08
mar

Informes

Postado às 18:43 Hs

Pedro Fernandes: vamos aprovar definitivamente a autonomia financeira

Durante debate entre os candidatos a reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), realizado nesta terça-feira, 7, no campus de Patu, o reitor Pedro Fernandes, candidato à reeleição, enfatizou o trabalho da gestão em busca da autonomia financeira da instituição. Pedro Fernandes lembra que a autonomia financeira é um desejo antigo da comunidade acadêmica, mas foi nesta gestão que o debate saiu dos muros da Universidade e hoje a proposta de autonomia tem respaldo em duas leis estaduais.

“Conseguimos incluir no Plano Plurianual (PPA) e no Plano Estadual de Educação metas para a implantação da autonomia financeira da Universidade”, informa Pedro Fernandes, destacando que a luta agora é fazer com que essa proposta de autonomia seja aprovada em lei.

O reitor explica que hoje a Universidade possui autonomia de gestão, porém não tem autonomia financeira. “A autonomia possibilitará que a universidade receba o financeiro em forma de duodécimo. Essa mudança facilitará o trabalho de planejamento e investimento na comunidade acadêmica”, frisa Pedro Fernandes.

E complementa: “Fomos atrás da autonomia e vamos aprová-la definitivamente. E temos a certeza de que a gente conseguiu avançar muito sem a autonomia, e com a autonomia a gente vai poder avançar muito mais”, finaliza.

07
mar

Em debate

Postado às 11:01 Hs

“Estamos fazendo todo o possível para a Uern ser referência”, diz Pedro Fernandes. Na noite desta segunda-feira, 6, a comunidade acadêmica acompanhou o primeiro debate entre os candidatos a reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern). O encontro, promovido pela Associação dos Docentes da Uern (Aduern), ocorreu no Campus Avançado Professora Maria Elisa de Albuquerque Maia (Cameam), em Pau dos Ferros. Em sua apresentação, o reitor Pedro Fernandes, candidato à reeleição, destacou os avanços conquistados na Uern nos últimos anos. “Hoje temos uma instituição consolidada, com todos os seus cursos reconhecidos e bem avaliados”, frisa o professor. Pedro Fernandes ressaltou ainda a expansão dos cursos de pós-graduação. A Universidade ampliou de três para mais de 20 cursos de mestrados, instalados em quatro municípios do interior do estado.Mesmo diante de dificuldades financeiras, a Universidade buscou convênios e parcerias para não comprometer o investimento e custeio. Inclusive, no ano passado, conseguiu fazer um concurso público para otimizar os serviços na entidade. “Nenhuma instituição do Estado fez concurso público em 2016 por causa de dificuldades financeira, e nós conseguimos, sensíveis as demandas da instituição, como a contratação de bibliotecários para os campi, analista de sistema para o campus de Pau dos Ferros, por exemplo”. Para Pedro Fernandes, o trabalho com base no diálogo desenvolvido nos últimos anos tem possibilitado significativas e perceptíveis melhorias em todos os campi da Uern. “Temos muito que avançar, mas estamos fazendo todo o possível para a Uern ser referência na formação de estudantes”, enfatiza.
02
fev

Informativo

Postado às 2:29 Hs

UERN cobra do Ministério da Educação apoio para Hospital Universitário.

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) se fez presente na solenidade de inauguração da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal da Maternidade Escola Januário Cicco em Natal.

Convidado a discursar pelo cerimonial da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), o reitor da UERN, Pedro Fernandes Ribeiro Neto, destacou a importância da construção de um Hospital Universitário em Mossoró onde existem duas faculdades de medicina públicas (a outra é da UFERSA).

Pedro Fernandes lembrou da recente avaliação do curso de Medicina da UERN, cujo resultado positivo provocou a recomendação da construção de um Hospital Universitário vinculado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), empresa pertencente ao Ministério da Educação. “Nós temos um curso de Medicina em Mossoró que passamos por um processo de reconhecimento há poucas semanas. Apontaram um pequeno desafio embora o curso esteja muito bem, mas falta um hospital”, frisou.

O reitor ainda lembrou da importância das universidades estaduais no trabalho de interiorização do ensino superior. “As instituições estaduais também têm cumprido de forma satisfatória a expansão do ensino universitário do nosso país”, concluiu.

O reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) Pedro Fernandes Ribeiro Neto aproveitou a presença do ministro da educação Mendonça Filho em Natal para cobrar a liberação de recursos do Programa Nacional de Assistência Estudantil para as Instituições de Ensino Superior Estaduais (PNAEST).

Na oportunidade o reitor entregou ao ministro um ofício em que mostra a UERN tendo direito a R$ 2.250.000,00 por ter comprometido 100% das 2.216 vagas da instituição no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) em 2016. Com as vagas disponibilizadas em 2017 os valores saltaram para R$ 6,540.000,00.

Em outro trecho o documento explica que graças ao sistema de cotas da UERN 75% dos alunos da universidade estão em situação de vulnerabilidade socioeconômica o que reforça a necessidade do envio dos recursos para a assistência estudantil. “A UERN cumpre um papel importante ao ofertar cursos de graduação em todas as regiões do Rio Grande do Norte e precisa desses recursos”, explicou o reitor.

O ministro ao receber o documento disse que a questão seria analisada com a devida atenção tendo em vista que a UERN tem o direito a receber os recursos cobrados.

 

27
jan

Eleições na UERN

Postado às 22:20 Hs

Pedro Fernandes e Fátima Raquel defendem projeto de fortalecimento da Uern. Professores, técnicos e estudantes de diferentes departamentos da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) acompanharam o registo de candidatura do reitor Pedro Fernandes, que concorre à reeleição, e a professora Fátima Raquel, para o cargo de vice-reitor da Instituição. O ato ocorreu na tarde desta quinta-feira, 26, na sede reitoria da Universidade. O reitor Pedro Fernandes informa que sua decisão de se candidatar à reeleição atende um desejo de representantes de vários segmentos da Universidade, que querem dar continuidade ao projeto de desenvolvimento e fortalecimento que vem sendo realizado na Universidade. Para o professor João Batista Xavier, que está na Uern desde 1977, Pedro Fernandes conseguiu muitas conquistas para a Universidade, mesmo em um momento de crise e de dificuldades financeiras. Hoje, segundo os professores que apoiam este projeto, a Uern vivencia um momento de solidez acadêmica. De acordo com o reitor Pedro Fernandes, atualmente, todos os cursos da Universidade são reconhecidos
26
jan

Registro

Postado às 11:41 Hs

Pedro Fernandes e Fátima Raquel registram candidatura em pleito da Uern

O professor e reitor Pedro Fernandes e a professora Fátima Raquel realizam nesta quinta-feira, 26, o registro de suas candidaturas a reitor e vice-reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), respectivamente. O registro junto à Comissão Eleitoral será às 14h, na sede da Reitoria.

Conforme a Instrução Normativa para o processo de composição da lista tríplice que apontará a escolha da comunidade acadêmica para os cargos de Reitor e Vice-Reitor da Uern, para o quadriênio 2017/2021, a propaganda e demais atividades de campanha das candidaturas serão permitidas do período de 17 de fevereiro a 21 de março. A eleição ocorrerá no dia 23 de março, das 8h às 22h.

Esta será a primeira eleição para a reitoria da Uern em que será adotada a paridade de votos, ou seja, os votos dos três segmentos da universidade: docentes, técnicos e estudantes, terão o mesmo peso. A mudança, defendida por Pedro Fernandes em sua carta proposta na última eleição, foi aprovada pelo Conselho Universitário (Consuni/UERN) no ano passado.

Pedro Fernandes é mestre e doutor em Engenharia Elétrica. Foi idealizador do curso de Ciência da Computação e do mestrado em Ciência da Computação na Uern, desenvolvido em parceria com a Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa). Foi coordenador do curso de ciência da computação, chefe Chefe do Departamento de Informática, Diretor de Pós-Graduação e o Pró-reitor de Pesquisa e Graduação. Em 2012, foi eleito reitor da Universidade.

Fátima Raquel, que compõe a chapa da situação no cargo de vice, é professora da Faculdade de Enfermagem e no Mestrado Acadêmico em Saúde e Sociedade. Atualmente, é Pró-Reitoria de Planejamento, Orçamento e Finanças da Uern, e está à frente do trabalho para a autonomia financeira da Uern, inclusive conseguiu inserir o tema em duas Leis estaduais: o Plano Plurianual, 2016 a 2019, e Plano Estadual de Educação, 2015 a 2025.

 

17
nov

Papel da Uern

Postado às 21:22 Hs

Audiência discute papel da Uern em meio à sugestão de privatização. O papel da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte para o Estado, no contexto social, econômico e cultural, foi discutido em audiência pública na Assembleia Legislativa nesta quinta-feira (17). A proposição do debate foi do deputado Fernando Mineiro (PT). “É importante que tragamos esse assunto a público para mensurar a importância dessa instituição no momento em que há sugestão para privatizá-la para minimizar os impactos financeiros para o Estado”, iniciou o propositor da matéria, antes de facultar a palavra aos convidados. Reitor da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte, o professor Pedro Fernandes considerou que a instituição é a única do tipo superior pública atrelada ao Estado.
16
jun

Em debate

Postado às 20:52 Hs

O papel da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) foi tema de uma audiência pública promovida nesta terça-feira (16), pela Assembleia Legislativa do RN – uma proposição do deputado George Soares. Em debate, a solução para o impasse que deflagrou a greve dos professores e técnicos da UERN no dia 22 de maio. Com a participação de professores, técnicos e estudantes, a Audiência Pública também contou com a presença de autoridades ligadas ao Governo do Estado, Ministério Público e Associação Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (ANDES), além de deputados, vereadores e o prefeito de Pau dos Ferros, Fabrício Torquato. Em sua fala, o Reitor Pedro Fernandes fez uma abordagem sobre o Ensino Superior Nacional e citou a Lei de Diretrizes Básicas (LDB), dentre outras legislações que asseguram a legitimidade das Universidades Estaduais. “Muitos insistem na federalização, mas essa é uma discussão vencida”, ressaltou o Reitor Pedro Fernandes. Sobre a negociação salarial, o Reitor Pedro Fernandes assegurou que o reajuste de 12,035%, referente à primeira parcela do acordo salarial, não ultrapassa o orçamento da UERN para 2015.
O programa RN Sustentável, que está sendo desenvolvido pelo Governo do Estado com financiamento do Banco Mundial, já iniciou o processo licitatório para a contratação dos projetos de engenharia e arquitetônico do Hospital/Ensino Materno-Infantil de Mossoró, que será construído no Campus Central da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte(UERN). A informação foi dada nesta segunda-feira, 06, pela gerente do RN, Ana Pêta, que representa a Secretaria Estadual de Saúde Pública, durante audiência do reitor Pedro Fernandes com o Secretário Estadual de Saúde, Ricardo Lagreca.

Destacando que o Hospital Materno-Infantil é a obra mais representativa da saúde no RN Sustentável, Ana Pêta esclareceu que estão sendo feitas as especificações do projeto como quantidade de médicos e enfermeiros e serviços que serão ofertados, entre eles: Casa da Gestante; alojamentos, Banco de Leite e outros. O Hospital, que será construído dentro dos moldes do Ministério da Saúde, contará com 130 leitos, sendo 30 de UTI (neo-natal, pediátrico e adulto) e será referência para Mossoró e regiões do Vale do Açu e Oeste.

“É uma obra de R$ 17 milhões e a maior do RN Sustentável na saúde”, confirma o secretário de Saúde, Ricardo Lagreca, para quem o Hospital fará uma transformação em termos de assistência, oferecendo cidadania com tratamento humanizado. “Na hora em que o Hospital estiver atendendo bem, a Universidade estará ensinando bem”, completa o secretário. Na crise materno-infantil pública e privada, o novo Hospital de Mossoró será o melhor do Estado porque contará com estrutrura física e equipamentos modernos e terá capacitação e ensino. O Hospital servirá de campo de estágio para os alunos de Medicina, Enfermagem, Serviço Social e Educação Física, além da qualificação dos profissionais, através das residências médicas já ofertadas pela UERN nas áreas de Pedriatria, Ginecologia e Obstetrícia.

Para o reitor Pedro Fernandes, a graduação e a pós-graduação na UERN estarão integradas à assistência ao cidadão. A concepção do Hospital é prestar atendimento à população e fortalecer a formação dos novos profissionais na Universidade, possibilitando condições dos egressos a permanecerem na região em virtude das residências médicas e, ainda, pela qualidade dos serviços de saúde que o Hospital ofertará.

Parceria- O reitor Pedro Fernandes solicitou audiência com o prefeito Francisco José Júnior e secretária de Saúde de Mossoró, Leodise Cruz, para propor parceria para o Hospital Materno-Infantil. Ele entende que UERN, Estado e Município, com o apoio do Banco Mundial, poderão promover avanços significativos na saúde pública do RN com o novo Hospital.

O Hospital/Ensino Materno-Infantil de Mossoró também terá como diferencial a atenção humanizada ao aborto (entre os leitos obstétricos) e atendimento aos casos de violência sexual.

Fonte: Assessoria
01
abr

Lançamento

Postado às 9:16 Hs

Contribuir de forma participativa com a comunidade estudantil destacando atividades socioculturais e educativas da instituição, além de divulgar eventos socioculturais em Mossoró e região. Foi com esse objetivo que o Reitor da Universidade do Estado do do Rio Grande do Norte (UERN), Prof. Pedro Fernandes Ribeiro Neto inaugurou, oficialmente, a UERN TV. A solenidade de lançamento aconteceu na manhã da terça-feira (31), no Centro de Convivência Garibaldi Alves Filho, no Campus Central, em Mossoró, e contou com a presença do Vice-Reitor, Prof. Aldo Gondim Fernandes, do Chefe do Departamento de Comunicação (DECOM), Prof. Fabiano Morais, do Pró-Reitor de Extensão, Etevaldo Almeida, além de professores, alunos, artistas e impressa local. O Reitor da UERN, Prof. Pedro Fernandes, destacou ser de grande importância o trabalho da comunicação no seu papel de cidadania, frisou a contribuição de forma participativa com exibição dos programas televisivos e cobertura de eventos, além de mencionar o ensino e a aprendizagem como praticas educativas que constroem a cada dia um novo cidadão.
10
mar

Em destaque

Postado às 16:17 Hs

A convalidação dos diplomas dos cursos oferecidos nos Núcleos Avançados de Educação Superior da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) foi apontado como gesto significativo e concreto do novo governo na instituição. O destaque foi feito pelo reitor Pedro Fernandes na reunião do primeiro bimestre da atual gestão, nesta segunda-feira, 09, que também ressaltou a renovação e reconhecimento de todos os cursos de graduação e o credenciamento dos campi de Natal e Caicó. Ao fazer um relato das ações da UERN, o reitor disse que os decretos assinados, e publicados no Diário Oficial do Estado (DOE), são frutos de uma discussão contínua com o Conselho Estadual de Educação (CEE). “A UERN tomou a dura decisão, porém responsável, de não abrir mais vagas nos 11 Núcleos Avançados de Educação Superior com o propósito de regularizar os diplomas e hoje podemos festejar essa conquista cientes da necessidade de expansão”, explicou o reitor, enfatizando que os decretos do governo, por meio da Secretaria Estadual de Educação (SEEC), legitimam a decisão plenária pelo Conselho Estadual de Educação. O reitor disse que desde o início, sua gestão vem mantendo diálogo com o CEE por considerar fundamental o reconhecimento dos cursos e a validação dos diplomas dos Núcleos para o fortalecimento da instituição
03
mar

Informes

Postado às 11:01 Hs

O reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), Pedro Fernandes, se reuniu na tarde desta segunda-feira, 02, com a diretoria da Associação dos Docentes (ADUERN). Na ocasião, foram repassadas informações do diálogo entre a administração da Universidade com o governo do Estado sobre o aumento salarial que foi acordado na gestão passada. O reitor mostrou os números que foram apresentados ao governador Robinson Faria e ao gabinete civil do Estado, confirmando que o orçamento da UERN que é de R$ 256,8 milhões comporta a primeira parcela de 12,035%, sem que haja necessidade de suplementação. “Não há aumento além da média de 12% dos últimos 13 anos e também não haverá impacto na folha de pessoal”, explicou o reitor, acrescentando que o aumento nos salários dos professores e técnicos administrativos não causará nenhum conflito com a instrução normativa do governo do Estado que impede aumento de despesas de pessoal para não ferir a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Uma das medidas que permitiram a UERN ajustar o aumento ao orçamento de 2015 foi a adoção do teto salarial para todos os servidores da instituição.
01
dez

RN Sustentável

Postado às 17:45 Hs

O Reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, professor Pedro Fernandes, fará palestra dentro do I Seminário de Avaliação da Implementação do programa RN Sustentável, no próximo dia 8. Ele abordará o tema “A Melhoria dos Serviços Públicos para o Desenvolvimento Humano”. O painel terá como mediadores André Loureiro e Madalena Santos, especialistas em educação do Banco Mundial. O objetivo do painel temático que será realizado das 11h às 12h30, é apresentar e debater lições aprendidas e os resultados alcançados na implementação do componente “Melhoria dos Serviços Públicos” , seguindo as metas estabelecidas pelo Banco, parceiro do governo do Estado no Programa “RN Sustentável”. A UERN foi incluída no Programa com a maior obra de saúde pública que é o Hospital/Ensino Materno-Infantil que será construído no campus universitário central em Mossoró, além de outras ações como capacitação profissional.
Um dia depois de retornar de Brasília onde teve o compromisso da bancada federal de alocar recursos no Orçamento Geral da União (OGU/2015) para a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), o reitor Pedro Fernandes visitou, nesta quinta-feira, 20, a Assembleia Legislativa. No legislativo estadual, o reitor também recebeu a garantia de que a UERN será beneficiada com emendas parlamentares. Foi assim com a deputada Larissa Rosado, que já decidiu que a UERN mais uma vez terá prioridade na sua cota individual. Embora não tenha decidido valores, a deputada assegurou que destinará recursos no OGE dentro das prioridades apontadas pelo reitor, que são acessibilidade, rede elétrica e internet para melhorar a assistência estudantil em todo o âmbito da instituição. O deputado George Soares também já assegurou emenda direcionada ao Campus Avançado “Walter de Sá Leitâo” para infraestrutura, destacando-se entre os benefícios, a construção do primeiro laboratório de solo, sementes e minérios do Rio Grande do Norte, do curso de Geografia. O reitor também manteve contato com o líder do governo, deputado Getúlio Rego. que garantiu a renovação de emenda para a instituição.
25
set

Celebrando

Postado às 10:18 Hs

UERN realiza Missa de Ação de Graça no dia 26 na Capela de São Vicente

A Missa de Ação de Graça pela passagem do quadragésimo sexto aniversário de Fundação da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) será realizada na sexta-feira (26), a partir das 19h, na Capela de São Vicente, localizada na Avenida Alberto maranhão, centro.

Na oportunidade, o Reitor da UERN, Prof.Dr. Pedro Fernandes Ribeiro Neto, convida a comunidade acadêmica para participar da celebração religiosa que marca o quadragésimo sexto aniversário de fundação da Instituição de Ensino Superior.

04
set

FIQUE SABENDO…

Postado às 10:14 Hs

 

# Doação

Há anos guardando com muito zelo parte da história da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), em seu arquivo pessoal, o ex-reitor Padre Sátiro Cavalcanti Dantas resolveu doar seu acervo para o Núcleo de Documentação e Pesquisa Histórica e Laboratório Oral e Imagem da instituição. “Guardei os documentos esperando que um dia eles pudessem ser organizados em um único local”, disse Padre Sátiro, ao receber nesta quarta-feira, 03, a visita do reitor Pedro Fernandes acompanhado do diretor do Núcleo, Lemuel Rodrigues. Padre Sátiro já havia dado ao reitor cópias da Lei sancionada pelo prefeito Dix-huit Rosado passando a titularidade do Clube Aceu à UERN e cópia da resolução que criou o primeiro Campus Avançado “Walter de Sá Leitão”, de Assu, que está completando 30 anos. Na coleção do professor e sacerdote, a Universidade vai poder resgatar episódios importantes, entre eles, o processo de estadualização em que Sátiro é considerado um dos principais baluartes. Padre Sátiro não esconde a satisfação de ver a história da UERN preservada e já acertou com o professor Lemuel que o arquivo pessoal sobre a Universidade vai ser repassado ao Núcleo, em breve. O reitor Pedro Fernandes considerou o gesto de Padre Sátiro grandioso pelo desapego à parte de seu arquivo pessoal e pela dedicação do ex-reitor em manter a memória da instituição.

# Tropas Federais

Na sessão administrativa dessa quarta-feira (3), o Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou o envio de força federal para 36 municípios do Rio Grande do Norte durante a realização das Eleições 2014. A requisição foi relatada pela ministra Luciana Lóssio. Foi aprovado o envio de força federal para os seguintes municípios: Macaíba, Ielmo Marinho, Goianinha, Tibau do Sul, Espírito Santo, São José de Campestre, Monte das Gameleiras, Serra de São Bento, Caicó, Carnaubais, Ipanguaçu, Mossoró, Serra do Mel, Baraúna, Apodi, Felipe Guerra, Itaú, Severiano Melo, Rodolfo Fernandes, Caraúbas, Umarizal, Olho D’Água dos Borges, Luís Gomes, José da Penha, Major Sales, Paraná, Monte Alegre, Lagoa Salgada, São Fernando, Timbaúda dos Batistas, Pendências, Alto dos Rodrigues, Pedro Avelino, Cruzeta, São José do Seridó, Coronel Ezequiel. O pedido de envio de força federal foi apresentado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), com base em solicitação de juízes eleitorais, para a manutenção da ordem e da segurança pública no dia da eleição nos municípios informados.

# Prefeito entrega auditoria ao MP

O relatório da auditoria da folha de pessoal da Prefeitura de Mossoró foi entregue ao Ministério Público pelo prefeito Francisco José Júnior, nesta quarta-feira (3). A auditoria foi realizada por uma equipe da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). De acordo com o prefeito, a auditoria revela ao menos 10 pontos obscuros. Um deles, o “desaparecimento” de 622 servidores, com lotação incerta. O MP deve avaliar o relatório. O MP adotará as medidas necessárias, independentemente dos procedimentos que serão tomados pela gestão municipal.

# Comenta-se !

Sem data ainda para ser julgado está nas mãos do ministro Gilmar Mendes um pedido de liminar da ex-prefeita cassada e afastada, Cláudia Regina (DEM) que  deseja voltar ao cargo que ocupou por nove meses. Cláudia Regina hoje é cotada para ocupar a Secretaria de Ação Social caso Henrique seja o vitorioso no pleito de outubro. Comenta-se que o retorno da prefeita é questão de tempo. Cláudia Regina estaria confiante perante sua militância.

28
ago

Nota

Postado às 21:22 Hs

Nota de Esclarecimento

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte – UERN assinou contrato com a Prefeitura Municipal de Mossoró, para o fim de realizar um estudo de conformidade da sua Folha de Pessoal. Durante período definido, uma equipe constituída por professores e alunos tecnicamente capacitados, provenientes da Faculdade de Ciências Econômicas – FACEM, executou o trabalho com dedicação. No dia 13 de junho de 2014, o resultado dessa análise foi entregue ao Excelentíssimo Senhor Prefeito do Município, Francisco José da Silveira Júnior. Desde então, a UERN foi convocada, oficialmente, apenas uma vez, para prestar esclarecimentos técnicos sobre o trabalho em referência, o que foi prontamente respondido pela equipe.

Quanto à capacidade institucional, no que diz respeito à formação técnica e científica de professores e alunos, podemos confirmar, sem contestação, o ensino de excelência ofertado nesta instituição. Prova disso é o sucesso profissional de quantos passaram pelos seus bancos, ou seja, a conquista de destaque em âmbito local, estadual e nacional.

Lamentamos, portanto, que, por desconhecimento dessa realidade, em momentos de embates políticos, seja obscurecida, ou posta em dúvida, a formação acadêmica na UERN, consequentemente, o papel que lhe cabe no desenvolvimento do Rio Grande do Norte.

Assim, a UERN, como uma instituição pública, encontra-se, como sempre esteve, à disposição para mostrar o seu trabalho à comunidade em geral.

Mossoró-RN, 28 de agosto de 2014.

Prof. Dr. Pedro Fernandes Ribeiro Neto

28
ago

UERN adotará ENEM e PSV para 2015

Postado às 6:36 Hs

Em reunião extraordinária nesta quarta-feira, 27, o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE), da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), aprovou uma nova forma de ingresso na instituição para este ano. A UERN vai adotar 40% de ingresso pelo Processo Seletivo Vocacionado Integrado (PSVI) e 60% pelo Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM). O processo seletivo misto foi aprovado por 15 votos a favor, 2 abstenções e nenhum voto contra. Antes, o CONSEPE aprovou a recomendação do Ministério Público (MP) por 14 votos a favor e 2 abstenções. “Abstive-me de votar pelo sistema misto porque entendo que os alunos já estão acostumados com o ENEM e também porque, com essa nova forma, a UERN vai perder recursos”, justificou o estudante do 7º ano de Comunicação, Francisco das Chagas de Medeiros, para quem a integralidade daria mais suporte à política estudantil da instituição.
set 22
domingo
03 25
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
26 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5798949 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram