Os clientes do maior banco público do País, a Caixa Econômica Federal, têm enfrentado instabilidade no acesso, na tarde de hoje. Seja para consultar o saldo, fazer transferências ou pagamentos, usuários reclamam da demora para conseguir o acesso às suas contas e, quando conseguem, não passam disso.

O site ou aplicativo trava e o tempo da sessão expira. Provavelmente, o ‘bug’ está acontecendo devido ao imenso número de acessos para consulta do auxílio emergencial oferecido pelo Governo Federal.

A Caixa Econômica Federal vai funcionar neste sábado (13) para atendimento aos beneficiários do Auxílio Emergencial, criado para reduzir os efeitos da pandemia. Ao todo, 680 agências estarão abertas das 8h às 12h em vários pontos do país. A segunda parcela do benefício, que já havia sido antecipada para uso digital por meio do aplicativo Caixa Tem, vem sendo disponibilizada para saque em espécie e transferências, de acordo com calendário, para aqueles que receberam a primeira parcela até 30 de abril. Os beneficiários nascidos entre os meses de janeiro a novembro poderão realizar saques ou transferências bancárias.
29
Maio

Fique Sabendo…

Postado às 17:13 Hs

# Pandemia & Problemas 

Ansiosos, deprimidos, com uma renda menor e mais sedentários. Esse é o cenário da saúde dos brasileiros durante a pandemia, mostrado por uma pesquisa feita pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Os resultados foram coletados com um questionário pela internet entre 24 de abril e 8 de maio e participaram 44.062 pessoas.
Os pesquisadores levaram em consideração as respostas dos mais de 44 mil brasileiros por meio de questionário online. A amostra foi calibrada, ou seja, mais refinada, por meio dos dados da Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílios (PNAD, 2019) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O método é feito para obter a mesma distribuição por estado, sexo, faixa etária, raça/cor e grau de escolaridade da população brasileira.

# PIS/PASEP

Termina nesta sexta-feira (29) o pagamento do abono salarial PIS-Pasep do calendário 2019-2020, ano-base 2018, para os trabalhadores da iniciativa privada e do serviço público. O PIS é pago na Caixa Econômica Federal, e o Pasep, por meio do Banco do Brasil. O governo decidiu em abril, por meio de resolução, antecipar em um mês o prazo limite para os saques do abono salarial do calendário 2019-2020. O calendário original teve início em julho do ano passado e previa prazo final até 30 de junho.

Segundo o governo, a antecipação ocorreu para auxiliar na proteção às pessoas de baixa renda durante o estado de calamidade pública causado pela pandemia de Covid-19. Na mesma resolução foi publicado também o calendário de pagamento do abono salarial 2020-2021.

# Abertas

A Caixa vai abrir 2.213 agências neste sábado (30), das 8h às 12h, para atendimento aos beneficiários do auxílio emergencial que receberam a primeira parcela até 30 de abril, nascidos em janeiro e que queiram fazer o saque em espécie do benefício. A partir desta data, também será possível a transferência do benefício para contas da Caixa ou de outros bancos. Em época de pandemia, o auxílio emergencial está sendo pago a trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados.

A Caixa Econômica disponibilizou R$ 246 milhões do Auxílio Emergencial para 405.163 mil pessoas neste sábado (16). O banco recebeu da Dataprev o novo lote de beneficiários na quinta-feira (14). No total, serão realizados 311.637 créditos em contas da CAIXA e 93.526 em contas de outros bancos.

Desde o dia 9 de abril, quando teve início o pagamento do auxílio, a quantidade de pessoas que tiveram o benefício creditado pela CAIXA já ultrapassa os 50 milhões, num total de R$ 35,7 bilhões, já considerando os créditos deste sábado.

Até o início da tarde de quinta-feira (14), um total de 52,6 milhões de cidadãos se cadastraram para solicitar o benefício. O site auxilio.caixa.gov.br superou a marca de 862,5 milhões de visitas e a central exclusiva 111 registra mais de 159 milhões de ligações. O aplicativo CAIXA | Auxílio Emergencial conta com 82,2 milhões de downloads e o aplicativo CAIXA Tem, para movimentação da poupança digital, ultrapassa 88 milhões de downloads.

De acordo com dados divulgados pela Dataprev em 5 de maio, somando o público dos que se inscreveram pelo app/site com os do Bolsa Família e do CadÚnico, 97 milhões de cadastros passaram por análise de elegibilidade e foram homologados pelo Ministério da Cidadania.

Ao lado do presidente Jair Bolsonaro, o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou na manhã desta terça-feira que vai anunciar “muito em breve” reduções na taxa de juros do banco público. A promessa foi feita depois de Bolsonaro perguntar se havia alguma boa notícia da Caixa, em transmissão ao vivo no Facebook, na frente do Palácio da Alvorada. O presidente comandaria uma reunião ministerial em seguida. – Você vai reduzir mais ainda? – questionou Bolsonaro, destacando em seguida a taxa de juros do cheque especial, no começo de 2019, de era 14% e agora está 2,9%. – E vai baixar mais ainda? Por isso que eu sou o mais novo cliente da Caixa. Vem pra Caixa você também – disse o presidente, repetindo o slogan da instituição financeira e olhando para a câmera.

A Caixa Econômica Federal vai abrir 680 agências neste sábado (9), de 8h às 12h, para atendimento de beneficiários do auxílio emergencial de R$ 600. O objetivo é facilitar o saque em espécie para aqueles que recebem por meio da poupança social digital. As unidades que estarão abertas podem ser consultadas no site do banco.

Nos municípios que contam com mais de uma agência, vão funcionar 50% das unidades. Também estarão abertas as unidades dos municípios que contam com apenas uma agência.

A Caixa reforçou que não é preciso madrugar nas filas. Todas as pessoas que chegarem às agências durante o horário de funcionamento, das 8h às 12h, serão atendidas. Mesmo com as unidades fechando às 12h, o atendimento continua até o último cliente do dia. “O banco continua atento à situação das filas em todo o Brasil, atuando para que sejam reduzidas de forma gradual”, diz a Caixa.

A capacidade de atendimento foi ampliada nas agências com a realocação de mais de 3 mil funcionários, além da contratação adicional de 4.800 vigilantes e quase 900 recepcionistas para organizar as filas e orientar o público.

Segundo a instituição, informações sobre cadastro e pagamento do auxílio emergencial estão disponíveis apenas por meio do aplicativo “Caixa | Auxílio Emergencial”, do site auxilio.caixa.gov.br e da central telefônica exclusiva 111.

As agências da Caixa Econômica Federal ficarão abertas neste sábado (2), das 8h às 14h, exclusivamente para tirar dúvidas de beneficiários do auxílio emergencial nascidos de janeiro a outubro e fazer o pagamento dos que, nesse grupo, desejam receber o crédito em dinheiro. Pelo calendário inicial informado pelo banco, nascidos em setembro e outubro receberiam o benefício a partir de segunda-feira (4), mas com a abertura das agências esse pagamento será antecipado. No dia 5 de maio será a vez de pessoas que querem receber a ajuda em espécie e fazem aniversário em novembro e dezembro.

Aglomerações

Em todo o país, 902 agências estarão abertas para realizar o atendimento. Para evitar aglomerações, a Caixa orienta que a população só se dirija a esses locais em último caso. A prioridade do banco é manter o atendimento digital, por meio do cadastramento por app, site e a movimentação do benefício pelo Caixa Tem, que dá acesso à poupança social digital.

“Dessa forma, o banco reforça o pedido para que a população só se dirija às agências em último caso. Aqueles que receberam o crédito por meio da Poupança Digital Caixa podem pagar boletos e contas de água, luz, telefone, entre outras, bem como fazer transferências para outros bancos por meio do aplicativo”, diz a Caixa em nota.

Bolsa Família

A Caixa lembra ainda que beneficiários do Bolsa Família recebem o crédito no mesmo calendário e na mesma forma do benefício regular, por meio do cartão Bolsa Família nos canais de autoatendimento, lotéricas e correspondentes Caixa Aqui; ou por crédito na conta Caixa Fácil.

Confira abaixo as agências que vão funcionar no RN neste sábado (2):

– CAICÓ – AV. DR. CARLINDO DE SOUZA DANTAS, 503
– CEARÁ-MIRIM – RUA GENERAL JOAO VARELA, 781
– CURRAIS NOVOS – RUA JOÃO PESSOA, 137
– GOIANINHA – RUA LUIZ BELARMINO DA COSTA, 1939
– MACAÍBA – AV. JUNDIAÍ, 97-A
– MOSSORÓ – RUA CORONEL GURGEL, 406
– NATAL – RUA PRESIDENTE BANDEIRA, 656
– NATAL – AV. DOUTOR JOÃO MEDEIROS FILHO, 1720
– PARNAMIRIM – AV. BRIGADEIRO EVERALDO BREVES, 316
– PAU DOS FERROS – PRAÇA DA MATRIZ, 15
– SANTA CRUZ – RUA MANOEL CÍCERO DE LIMA, 35
– SÃO GONÇALO DO AMARANTE – AV. TOMAZ LANDIM 1639
– SÃO JOSÉ DE MIPIBU –  RUA PREFEITO INÁCIO HENRIQUE, 11

A Caixa abrirá 799 agências neste sábado (25), das 8h às 12h, para atendimento de serviços essenciais à população. Poderão ser realizados saque de pagamentos do Instituo Nacional do Seguro Social (INSS) sem cartão; dos seguros desemprego e defeso sem cartão e senha; saque Bolsa Família e outros benefícios sociais sem cartão e senha; pagamento de abono salarial e Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) sem cartão e senha; saque de conta salário sem cartão e senha; e desbloqueio de cartão e senha de contas.

As agências que estarão abertas podem ser consultadas no site da Caixa.

O governo voltou atrás e não vai mais antecipar a segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 aos trabalhadores informais, conforme tinha anunciado a Caixa Econômica Federal. Em nota, o Ministério da Cidadania informou que faltam recursos no orçamento para fazer a antecipação do benefício e que será preciso aprovar um crédito suplementar. Segundo a nota, as três parcelas do auxílio vão exigir um desembolso de R$ 32,7 bilhões cada uma e que já foram transferidos para a Caixa R$ 31,3 bilhões. Além disso, um contingente de 12 milhões de trabalhadores ainda não receberam a primeira parcela. O cronograma de pagamento da segunda parcela, previsto para começar nessa quinta-feira (23) até quarta-feira (29), só será anunciado em maio, segundo a nota. O Ministério menciona ainda que foi alertado pela Controladoria Geral da União (CGU) sobre a questão orçamentária.
22
abr

Horário ampliado

Postado às 22:52 Hs

A Caixa Econômica Federal vai ampliar em 2h, a partir desta quarta-feira (22), o atendimento de 1.102 agências. As unidades abrirão ao público de 8h às 14h apenas para o atendimento de serviços essenciais à população.

Poderão ser realizados:

– saque INSS sem cartão;

– saque de Seguro Desemprego/Defeso sem cartão e senha;

– saque Bolsa Família e outros benefícios sociais sem cartão e senha;

– pagamento de Abono Salarial e FGTS sem cartão e senha;

– saque de conta salário sem cartão e senha;

– desbloqueio de cartão e senha de contas.

As unidades terão fluxo de clientes controlado e nas salas de autoatendimento será permitida a entrada de um ou dois clientes por máquina de acordo com o espaço físico disponível, ambas as medidas visam manter o distanciamento mínimo de um metro entre as pessoas. Somado a isso, vem sendo efetuada sinalização/delimitação dos pisos externos das agências com ocorrência de formação de filas para manutenção do afastamento social.

O banco reforçou o protocolo de higienização das unidades priorizando a limpeza das superfícies de contato humano, portas de entrada, maçanetas e vidros do entorno, teclados dos caixas eletrônicos, balcões de caixa e torneiras e aparelhos sanitários com periodicidade mínima de seis vezes ao dia.

Consulte as agências abertas para atendimento .

Informações e pagamento do

A Caixa esclarece que os beneficiários do Auxílio Emergencial que receberam o crédito em poupança da Caixa, podem movimentar o valor digitalmente pelo aplicativo, pelo Internet Banking ou mesmo utilizando o cartão de débito em suas compras. Aqueles que receberam o crédito por meio da Poupança Digital Caixa podem pagar boletos e contas de água, luz, telefone, entre outras, bem como fazer transferências para outros bancos por meio do aplicativo Caixa Tem.

Vale ressaltar que a prestação de informações sobre cadastro e pagamento do Auxílio Emergencial está disponível apenas por meio do aplicativo Caixa | Auxílio Emergencial, do site auxilio.caixa.gov.br e da central telefônica exclusiva 111.

Com informações da Caixa Econômica Federal

A Caixa Econômica Federal disponibilizou, há pouco, o site por meio do qual informais, autônomos e desempregados pode solicitar o auxílio emergencial de R$ 600.

Foi criado um aplicativo da Caixa específico para o cadastramento para o auxílio emergencial, um site (auxilio.caixa.gov.br) e o banco capacitou funcionários para fazer o cadastro dos beneficiários também pelo canal de atendimento pelo número 111.

A Caixa Econômica Federal vai lançar um aplicativo para começar a cadastrar e identificar os trabalhadores que têm direito a receber o auxílio emergencial de R$ 600, que ficou mais conhecido como ‘coronavoucher’. O aplicativo deve ser lançado nas plataformas digitais a partir de terça-feira (7).

O novo sistema irá identificar os trabalhadores que não estão em nenhuma outra base do governo. O governo estima que há de 15 a 20 milhões de pessoas que não estariam cadastradas em nenhuma base de dados.

Quem já é registrado no Cadastro Único (CadÚnico) ou no Bolsa Família, não precisam fazer novo o cadastro no aplicativo que será lançado pela

Na Play Store, o aplicativo do Cadastro Único (CadÚnico) tornou-se o mais baixado em meio ao anúncio das medidas econômicas para minimizar o impacto do coronavírus.

CNN Brasil

Para fazer com que o voucher no valor de R$ 600 chegue aos segmentos da população que mais precisam, o governo repassou ao INSS a tarefa de identificar quem serão os trabalhadores informais que terão direito ao auxílio. Segundo o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, a base de dados do INSS é mais ampla porque abrange um universo de pessoas que estão fora dos cadastros do Bolsa Família e seguro-desemprego, dois programas já operados pelo banco. Ele disse também que a Caixa fará a maior parte do pagamento do voucher, mas precisa aguardar a aprovação do projeto pelo Senado e a sanção do presidente Jair Bolsonaro, além da edição de um decreto sobre a operacionalização da medida, a partir da próxima semana. O projeto foi aprovado na Câmara dos Deputados nesta quinta-feira.

Ações para Pessoas Físicas

Possibilidade de pausa de até 60 dias nas operações parceladas de crédito pessoal; Ampliação das linhas de crédito consignado, incluindo as linhas para aposentados e pensionistas do INSS com as melhores taxas do mercado;

Redução de taxa de juros nas linhas de crédito pessoal (crédito consignado a partir de 0,99% ao mês, penhor a partir de 1,99% ao mês e crédito direto ao consumidor, o chamado CDC, a partir de 2,17% ao mês;

Disponibilização gratuita do cartão virtual de débito Caixa aos mais de 100 milhões de correntistas e poupadores, que possibilita compras online nos sites de e-commerce de forma prática e segura. O cliente pode habilitar o uso do cartão diretamente no Internet Banking CAIXA;

Renovação do contrato de penhor diretamente no site da Caixa e canal Telesserviço, evitando a necessidade de o cliente comparecer à uma agência bancária.

Ações para empresas

Redução de juros de até 45% nas linhas de capital de giro, com taxas a partir de 0,57% ao mês; Disponibilização de carência de até 60 dias nas operações parceladas de capital de giro e renegociação;

Disponibilização de linhas de crédito especiais, com até seis meses de carência, para empresas que atuam nos setores de comércio e prestação de serviços, mais afetadas pelo momento atual; Linhas de aquisição de máquinas e equipamentos, com taxas reduzidas e até 60 meses para pagamento.

A Caixa iniciou, na terça-feira (17), o crédito automático antecipado do Abono Salarial – Programa de Integração Social (PIS), calendário 2019/2020, para os trabalhadores nascidos nos meses de maio e junho com conta individual atualizada no banco. Os demais clientes não titulares de conta individual Caixa recebem a partir de quinta-feira (19). O prazo final para o saque do Abono Salarial de todos os trabalhadores é 30 de junho de 2020. Os valores podem variar de R$ 88 a R$ 1.045, de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano base 2018. Os pagamentos são escalonados conforme o mês de nascimento do trabalhador e tiveram início em julho, com os nascidos naquele mês.

O Tesouro Nacional aprovou a operação de crédito entre o município de Mossoró e a Caixa Econômica Federal (CEF) no valor de até R$ 150 milhões, por meio do programa de Financiamento de Infraestrutura e Saneamento (FINISA). A informação foi confirmada no final da tarde desta sexta-feira (21).

Antes, a operação financeira havia sido aprovada pela Caixa Econômica. Dessa forma, falta apenas a assinatura do contrato entre a instituição financeira e o município, o que deverá acontecer no dia 6 de março, com a presença em Mossoró do presidente da Caixa, Pedro Guimarães. A agenda de Pedro Guimarães está confirmada. Ele vem inaugurar a Superintendência da Caixa em Mossoró e assinar contrato com a Prefeitura.

A aprovação do Tesouro Nacional comprova que o município de Mossoró recuperou o seu poder de endividamento, consequência do trabalho de restauração das contas públicas. A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) já antecipou que os recursos do Finisa serão investidos em mais de 40 obras de infraestrutura, como recuperação de ruas, de logradouros públicos, quadras de esportas, escolas-creche. Uma das obras será a restauração de equipamentos do Corredor Cultura como a Praça da Convivência, Teatro Dix-huit Rosado, Memorial da Resistência, entre outros.

Blog do César Santos

A prefeita Rosalba Ciarlini esteve reunida nesta quarta-feira (15) com representantes da Caixa Econômica Federal para a assinatura de convênio para a realização de melhorias em setores da infraestrutura da cidade. Os recursos são oriundos de emendas parlamentares do deputado Beto Rosado, destinadas ao município. Assinaram o convênio a prefeita Rosalba e o superintendente da Caixa, Gilson Pedro Ramos, superintendente executivo.

O primeiro convênio assinado foi o de recapeamento com asfalto CBUQ e sinalização de diversas vias nos bairros Centro, Aeroporto, Santo Antônio, Nova Betânia, Alto da Conceição e Doze Anos, no valor de R$ 7,8 milhões. O outro convênio diz respeito a pavimentação a paralelepípedo de ruas dos bairros Aeroporto, Barrocas, Belo Horizonte, Lagoa do Mato, Américo Simonetti, Santo Antônio, Alto da Pelonha e Santa Delmira, no valor de R$ 9,8 milhões. O terceiro convênio diz respeito a reforma e modernização do Museu Histórico Lauro da Escóssia, no valor de R$ 305 mil.

O superintendente executivo da Caixa, Gilson Pedro, falou sobre a importância da parceria com a prefeitura de Mossoró. “São três contratos importantes e a caixa é uma parceira importante da prefeitura. Vamos melhorando e estreitando essa parceria, principalmente com a superintendência mais próxima da prefeitura e do povo de Mossoró. Após a assinatura vamos partir para o trâmite a liberação dos recursos”, disse ele.

A presidente da Câmara Municipal Izabel Montenegro participou do momento da assinatura e destacou o apoio federal para a cidade de Mossoró. “Mossoró precisa desse apoio e essas emendas foram muito importantes para a nossa cidade. Com essa superintendência na cidade vamos batalhar para atrair novos investimentos”, falou.

O deputado federal Beto Rosado falou sobre como funcionou a destinação dos recursos e como os bairros e ruas foram escolhidos para serem beneficiados. “Esses recursos estão sendo destinados para melhorar as condições da cidade e estão sendo usados da forma mais democrática. Fizemos uma votação nas redes sociais e já divulgamos as mais votadas. Ainda esse ano ainda serão liberados mais recursos para pavimentação”, explicou o deputado.

A prefeita Rosalba Ciarlini falou do trabalho de melhorias na cidade e a importância da pavimentação e da melhoria nas condições do Museu Lauro da Escóssia. “Nós sabemos da necessidade da pavimentação em várias vias. É um trabalho contínuo de melhoria e estamos buscando cada vez mais em Brasília. Nesses convênios de pavimentação serão 9 mil metros quadrados de paralelepípedo e também as calçadas. Vamos levar também melhorias do nosso Museu, um local tão importante da nossa história”, falou a prefeita.

Participaram da assinatura do convênio a vice-prefeita, Nayara Gadelha, Ciro Leite e Francisco Eriberto, da equipe da Caixa Econômica em Mossoró; os vereadores Francisco Carlos, Rondinelle Carlos, Didi de Arnor, Sandra Rosado, Manoel Bezerra, Tony Cabelos, Alex Moacir, Ricardo de Dodoca e Emílio Ferreira; os secretários municipais e lideranças comunitárias.

Mais de 66 mil trabalhadores do Rio Grande do Norte com direito às cotas do PIS ainda podem sacar os valores, um montante de R$ 90 milhões. Todos os participantes cadastrados no PIS até 04/10/1988 que possuam saldo de cotas do PIS podem sacar. O pagamento está disponível para os cotistas de todas as idades.

Diferentemente dos saques anteriores, não há prazo final para a retirada do dinheiro. Essa novidade atende à Medida Provisória (MP) 889/2019, que regulamenta o saque de cotas do PIS/Pasep. A MP traz como facilidade o saque com declaração, na hipótese de morte do titular da conta individual do PIS. Neste caso, o saldo poderá ser disponibilizado aos seus herdeiros ou sucessores, mediante apresentação de documentação.

Canais de atendimento:

Para atender aos trabalhadores com direito a cotas do PIS, a CAIXA disponibilizou um site exclusivo www.caixa.gov.br/cotaspis onde é possível consultar além de valores, calendário de pagamento, locais para o saque e documentação necessária.

O cotista também pode acessar as informações pelo aplicativo CAIXA Trabalhador e nos terminais de autoatendimento, por meio do Cartão e senha do Cidadão.

jul 10
sexta-feira
18 57
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
150 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.828.550 VISITAS