A prefeita Rosalba Ciarlini esteve reunida nesta quarta-feira (15) com representantes da Caixa Econômica Federal para a assinatura de convênio para a realização de melhorias em setores da infraestrutura da cidade. Os recursos são oriundos de emendas parlamentares do deputado Beto Rosado, destinadas ao município. Assinaram o convênio a prefeita Rosalba e o superintendente da Caixa, Gilson Pedro Ramos, superintendente executivo.

O primeiro convênio assinado foi o de recapeamento com asfalto CBUQ e sinalização de diversas vias nos bairros Centro, Aeroporto, Santo Antônio, Nova Betânia, Alto da Conceição e Doze Anos, no valor de R$ 7,8 milhões. O outro convênio diz respeito a pavimentação a paralelepípedo de ruas dos bairros Aeroporto, Barrocas, Belo Horizonte, Lagoa do Mato, Américo Simonetti, Santo Antônio, Alto da Pelonha e Santa Delmira, no valor de R$ 9,8 milhões. O terceiro convênio diz respeito a reforma e modernização do Museu Histórico Lauro da Escóssia, no valor de R$ 305 mil.

O superintendente executivo da Caixa, Gilson Pedro, falou sobre a importância da parceria com a prefeitura de Mossoró. “São três contratos importantes e a caixa é uma parceira importante da prefeitura. Vamos melhorando e estreitando essa parceria, principalmente com a superintendência mais próxima da prefeitura e do povo de Mossoró. Após a assinatura vamos partir para o trâmite a liberação dos recursos”, disse ele.

A presidente da Câmara Municipal Izabel Montenegro participou do momento da assinatura e destacou o apoio federal para a cidade de Mossoró. “Mossoró precisa desse apoio e essas emendas foram muito importantes para a nossa cidade. Com essa superintendência na cidade vamos batalhar para atrair novos investimentos”, falou.

O deputado federal Beto Rosado falou sobre como funcionou a destinação dos recursos e como os bairros e ruas foram escolhidos para serem beneficiados. “Esses recursos estão sendo destinados para melhorar as condições da cidade e estão sendo usados da forma mais democrática. Fizemos uma votação nas redes sociais e já divulgamos as mais votadas. Ainda esse ano ainda serão liberados mais recursos para pavimentação”, explicou o deputado.

A prefeita Rosalba Ciarlini falou do trabalho de melhorias na cidade e a importância da pavimentação e da melhoria nas condições do Museu Lauro da Escóssia. “Nós sabemos da necessidade da pavimentação em várias vias. É um trabalho contínuo de melhoria e estamos buscando cada vez mais em Brasília. Nesses convênios de pavimentação serão 9 mil metros quadrados de paralelepípedo e também as calçadas. Vamos levar também melhorias do nosso Museu, um local tão importante da nossa história”, falou a prefeita.

Participaram da assinatura do convênio a vice-prefeita, Nayara Gadelha, Ciro Leite e Francisco Eriberto, da equipe da Caixa Econômica em Mossoró; os vereadores Francisco Carlos, Rondinelle Carlos, Didi de Arnor, Sandra Rosado, Manoel Bezerra, Tony Cabelos, Alex Moacir, Ricardo de Dodoca e Emílio Ferreira; os secretários municipais e lideranças comunitárias.

A partir desta quarta-feira, 15 de janeiro, os clientes da telefonia móvel nas regiões Centro-Oeste e Nordeste podem consultar no portal https://cadastropre.com.br/#/ a existência de linhas pré-pagas cadastradas em seu Cadastro de Pessoa Física (CPF), em cada uma das prestadoras: Algar, Claro, Oi, Sercomtel, TIM e Vivo.

A solução foi apresentada pelas empresas no Plano de Ação Setorial e aprovada pela Anatel no âmbito do Projeto Cadastro Pré-Pago. A ferramenta está disponível para os consumidores residentes na Região Norte desde 6 de janeiro. As regiões Sul e Sudeste serão incluídas no dia 22 de janeiro.

A medida vai possibilitar que o consumidor verifique se há alguma linha estranha ao seu conhecimento vinculada à prestadora e, sendo o caso, possa solicitar o seu cancelamento. O pedido de cancelamento do consumidor deverá ser atendido em até 24 horas, caso a solicitação seja executada por meio de atendente, e até 48 horas se solicitada automaticamente (no call center ou portal da prestadora, sem a intervenção humana).

Um total de 54 mil trabalhadores potiguares nascidos nos meses de janeiro e fevereiro terão direito ao saque do abono salarial do Programa de Integração Social (PIS), dentro do calendário 2019/2020, a partir desta quinta-feira (16). Os valores variam de R$ 87 a R$ 1.039, de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano de 2018. Serão R$ 38,9 milhões pagos no estado.

Para o calendário de pagamentos 2019/2020 no RN, somadas as 6 etapas liberadas desde o ano passado, a Caixa Econômica já pagou mais de R$ 121 milhões a 151.285 trabalhadores. Para concluir o pagamento, faltarão receber os nascidos em março e abril, a partir de 13 de fevereiro e ​os nascidos em maio e junho, a partir de 19 de março.

De acordo com a Caixa, responsável pelo pagamento, os titulares de conta individual no banco com cadastro atualizado e movimentação na conta receberam o crédito automático antecipado. Os pagamentos são escalonados conforme o mês de nascimento do trabalhador e tiveram início em julho, com os nascidos naquele mês. O prazo final para o saque do abono salarial do calendário de pagamentos 2019/2020 é 30 de junho de 2020.

O secretário estadual de Planejamento e Finanças, Aldemir Freire, disse nesta quarta-feira(15), durante reunião com o Fórum de Servidores para discutir o pagamento de salários, que o Governo do Estado espera pagar até o dia 15 de fevereiro a folha de novembro de 2018 para os servidores que ainda não receberam os seus vencimentos daquele mês.

A previsão, de acordo com o secretário, depende de um empréstimo que o Governo do Estado negocia com o banco Daycoval. Ele, inclusive, disse que os últimos detalhes do acerto ainda estão sendo discutidos com a instituição financeira. Na sequência, informou que o governo vai pedir autorização da Secretaria de Tesouro Nacional para fechar o empréstimo.

A previsão é que o banco Daycoval empreste R$ 180 milhões ao governo do RN, tendo como garantia de pagamento os royalties de petróleo e gás a serem recebidos pelo Estado entre janeiro de 2020 e setembro de 2022.

15
jan

Informes

Postado às 12:58 Hs

No dia 19 de dezembro de 2019, o Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região e as Varas do Trabalho do Rio Grande do Norte alcançaram a marca de 100% digital. Agora, todos os processos que tramitam no âmbito da Justiça do Trabalho da 21ª Região estão no sistema PJe, gerando economia de papel, de insumos, de tempo de tramitação, além de maior segurança e sustentabilidade. A marca é resultado do empenho dos servidores e magistrados que participaram de mutirões para migrar os últimos processos físicos em tramitação nas unidades judiciárias para o digital e, assim, cumpriram determinação da Corregedoria Geral da Justiça do Trabalho (TST).
15
jan

Articulação política

Postado às 10:54 Hs

O mês de março será decisivo para a articulação política do pleito deste ano.

O mês é de janela partidária, onde os pré-candidatos que tem mandato poderão mudar de partido para a eleição.

Além disso, a filiação dos pré-candidatos nos partidos termina 6 meses antes da eleição, ou seja, em 4 de abril, fazendo com que as articulações sejam intensificadas para o pleito deste ano.

Os partidos tentarão se fortalecer e o jogo político será um desafio, tendo em vista as mudanças na eleição para vereador, com a legenda sendo modificada para eleição dos futuros membros do Legislativo, com os partidos sendo fortalecidos no pleito. Os alpendres de Tibau já fazem tanta diferença assim…

Muitas mudanças virão por aí em Mossoró. vamos aguardar as novidades que o pleito deste ano promete.

Um dos pontos que o governo avalia para a venda dos Correios é o que fazer com um contingente de cerca de 40 mil pessoas que possivelmente vão perder o emprego com a privatização da estatal.

Em conversas reservadas, executivos de empresas privadas relataram que fariam o mesmo serviço com praticamente a metade do quadro atual de 100 mil funcionários. O governo não pretende absorver os demitidos –teme criar precedente para os expurgos de estatais vendidas no futuro.

Outro complicador é o passivo de cerca de R$ 11 bilhões deixado pelos governos passados no fundo de pensão Postalis e de R$ 3 bilhões no plano de saúde dos funcionários. O governo avalia como tapar o rombo e honrar o pagamento dos que ainda vão se aposentar. Uma das opções é descontar do valor a receber, mas isso será definido no desenho da venda. Dada a complexidade e o impacto do tema, a data prevista para a apresentação do formato de privatização ficou para o fim de 2021.

A quebra do monopólio dos Correios, como sugere Rodrigo Maia (DEM-RJ), tem apoio no Executivo, mas a execução não é simples. A avaliação é que alcançaria apenas o setor de cartas –nas entregas, o mercado é aberto– e há dúvidas sobre se as empresas se interessarão em atuar fora dos grandes centros urbanos.

15
jan

Pechincha

Postado às 9:48 Hs

Oito em cada dez brasileiros têm o hábito de pechinchar antes de realizar a compra de um bem de alto valor. Os dados estão em uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e divulgada nesta terça-feira (14). Segundo o levantamento, 81% dos entrevistados têm o hábito de barganhar antes de realizar a compra. Em 2013, quando uma pesquisa similar foi realizada, eram 78%.

“A perda de poder de compra durante a crise recente pode ter influenciado os brasileiros a esperar para adquirir bens de maior valor a preços menores durante promoções e saldões, dado que se verifica que esse comportamento é mais comum entre brasileiros com rendas familiares menores”, avalia a CNI.

O governo aumentou a projeção para o crescimento da economia para 2019 e 2020. A estimativa do Produto Interno Bruto (PIB, soma de todos os bens e serviços produzidos no país) de 2019 foi revisada de 0,90% para 1,12%. Para 2020, a previsão é que o PIB tenha expansão de 2,40%, ante a previsão de 2,32%. As estimativas estão no Boletim Macrofiscal, da Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia, divulgado hoje (14).

De acordo com a pasta, os indicadores de atividade têm apresentado resultados acima da expectativa de mercado, especialmente nos setores de serviços, comércio e construção civil, o que explica as revisões para cima das projeções para o crescimento econômico. A liberação de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) também foi fundamental para estimular a economia.

15
jan

@@@ O dia de hoje na História… @@@

Postado às 7:01 Hs

15 de janeiro:
Dia Mundial do Compositor.
Dia da Imprensa Filatélica
Dia de Santo Amaro e São José Copertino.
Dia dos Adultos.
A Wikipédia comemora 14 anos
Nesta data em:

69 – Galba é morto pela Guarda pretoriana; no mesmo dia, o Senado reconhece Otão como novo imperador romano.
1759 – O Museu Britânico, em Londres, é aberto ao público na Montagu House, Bloomsbury.
1975 – É assinado o Acordo de Alvor, em que Portugal reconhece a independência de Angola.

Nasceram neste dia…

1809 – Pierre-Joseph Proudhon, anarquista francês (m. 1865).
1929 – Martin Luther King Jr. (na imagem), ativista político norte-americano (m. 1968).
1975 – Mary Pierce, tenista franco-norte-americano-canadiana.

Morreram neste dia…

936 – Rei Raul I de França (n. c. 890).
1919 – Rosa Luxemburgo, filósofa marxista e revolucionária polaca (n. 1871).
2007 – Barzan Ibrahim al-Tikriti, político iraquiano (n. 1951).

2009 – Geraldo Blota, jornalista e radialista brasileiro (n.1925).

2009 – Cláudio Milar, futebolista uruguaio (n. 1974).

2013 – Clayton Silva, ator e humorista brasileiro

2015 — Chikao Ōtsuka, dublador japonês (n. 1929).

2018 — Dolores O’Riordan, cantora irlandesa (n. 1971).

14
jan

Carnaval de Caicó 2020

Postado às 21:17 Hs

Na próxima segunda-feira (20), a secretaria municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo realiza uma reunião com os órgãos de segurança pública, associações carnavalescas e imprensa, onde ocorrerá o lançamento oficial da programação do Carnaval de Caicó 2020.

A reunião será na Casa da Cidadania (antiga prefeitura de Caicó), a partir das 9 horas da manhã. “A gente está com a programação definida, faltando apenas alguns ajustes e teremos novidades, pois o carnaval vai começar a partir das 11h30 da manhã”, disse o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Redson Roberto.

O Ministério da Economia anunciou, hoje, que o governo pretende vender cerca de 300 ativos públicos em 2020. A meta inclui empresas controladas pelo governo, como a Eletrobras, além de subsidiárias, coligadas e participações societárias. Com as transações, o governo espera obter R$ 150 bilhões.

O anúncio foi feito pelo secretário-especial de Desestatização e Desinvestimento, Salim Mattar. Segundo ele, o Banco do Brasil, a Caixa Econômica Federal e a Petrobras não serão privatizadas. Os Correios estão na lista de privatizações, mas a venda é prevista para o fim de 2021.

“Em 2020, vamos ter uma meta ousada para atingir em termos de valor e de empresas”, disse. Para isso, o governo deve enviar um projeto ao Congresso Nacional em fevereiro propondo um “fast track” (caminho rápido) para a venda dos ativos públicos.

“É uma forma de acelerar esse processo de venda. A meta [para 2020] depende de o ‘fast track’ passar. O ‘fast track’ é fundamental para atingirmos essa meta. Seria como se fosse um atalhozinho, é um projeto de lei. Já está pronto. Esperando o Congresso abrir, e a melhor forma de conseguir apoio”, diz Salim.

Segundo o secretário de Desestatização, o projeto colocaria as empresas a serem privatizadas diretamente no Programa Nacional de Desestatização (PND). O texto reduziria, também, o tempo de atuação de escritórios de advocacia e de bancos no processo de modelagem dessas vendas.

O secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues, afirmou hoje (14) que o salário mínimo pode ser reajustado em mais R$ 6 e passar para R$ 1.045, considerando a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que fechou 2019 com alta de 4,48%, de acordo com os dados divulgados na semana passada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Nesse caso, o impacto do reajuste no Orçamento da União para 2020 será de R$ 2,13 bilhões.

Ao enviar a medida provisória (MP) do Congresso Nacional, no fim do ano passado, reajustando o mínimo de R$ 998 para R$ 1.039, o governo considerou o INPC de janeiro a novembro e o INPC estimado para dezembro. “A melhor estimativa de mercado que tínhamos no momento foi realizada e foi de aumento nominal de R$ 8″, disse Waldery, em entrevista coletiva no Ministério da Fazenda para a divulgação do Boletim Macrofiscal.

A Petrobras confirmou a redução de 3% no preço do diesel e da gasolina para as refinarias. A medida entra em vigor nesta terça-feira (14). O último reajuste anunciado pela companhia para a gasolina foi em 1º de dezembro do ano passado e, para o diesel, no dia 21 daquele mês. A medida não surpreendeu o mercado, disse nesta segunda-feira (13) à Agência Brasil o presidente da Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes (Fecombustíveis), Paulo Miranda Soares.
14
jan

Ação Parlamentar

Postado às 11:41 Hs

Participa Mossoró: Beto Rosado divulga ruas que serão pavimentadas e bairros que ganharão academias da saúde

Foi através de uma live no instagram que o deputado federal Beto Rosado (PP) divulgou o resultado do #ParticipaMossoró na noite desta segunda-feira, 13. A ação de iniciativa do parlamentar, começou em 3 de dezembro e permitiu que os mossoroenses escolhessem ruas a serem calçadas e os três bairros/comunidades que receberão o programa Academia da Saúde.

Mais de 21 mil pessoas participaram do projeto, sendo 15.003 votos na etapa da votação de pavimentação de ruas e 6.176 comentários nos vídeos dos bairros que concorreram às 3 academias da saúde.

O deputado divulgou as dez ruas mais votadas e explica que, a Prefeitura de Mossoró deverá fazer o orçamento até alcançado o valor de R$ 11 milhões, de acordo com o tamanho das ruas, após isto, será verificada a possibilidade de mais ruas a serem beneficiadas.

As dez ruas mais votadas e que serão calçadas são:

Rua Antônio Lopes do Santos, Presidente Costa e Silva/2.606
Rua Manoel Batista Neto, Alto do Sumaré/2.175
Rua Elenoir Lopes de Aquino, Itapetinga/ 1.467
Rua Raimundo Falcão Bezerra, Alto do Sumaré/ 932
Rua  Abel Fernandes do Nascimento/ 820
Rua Maria Cristina de Medeiros, Rincão/ 787
Rua Henrique Mendes, Alto do Sumaré/736
Rua Laura Estrela, Monsenhor Américo/423
Rua Evilásio Falcão Freire, Monsenhor Américo/ 404
Rua Manoel Balbino da Costa, Alto do Sumaré/248

Mais Saúde

Já na etapa das academias da saúde os ganhadores foram: Assentamento Maísa (2.078), Nova Mossoró (1.256) e Assentamento Favela(1.006).

Serão destinados R$ 516 mil para a construção das academias. A unidade de R$240.000,00 (Modelo Ampliado) irá para o 1º colocado e as duas unidades de R$138.000,00 (Modelo Intermediario) para os 2º e 3º colocados.

Alegre, Beto agradece a participação dos mossoroenses. “Nosso objetivo é que a população seja protagonista  na tomada de decisões importantes, além de ouvir, envolver e mobilizar o povo num grande exercício da democracia”, ressalta.

Para mais detalhes é só acessar o site www.betorosado.com.br e as redes sociais: Instagram:@beto.rosado/ Facebook: Beto Rosado.

O governo federal oficializou nesta terça-feira (14) o reajuste de 4,48% para aposentados e beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que recebem acima de 1 salário mínimo, de acordo com portaria do Ministério da Economia publicada no “Diário Oficial da União”. Com a oficialização do reajuste, o teto dos benefícios do INSS passa de R$ 5.839,45 para R$ 6.101,06 a partir de janeiro de 2020.

O governo quer recrutar militares da reserva para integrar a força-tarefa que atuará na redução da fila de espera por benefício do INSS, segundo apurou o Estadão/Broadcast.

A proposta é que eles assumam funções de atendimento nas agências do órgão, liberando servidores hoje nessas áreas para trabalhar na análise dos pedidos dos segurados.

Atualmente 1,3 milhão de pedidos por benefício estão sem análise há mais de 45 dias, prazo legal para uma resposta do órgão. A fila de espera vem caindo desde agosto do ano passado, mas a um ritmo ainda lento, o que deflagrou a elaboração de uma nova estratégia no governo para atacar o problema.

A possibilidade de recrutar militares inativos é prevista na lei que reestruturou o regime dos militares, recém-aprovada pelo Congresso Nacional. O texto diz que o militar da reserva contratado para o desempenho de atividades de natureza civil, em caráter voluntário e temporário, receberá um adicional de 30% da remuneração. O pagamento será feito pelo órgão contratante – neste caso, o INSS

A criação de um Imposto sobre Transações Financeiras (ITF) voltará a ser debatida entre governo e Congresso em fevereiro. Com o fim do recesso legislativo, a equipe econômica vai ser requisitada a dizer o que quer na reforma tributária em discussão. E o que deseja o ministro da Economia, Paulo Guedes, é justamente ter uma fonte de arrecadação para desonerar a folha de pagamento das empresas. O novo imposto encontra resistências no parlamento, mas, desta vez, terá ao seu lado congressistas acenando a favor de discutir a inclusão do tributo na redação única a ser criada pela unificação da Proposta de Emenda à Constituição (PECs) nº 45/2019, em tramitação na Câmara, com a nº 110/2019, que está no Senado.
jan 17
sexta-feira
11 36
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
8 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5812335 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram