17
jul

Informes

Postado às 19:32 Hs

TRT-RN: Acordo garante pagamento de R$ 3,1 milhões a empregados da Caixa

 

Acordo firmado nesta segunda-feira (17), durante audiência no Centro Judiciário de Solução de Conflitos de Natal (Cejusc-Natal), resultou no pagamento de R$ 3.131.544,36 a 54 trabalhadores da Caixa Econômica Federal. A conciliação foi conduzida pelo juiz do Trabalho Michael Knabben e contou com a participação de representantes da Caixa Econômica Federal, advogado Carlos Roberto de Araújo e do Sindicato dos Bancários de Mossoró e região, advogado Wagner Soares Ribeiro de Amorim.

A presidente do TRT-RN, desembargadora Auxiliadora Rodrigues também acompanhou a conciliação, que vem sendo construída nos últimos meses pelos representantes dos trabalhadores e da Caixa, com a mediação do juiz Michael Knabben.

07
jul

Dinheiro circulando

Postado às 12:44 Hs

Fase final: Começa sábado pagamento das contas inativas do FGTS

Cerca de 2 mil agências da Caixa em todo o país abrirão neste sábado (8), das 9h às 15h, para atendimento exclusivo de trabalhadores com contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Na segunda-feira (10), as agências abrirão com duas horas de antecedência. Nas regiões em que o banco abre às 9h, o atendimento começa às 8h e fecha uma hora mais tarde”. Os funcionários vão solucionar dúvidas, acertar cadastros, emitir senha do Cartão Cidadão e fazer pagamentos.

03
jul

Antecipando

Postado às 13:41 Hs

Caixa antecipa saque de conta inativa do FGTS para nascidos em dezembro. A Caixa antecipou o pagamentos das contas inativas dos FGTS para sábado (8) para as pessoas que nasceram em dezembro. A previsão inicial era de que o dinheiro ficaria disponível a partir de sexta (14). O prazo para o saque do dinheiro vai até 31 de julho para todas as pessoas.
29
jun

Dinheiro circulando

Postado às 23:05 Hs

Caixa começa a liberar crédito do Plano Safra na próxima semana. A Caixa Econômica Federal informou hoje (29) que disponibilizará mais de R$ 10 bilhões para o ano safra 2017/2018, que começa em 1º de julho. O crédito estará disponível em linhas com recursos obrigatórios, livres e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A maior parte dos recursos será para custeio da produção agrícola. Os agricultores interessados poderão apresentar suas propostas nas agências da Caixa a partir da próxima quarta-feira (5), quando o banco já estará apto a contratar as operações com as condições do Plano Safra 2017/2018 para produtores rurais e cooperativas. No início deste mês, o governo federal anunciou R$ 190,25 bilhões em recursos para o plano.

A Caixa espera 7,5 milhões de trabalhadores neste sábado, 10, para sacar os recursos das contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Ao todo, a Caixa espera pagar R$ 10,9 bilhões nesta etapa.

O banco antecipou o calendário da 4ª fase devido a proximidade da data prevista inicialmente (16 de junho) ao feriado de Corpus Christi. Este mês, trabalhadores nascido em setembro, outubro e novembro já estão aptos a sacar os recursos das contas inativas. Para facilitar o atendimento nas agências, o trabalhador deve ter em mãos o documento de identificação e a Carteira de Trabalho e/ou o Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho. Para valores acima de R$ 10 mil, é obrigatória a apresentação da Carteira de Trabalho.

Superintendente da Caixa Econômica Federal, Clayton Rosa, conta que nos primeiros dias do calendário o banco paga quase 80% do previsto para a fase, por isso as agências ficam cheias e o atendimento tende a ser mais demorado. “Quem puder esperar um pouco, não ir na primeira semana, é melhor”, diz.

Além das agências, para valores inferiores a R$ 3 mil, também a partir deste sábado, os trabalhadores da quarta fase têm outras opções de saque: até R$ 1,5 mil no autoatendimento com a senha do Cidadão; até R$ 3 mil no autoatendimento com o Cartão do Cidadão e senha; até R$ 3 mil nas lotéricas e correspondentes com a identificação, o Cartão do Cidadão e senha.

Agência de Notícias

06
jun

Circulando

Postado às 19:53 Hs

Pagamento do FGTS para nascidos em setembro, outubro e novembro é antecipado.

O pagamento das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para trabalhadores nascidos em setembro, outubro e novembro foi antecipado para o próximo sábado (10). Prevista inicialmente para começar em 16 de junho, a quarta fase foi antecipada em função do feriado da próxima semana. Mais de 7,5 milhões de brasileiros têm direito ao saque a partir deste mês e o valor disponível passa de R$ 10,9 bilhões, informou a Caixa Econômica Federal. Mais de 2,4 milhões de trabalhadores receberão seus recursos automaticamente via crédito em conta poupança da CEF.

Com o objetivo de atender aos trabalhadores que querem fazer o saque das contas inativas, 2.015 agências da Caixa vão abrir neste sábado entre 9h e 15h. Já nos dias 12, 13 e 14 de junho, as agências do banco abrem as portas duas horas mais cedo.

15
mai

Saques

Postado às 12:07 Hs

Mais de 10,6 milhões de trabalhadores já sacaram FGTS. Nos quatro últimos meses, foram liberados pela Caixa Econômica Federal um total de R$ 16.855.693.880,43 de contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A quantia corresponde a 92,63% do previsto para as duas primeiras fases do programa. Na sexta-feira (12), o terceiro lote de resgates foi liberado aos trabalhadores. Ao todo, 10.674.261 trabalhadores sacaram os recursos do Fundo, de acordo com o último balanço de pagamentos realizado pela Caixa.
21
abr

Circulando

Postado às 15:39 Hs

FGTS: saques de contas inativas somam mais R$ 15 bilhões.

A Medida Provisória que permitiu o saque de contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) já beneficiou mais de 9,5 milhões de brasileiros. A Caixa Econômica Federal pagou, até a tarde de quarta-feira (19), R$ 15,1 bilhões aos trabalhadores nascidos entre janeiro e maio.

O valor equivale a 83,2% do total inicialmente previsto (R$ 18,1 bilhões) para o período. Já o número dos beneficiados representa 76% das 12,5 milhões de pessoas nascidas no período. A previsão é que 30,2 milhões de pessoas recebam o recurso e possam sacar um total de R$ 43,6 bilhões.

10
abr

Mais cedo

Postado às 10:55 Hs

Caixa abre mais cedo até quarta-feira para saque de contas inativas do FGTS.

De hoje (10) a quarta-feira (12), todas as agências da Caixa abrirão duas horas mais cedo para o atendimento de trabalhadores que precisam sacar ou tirar dúvidas sobre as contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

As unidades que normalmente começam a funcionar para o público às 11h vão operar a partir das 9h. As que abrem às 10h, atenderão a partir das 8h. As que normalmente começam as atividades às 9h, vão funcionar a partir das 8h, com fechamento uma hora mais tarde.

A orientação do banco é de que o trabalhador, ao procurar a agência, leve a Carteira de Trabalho e o termo de rescisão do contrato. Os que vão sacar no autoatendimento devem prestar atenção à mensagem que aparece no terminal, para o caso de ter mais de uma conta inativa.

Em todo o país, de acordo com a Caixa, são 3.412 agências com horário especial nestes primeiros dias da segunda etapa de pagamento. Não terão horários especiais os 837 postos de atendimento que ficam no interior de repartições públicas e as oito unidades móveis (caminhões), por não serem caracterizados como agência.

Nesta segunda e terça-feira (13 e 14), todas as agências Caixa Econômica federal abrirão duas horas antes, ou seja, às 9h, para fazer o atendimento sobre contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Ao todo, 4,8 milhões de trabalhadores nascidos em janeiro e fevereiro têm direto a sacar o saldo.

Segundo a Caixa, no primeiro dia de saques das contas inativas do FGTS, na sexta-feira (10), 1,4 milhão de trabalhadores sacaram R$ 1,8 bilhão, seja em agências, caixas eletrônicos ou lotéricas. Outros R$ 2 bilhões foram depositados automaticamente nas contas de quem é cliente do banco.

Neste sábado (11), a Caixa abriu 1.841 agências em todo o Brasil, das 9h às 15h, para atender somente questões relacionadas às contas inativas do FGTS.

Pode sacar a quantia parada em contas inativas quem teve contratos de trabalho encerrados até 31 de dezembro de 2015. Desde sexta-feira, têm acesso aos recursos somente aqueles que nasceram em janeiro e fevereiro.

De acordo com o calendário divulgado pelo governo, será liberado o dinheiro dos nascidos em março, abril e maio a partir de 10 de abril. Em 12 de maio, é a vez de quem nasceu em junho, julho e agosto. Os aniversariantes de setembro, outubro e novembro poderão sacar os valores a que têm direito a partir de 16 de junho. Por fim, a partir de julho será liberado o dinheiro dos nascidos em dezembro.

No total, há 49,6 milhões de contas inativas aptas a ter os valores liberados. A expectativa do governo é que, ao resgatar o dinheiro parado, os trabalhadores injetem mais de R$ 30 bilhões na economia.

Começa amanhã (10) o pagamento das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para trabalhadores nascidos nos meses de janeiro e fevereiro. Serão beneficiadas inicialmente 4,8 milhões de pessoas, que poderão sacar quase R$ 7 bilhões, o equivalente a 15,9% do total disponível. Segundo a Caixa Econômica Federal, 1,65 milhão de trabalhadores receberão automaticamente o crédito em suas contas na Caixa.

Além disso, mais de 1,2 milhão de pessoas poderão sacar utilizando o Cartão Cidadão no autoatendimento, em lotéricas e correspondentes Caixa Aqui. Os demais trabalhadores deverão retirar seus recursos nas agências da Caixa, que vão abrir sábado (11), segunda (13) e terça-feira (14) com duas horas de antecedência para auxiliar no fluxo de atendimento.

O banco abrirá 1.841 agências no primeiro sábado após o início do cronograma mensal de pagamento, exceto em abril. No sábado, o horário de atendimento será das 9h às 15h.A consulta às agências que funcionarão pode ser feita na página da Caixa . Pode fazer o saque quem teve contratos de trabalho encerrados até 31 de dezembro de 2015.

O pagamento das 49,6 milhões de contas inativas seguirá um calendário específico, que leva em conta o mês de aniversário do trabalhador.

24
fev

Saiba também…

Postado às 17:37 Hs

Caixa deve incorporar gratificação de gerente a funcionário que não participou de fraude

A Primeira Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN) manteve a decisão da Vara do Trabalho de Caicó que condenou a Caixa Econômica Federal a incorporar gratificação ao salário de ex-gerente-geral. Ele foi destituído do cargo por ser acusado de omissão em caso de fraude em agência. Por ter ocupado por mais de 10 anos a função gratificada, o gerente teria direito à sua incorporação ao salário (Súmula 371 do TST).

A Caixa alegou no processo que a destituição correu em virtude de comportamento omissivo dele diante de fraude que ocorreu na sua agência, o que lhe tiraria o direito à incorporação.

Contudo, o autor da ação declarou que a justa causa não se aplica ao seu caso, haja vista que não foi o autor da fraude e que quando chegou para trabalhar na agência já “encontrou uma situação pré-estabelecida”. De acordo com ele, na época, o responsável pelas irregularidades já fazia atendimentos, tendo ele recebido boas referências da equipe sobre o seu desempenho profissional.

De acordo com o desembargador José Barbosa Filho, relator do processo na Primeira Turma do TRT, as fraudes “em nada beneficiaram” o gerente, que delas não teria participado, pois já teria encontrado a situação pré-estabelecida. O desembargador reproduziu parte da conclusão de primeiro grau, da juíza Rachel Vilar: “Em análise ao Processo Disciplinar e Civil juntado ao processo pelo autor (PDC nº. 1101.2015), verifica-se que não houve o cometimento de fraude por parte deste. Percebe-se que apenas figurou no processo por ser o gerente da agência na época”.

Para o desembargador, o princípio da estabilidade financeira impõe a manutenção do pagamento da gratificação, “porque o empregado não deu causa ao afastamento do cargo e recebeu tal rubrica por período igual ou superior a 10 anos”. Processo: 0000280-51.2016.5.21.0017

23
fev

Assembléia

Postado às 20:25 Hs

SINDUSCON realiza assembleia e reunião com a Caixa Econômica

O Sindicato da Indústria da Construção Civil de Mossoró (SINDUSCON) realizou na tarde desta quinta-feira (23) em um restaurante da cidade, a primeira assembleia do ano de 2017. No encontro foi apresentado o programa “Moradia Cidadã” pelo presidente da Companhia Estadual de Habitação e Desenvolvimento Urbano (CEHAB), João Ronaldo. O “Moradia Cidadã” é uma iniciativa do Governo do RN e o SINDUSCON Mossoró está aderindo ao programa, que brevemente será lançado na cidade.

Emprego e Renda

Na Tarde de ontem o SINDUSCON se reuniu com a superintendência da Caixa Econômica Federal na agência do centro. O objetivo da reunião foi o esclarecimento sobre as novas regras do programa Minha Casa Minha Vida. O presidente da entidade, engenheiro Sergio Freire, também cobrou da Caixa mais agilidade nos processos dos empreendimentos dos associados e que isso é fundamental para impulsionar a construção civil, um dos setores mais importantes da economia do município, “Mais agilidade nos processos significa aquecimento do setor e consequentemente mais emprego e renda,” afirmou.

 

10
fev

Automaticamente

Postado às 17:38 Hs

Clientes da Caixa poderão receber em conta, automaticamente, FGTS de conta inativa

Técnicos da equipe econômica estão propondo ao governo que os clientes da Caixa Econômica Federal possam receber, automaticamente, em conta-corrente ou na caderneta de poupança, os valores referentes às contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Os estudos mostram que os depósitos automáticos tirarão das filas pelo menos 10 milhões de pessoas que têm direito ao benefício. No total, 30 milhões de trabalhadores têm direito a sacar os recursos.

A Caixa contabiliza um potencial de R$ 43 bilhões para os saques, mas R$ 34 bilhões devem, efetivamente, ser retirados das contas inativas. Inicialmente, o governo tinha previsto um total de saques de R$ 30 bilhões. A Caixa fará uma campanha publicitária para informar os beneficiários, inclusive sobre os depósitos automáticos. Atualmente, cerca de 85% das contas tem em torno de um salário minimo (R$ 937).

 

 

eduardo-cunha-henrique-alves-
Ação penal já é a terceira contra o ex-presidente da Câmara, preso há uma semana em Curitiba, e a primeira da Lava Jato contra o ex-ministro do Turismo Henrique Alves O juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal, em Brasília, aceitou nesta quarta-feira, 26, denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), o operador do mercado financeiro Lúcio Funaro e mais duas pessoas por esquema de desvio de recursos na Caixa. Os envolvidos agora passam à condição de réus e responderão a ação penal por crimes de corrupção, lavagem de dinheiro, prevaricação e violação de sigilo funcional. Cunha e os demais réus são acusados de cobrar propina de empresas para liberar investimentos do FGTS pleiteados por elas. A denúncia foi originalmente oferecida pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao Supremo Tribunal Federal (STF). Com a cassação, o ex-presidente da Câmara perdeu o foro privilegiado e o caso foi enviado à Justiça de primeiro grau. Também são réus Alexandre Margotto

Os clientes e correntistas da Caixa prejudicados pela greve de 31 dias dos bancários ganharão tempo extra para acertar as contas com o banco. As agências da instituição financeira nas cidades onde foi encerrada a greve abrirão uma hora mais cedo na segunda (10) e na terça-feira (11) para agilizar o atendimento.

Nas cidades onde os bancos abrem às 10h, os clientes serão atendidos a partir das 9h e, onde o atendimento começa às 11h, a abertura será às 10h.

Na manhã dessa sexta (7), bancários de todo o país retornaram ao trabalho, depois de mais de um mês parados. Em assembleia realizada nessa quinta (6), os trabalhadores da instituições privadas e do Banco do Brasil aceitaram a proposta apresentada pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e encerraram a greve, que durou 31 dias.

04
jul

Mais ações…

Postado às 13:24 Hs

56-1
Jardim das Palmeiras erradica Favela do Tranquilim. Um sonho de toda a comunidade mossoroense realizado. A Prefeitura de Mossoró e a Caixa Econômica Federal (CEF) entregaram nesta sexta-feira, 1º, o Residencial Jardim das Palmeiras. O conjunto passa a abrigar 410 famílias e erradica a Favela do Tranquilim. Os moradores, que aguardavam há anos pelas casas, estavam emocionados com o momento. “Um prazer e uma alegria receber a nossa casa, que era o sonho da vida da gente. Obrigada a todos por essa felicidade”, disse a nova moradora Izabel Miranda. Já Rosângela Silva se emocionou durante a solenidade de entrega e também agradeceu. “Obrigada. Nem consigo falar de tanta alegria. Conseguimos nossa tão sonhada casa”, disse ela. A cerimônia foi acompanhada pelo Pe. Sátiro Cavalcante, que agradeceu aos governos municipal e federal pela obra. “Eu sabia que os governos iam realizar este sonho da cidade. Estive mais de dez vezes aqui no conjunto acompanhando as obras, desde o alicerce, e sempre perguntava ao prefeito sobre o andamento do serviço. Estamos felizes com essa entrega”, confessou o padre.

O Procon do Rio de Janeiro autuou a Caixa Econômica Federal por publicidade enganosa da Mega da Virada. O banco informou durante o mês de dezembro, em peças publicitárias, que o prêmio seria de mais de R$ 280 milhões. No entanto, o valor apurado para o prêmio ficou mais de R$ 30 milhões abaixo do esperado, aproximadamente R$ 246 milhões, uma diferença de 12%.

O órgão afirmou, em nota, que tem como missão “proteger o consumidor da publicidade enganosa” e criticou a estratégia do banco de colocar apenas em “letras pequenas e de difícil leitura” a informação de que o valor de R$ 280 milhões era estimado. De acordo com o Procon, isso leva o consumidor a incidir “em erro quanto ao valor real a ser recebido”. Segundo o Procon, por ser uma estimativa, era esperada uma margem de dois ou três por cento, mas não é “razoável” um erro de mais de 10%.

A Caixa tem 15 dias úteis, contados a partir do recebimento da notificação, para apresentar sua defesa. Caso o prazo não seja cumprido ou os argumentos não sejam aceitos pelo setor jurídico do Procon, o banco será multado. Em nota, o banco informou que vai avaliar a notificação para depois se manifestar. Segundo a Caixa, as projeções do valor a ser sorteado levam em conta uma série de variáveis, que podem se confirmar ou não. Entre elas, acumulações em concursos anteriores e volume de arrecadação. As previsões são feitas mais de três meses antes da realização do concurso no caso da Mega Sena. (Veja/Com Estadão Conteúdo)

jul 21
sexta-feira
09 34
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
23 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5612302 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram