edificações. Essa é a proposta do presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza, para instituir medidas que promovam a conservação, uso racional e utilização de fontes alternativas na captação de água e reuso nas novas edificações.

O Programa busca ainda a conscientização dos usuários sobre a importância da conservação da água e economia de energia elétrica e abrangerá também os projetos de construção de novas edificações de interesse social.

A ação vai promover campanhas educativas nos meios de comunicação oficiais e nas redes sociais, nos perfis oficiais dos órgãos públicos. A adoção do Programa Estadual de Conservação e Uso Racional da Água e Economia de Energia Elétrica também é uma forma de fomentar o debate sobre as políticas públicas de convivência com a seca.

05
mai

Informativo

Postado às 20:24 Hs

Ufersa e Bombeiros montam serviço para coleta de enxames de abelhas – SOS Abelhas

 

O Centro Tecnológico de Apicultura e Meliponicultura do Rio Grande do Norte – CETAPIS, órgão da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, montou um serviço de atendimento a chamadas de urgência para coleta de enxames de abelhas. O “SOS Abelhas” irá funcionar em parceria com o Corpo de Bombeiros através dos seguintes telefones de ocorrência: pela central de urgência do 190 discado para a Polícia Militar e 193 para os Bombeiros; ou ainda pelos celulares em contato direto com o Centro pelos números (84) 8846-5392 ou 9818-2354.

“O projeto é a junção da força operacional dos homens do Corpo de Bombeiro com o conhecimento técnico da Universidade”, argumento o professor Lionel Gonçalves, detalhando o funcionamento da força tarefa: quando os Bombeiros forem acionados, a gente irá acompanhar a equipe até o local e fazer o procedimento correto.

Segundo ele, havia uma tradição de quando queimar os enxames de abelhas, prática não recomendada. Com um equipamento adequado desenvolvido pela Universidade, as abelhas passarão a ser recolhidas e levadas para estudo, já o mel extraído será doado. “Para que o resultado do procedimento seja positivo, é preciso ser realizado no horário certo e de forma adequada”, ressalta o pesquisador.

Isso porque o Corpo de Bombeiro só pode atuar em chamadas dessa natureza quando há risco iminente de morte. Somente no último mês já foram atendidas quase 40 ocorrências com abelhas em Mossoró.

jul 1
quarta-feira
18 08
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
10 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  4051869 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram