A partir deste sábado (22), candidatos a cargos eletivos nas eleições de outubro não poderão ser presos, a menos que seja em flagrante. A Lei Eleitoral veda prisões nos 15 dias anteriores à eleição. Após o primeiro turno, no dia 7 de outubro, a restrição valerá apenas para os candidatos que forem disputar o segundo turno.

A Lei Eleitoral também proíbe a prisão de eleitores, mas somente cinco dias antes do pletio, ou seja, a partir de 2 de outubro, os eleitores só podem ser presos em flagrante ou para cumprir sentença condenatória por crime inafiançável. A regra vale até 48 horas após a votação.

O Artigo 236 do Código Eleitoral diz que: “Nenhuma autoridade poderá, desde cinco dias antes e até 48 horas depois do encerramento da eleição, prender ou deter qualquer eleitor, salvo em flagrante delito ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou, ainda, por desrespeito a salvo-conduto”.

O juiz eleitoral ou até o presidente da mesa receptora de votos pode expedir a salvaguarda em favor do eleitor que sofrer qualquer tipo de violência na sua liberdade de votar, ou pelo fato de já haver votado. Quem desrespeitar essa garantia pode ser preso por até cinco dias.

Calendário

Neste sábado deve ser divulgado o quadro geral de percursos e horários programados para o transporte de eleitores para o primeiro e eventual segundo turnos de votação.

Hoje é o último dia para os partidos políticos, as coligações, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o Ministério Público e as pessoas autorizadas em resolução específica impugnarem os programas a serem utilizados nas eleições de 2018, por meio de petição fundamentada.

 

Pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira (21) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o Senado no Rio Grande do Norte:

Capitão Styvenson (Rede): 27%

 Zenaide Maia (PHS): 25%

Garibaldi Filho (MDB): 21%

Geraldo Melo (PSDB): 20%

Jácome (Podemos): 13%

Alexandre Motta (PT): 5%

Magnólia (Solidariedade): 4%

Ana Célia (PSTU): 2%

Telma Gurgel (PSOL): 2%

João Morais (PSTU): 2%

Jurandir Marinho (PRTB): 2%

Levi Costa (PRTB): 1%

Napoleão (Rede): 1%

Dr. Joanilson (DC): 1%

Professor Lailson (PSOL): 1%

Branco/nulo – vaga 1: 17%

Branco/nulo – vaga 2: 28%

Não sabe/não respondeu: 27%

A pesquisa foi encomendada pela Inter TV Costa Branca. É o segundo levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral. No levantamento anterior, feito de 14 a 16 de agosto, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes:

Capitão Styvenson (Rede): 23%

 Zenaide Maia (PHS): 12%

Garibaldi Filho (MDB): 21%

Geraldo Melo (PSDB): 14%

Jácome (Podemos): 7%

Alexandre Motta (PT): 4%

Magnólia (Solidariedade): 2%

Ana Célia (PSTU): 4%

Telma Gurgel (PSOL): 1%

João Morais (PSTU): 2%

Jurandir Marinho (PRTB): 1%

Levi Costa (PRTB): 3%

Dr. Joanilson (DC): 1%

Professor Lailson (PSOL): 1%

Branco/nulo – vaga 1: 28%

Branco/nulo – vaga 2: 46%

Não sabe/não respondeu: 27%

Napoleão (Rede) não pontuou na primeira pesquisa.

Sobre a pesquisa (ficha técnica):

Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Quem foi ouvido: 812 eleitores de todas as regiões do estado, com 16 anos ou mais

Quando a pesquisa foi feita: 18 a 20 de setembro. Registro no TRE: RN-08720/2018. Registro no TSE: BR‐0811/2018

O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro 0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado.

Pesquisa IBOPE divulgada nesta sexta-feira (21) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o governo do Rio Grande do Norte: Fátima Bezerra (PT): 39% Carlos Eduardo (PDT): 25% Robinson Faria (PSD): 13% Brenno Queiroga (solidariedade): 3% Professor Carlos Alberto (PSOL): 2% Freitas Jr. (Rede): 1% Dário Barbosa (PSTU): 1% Heró Bezerra (PRTB): 1% Brancos/nulos: 11% Não sabe ou não respondeu: 5% A pesquisa foi encomendada pela Inter TV Costa Branca. É o segundo levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.
21
set

* * * Quentinhas … * * *

Postado às 12:11 Hs

* * * A senadora Fátima Bezerra (PT) lidera todas as pesquisas pro governo em Mossoró. No entanto a prefeita Rosalba Ciarlini (PP) promete dar maioria a Carlos Eduardo (PDT) no município. Vamos esperar abrirem as urnas. * * *

* * * Na briga pelas oito vagas da Câmara dos Deputados o xadrez de movimentava cada dia. A expectativa é para que a coligação de Carlos Eduardo (PDT) conquiste três vagas, o grupo de Robinson Faria (PSD) fique com quatro cadeiras e a frente de esquerda comandada por Fátima Bezerra (PT) faça um parlamentar.* * *

* * * Candidato do MDB a presidente da República, o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles estará em Natal, na próxima segunda-feira, para uma agenda de campanha. Às 9 horas, ele concederá entrevista na sede da CDL. * * *

* * * O candidato ao Senado Geraldo Melo (PSDB), que vinha cabisbaixo, tomou novo ânimo n reta final. O “tamborete” acredita que pode chegar lá. Ultrapassou Zenaide Maia na última pesquisa…eita embolou * * *

 

A votação em cédulas de papel ainda é uma realidade para eleitores brasileiros que moram no exterior, mas nem todos. A Justiça Eleitoral informou que 10.698 brasileiros votarão em cédulas em 171 cidades fora do país. O uso das urnas de lona foi opção diante das dificuldades de acesso à energia elétrica e dos embaraços alfandegários para a entrada de equipamentos eletrônicos.

As 64 urnas de lona (quatro delas de reserva) serão enviadas para países da África, do Caribe, da América Central, da América do Sul, bem como para países europeus com poucos brasileiros. O transporte de todas as urnas ficará a cargo do Ministério das Relações Exteriores (MRE).

Com um total de 2.353 eleitores brasileiros aptos a participar do pleito eleitoral, a cidade boliviana de Santa Cruz de La Sierra é a que tem o maior colégio eleitoral entre as que farão votação manual.

Via Nominuto.Com

A candidata do PT, Fátima Bezerra, lidera a disputa ao Governo do Estado com 34,6% das intenções de votos na pesquisa estimulada, segundo o estudo da Opine/Band divulgado nesta quinta-feira (20).

Carlos Eduardo Alves (PDT) aparece em segundo com 18,3%, seguido por Robinson Faria (PSD), que está com 9,1%. Brenno Queiroga (Solidariedade) e o professor Carlos Alberto (PSOL) foram escolhidos por 0,8% dos possíveis eleitores. Já Dario Barbosa (PSTU) com 0,2%. Freitas Júnior (Rede Sustentabilidade) e Heró Bezerra

(PRTB) tiveram 0,1%. Indecisos ou não souberam informar somaram 17,7%. 18,6% dos entrevistados não escolheram nenhum candidato.

Espontânea

Na pesquisa espontânea, Fátima possui 25,5% das intenções, seguida por Carlos Eduardo, com 14,7%, e Robinson Faria com 6,2%. Na sequência da preferência do eleitorado, aparecem Brenno Queiroga (0,7%); Professor Carlos Alberto (0,3%); Dario Barbosa (0,2%); Geraldo Melo (0,2%); Freitas Júnior (0,1%); Garibaldi Alves (0,1%); José Agripino Maia (0,1%). Indecisos ou não sabem registrou 35,1% e 17% responderam “nenhum”.

O Instituto Opine ouviu 1.200 eleitores entre os dias 12 e 15 deste mês. O público investigado foi a população residente/eleitora do Rio Grande do Norte, com idade igual ou superior a 16 anos, em 10 polos eleitorais, distribuídos em 58 municípios. A margem de erro é de 2,9% e o grau de confiança de 95,5%. A pesquisa foi encomendada pela Televisão Novos Tempos, aliada da Band em Natal, e está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sob os protocolos BR-01451/2018 e RN-07591/2018.

TV Aparecida e a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) realizam nesta quinta-feira (20), às 21h30, um debate entre candidatos à Presidência da República nas eleições 2018. O HuffPost Brasil fará a cobertura em tempo real, com live tweeting. Propostas e embates serão detalhados nas postagens e também na página do HuffPost no Facebook e em textos no site.

Este será o primeiro debate com a presença de Fernando Haddad, enfim oficializado candidato do PT após o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ter a candidatura barrada.

Também participarão os candidatos Alvaro Dias (Podemos), Cabo Daciolo (Patriota), Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckmin (PSDB), Guilherme Boulos (PSol), Henrique Meirelles (MDB) e Marina Silva (Rede). A TV Aparecida deve informar nesta quarta-feira (19) se o candidato Jair Bolsonaro (PSL), que sofreu um ataque com faca e está hospitalizado, será representado de alguma forma.

O evento será realizado no Santuário Nacional, em Aparecida (SP). A transmissão será feita pela TV Aparecida, com retransmissão pela TV Cultura. Também será possível acompanhar o debate pelo rádio, na Rede Aparecida e na Rede Católica de Rádio, e pela internet, no Portal A12, do Santuário Nacional.

Regras e blocos
A TV Aparecida informou que convidou os candidatos de partidos ou coligações com no mínimo 5 parlamentares no Congresso Nacional, como exige a legislação. Quanto aos demais candidatos, as emissoras têm autonomia para convidar ou não. O debate será mediado pela jornalista Joyce Ribeiro e terá 3 horas de duração, com encerramento à 00h30.

O programa será dividido em 5 blocos. Na primeira parte, todos os candidatos responderão a uma mesma pergunta, feita por um arcebispo indicado pela presidência da CNBB. O segundo e o quarto blocos serão destinados a confronto direto entre os candidatos, com tema livre. No terceiro bloco, as perguntas serão feitas por jornalistas indicados pela Rede Aparecida de Comunicação.

No quinto e último bloco, os candidatos responderão a perguntas formuladas por bispos indicados pela CNBB e farão, ainda, as considerações finais.

 

O general da reserva Antônio Hamilton Mourão (PRTB), candidato a vice de Jair Bolsonaro (PSL), foi repreendido nesta terça-feira por militares de seu entorno em razão de declarações dadas nos últimos dias. O entendimento de generais que participam da campanha é de que as falas de Mourão prejudicam a candidatura. Bolsonaro está internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, depois de sofrer um atentado em Juiz Fora (MG) no último dia 6. O presidenciável está fora da campanha nas ruas e deixou de participar até mesmo da mobilização nas redes sociais, em razão do grave estado de saúde. Neste contexto, Mourão ganhou mais protagonismo e deu declarações que acenderam o sinal amarelo em grupos de suporte à candidatura.

A TV Band Natal vai realizar nesta quarta-feira (19) o primeiro debate com os candidatos a senador pelo Rio Grande do Norte.  A programação será às 22h30, retransmitida simultaneamente pela TV Cabo Mossoró (TCM).

Devem participar do debate Alexandre Mota (PT), Garibaldi Filho (MDB), Geraldo Melo (PSDB), Jácome (PODEMOS), Magnólia Figueiredo (SD), Lailson (PSOL), Telma Gurgel (PSOL), Capitão Styvenson (REDE) e Zenaide Maia (PHS).

Pela TCM, o programa poderá ser assistido pelo Canal 10, pelo aplicativo TCM 10 Play ou pelo tcm10hd.com.br.

Via Blog de Carol Ribeiro

18
set

Sabatina

Postado às 18:25 Hs

No próximo dia 25 de setembro, às 20h, os candidatos a vice-governador do Rio Grande do Norte nas eleições 2018 serão sabatinados pelas entidades do setor produtivo mossoroense em programa transmitido ao vivo pela TV Cabo Mossoró (Canal 10, Portal TCM 10 HD ou App TCM Play), através do Conversa Franca. O projeto é uma iniciativa da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Associação Comercial e Industrial de Mossoró (ACIM), Sindicato das Indústrias do Comércio Varejista (SINDIVAREJO) e Sindicato das Indústrias da Construção Civil (SINDUSCON) em parceria com a TCM. Nesta terça-feira (18), a coordenação do programa mais os presidentes das entidades se reuniram com assessores de cada candidato para apresentar as regras e o formato da sabatina que terá 2h30min de duração, aproximadamente, dividida em 4 blocos.

Por Bernardo Mello Franco – O Globo

O capitão Jair Bolsonaro voltou a fazer campanha do leito do hospital. Num vídeo transmitido na internet, ele chorou e lançou suspeitas sobre a urna eletrônica. Em tom conspiratório, alegou que haveria um complô em curso para evitar sua eleição.

“A grande preocupação realmente não é perder no voto, é perder na fraude”, disse, sem apresentar qualquer indício de manipulação. Ele criticou os institutos de pesquisa, o PT, a Procuradoria-Geral da República e o Supremo Tribunal Federal, que já barrou duas tentativas de retorno ao voto impresso.

O discurso de Bolsonaro pode convencer seus seguidores mais fanáticos, mas tropeça na lógica. O Brasil adotou o voto eletrônico há 22 anos. Desde então, o deputado conquistou cinco mandatos consecutivos. Ao questionar a lisura da urna, ele põe em dúvida o sistema que sempre o elegeu.

O capitão também sugeriu uma conspiração entre o PT e o Tribunal Superior Eleitoral. Outra tese sem pé nem cabeça. A Corte acaba de frustrar o partido ao sepultar a candidatura do ex-presidente Lula. A decisão obrigou o petismo a substituir o líder das pesquisas por um aliado que aparecia em quinto lugar.

Esta não é a primeira vez que um presidenciável questiona a urna eletrônica. Dias depois da derrota em 2014, o senador Aécio Neves pediu ao TSE uma auditoria no sistema de votação. Um ano depois, o PSDB reconheceu que não havia indício de fraude. A ação do tucano era choro de perdedor.

Bolsonaro inovou ao questionar a urna antes da votação. O discurso sugere que ele já começou a buscar uma desculpa para justificar seu eventual fracasso no segundo turno. É uma atitude irresponsável, porque estimula uma revolta dos eleitores vencidos contra os vencedores.

A estabilidade da democracia depende do respeito aos resultados. Quem vence governa, quem perde vai para a oposição. Ao questionar o sistema, o capitão volta a se comportar como o dono da bola. O jogo só vale quando ele ganha.

18
set

Pesquisas…eita RN ?

Postado às 11:55 Hs

Teremos duas pesquisas no final da semana, divulgadas pelas emissoras de TV. A BAND divulgará na quinta a pesquisa “Opinião”. Na sexta, a InterTV CABUGI divulga mais uma rodada de pesquisas no RN. No domingo será a vez da pesquisa da FIERN.

Como estará o quadro. Essas pesquisas representam a realidade?

Vamos aguardar pra ver ?

18
set

Na telinha

Postado às 0:22 Hs

TCM transmitirá sabatina com candidatos a vice-governador promovida por entidades da classe produtiva.

A TV Cabo Mossoró (TCM Canal 10) transmitirá no dia 25 deste mês, às 20h, o Conversa Franca, sabatina com os candidatos a vice-governador do Rio Grande do Norte (RN) promovida pelas seguintes entidades da classe produtiva: CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), ACIM (Associação Comercial e Industrial de Mossoró), SINDUSCON (Sindicato das Indústrias da Construção Civil) e SINDIVAREJO (Sindicato do Comércio Varejista).

Além de serem sabatinados pelos setores produtivos, os candidatos a vice-governador terão espaço para debaterem entre si sobre propostas ao governo, com foco no desenvolvimento das cidades do interior do RN. Conforme a Legislação Eleitoral, os candidatos convidados são os que cujo partido tem pelos menos cinco representantes no Congresso Nacional. A saber: Antenor Roberto Soares de Medeiros – Coligação do Lado Certo; Maria Aparecida Dantas de Araujo – Psol; Carlos Eduardo Ciarlini Rosado – Coligação 100 % RN; Sergio Fernando Leocadio Teixeira – Coligação Renova RN e Sebastião Filgueira do Couto – Coligação Trabalho e Superação.

O programa será mediado pelo jornalista Moisés Albuquerque e, além do Canal 10 da TCM, poderá ser visto pela internet, no www.tcm10hd.com.br e aplicativos TCM play e TCM 10 Play.

A partir das 7 horas da manhã de domingo (23) a FIERN inicia, através do seu perfil no Twitter (twitter.com/sistemafiern) a divulgação da quarta pesquisa eleitoral contratada, com exclusividade, junto à empresa Certus. A primeira saiu no dia 06 de maio, a segunda no dia 29 de julho e terceira no dia 02 de setembro.

Às 12 horas, a pesquisa estará disponível na íntegra no portal da FIERN (www.fiern.org.br). As pesquisas anteriores podem ser acessadas no https://www.fiern.org.br/pesquisa-eleitoral/

A pesquisa “Retratos da Sociedade Potiguar 2018” é realizada em todo o estado pela Certus para a Federação das Indústrias e revela quem são os preferidos dos eleitores para a Presidência da República, Governo do Estado e Senado.

O levantamento também mede a rejeição dos pré-candidatos à presidência da república, ao governo do estado e ao Senado, bem como apura os índices de rejeição do presidente Michel Temer e do governador Robinson Faria.

A decisão do PRTB de fazer uma consulta ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre a possibilidade de o general da reserva Antônio Hamilton Mourão substituir Jair Bolsonaro em debates na televisão ampliou a divisão na campanha do PSL. O movimento irritou a cúpula da sigla e um dos filhos do presidenciável, Flávio, afirmou que qualquer atitude sobre esse tema precisa passar pelo candidato, que está hospitalizado em São Paulo após ter sofrido um atentado há uma semana em Juiz de Fora (MG). — O momento é de ter calma, não pode se afobar. Meu pai está se recuperando ainda. A prioridade é essa. É uma decisão (sobre o debate) que cabe exclusivamente a ele (Bolsonaro). Qualquer decisão importante como essa tem que passar pelo Jair. Ele é o capitão e todos nós temos que seguir. Se ele entender que vai o Mourão, vai o Mourão; se entender que eu vou, eu vou; se ele entender que ninguém vai, ninguém vai. Mas não é o momento disso ainda — disse Flávio ao GLOBO.
10
set

Disputa para Deputado Estadual / ALRN

Postado às 18:39 Hs

Os deputados Tomba Farias (1,71%), Ezequiel Ferreira (1,29%), Getúlio Rêgo (1,24%), Nelter Queiroz (1,06%) e Ivan Júnior (1%) lideram a preferência do eleitoral para deputado estadual.

Raimundo Fernandes pontuou 0,82% e Hermano Morais aparece com 0,76%. Kleber Rodrigues, Kelps Lima e Adjuto Dias têm 0,71%. Cristiane Dantas marcou 0,65%. Com 0,59% aparecem Vivaldo Costa, George Soares, Larissa Rosado e Dr. Bernardo. Já o Bispo Francisco de Assis, Terezinha Maia, Peixoto, Jacó Jácome e Mineiro pontuaram 0,53%.

Márcia Maia e Gorete aparecem com 0,41% cada. Depois delas, Francisco do PT, Souza, Jorge do Rosário e Gustavo Costa têm 0,35%. Zé Dias, Albert Dickson, Gustavo Carvalho marcam 0,29%.

Com 0,24% estão Subtenente Eliabe, Ricardo Motta, Ederlinda, Luís Carlos, Eudiane Macedo e Getúlio Batista. Nina Souza, Fernandes, Galeno, Klaus Araújo, Carlos Augusto Maia, Abidene, Geraldo Júnior, Alisson Bezerra, Sargenta Regina, Maurício Marques, Kátia Pires e Isolda marcaram 0,18%.

Capitão Galdino, Narciso Genuíno, Karla Veruska, Fernando Antônio, Zé Adécio, Jojo, Jumaria, Natália Bonavides e Ubaldo têm 0,12%.

Com 0,06% estão Coronel Azevedo, Xandão, Freire, Severino Rodrigues, Rogério Marinho, Tereza, Abraão Lincoln, Toinho do Sindicato, Getúlio, Cição Bandido, Dr. Fernando, Soneth, Mada Calado, Cleiton de Paula, Júnior Seabra, Hubson, Petras, Gustavo Fernandes, Beto Rosado, João Cabral, Carla Dickson, Francisco Medeiros, Dison, Professor Barreto, Dr. Mendes, Eraldo Maia, José Agripino, Julieta Magalhães, Dr. Daniel, Breno, Legenda do PT, Fernando Bezerra, Neto Rapadura, Cinquentinha, Gesane Marinho, Bertone, Luciano, Sandro Pimentel, Dagô, Professor Robério, Ezequiel Bezerra, Júnior Grafith, Maurício Gurgel, Professora Dalva, Michael Diniz, Assis, Isac do PT, Laura Helena, Luciana Lima e Eliú.

Os entrevistados que não souberam ou não quiseram responder são 53,82% e 19,88% afirmam que não votarão em nenhum.

A pesquisa foi realizada entre os dias 4 e 7 de setembro em todas as 12 regiões do Estado. Foram feitas 1.700 entrevistas, com margem de erro de 2,3% e índice de confiabilidade de 95%. O levantamento foi registrado no TSE sob o protocolo RN-08648/2018.

Na primeira pesquisa após atentado a Jair Bolsonaro, na última quinta-feira, o candidato teve um crescimento de 4% chegando a 30% das intenções de voto. O levantamento, feito pela BTG Pactual e encomendado pela FSB Pesquisa, mostra que Ciro Gomes está em segundo lugar, com 12%.

Confira os números:

Jair Bolsonaro: 30%

Ciro Gomes: 12%

Marina Silva: 8%

Geraldo Alckmin: 8%

Fernando Haddad: 8%

Chama a atenção que, em terceiro lugar, aparecem três candidatos empatados: Geraldo Alckmin, Marina Silva e Fernando Haddad – nome que deve ser confirmado pelo PT até esta terça-feira, já que o TSE impugnou a candidatura do ex-presidente preso Lula. Todos com 8%.

Em seguida, João Amoêdo, Alvaro Dias e Henrique Meirelles somam, cada um, 3%. Os indecisos chegam a 7%.

O estudo teve 2.000 entrevistas em todo o país, nos dia 8 e 9 de setembro (sábado e domingo). A margem de erro é de 2 pontos percentuais. O registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é BR-01522/2018.

Jovem Pan

 

Começa no próximo domingo (09) o período dentro do qual candidatos e partidos políticos deverão enviar à Justiça Eleitoral a prestação de contas parcial, com registro de todas as receitas e despesas de campanha ocorridas desde seu início até o dia 08 de setembro. O prazo para remessa se encerra no dia 13, estando o TSE obrigado a publicar todas as parciais até o dia 15, inclusive no que se refere aos doadores e fornecedores de campanha, com seus respectivos CPFs ou CNPJs, bem como os valores doados. De acordo com a Resolução TSE nº. 23.553/2017, que dispõe sobre a arrecadação e os gastos de recursos por partidos políticos e candidatos no pleito de 2018, a prestação de contas parcial deve ser realizada exclusivamente em meio eletrônico, por intermédio do SPCE – Sistema de Prestação de Contas Eleitorais.
set 23
domingo
04 14
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
24 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5741712 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram