16
abr

O QUE É ESSENCIALMENTE A PÁSCOA

Postado às 12:00 Hs

falix páscoa
A palavra Páscoa advém do nome em hebraico Pessach, que significa passagem, raiz da palavra Pessach, entretanto, remete à passagem do anjo exterminador, enviado por Deus para matar todos os primogênitos do Egito na noite do êxodo, noite que antecedia a libertação de Israel da escravidão egípcia. Deus então, orienta a Moisés e Arão, Números 12, a realizar o sacrifício de um cordeiro de um ano, sem defeito, deveria ser assado, seu sangue deveria ser aspergido nas portas das casas, comido com pães asmos (sem fermento) e com ervar amargas. Alí Deus estabelece um memorial. E por quê? Porque Deus quer que Seus feitos milagrosos não sejam esquecidos. No entanto que sua celebração é ordenada por Deus posteriormente: “Estas são as solenidades do Senhor, as santas convocações, que convocareis ao seu tempo determinado: No mês primeiro, aos catorze do mês, pela tarde, é a páscoa do Senhor”. Levítico 23:4,5 e “Celebrem os filhos de Israel a páscoa a seu tempo determinado”, Números 9:2. Portanto, essa festa judaica, a Páscoa, comemorada pelos judeus, significa passagem. É realizada com o objetivo de fazer o povo recordar a libertação da escravidão egípcia. Vale ainda lembrar, que a Páscoa possuía um significado profético, o cordeiro que era imolado nesta festividade, apontava para o sacrifício de Jesus Cristo na Cruz.

PERGUNTAS FEITAS A SATANÁS  (De nome Lúcifer)

QUEM O CRIOU?
Lúcifer : Fui criado pelo próprio Deus, bem antes da existência do homem. [Ezequiel 28:15]

COMO VOCÊ ERA QUANDO FOI CRIADO?
Lúcifer : Vim à existência já na forma adulta e, como Adão, não tive infância. Eu era um símbolo de perfeição, cheio de sabedoria e formosura e minhas vestes foram preparadas com pedras preciosas. [Ezequiel 28:12,13]

ONDE VOCÊ MORAVA?
Lúcifer : No Jardim do Éden e caminhava no brilho das pedras preciosas do monte Santo de Deus. [Ezequiel 28:13]

QUAL ERA SUA FUNÇÃO NO REINO DE DEUS?
Lúcifer : Como querubim da guarda, ungido e estabelecido por Deus, minha função era guardar a Glória de Deus e conduzir os louvores dos anjos. Um terço deles estava sob o meu comando. [Ezequiel 28:14; Apocalipse 12:4]

ALGUMA COISA FALTAVA A VOCÊ?
Lúcifer : (reflexivo, diminuiu o tom de voz) Não, nada. [Ezequiel 28:13]

O QUE ACONTECEU QUE O AFASTOU DA FUNÇÃO DE MAIOR HONRA QUE UM SER VIVO PODERIA TER?
Lúcifer : Isso não aconteceu de repente. Um dia eu me vi nas pedras (como espelho) e percebi que sobrepujava os outros anjos (talvez não a Miguel ou Gabriel) em beleza, força e inteligência. Comecei então a pensar como seria ser adorado como deus e passei a desejar isto no meu coraçã o. Do desejo passei para o planejamento, estudando como firmar o meu trono acima das estrelas de Deus e ser semelhante a Ele. Num determinado dia tentei realizar meu desejo, mas acabei expulso do Santo Monte de Deus. [Isaías 14:13,14; Ezequiel 28: 15-17]

O QUE DETONOU FINALMENTE A SUA REBELIÃO?
Lúcifer : Quando percebi que Deus estava para criar alguém semelhante a Ele e, por conseqüência, superior a mim, não consegui aceitar o fato. Manifestei então os verdadeiros propósitos do meu coração. [Isaías 14:12-14]

O QUE ACONTECEU COM OS ANJOS QUE ESTAVAM SOB O SEU COMANDO?
Lúcifer : Eles me seguiram e também foram expulsos. Formamos juntos o império das trevas. [Apocalipse 12:3,4]

COMO VOCÊ ENCARA O HOMEM?
Lúcifer : (com raiva) Tenho ódio da raça humana e faço tudo para destruí-la, pois eu a invejo. Eu é que deveria ser semelhante a Deus. [1Pedro 5:8]

QUAIS SÃO SUAS ESTRATÉGIAS PARA DESTRUIR O HOMEM?
Lúcifer : Meu objetivo maior é afastá-los de Deus. Eu estimulo a praticar o mal e confundo suas ideias com um mar de filosofias, pensamentos e religiões cheias de mentiras, misturadas com algumas verdades. Envio meus mensageiros travestidos, para confundir aqueles que querem buscar a Deus. Torno a mentira parecida com a verdade, induzindo o homem ao engano e a ficar longe de Deus, achando que está perto. E tem mais. Faço com que a mensagem de Jesus pareça uma tolice anacrônica, tento estimular o orgulho, a soberba, o egoísmo, a inimizade e o ódio dos homens. Trabalho arduamente com o meu séquito para enfraquecer as igrejas, lançando divisões, desânimo, críticas aos líderes, adultério, mágoas, friezas espirituais, avareza e falta de compromisso (ri às escaras). Tento destruir a vida dos pastores, principalmente com o sexo, ingratidão, falta de tempo para Deus e orgulho. [1Pe dro 5:8; Tiago 4:7; Gálatas 5:19-21; 1 coríntios 3:3; 2 Pedro 2:1; 2 Timóteo 3:1-8; Apocalipse 12:9]

E SOBRE O FUTURO?
Lúcifer : (com o semblante de ódio) Eu sei que não posso vencer a Deus e me resta pouco tempo para ir ao lago de fogo, minha prisão eterna. Eu e meus anjos trabalharemos com afinco para levarmos o maior número possível de pessoas conosco. [Ezequiel 28:19; Judas 6; Apocalipse 20:10,15]

MEDITE NESSA MENSAGEM. VEJAM QUE FOI ELABORADA COM BASE NOS VERSÍCULOS BÍBLICOS, POR ISSO É UMA ILUSTRAÇÃO DA MAIS PURA VERDADE.

Fonte: Blog do Alvinho

Por Théo Fernandes

Como dizia Mahatma Gandhi, todo governo é hipócrita. Sua religião era hinduísta, mas ele pregava que Jesus, o Cristo, tinha legado à humanidade o Código da Vida, através de seu Evangelho de Amor Fraterno, que as seitas religiosas, com seus falsos profetas, acabaram deturpando, ao comercializar e explorar seu semelhante. O inferno não existe na condição de local único, pois ele se concretiza no Tribunal da Consciência, que julgará nossas obras no além túmulo, e, se nefastas, pagaremos até o último ceitil, com o ranger de dentes.

Esta semana, as seitas chamadas cristãs lembram a morte do “Mestre”. No entanto, com suas obras desfraternas, continuam a mantê-lo pregado na cruz.

O BEM E O MAL – Quando se diz que Jesus, o Cristo, é o Caminho, a Verdade e a Vida, e ninguém vai ao Pai, a não ser por Ele, isto significa que seu Evangelho é o Farol, a iluminar o “Caminho da Luz”, para a redenção de nossas almas, pois do mundo material só se levam três lembranças – o Bem, o Mal e o bem que se deixou de praticar.

Há 2 mil anos renegamos a Luz – Jesus. No decorrer dos séculos, continuamos a mantê-lo pregado na cruz , pelo Caim que está dentro de nós. Estudar o Evangelho é preciso, e exemplificá-lo é nossa necessidade, para nossas almas eternas entrarem no Reino da Luz Divina. Deus Pai, com tua Justiça Misericordiosa, abençoe nossa humanidade, que renega teu Amor.

14
abr

Significado

Postado às 16:03 Hs

Sexta-feira – Também chamada de Sexta-feira da Paixão. Relembra, o dia em que Nosso Senhor Jesus Cristo é crucificado (após sua prisão, Jesus é julgado e açoitado; recebe a coroa de espinhos na cabeça; é levado á presença de Pilatos, e depois de condenado carrega com a sua própria cruz, até ao monte Calvário; ao meio-dia é crucificado entre dois ladrões e por volta das três da tarde, Jesus morreu… o Seu corpo foi depois retirado da cruz, e colocado num sepulcro cavado na rocha, pertencente a José de Arimatéia).

Sexta-feira Santa, é o primeiro verdadeiro dia do Tríduo Pascal, que abraça e celebra os mistérios da morte (sexta-feira), do sepultamento (sábado) e da ressurreição (noite de sábado e domingo durante todo o dia) do Senhor. É celebrada a solene acção litúrgica, da Paixão do Senhor, e acontece a Adoração da Cruz. Os celebrantes usam vermelho, a cor dos mártires. Em alguns locais realiza-se a Procissão do Senhor Morto. Neste dia, é praticado o jejum, e a abstinência da carne em sinal de penitência e respeito pela morte de Jesus Cristo. É recitada a Via Sacra no seu ponto mais alto

14
abr

Paixão de Cristo

Postado às 14:28 Hs

Para alguns apenas um feriado…

Hoje é sexta-feira Santa, ou ‘Sexta-Feira da Paixão’, mas você sabe o significado da data? Para muito é só mais um feriado, mas para os católicos é a data em que os cristãos lembram o julgamento, paixão, crucificação, morte e sepultura de Jesus Cristo, através de diversos ritos religiosos.

Segundo a tradição cristã, a ressurreição de Cristo aconteceu no domingo seguinte ao dia 14 de Nisã, no calendário hebraico. A mesma tradição refere ser esse o terceiro dia desde a morte. Assim, contando a partir do domingo, e sabendo que o costume judaico, tal como o romano, contava o primeiro e o último dia, chega-se à sexta-feira como dia da morte de Cristo.

Na sexta santa é o único dia que não se celebra a Missa e não há consagração das hóstias, apenas é celebrado a Solene Ação Litúrgica, Paixão e Adoração da Cruz onde inicia-se com a equipe de celebração entrando em silencio, e o padre se prostrando no altar em sinal de humildade e de tristeza.É realizada a narrativa da paixão, que narra os acontecimentos desde quando Jesus foi interrogado, a Oração Universal, que reza polos que não crêem e Deus e em Cristo, pelos Judeus, pelos poderes públicos, dentre outros, e a Adoração da Cruz.

Tempo de reflexão sem dúvida nenhuma… Uma boa páscoa a todos !

13
abr

Na telinha

Postado às 19:33 Hs

TCM transmite espetáculo da Paixão de Cristo neste sábado

O Espetáculo da Paixão de Cristo que será encenado neste sábado, 15, no Hotel Thermas, terá transmissão ao vivo do TCM 10 HD (TV Cabo Mossoró). Às 19h, a apresentadora Lara Gois abre o ao vivo com as informações do evento. Por isso, o Première começará mais cedo, às 18h. A Paixão de Cristo do Hotel Thermas será encenada pelo grupo O Teatro de Santo Antônio do Potengi. O TESAP é um grupo oriundo da Cidade de São Gonçalo do Amarante.

A transmissão poderá ser vista além do Canal TCM 10 HD, pelo portal www.tcm10hd.com.br ou aplicativo TCM Play.

13
abr

Em Apodi

Postado às 19:02 Hs

unnamed
Espetáculo da Paixão de Cristo em Apodi deve reunir 15 mil pessoas neste ano. O tradicional espetáculo da Paixão de Cristo, que acontece anualmente no sítio do Góis em Apodi, chega a esse ano na sua 11ª edição. Com muitas novidades e efeitos especiais, o evento deve reunir cerca de 15 mil espectadores nos dois dias de apresentação, segundo a organização.Idealizado pela própria comunidade do Góis com o objetivo de unir os moradores, o espetáculo já entrou no calendário cultural do município de Apodi. Neste ano, mais de 100 pessoas estão envolvidas com a encenação, produção e montagem dos cenários. Todos eles são da região do Polo Góis. De acordo com o diretor geral Dulcivan Fernandes, que integra o grupo Arte-e-ria, o público pode esperar uma Paixão de Cristo totalmente reformulada e cheia de novidades. “O diferencial deste ano é a inovação em tecnologia. Todas as cenas tiveram modificações. O pessoal pode esperar tudo diferente, com iluminação, sonorização e efeitos especiais”, disse.O espetáculo será apresentado na quinta e sexta-feira santa, 13 e 14 de abril, e terá duração de uma hora e meia. A encenação iniciará a partir das 19h e tem entrada gratuita.
09
abr

Por que “Domingo de Ramos” ?

Postado às 5:52 Hs

Domingo de Ramos é o dia em que celebramos a “entrada triunfal” de Jesus em Jerusalém, exatamente uma semana antes da sua ressurreição (Mateus 21:1-11). Cerca de 450-500 anos antes, o profeta Zacarias havia profetizado: “Alegra-te muito, ó filha de Sião; exulta, ó filha de Jerusalém: eis aí te vem o teu Rei, justo e salvador, humilde, montado em jumento, num jumentinho, cria de jumenta” (Zacarias 9:9). Mateus 21:7-9 registra o cumprimento dessa profecia: “…trouxeram a jumenta e o jumentinho. Então, puseram em cima deles as suas vestes, e sobre elas Jesus montou. E a maior parte da multidão estendeu as suas vestes pelo caminho, e outros cortavam ramos de árvores, espalhando-os pela estrada. E as multidões, tanto as que o precediam como as que o seguiam, clamavam: Hosana ao Filho de Davi! Bendito o que vem em nome do Senhor! Hosana nas maiores alturas!” Este evento aconteceu no domingo antes da crucificação de Jesus.

Em memória deste evento é que nós celebramos o Domingo de Ramos. Este dia tem esse nome por causa dos ramos de palmeira que foram colocados na estrada enquanto Jesus montava no jumento em Jerusalém. Domingo de Ramos foi o cumprimento das “setenta semanas” do profeta Daniel: “Sabe e entende: desde a saída da ordem para restaurar e para edificar Jerusalém, até ao Ungido, ao Príncipe, sete semanas e sessenta e duas semanas; as praças e as circunvalações se reedificarão, mas em tempos angustiosos”(Daniel 9:25). João 1:11 nos diz: “Ele Veio para o que era seu, e os seus não o receberam”. As mesmas multidões que gritaram “Hosana” agora estavam gritando “Crucifica-o” cinco dias depois (Mateus 27:22-23).

 

O sentido da festa do Domingo de Ramos tratar tanto da entrada triunfal de Cristo em Jerusálem, e depois recordar sua Paixão, é que essas duas datas estão intrinsicamente unidas. A Igreja recorda que o mesmo Cristo que foi aclamado como rei pela multidão no domingo, é crucificado sob o pedido da mesma multidão na sexta. Assim, o Domingo de Ramos é um resumo dos acontecimentos da Semana Santa e também sua solene abertura.

Em muitas igrejas, as folhas de palmeira são guardadas para serem queimadas na Quarta-feira de Cinzas do ano seguinte. A Igreja Católica considera que as folhas abençoadas como sagradas.

09
abr

Início da Páscoa

Postado às 0:11 Hs

Domingo de Ramos

O Domingo de Ramos abre solenemente a Semana Santa, com a da entrada de Jesus em Jerusalém. Jesus é recebido em Jerusalém como um rei, mas os mesmos que o receberam com festa o condenaram à morte. Jesus é recebido com ramos de palmeiras. O Domingo de Ramos é a festa litúrgica que celebra a entrada de Jesus Cristo na cidade de Jerusalém. É também a abertura da Semana Santa. Nesse dia, são comuns procissões em que os fiéis levam consigo ramos de oliveira ou palmeira, o que originou o nome da celebração. Segundo os Evangelhos, Jesus foi para Jerusalém para celebrar a Páscoa Judaica com os(discípulos). Entrou na cidade como um Rei, mas sentado num jumentinho – o simbolo da humildade – e foi aclamado pela população como o Messias, o Rei de Israel. A multidão o aclamava: “Hosana ao Filho de Davi!” Isto aconteceu alguns dias antes da sua Paixão, Morte e Ressurreição. A Páscoa Cristã celebra então a Ressurreição de Jesus Cristo.

História A procissão do Domingo de Ramos surgiu depois que um grupo de cristãos da Etéria fez uma peregrinação a Jerusalém e, ao retornar, procedeu na sua região da mesma forma que havia feito nos lugares santos, lembrando os momentos da Semana Santa. O costume passou a ser utilizado gradualmente por outras igrejas e, ao final da Idade Média, foi incorporado aos ritos da Semana Santa…. O Rito A celebração do Domingo de Ramos começa em uma capela ou igreja afastada de onde será rezada a Missa. Os ramos que os fiéis levam consigo são abençoados pelo sacerdote.

A Semana Santa é uma tradição religiosa do Cristianismo que celebra a Paixão, a Morte e a Ressurreição de Jesus Cristo. A Semana Santa se inicia na quarta feira de Jesus Cristo em Jerusalém, que ocorre do domingo de ramos, e tem seu término com a ressurreição de Jesus Cristo, que ocorre no domingo de Páscoa.

http://2.bp.blogspot.com/_nNiqDAwxt3E/S7e_LcCnlLI/AAAAAAAAAVY/EAuPC9SMPzo/s400/semana-santa3.jpg

08
abr

O que é a quaresma ?

Postado às 20:00 Hs

A quaresma é o tempo litúrgico de conversão, que a Igreja marca para nos preparar para a grande festa da Páscoa. É tempo para nos arrepender de nossos pecados e de mudar algo de nós para sermos melhores e poder viver mais próximos de Cristo. A Quaresma dura 40 dias; começa na Quarta-feira de Cinzas e termina no Domingo de Ramos. Ao longo deste tempo, sobretudo na liturgia do domingo, fazemos um esfoço para recuperar o ritmo e estilo de verdadeiros fiéis que devemos viver como filhos de Deus. A cor litúrgica deste tempo é o roxo, que significa luto e penitência. É um tempo de reflexão, de penitência, de conversão espiritual; tempo e preparação para o mistério pascal.
28
mar

Mártires de Cunhaú e Uruaçu

Postado às 14:20 Hs

José Dias destaca canonização dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu

A autorização do Papa Francisco para a canonização dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu, pautou o pronunciamento do deputado José Dias (PSDB) nesta quinta-feira (23), na Assembleia Legislativa. O parlamentar comemorou a informação, anunciada pela Arquidiocese de Natal, de que os Mártires devem ser declarados santos pelo Vaticano ainda este ano. “Façamos neste dia, dentro de nossas almas e coração, um voto de fé e de prece para que este ato de assunção aos altares dos nossos Mártires sirvam como benção para todo o povo do Rio Grande do Norte”, rogou José Dias.

De acordo com a Arquidiocese de Natal, a autorização para o ato de santificação dos Mártires do RN foi confirmada durante audiência realizada na manhã desta quinta no Vaticano, onde o papa Francisco recebeu o cardeal Ângelo Amato, prefeito da Congregação das Causas dos Santos.

“Faço este comunicado na Casa Legislativa com muita emoção, pois tenho consciência que os valores morais, espirituais e religiosos não podem sumir da face da terra. Foram eles (cristãos) que fundaram a nossa civilização e, sem eles, ela perecerá”, concluiu o deputado.

 Mártires

A cultura religiosa nas cidades de São Gonçalo do Amarante e Canguaretama, no interior do Rio Grande do Norte, está fortemente ligada à figura dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu. Também conhecido como Protomártires do Brasil, este é o título dado aos cristãos martirizados nos dois municípios em 1645 em decorrência das invasões holandesas no Brasil. Mais de 80 fiéis da Igreja Católica foram mortos; destes, 30 foram martirizados

Fonte: Assessoria

19
mar

Com as bençãos de São José

Postado às 6:58 Hs

Reza a tradição nordestina que se chover aamnhã no Nordeste será bom e a colheita do milho, em junho (ou seja, já nas festas juninas, quando a base das comidas típicas é o milho) será abundante; caso não chova, haverá inverno seco, e, portanto a colheita do milho será escassa. No Rio Grande do Norte, a previsão da Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN(EMPARN) para o Dia de São José é de que haverá pancadas de chuvas tanto no interior quanto no litoral do estado. Mas independente das previsões da Emparn, os fiéis já estão fazendo suas orações pedindo chuva ao santo padroeiro do agricultor nordestino.

Coincidência ou não, a crença não morre, prossegue nos filhos e netos que ainda esperam um dia 19 de março chuvoso, como garantia de fartura para afastar o fantasma da destruição das estiagens. Mas será uma questão de Fé, ou será uma questão de Ciência? Ou ambas as coisas?

Para resolver a questão, entrevistamos um padre devoto e peregrino de São José, afinal ninguém melhor do que ele para dizer os poderes do santo.Apesar da igreja não estimular esse tipo de crendice, preferindo enaltecer a figura de São José como o pai adotivo de Jesus, esposo de Maria e patrono universal da igreja, temos que respeitar a crendice popular pois é fruto da experiência do agricultor que não criou a devoção por acaso.

Viva São José !!! Que elas venham…

18
mar

Na ALRN

Postado às 18:23 Hs

Campanha da Fraternidade é lançada na Assembleia e entidades defendem proteção à Caatinga.

Proteger a Caatinga, um bioma extremamente frágil e sofrido, que vem sofrendo o processo de desertificação, e que ocupa cerca de 10% do território nacional, e trazer este problema para a realidade local, envolvendo o máximo de entidades possíveis no Rio Grande do Norte. Esta foi a tônica do lançamento, na Assembleia Legislativa, na manhã desta sexta-feira (17), da Campanha da Fraternidade 2017, uma proposição conjunta dos deputados Hermano Morais (PMDB) e José Dias (PSDB). No RN, a campanha foi lançada pela Arquidiocese de Natal no dia 1 de março, quando se iniciou a Quaresma.

“É preciso voltar os olhos para este problema, pois nas últimas décadas, 40 mil quilômetros quadrados deste bioma se transformaram em deserto por interferência do homem. Infelizmente, cada vez mais, o processo de desertificação aumenta em virtude do manejo inadequado dessas áreas”, afirmou o deputado Hermano Morais.

O deputado afirmou que irá solicitar apoio da prefeitura de Natal e do Governo do RN através das secretarias de Educação, para que se envolvam na Campanha e possam difundir a proposta ao maior número possível de alunos e da comunidade escolar. “As crianças e os jovens têm um papel importantíssimo enquanto influenciadores, sejam entre si ou nas suas famílias”, afirmou.

O arcebispo metropolitano de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha, agradeceu aos parlamentares a realização da solenidade e afirmou que todos os assuntos que dizem respeito à vida e à sociedade necessitam da consciência e apoio de todos. “É importante nos conscientizarmos dessa problemática e darmos mais atenção e enfrentamento a esses desafios. Também é importante o que foi proposto aqui, de levarmos esta discussão para o meio escolar, pois certamente os estudantes se constituem como uma categoria de esperança, comprometidos em transformar realidades e oferecer um mundo melhor às gerações futuras”, afirmou.



1 – Disciplinar os próprios impulsos.
2 – Trabalhar, cada dia, produzindo o melhor que pudermos.
3 – Atender aos bons conselhos que traçamos para os outros.
4 – Aceitar sem revolta a crítica e a reprovação.
5 – Esquecer as faltas alheias sem desculpar as nossas.

6 – Evitar as conversações inúteis.

7 – Receber o sofrimento o processo de nossa educação.

8 – Calar diante da ofensa, retribuindo o mal com o bem.

9 – Ajudar a todos, sem exigir qualquer pagamento de gratidão.

10 – Repetir as lições edificantes, tantas vezes quantas se fizerem necessárias, perseverando no aperfeiçoamento de nós mesmos sem desanimar e colocando-nos a serviço do Divino Mestre, hoje e sempre.

Autor: André Luiz
Psicografia de Chico Xavier. Do livro: Paz e Renovação

07
mar

Em Natal

Postado às 14:06 Hs

unnamed
Lançamento da Campanha da Fraternidade bate recorde de público no Parque da Cidade. Com o tema “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida”, o Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte foi o palco, neste domingo, do lançamento da Campanha da Fraternidade 2017, promovido pela Arquidiocese de Natal junto às paróquias da capital potiguar e grande Natal que formam o Vicariato Urbano. O evento iniciou-se às 14:30h, conforme o previsto, com acolhida das caravanas, apresentações teatrais, leituras bíblicas que levam à reflexão do tema, a preservação dos biomas e cujo lema é “Cultivar e guardar a Criação” e foi encerrado com a missa celebrada pelo Arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira da Rocha. Na homilia, Dom Jaime alertou para o desleixo das pessoas que jogam lixo na rua, logo depois que o caminhão de coleta passa ou pela janela do carro e, além de correr risco de provocar acidentes, acabam entupindo bueiros e afetando a natureza. “Quando vou nas estradas e vejo alguém no carro, na minha frente, tomar uma lata de refrigerante ou de cerveja e jogar a latinha pela janela do carro, irresponsavelmente, causando até um acidente grave com quem vem atrás, porque pode bater no para-brisa do que vem atrás”, observou o arcebispo.
04
mar

Em Natal

Postado às 12:09 Hs

unnamed
Parque da Cidade receberá fiéis para a abertura da Campanha da Fraternidade neste domingo. A Arquidiocese de Natal fará a abertura oficial da Campanha da Fraternidade (CF) 2017 neste domingo (5) em três locais e cada um representa um dos Vicariatos Territoriais da Arquidiocese. E o Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte foi o escolhido para receber fiéis do Vicariato Episcopal Urbano composto pelas paróquias de Natal, Parnamirim, Macaíba, São Gonçalo do Amarante e Extremoz. O tema deste ano “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida” e o lema: “Cultivar e guardar a criação (Gn 2, 15)” tem tudo a ver com o Parque da Cidade, que é uma Unidade de Conservação e tem como objetivo principal a preservação da natureza. De acordo com o padre Robério Camilo da Silva, coordenador de campanha da arquidiocese, a programação será iniciada às 14h30, com acolhida das caravanas das paróquias, apresentações teatrais e uma reflexão sobre os biomas, feita pela professora da UFRN, Magda Guilhermina. Às 16h será celebrada missa, presidida pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Jaime Vieira Rocha, marcando o encerramento da programação. O evento acontecerá no pátio, ao pé da torre (mirante).
01
mar

Significado da Quarta-feira de Cinzas

Postado às 2:45 Hs

Também conhecida por Dia de Cinzas, a Quarta-feira de Cinzas é o primeiro dia da Quaresma. Esta é uma data muito especial para os cristãos.

A Quaresma representa os 40 dias que Jesus esteve no deserto, suportando todas as aflições e tentações. Neste sentido, a data representa o início de 40 dias de reflexões e arrependimentos, como forma de relembrar o sofrimento que Jesus passou na Terra. Todos os anos, a quaresma tem início na Quarta-feira de Cinzas, sempre um dia após o Carnaval.

Esse período se apresenta como símbolo de transformação e passagem, solenizando, dessa forma, a vulnerabilidade da vida e a suscetibilidade à morte. Os cristãos prezam muito por esta data, e seguem à risca todos os rituais da Quarta-feira de Cinzas.

O sufixo do nome, “cinzas”, tem origem unicamente religiosa. Como neste dia é comemorada a clássica missa das cinzas, o primeiro dia da quaresma recebeu este nome. Na missa das cinzas, são queimados os galhos louvados do Domingo de ramos, do ano passado. O ritual funciona da seguinte maneira: as cinzas são misturadas a água benta – essa mistura, posteriormente, será utilizada para sinalizar uma cruz na testa de cada fiel pelo padre, dizendo a seguinte frase: “Lembra-te que és pó e que ao pós voltarás”. Essa marca, deixada pelo padre no fronte dos cristãos, é mantida até o pôr do sol do mesmo dia. Somente após o cair da noite que se pode lavar esta marca.

O ritual realizado nas missas das cinzas remetem às antigas tradições do Oriente Médio, onde as pessoas costumavam jogar cinzas por cima de suas próprias cabeças, como sinal de arrependimento de seus pecados em face de Deus (fato contado várias vezes na Bíblia). O Catolicismo Romano difunde, ainda nesta data, as penitências de jejum e abstinência.

Portanto, na Quarta-feira de Cinzas, sob orientação da Igreja Católica, os fiéis fazem jejum ou não comem carne. Há vários anos existe esta tradição, que tem como intuito relembrar os cristãos devotos o sacrifício de Jesus. A ideia é de que, como Jesus sacrificou-se por todos na cruz, os crentes deveriam também realizar um sacrifício, como a privação de algo que gostam ou carne.

No entanto, de acordo com a lei federal brasileira, a Quarta-feira de Cinzas não é um feriado público. Ainda assim, várias lojas e instituições não abrem as portas nesse dia, bem como algumas agências bancárias funcionam somente depois das 12 horas.

27
fev

Acontece

Postado às 10:55 Hs

Campanha da Fraternidade terá lançamento dia 2

A Campanha da Fraternidade 2017 em Mossoró será lançada no dia 02 de março (próxima quinta-feira), às 9 horas, no Horto Municipal. O Bispo Diocesano Dom Mariano Manzana fará sua apresentação.

Esse ano o tema da CF é “Fraternidade: Biomas brasileiros e defesa da vida” e o lema “Cultivar e guardar a criação” (Gn 2,15).

A campanha propõe criar uma consciência sobre guardar e preservar os biomas para promover relações fraternas com a vida e a cultura dos povos originários de cada um dos biomas.

abr 30
domingo
13 38
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
21 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5568204 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram