02
jun

Para todos…

Postado às 23:56 Hs

Governo libera vacinação contra a gripe para toda a população. O governo federal anunciou hoje (2) a decisão de liberar a vacina contra a gripe para toda a população do país, a partir de segunda-feira. De acordo com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, a medida só vale este ano e enquanto durarem os estoques. Anteriormente, apenas podiam se vacinar nos postos de saúde quem fazia parte do grupo de risco, como idosos, professores e gestantes. O ministro explicou que a retirada da restrição de vacinar somente o público-alvo ocorreu porque ainda há 10 milhões de doses disponíveis na rede pública de saúde. A campanha já tinha sido prorrogada até 9 de junho. Na campanha deste ano, o governo espera atingir a meta de imunizar 54 milhões de pessoas, que representam 90% da população considerada de risco para complicações por gripe. Mas, até o momento, somente 76,7% do público-alvo foram vacinados. E nenhum grupo prioritário atingiu a meta de vacinação.
26
mai

Prorrogada

Postado às 7:47 Hs

A campanha nacional de vacinação contra a gripe foi prorrogada até o dia 9 de junho, de acordo com o Ministério da Saúde. A meta é alcançar 90% das 54,2 milhões de pessoas incluídas no público-alvo, mas, até esta quinta-feira, apenas 63,6% haviam recebido a sua dose. Dos grupos que podem tomar a vacina pelo SUS, os idosos têm, até o momento, a maior cobertura: 72,4% desse público já se vacinou. Entre as puérperas, mulheres que tiveram bebê recentemente, o alcance foi de 71,2% e, entre os indígenas, de 68,6%. Os grupos que menos se vacinaram foram as crianças, com 49,9% de cobertura, gestantes, com 53,4% e os trabalhadores de saúde, com 64,2%. Este ano, a novidade da campanha foi a inclusão dos professores da rede pública e privada no público alvo. Até o momento, 60,2% deles se vacinaram.

Veja quem recebe a vacina pelo SUS:

Crianças de 6 meses a menores que 5 anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias) Gestantes , Puérperas (mulheres que estão no período de até 45 dias após o parto) Idosos (a partir de 60 anos) Profissionais da saúde ,Povos indígenas, Pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional ,Portadores de doenças crônicas e outras doenças que comprometam a imunidade ,Professores de escolas públicas ou privadas

23
mai

Campanha

Postado às 12:21 Hs

Campanha de Vacinação contra a Gripe vai até sexta (26). A campanha de vacinação contra a gripe, iniciada em 17 de abril, irá se encerrar na próxima sexta-feira (26). Com 57,78% de cobertura vacinal até o momento, o RN se encontra acima da média do Nordeste, que é de 55,40% e ainda um pouco abaixo da média nacional, de 58,62%. A meta a ser atingida é de 90% e Estado precisa vacinar ainda 1/3 da população alvo. Nas quatro primeiras semanas o RN chegou a ocupar o 1º lugar em vacinação no Nordeste. No momento, Pernambuco (60,15%) e Paraíba (58,89%) seguem na liderança regional.
22
mai

Faltando…

Postado às 18:43 Hs

454 mil pessoas ainda não tomaram vacina contra a gripe no RN

Quase metade das pessoas que precisam tomar a vacina da gripe ainda não foram imunizadas no Rio Grande do Norte. No estado, mais de 860 mil pessoas fazem parte do público-alvo da campanha e 454 mil ainda não foram imunizadas. A campanha de vacinação segue até o próximo dia 26.

Têm direito a tomar a vacina quem tem mais de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos, trabalhadores da saúde, gestantes, mães recentes até 45 dias após o parto, portadores de doenças crônicas, indígenas e professores da rede pública e privada.

Na Grande Natal, os municípios que mais conseguiram imunizar foram Extremoz com 61%, Macaíba com 60%, São Gonçalo do Amarante, com 57%, Parnamirim com 53% e Natal com 47%.

09
mai

Campanha

Postado às 4:48 Hs

No próximo sábado, dia 13, em todos os postos de vacinação do país estará funcionando o Dia “D” de mobilização contra a gripe. Cerca de 54 milhões de pessoas no Brasil, sendo exatamente 863.335 pessoas só no Rio Grande do Norte fazem parte do público a ser vacinado até o dia 26 de maio.

Neste ano a meta do Ministério da saúde é que seja vacinado pelo menos, 90% de cada um dos grupos prioritários para a vacinação, diferente dos anos anteriores em que a meta era de vacinar apenas 80% deste público. Segundo recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS), cada dose da vacina contém duas cepas do tipo A e uma do tipo B, sem adição de adjuvantes (A/H1N1; A/H3N2 e influenza B).

A campanha começou dia 17 de maio e se estenderá até o dia 26 de maio. O Estado do Rio Grande do Norte, assim como os demais Estados, está recebendo essas doses em etapas, que se totalizam em sete delas e que são enviadas aos municípios de acordo com a sua chegada. Até hoje (8) o RN recebeu quatro etapas da vacina, com a próxima etapa prevista para chegar amanhã (9) na Rede de Frio Estadual.

Até o momento no Estado do Rio Grande do Norte foram vacinadas 159.058 pessoas, o que corresponde a 22,40% do público alvo, ocupando a posição de 2º Estado com melhor média no Nordeste, ficando atrás apenas da Paraíba que vacinou 43,16% da sua população, mas ainda ficando abaixo da média nacional que está em 27,59%.

20
abr

Vacinação

Postado às 22:24 Hs

Professores vão receber vacina gratuita contra a gripe. Professores de escolas públicas e particulares já podem comparecer aos postos de saúde para a vacinação gratuita contra o vírus da influenza (gripe). Segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o Brasil possui 2,2 milhões de professores, dos quais 75% estão na rede pública. O secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Rossieli Soares, explica a inclusão dos professores na lista prioritária de vacinação, assim como os idosos e as crianças: “Eles são pessoas que circulam em todos os meios; têm contato diário com todos os alunos. À medida que um professor adoece, todos os demais alunos passam a ser prejudicados com a falta daquele professor. Então, pensar no acesso ao professor é pensar na educação, na garantia e no bem-estar desse profissional, que é fundamental para a existência da educação e para o que acontece na escola.”
912446-agencia-brasil_dia-d_vacinação-contra-a-gripe_mcam-3
Começa hoje (17) a mobilização nacional de vacinação contra a gripe. A campanha deste ano inclui, pela primeira vez, os profissionais de educação no grupo prioritário. Cerca de 2,3 milhões de professores de escolas das redes pública e privada devem ser imunizados nos postos de saúde de todo o país. Nos dias 2 e 3 de maio, os docentes serão vacinados nas escolas. Idosos, trabalhadores do setor de saúde, crianças de 6 meses até 5 anos, gestantes, mulheres no pós-parto, indígenas, população privada de liberdade, inclusive os adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa, e pessoas com doenças crônicas continuam como público-alvo da vacinação. A vacina permite a proteção contra os vírus A(H1N1), H3N2 e influenza B. Como os vírus são mutantes, a composição da vacina é feita somente depois da indicação da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre as cepas (variações dos vírus) que circularam com mais frequência nos últimos meses na região. Segundo a OMS, em 2016 a cepa do vírus A(H1N1) foi alterada, o que levou à produção de uma nova composição para a campanha deste ano.
30
abr

Campanha

Postado às 6:12 Hs

unnamed (4)
Saúde pretende vacinar 49.2 mil pessoas contra gripe A Secretaria Municipal de Saúde iniciará a campanha de vacinação contra gripe na próxima segunda-feira, 4. Desde o início da manhã, as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) estarão recebendo usuários para imunização. A campanha seguirá até o dia 22 de maio em todo o município. Neste ano, o público-alvo é de 61.556 pessoas, sendo a cobertura mínima exigida de 80%. Ou seja, Mossoró deverá vacinar, no mínimo, 49.224 pessoas. O Dia D será no dia 8 de maio. A novidade deste ano é a ampliação da faixa etária para crianças de seis meses a menores de cinco anos. No ano passado, o público-alvo foi de seis meses e menores de dois anos. Integram também este grupo pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puerpéreas (até 45 dias após o parto), população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.
05
mai

SAIBA TAMBÉM…

Postado às 21:13 Hs

E continua crescendo…

Até o final do ano, o número de celulares no mundo chegará perto do número de habitantes no planeta. Os dados estão sendo divulgados pela União Internacional de Telecomunicações e revelam a explosão no uso dessa tecnologia, inclusive nos países emergentes. Já o acesso à Internet, apesar de também crescer, ainda revela a profunda disparidade entre países ricos e as economias em desenvolvimento. O Brasil, por exemplo, tinha em 2012 as mesmas taxas de penetração da rede que os países ricos dez anos antes. Mas é no setor dos celulares que a diferença entre ricos e pobres é a menor. Até dezembro, o número de celulares vai chegar perto dos 7 bilhões, o representará 96% de todos os habitantes. A penetração de celulares chegará a 90% nos mercados emergentes, contra mais de 120% nas economias ricas. A expansão, em dez anos, foi quase de dez vezes. A situação mais complicada é ainda da África, onde 30% da população ainda não tem acesso. Mas o mercado também está dando sinais de saturação. Em 2014, o setor deve ter o menor crescimento em anos, com uma expansão global de apenas 2,6%. O único crescimento real ocorre nos países emergentes, que representam 75% de todos os celulares vendidos no mundo. (Agência Estado)

Interaja

Participe e ajude a fazer um blog com participação popular,envie email e sugestões para nós. Entre em contato:paduabarreto@bol.com.br ou contato@paduacampos.com.br ou ainda pelo twitter e facebook.

Missão Oficial 

O deputado federal João Maia terá uma semana de trabalho no exterior. Ele viajou neste domingo (05) para Eslováquia, onde representará a Câmara Federal na missão de articulação com os Parlamentos, além de conhecer obras de infraestrutura rodoviária, ferroviária e aeroportuária. A missão que tem início nesta segunda-feira (05) segue até o domingo (11), quando o parlamentar retorna para Brasília. Na agenda do deputado uma visita à Embaixada do Brasil na Eslováquia, uma visita ao Parlamento Eslovaco, além de reuniões com a Agência de Investimentos local e a Câmara de Comércio da Eslováquia, entre outras reuniões e visitas de trabalho. João Maia também terá compromissos em mais dois países. Depois de visitar primeiro a cidade de Bratislava, capital da Eslováquia, João Maia visita no dia 6 de maio a Cracóvia, localizada no sul da Polônia e depois têm compromissos em Varsóvia, capital da Polônia.

Campanha 

Termina na próxima sexta-feira (09) a campanha nacional de vacinação contra gripe. Devem ser imunizados idosos, crianças com idade entre 6 meses e menos de 5 anos, gestantes, mães em puerpério (45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, povos indígenas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.A campanha começou no último dia 22 e tem como público-alvo 49,6 milhões de pessoas. A meta do governo é imunizar 80% dessa população. Estão sendo distribuídos 53,5 milhões de doses que protegem contra três tipos de gripe, incluindo a gripe A. Em todo o país, 65 mil postos de saúde e 240 mil profissionais de saúde participam da imunização.

28
abr

Informes

Postado às 18:04 Hs

Vacina contra gripe atinge mais de cinco mil pessoas (1)
A campanha de Vacinação contra a Gripe Influenza imunizou 5.419 pessoas até esta segunda-feira, 28. Os dados são da Vigilância à Saúde, setor responsável pela coordenação da campanha. De acordo com os números divulgados pelo setor, foram vacinadas: 3.006 crianças, 338 trabalhado da saúde, 347 gestantes, 64 puérperas, 1.737 idosos. Segundo a diretora da Vigilância, Alany Medeiros, a campanha, iniciada esta semana, prossegue nas Unidades Básicas de Saúde até o dia 9 de maio com a perspectiva de imunizar 49 mil pessoas, conforme a meta estipulada pelo Ministério da Saúde. Estão entre os grupos prioritários as crianças de 6 meses a menores de 5 anos, idosos, profissionais de saúde, gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas em privação de liberdade e doentes crônicos (doenças cardíacas, pulmonares, obesos, transplantados renais, hipertensos, diabéticos).
26
abr

* * * Quentinhas… * * *

Postado às 14:17 Hs

* * * Dilma é vaiada… A presidente Dilma Rousseff enfrentou protestos ontem durante a entrega de máquinas a 32 municípios paraenses. Servidores do Incra, da Universidade Federal do Pará e do Judiciário gritaram contra a Copa do Mundo e cobraram verbas para a Saúde e a Educação, protestando contra o fechamento de um hospital particular na capital. A presidente, que foi aplaudida pela claque petista, disse que o governo federal vai financiar a compra de um hospital que funcionará como referência. “Eu vou responder a vocês”, repetiu Dilma, sendo interrompida pelos gritos dos manifestantes. O evento se transformou numa briga de palavras de ordem entre os manifestantes e os petistas pró-Dilma. “Eles têm direito de se manifestar. É da democracia. Eles podem falar o que quiserem. Eles podem se manifestar desde que não atrapalhem os outros”. * * *

* * * A CPI da Petrobras vai começar literalmente a todo gás, mirando sobrepreços praticados pelo governo da Bolívia com o Brasil. Evo Morales aproveitou a amizade com Lula e Dilma para inflacionar contratos. A Usina Térmelétrica de Araucária (PR) foi obrigada a contratar por US$ 23 dólares por milhão de BTUs o gás boliviano, enquanto o preço do mercado oscila entre US$ 4 a US$ 7. A Bolívia passou a cobrar caro o gás vendido para térmicas do Brasil – US$ 11 dólares por milhão de BTUs. Além disso, ganha um bônus de US$ 400 milhões por ano pelo chamado ‘gás com componentes ricos’. Esse gás de componentes ricos, ou gás líquido, é pago sem qualquer cláusula contratual que obrigue o Brasil a fazer a compensação pela não separação já nos poços bolivianos. Vale lembrar que Evo Morales estatizou uma refinaria da Petrobras na Bolívia, sem reação do então presidente Lula. Na gestão FHC, o gás era vendido a US$ 1. A maioria dos contratos de venda de gás boliviano para a Petrobras e outras estatais expira em 2019. Evo tentará se reeleger em Outubro deste ano e tenta adiantar contratos.* * *

* * * A secretaria estadual de Saúde espera que um público superior a 769 mil pessoas compareça às unidades de saúde de todo o estado a partir de amanhã até o dia 9 de maio para participar da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, que tem como tema “Vacinação contra a gripe: você não pode faltar”. “A novidade deste ano é a ampliação da faixa etária para crianças. Em 2013, o público infantil foi de seis meses a menores de dois anos. Neste ano, a vacina será oferecida também na faixa etária de dois a menores de cinco anos. Por isso é importante que os pais e responsáveis fiquem atentos a essa mudança e levem suas crianças que estão nessa faixa etária para serem vacinadas”, alerta Francisca Santos, coordenadora do Programa Estadual de Imunização da Sesap. A Campanha foi lançada no Brasil na última terça-feira (22). No RN, devido a questões de logística na distribuição das vacinas por parte do Ministério da Saúde, a ação vai iniciar nesta sexta-feira (25), e no sábado (26), dia D da campanha, haverá uma grande mobilização em todas as unidades de saúde do estado, que estarão abertas oferecendo a vacina para os grupos prioritários: crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade, gestantes, puérperas (até 45 dias pós-parto), idosos com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, portadores de doenças crônicas (incluindo as trissomias), população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional. * * *

25
abr

Saiba mais…

Postado às 15:14 Hs

Dia D da campanha de vacinação contra gripe é neste sábado, 26

A Vigilância à Saúde já deu início a campanha de vacinação contra a gripe. A imunização segue até o dia 9 de maio com o Dia D marcado para este sábado, 26, quando todas as Unidades Básicas de Saúde funcionando para imunização.

Público alvo da campanha: crianças de 6 meses a menores de 5 anos, idosos, profissionais de saúde e gestantes, mulheres em puerpério (até 45 dias após o parto), pessoas em privação de liberdade e doentes crônicos (doenças cardíacas, pulmonares, obesos, transplantados renais, hipertensos, diabéticos).

De acordo com a diretora da Vigilância à Saúde, Alany Medeiros, a meta é imunizar 80% de cada público. Nesse caso, em Mossoró deverão ser vacinadas: crianças de 6 meses a 2 anos, 5.892; de dois a 4 anos, 11. 850; profissionais da saúde, 8.216; gestantes, 2.946 (público variável); puérperas, 484 (público variável); idosos, 24.885 e doenças crônicas, 7.171.

A vacina protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no inverno passado (H1N1; H3N2 e influenza B). A vacina é segura é a melhor arma para impedir doenças graves, internações ou mesmo óbitos por influenza.

A coordenação da campanha informa que os doentes crônicos precisam apresentar prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes já cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do SUS, deverão se dirigir aos postos em que estão cadastrados para receberem a vacina.

15
abr

Começa hoje

Postado às 0:03 Hs

A campanha nacional de vacinação contra a gripe começa nesta segunda-feira (15), com a meta de atingir 32 milhões de pessoas até o dia 26 de abril. Nesse prazo termina o período de vacinação contra a gripe no país, diz o Ministério da Saúde.

A imunização protege contra os três subtipos do vírus influenza que mais circularam no inverno passado: A (H1N1) conhecido popularmente como gripe suína –, A (H3N2) e B.

Serão distribuídas, neste ano, 43 milhões de doses da vacina para 65 mil postos de saúde, segundo a pasta. Em 2012, 26 milhões de pessoas foram imunizadas, número equivalente a 86,3% do público-alvo. O índice superou a meta prevista, de 80% do público, e foi celebrado pelo ministério.

O objetivo deste ano é de atingir cerca de 80% do público-alvo da ação, que inclui idosos com 60 anos ou mais, crianças de seis meses a dois anos, gestantes, indígenas, presidiários e profissionais de saúde. Doentes crônicos e mulheres no período até 45 dias depois do parto também devem receber a vacina.

Com a inclusão de novos grupos na campanha de vacinação, o número de pessoas consideradas público-alvo deve aumentar em 30%, saltando de 30 milhões para 39,2 milhões neste ano, segundo o Ministério da Saúde.

12
abr

FIQUE SABENDO…

Postado às 9:34 Hs

# # Mossoró no enfrentamento da Estiagem

A reunião foi conduzida pela prefeita Cláudia Regina, presidente do Conselho da Defesa Civil, membros do Conselho, auxiliares da administração e vereadores. “Conforme foi combinado, estamos expondo o plano de enfrentamento que é dividido em cinco eixos de atuação e receberá cerca de R$ 5 milhões em investimentos por parte do município”, declarou a prefeita, enfatizando a relevância das parcerias na execução do programa. O Plano de Enfrentamento conta com cinco eixos: ampliação e/ou recuperação de fontes de água; acesso, distribuição e gestão da água; organização e capacitação das famílias do campo; fomento a produção rural; comercialização, geração de renda no campo e sustentabilidade. O subsecretário do Desenvolvimento Rural, Betinho Segundo, detalhou todas as atividades que serão implementadas. Entre as ações, estão a perfuração de 30 poços semi-artesianos, instalação de 30 dessalinizadores de água e manutenção dos sistemas já existentes, recuperação de 50 poços artesianos e desobstrução de 40 poços na zona rural. Também está incluso no plano um investimento de 1,2 milhão para desenvolvimento de projetos de irrigação, contemplando as margens do Rio do Carmo, Rio Apodi-Mossoró e poços com potencial irrigante.

# # Precisando melhorar…

Um relatório do Fórum Econômico Mundial, publicado na quarta-feira, aponta o Brasil como um dos piores países do mundo nos ensinos de matemática e ciências. Entre 144 nações avaliadas, o país aparece na 132ª posição, atrás de Venezuela, Colômbia, Camboja e Etiópia. Outro dado alarmante é a situação do sistema educacional, que alcança o 116º lugar no ranking – atrás de Etiópia, Gana, Índia e Cazaquistão. Os dois indicadores regrediram em relação à edição 2012 do relatório, em que estavam nas 127ª e 115ª posições, respectivamente. O estudo indica como uma das consequências do ensino deficiente a dificuldade do país para se adaptar ao mundo digital, apesar dos investimentos públicos em infraestrutura e de um certo dinamismo do setor privado. “A qualidade do sistema educacional, aparentemente, não garante às pessoas as habilidades necessárias para uma economia em rápida mudança”, diz o levantamento. Em comparação com o ano passado, o Brasil subiu apenas da 65ª para a 60ª posição no ranking que mede o preparo das nações para aproveitar as novas tecnologias em favor de seu crescimento.

# # Campanha será iniciada

Cerca de 65 mil postos de saúde em todo o país iniciam segunda-feira (15) a campanha de vacinação contra a gripe. A meta é imunizar 31,3 milhões de pessoas que integram os chamados grupos prioritários – as gestantes, os idosos com mais de 60 anos, as crianças entre 6 meses e 2 anos, os profissionais de saúde, índios, a população carcerária e os doentes crônicos. Este ano, mulheres em período de puerpério (até 45 dias após o parto) também vão receber a dose. Outra novidade é que pacientes com doenças crônicas podem ser imunizados nos postos de saúde e não apenas nos centros de referência. Basta apresentar uma prescrição médica no ato da vacinação. A campanha segue até o dia 26 de abril. Serão distribuídas cerca de 43 milhões de doses que, este ano, protegem contra os seguintes subtipos de influenza: A (H1N1) ou gripe suína, A (H3N2) e B.

# # Cortesia ao PP

O senador Aécio Neves (MG), pré-candidato tucano à Presidência, e a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, que representou a presidente Dilma Rousseff, aproveitaram no dia de ontem a convenção do PP para assediar o partido. No evento, o PP elegeu o senador Ciro Nogueira (PI) presidente da legenda, mas o cerco do presidenciável do PSDB e da ministra de Dilma chamaram mais a atenção. Ideli fez juras de amor ao partido. “Queremos continuar juntos, por bem do Brasil e por muito tempo”, disse ela, logo após lembrar que o PP é um dos partidos mais fiéis nas votações difíceis no Congresso e que “faz um trabalho excelente” no Ministério das Cidades – pasta que garante o partido na ba­se de Dilma. Aécio chegou à convenção logo depois da saída de Ideli e não perdeu tempo no assédio ao partido, que até esta quinta foi presidido por Dornelles, seu tio. “Não enxergo o Brasil justo e solidário sem o PP junto com o PSDB”, afirmou. O tucano foi aplaudido, mas não obteve nenhuma garantia de uma futura aliança.

# # PSDB Cobrando do PPS

Em clima de campanha, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) fez um apelo aos tradicionais aliados de seu partido para que permaneçam juntos na disputa pela Presidência em 2014, numa tentativa de conter a aproximação deles com o PSB do governador Eduardo Campos (PE). Aécio discursou na convenção promovida pelo PPS em Brasília, que teve a participação de representantes do próprio PSB e também do DEM, do PDT e do PMN. Oposição ao governo Dilma, o PPS discute uma fusão com o PMN, que conta com somente três deputados federais. Integrantes da cúpula da legenda não escondem que a tendência atual é de apoio a uma possível candidatura de Eduardo Campos. Da tribuna, Aécio dirigiu-se ao presidente do PPS, deputado Roberto Freire (SP): ‘Não vejo no espectro partidário do Brasil uma identidade tão clara e profunda quanto a que existe entre PPS e PSDB. Não construída em oportunismo, mas em valores, princípios e objetivos’. O tucano fez críticas veladas ao partido de Eduardo Campos.’O PPS não está no divã. Faremos campanha permanente de oposição clara ao governo do PT.’

01
mai

Positivo…

Postado às 15:31 Hs

10916192Neste sábado, mais de 6,4 milhões de pessoas foram imunizadas contra a doença. Balanço parcial da 13ª Campanha Nacional de Vacinação aponta que 21,96% do público-alvo foi imunizado até as 17h. As informações são das secretarias estaduais e municipais de Saúde e serão consolidadas na próxima segunda-feira.

Nessa campanha, além dos idosos e povos indígenas, foram incluídos crianças de seis meses a dois anos, gestantes em qualquer período da gravidez e trabalhadores dos serviços de saúde que atuam no atendimento de pacientes e na investigação de casos de infecções respiratórias.

O Ministério da Saúde pretende imunizar 23,8 milhões de pessoas até 13 de maio – quando acaba a campanha. Em todo o país, 65 mil postos de saúde participaram do Dia de Mobilização.

Os postos de saúde ficaram abertos das 8h às 17h para a vacinação. A aplicação da vacina contra a gripe é feita em uma única dose para todos os grupos, menos para as crianças. Os menores de dois anos vão receber duas doses, aplicadas com intervalo de um mês.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, lembrou que há 13 anos é realizada a campanha e que ela foi a responsável pela redução em 60% dos casos de pneumonia no país.

jul 21
sexta-feira
09 26
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
25 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5612302 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram