20
jun

Informes

Postado às 17:02 Hs

INSS divulga horário de atendimento nos jogos do Brasil na Copa do Mundo.

As Agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), estarão funcionando em horários diferenciados, durante os jogos da Seleção brasileira de futebol, na Copa do Mundo.

Nos dias em que os jogos se realizarem pela manhã, o expediente terá início às 14h e vai até às 17h. Nos dias em que os jogos se realizarem à tarde, o expediente  começa às 7h e se encerrará  13h.

Desse modo, na sexta-feira (22), dia que o Brasil jogará com a Costa Rica, o expediente começará às 14h. Já na quarta-feira (27), o Brasil jogará com a Sérvia às 15h e, portanto, o expediente será  iniciado às 7h e encerrado às 13h.

Em relação às demais fases, caso o Brasil consiga obter classificação, o horário de atendimento nas unidades do INSS, dependerá da classificação nos grupos, que será, posteriormente, informado ao público.

08
jun

Saiba também…

Postado às 11:49 Hs

Como comprovar o período de atividade para aposentadoria quando o trabalhador perdeu a carteira de trabalho. O trabalhador que perde a carteira de trabalho pode nem precisar desse documento para se aposentar, caso todos os seus vínculos de emprego estejam no Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS) O trabalhador que perde a carteira de trabalho pode nem precisar desse documento para se aposentar, caso todos os seus vínculos de emprego estejam no Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS). Isso porque o INSS utiliza os dados do CNIS para a concessão de todos os benefícios, como aposentadorias, pensões, auxílios e salário-maternidade. Esse cadastro tem as informações que as empresas fornecem aos órgãos públicos sobre os vínculos e remunerações de seus empregados, além das contribuições feitas pelos contribuintes individuais, empresários e facultativos. Para saber se seus dados estão no CNIS, o trabalhador deve acessar o site inss.gov.br e entrar no link Extrato-Previdenciário (CNIS). Na primeira vez, porém, vai ser preciso fazer um login e preencher seus dados, como número do CPF, nome, nome da mãe, data de nascimento e o estado onde nasceu. O sistema vai gerar uma senha provisória e, no acesso seguinte, o interessado deve trocar por uma definitiva. Em caso de dúvida no preenchimento dos dados, a pessoa pode ligar para a Central de Informações da Previdência, telefone 135.
25
maio

Atendimentos

Postado às 5:35 Hs

INSS implanta agendamento com atendimento a distância possibilitando melhorias aos cidadãos. O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) vem tomando uma série de medidas para modernizar os serviços e melhorar o atendimento aos cidadãos. Alguns serviços que antes eram realizados no atendimento espontâneo das agências, a partir desta quinta-feira (24), passarão a ser prestados com dia e horário marcados, por meio de agendamento, pelo Meu INSS (meu.ínss.gov.br) ou telefone 135. Dentre os serviços que passarão a ser agendáveis estão a alteração do meio de pagamento do benefício, atualização de dados cadastrais, mudança da agência de relacionamento, desistência de aposentadoria, cadastro de Procuração, solicitação de pagamento não recebido, solicitação de desbloqueio do benefício para empréstimo, entre outros.

A partir da próxima segunda-feira (21), o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deixará de agendar atendimento presencial para pedidos de aposentadoria por idade e salário maternidade. Os dois benefícios só poderão ser solicitados por telefone ou internet.

A análise para concessão da aposentadoria por idade e do salário maternidade já é feita automaticamente, com base nos dados disponíveis nos sistemas do INSS e do governo, desde setembro de 2017. Mas até então também era possível fazer o pedido pelo modelo de agendamento, que agora ficará indisponível.

Os benefícios poderão ser solicitados no site www.inss.gov.br ou pelo telefone 135. O segurado receberá um número de protocolo e só será chamado a uma agência do INSS em casos excepcionais, como na falta de documentos.

De acordo com o INSS, a mudança deve ocasionar a redução do tempo de análise dos pedidos. Segundo o órgão, outros benefícios também passarão a ser solicitados dessa forma “em breve”.

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) havia convocado 152.269 brasileiros para agendar a revisão de benefícios por incapacidade — auxílio doença e aposentadoria por invalidez. Deste total, 118.268 perderam o prazo e não agendaram a perícia.

Segundo o MDS (Ministério do Desenvolvimento Social) apenas 34.001 segurados convocados realizaram os agendamentos, sendo 4.947 para auxílio-doença e 29.054 de aposentadoria por invalidez.

Os convocados neste edital tinham até dia 4 de maio para agendar a perícia. O Ministério explica que quem “não atender a convocação ou não comparecer na data agendada terá o benefício suspenso”.

Na data marcada para a realização da avaliação, o segurado deve levar a documentação médica que justifique o recebimento do benefício, como atestados, laudos, receitas e exames.

A aposentadoria de servidores de até 200 municípios brasileiros pode estar em risco. A estimativa é do próprio Ministério da Previdência, a partir de investigações que vêm sendo realizadas pela Polícia Federal desde 2013. Somente a mais recente operação da PF relacionada ao tema – a Encilhamento, deflagrada no último mês de abril – identificou irregularidades em 28 institutos de Previdência de Estados e municípios. Ao longo dos últimos cinco anos, a PF conseguiu mapear o modelo de ação do esquema, que envolve gestoras financeiras e, em certos casos, as próprias prefeituras.

As investigações se referem aos regimes próprios de Previdência municipais, que são chamados de RPPS. Dos 5.570 municípios brasileiros, 2.089 mantêm esses programas de aposentadoria. Cada cidade nomeia um administrador para buscar a melhor forma de investir o dinheiro do servidor. Nas prefeituras envolvidas em fraudes, os valores são repassados a empresas de fachada, que investem em títulos podres. O administrador, em troca de comissão, esconde a real situação do investimento .

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) convocou 59.118 segurados que recebem o auxílio-doença para a revisão de benefícios. A lista com o nome dos convocados foi publicada no Diário Oficial da União da última segunda-feira (30). Veja mais abaixo como saber se foi convocado, como agendar a perícia e o que levar.

O prazo para agendar a perícia termina em 21 de maio. Quem não fizer isso terá o pagamento suspenso. A partir da suspensão, o beneficiário tem até 60 dias para marcar o exame. Se não procurar o INSS neste prazo, o benefício será cancelado. Quem marcar a perícia e não comparecer também perde o benefício.

18
abr

Reduzindo

Postado às 11:03 Hs

INSS corta mais de 3,4 mil benefícios irregulares no RN
 

Por Ayrton Freire

No Rio Grande do Norte, 3.415 benefícios sociais pagos pelo Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) foram cortados desde a revisão iniciada pelo Governo Federal em 2016, e que se estenderá até o final deste ano. Informou, o Ministério do Desenvolvimento Social. Foram realizadas 5.616 perícias no estado, sendo 3.227 de auxílios-doença e 2.389 de aposentados por invalidez. No primeiro benefício citado, 2.750 cortes foram executados. Isso gerou uma economia de R$ 87,3 milhões.

As revisões nas aposentadorias por invalidez fizeram com que 665 benefícios fossem cessados. O Ministério do Desenvolvimento Social não informou a economia gerada por este corte.

Ao todo, 6.555 auxílios-doença e 14.995 aposentadorias por invalidez serão revisados, no Rio Grande do Norte, até o fim do ano.

Mais de 520 mil segurados, em todo o Brasil, beneficiários de auxílio-doença e de aposentadoria por invalidez estão sendo convocados, desde o dia 1º de março, para passar por nova perícia médica. Esta, é a segunda etapa do Programa de Revisão de Benefícios por Incapacidade, realizado pelo Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) desde 2016. As cartas de convocação estão sendo enviadas para os beneficiários de auxílio-doença e para os aposentados por invalidez com menos de 60 anos que estão, há mais de dois anos, sem passar por uma perícia médica. A metade dessa nova etapa de revisão é de que, ao longo de 2018, sejam analisados 1,2 milhão de benefícios por incapacidade, sendo 273.803 de auxílio-doença e 995.107 de aposentadorias por invalidez

O Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) começou a convocar neste mês mais 520 mil beneficiários do auxílio-doença e da aposentadoria por invalidez para realizar a perícia médica. As convocações fazem parte de mais uma etapa do Programa de Revisão de Benefícios por Incapacidade (PRBI), o chamado pente-fino do INSS, que segue até o fim deste ano. Confira abaixo como será a revisão desses benefícios:  

Convocação  

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), para essa etapa, foram chamados os beneficiários de auxílio-doença que estão há mais de dois anos sem passar por uma perícia médica e os aposentados por invalidez com menos de 60 anos. A convocação foi realizada por carta.  

Agendamento  

Quem recebeu a carta de convocação tem cinco dias úteis para agendar a perícia pelo número 135. O beneficiário que não fizer isso ou não comparecer na data agendada terá o benefício suspenso.  

Perícia  

No dia da perícia, o segurado deve levar a documentação médica disponível, como atestados, laudos, receitas e exames. A partir de agora, as avaliações devem ser mais ágeis. Isso porque 96% dos médicos peritos do INSS aderiram ao Programa de Gestão das Atividades Médico Periciais (Pgamp). O novo modelo flexibiliza o cumprimento da jornada de trabalho, o que irá reduzir o tempo de espera para todos os segurados 

Balanço  

Desde que começou, em 2016, o pente-fino do INSS realizou 252.494 perícias, com 201.674 benefícios cancelados. A ausência de convocados levou ao cancelamento de outros 26.701 benefícios. A economia até agora é de R$ 5,8 bilhões. A expectativa é economizar mais R$ 9,9 bilhões em 2018, totalizando cerca de R$ 15,7 bilhões ao longo do programa.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do INSS e do Ministério do Desenvolvimento Social

03
mar

Informes

Postado às 0:47 Hs

INSS orienta segurado que perdeu o prazo para Comprovação de Vida. Aposentados, pensionistas e demais beneficiários do INSS que não realizaram a Comprovação de Vida, até o dia 28 de fevereiro, por conta da greve dos vigilantes, ou por qualquer outro motivo, têm uma nova chance para fazê-la. O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) orienta que, tão logo termine a greve dos vigilantes e para não correr o risco de ficar sem o seu pagamento, o segurado deve comparecer, o mais rápido possível, à agência bancária onde recebe o pagamento do seu benefício. No banco, deverá regularizar a situação e reativar o pagamento, pois se o beneficiário não fizer a comprovação, o benefício é suspenso e, após um período é, então, cessado.

Os aposentados e pensionistas que recebem salário com base no regime do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) têm somente até esta quarta-feira (28) para fazer a Prova de Vida. Quem não fizer a comprovação de vida no prazo estabelecido poderá ter o pagamento do benefício interrompido. De acordo com o INSS, quase 32,6 milhões dos mais de 34 milhões de beneficiários realizaram a comprovação de vida até o momento.

Com isso, restam que cerca de 1,4 milhões de beneficiários compareçam aos bancos pagadores de seu benefício para realizar o procedimento. O INSS reforça que não é necessário comparecer a uma Agência da Previdência Social para realizar o recadastramento. O procedimento é uma atualização de dados cadastrais, com renovação de senha do cartão de pagamento do benefício, feita diretamente na agência bancária onde o segurado recebe seu pagamento mensal.

O prazo inicial para o comparecimento das pessoas que ainda não fizeram a comprovação de vida em 2017 terminaria em 31 de dezembro de 2017. No entanto, devido ao grande número de beneficiários que ainda não realizaram o procedimento, o prazo foi estendido até 28 de fevereiro de 2018.

21
fev

Informes

Postado às 14:53 Hs

Demonstrativo de IR do INSS já está disponível para consulta no site “meu.inss.gov.br”.  Os aposentados e pensionistas do INSS obrigados a apresentar a declaração do Imposto de Renda à Receita Federal – ano base 2017 – já podem acessar o demonstrativo de rendimentos no site do INSS. Cerca de 40 milhões de brasileiros devem declarar o imposto de renda este ano. O programa para preenchimento da declaração do IR 2018 será disponibilizado pela Receita na última semana de fevereiro e o prazo de entrega terá início já no começo de março.
Há em vigor no Brasil uma série de benefícios que distinguem o setor público do privado. Não é à toa que a busca por uma vaga na carreira, seja no Executivo, Legislativo ou Judiciário é tão grande. Entre essas vantagens está o regime de aposentadoria do funcionalismo. As regras garantidas aos servidores são diferentes. E devem ser revistas na proposta de reforma da Previdência que tramita na Câmara. Atualmente, trabalhadores da iniciativa privada que contribuem pelo teto têm direito à aposentadoria do INSS que é de R$ 5.531,31. Os servidores da União, por exemplo, que entraram no funcionalismo público antes de 2003, têm direito à aposentadoria integral, ou seja, continuam recebendo como aposentados o mesmo valor de rendimentos de quando pararam de trabalhar.
07
fev

Atendimento

Postado às 19:40 Hs

Carnaval altera atendimento nas Agências da Previdência Social e na Central 135.

As Agências da Previdência Social não irão funcionar na próxima segunda feira (12) e terça (13) devido ao carnaval. Na quarta feira (14), o atendimento ao público começa a partir das 14h. Na quinta feira (15), as agências voltam a funcionar normalmente.

Durante o período de carnaval, o horário de funcionamento da Central 135 também será alterado. No sábado (10), segunda (12) e terça (13), o atendimento será das 7h às 19h.(horário de Brasília). O atendimento da Central 135, será normal, das 7h às 22h, a partir da quarta feira (14).

05
fev

Automaticamente

Postado às 12:12 Hs

INSS vai conceder salário-maternidade automaticamente
Trabalhadoras não precisarão mais ir até um posto do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para requerer o salário-maternidade. A partir de hoje, a concessão desse benefício deve acontecer automaticamente.

A mudança será possível por meio de uma integração entre a base de dados do INSS com a dos cartórios do país. Isso permitirá que o INSS cheque se as mães das crianças registradas nos cartórios são seguradas e estão aptas ao recebimento do benefício.

Um dos argumentos mais usados por parlamentares contrários à reforma da Previdência é que o governo ignora os R$ 426 bilhões que as empresas devem ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e ataca só os gastos com benefícios. Com o valor sonegado, apontam, daria para pagar duas vezes o rombo esperado para 2018, de R$ 192,8 bilhões.

Já os favoráveis às mudanças não se cansam de lembrar que o país perde bilhões todos os anos devido à desatualização das regras, dinheiro que poderia ser investido em políticas públicas. Por mais que os discursos dos dois lados façam sentido e tenham embasamento técnico, o que ambos se esquecem de mencionar é que os partidos políticos devem R$ 12,8 milhões à Previdência Social, segundo dados da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN).

Por trás do debate político, eles deixam de pagar contribuições que, juntas, seriam suficientes para sustentar por um ano, com um salário mínimo (R$ 954), mais de mil famílias brasileiras.

01
fev

Informes

Postado às 18:15 Hs

Beneficiário tem até o dia 28 de fevereiro para realizar a comprovação de vida. Dos mais de 34 milhões de beneficiários do INSS, quase 30 milhões já realizaram a comprovação de vida. Até janeiro de 2018, 4,7 milhões de beneficiários ainda não compareceram aos bancos pagadores de seu benefício para realizar o procedimento. No Rio Grande do Norte 77.614 beneficiários ainda não realizaram a comprovação de vida.O prazo para o comparecimento das pessoas que ainda não fizeram a comprovação de vida em 2017 terminaria em 31 de dezembro de 2017, contudo, devido ao grande número de beneficiários que ainda não realizaram procedimento, o prazo foi estendido até 28 de fevereiro de 2018.
jul 21
sábado
04 39
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
27 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5726268 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram