12
ago

FIQUE SABENDO…

Postado às 12:11 Hs

# Marina sumida…

Anda cada dia mais difícil concorrer com a realidade, mas o delicioso site de humor Sensacionalista sempre consegue se superar. Nesta sexta-feira (11), publicou um post impagável brincando com a história do rapaz acreano pseudoesquisito que escreveu nas paredes do seu quarto um livro pseudoesquisito, que conseguiu fazer isso de forma pseudoesquisita sem que seus pais percebessem nada, que desapareceu de forma pseudoesquisita por cinco meses, deixou pseudoesquisitas procurações e orientações sobre direitos autorais e voltou agora, de forma pseudoesquisita depois que seu livro pseudoesquisito já figura na lista dos mais vendidos. Segundo o Sensacionalista, o menino voltou, mas resta o mistério do inexplicável desaparecimento de outra menina acreana, Marina Silva. De fato, é impressionante o sumiço de Marina Silva do debate nacional. Nas duas últimas eleições, Marina apareceu com uma mensagem de novidade. Em 2010, era alguém que tinha saído do PT rompida com a opção do governo Lula de abandonar bandeiras históricas, especialmente na área ambiental. Ela deixara o Ministério do Meio Ambiente após uma trombada justamente com a então ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, por não aceitar pressões para conceder licenças ambientais para grandes obras que Dilma, então a “mãe do PAC”, tocava. Saía candidata pelo PV vendendo a ideia de opção de esquerda ao PT. Logo depois, ela deixava o PV e iniciava o caminho para fundar a Rede.

# Produto do Crime

A Procuradoria Regional da República da 4.ª Região afirmou ao Tribunal Federal da 4.ª Região (TRF4) que o confisco de bens do ex-presidente Lula é ‘absolutamente legal’. O parecer foi dado em mandado de segurança da defesa de Lula na 2.ª instância contra o bloqueio decretado pelo juiz Sérgio Moro, da Operação Lava Jato. “A decisão combatida decretou o sequestro dos bens do ex-presidente para recuperação do produto do crime e o arresto dos mesmos para garantir a reparação dos danos”, afirmou o procurador regional da República Mauricio Gotardo Gerum. Por ordem de Moro, em 14 de julho, o Banco Central bloqueou R$ 660 mil, três apartamentos e um terreno, todos os imóveis em São Bernardo do Campo, Grande São Paulo, e também dois veículos do petista. O ex-presidente sofreu, ainda, o embargo de aplicações na previdência no montante de R$ 9 milhões.

# Violência no RN ainda é alta

O Rio Grande do Norte segue apresentando altos índices de crimes contra a vida. Segundo levantamento feito pelo Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO) – instituto que contabiliza e analisa delitos dessa natureza – o estado chegou a 1.500 assassinatos registrados somente este ano. O número foi atingido nesta sexta-feira (11) e a média de vítimas por 100 mil habitantes é de 42,77. “A violência e a insegurança são promovidas pelo próprio governo do Rio Grande do Norte, quando, para se esquivar de sua responsabilidade, insiste em criar bodes expiatórios para seus próprios erros. A prova disso é que chegamos a 1500 CVLIs (Condutas Violentas Letais Intencionais) nesses 222 dias de 2017”, critica o especialista em gestão e políticas de segurança pública Ivenio Hermes, que também é coordenador do Observatório.

# PSB Nacional em crise

Com o vácuo de liderança deixado pelo presidenciável Eduardo Campos, cuja morte completa três anos no domingo (13), o Partido Socialista Brasileiro se vê na iminência de uma debandada, às voltas com divergências internas e discordâncias sobre os rumos programáticos. Agregador e com visibilidade, Campos atraiu nomes dificilmente identificáveis com a bandeira socialista e que hoje puxam a fila de dissidências -com Heráclito Fortes (PI) à frente, mais de dez deputados dizem estar com “a faca nas costas” e devem migrar para o DEM. Ruralistas filiados por Campos hoje batem cabeça com “socialistas históricos” como o presidente da sigla, Carlos Siqueira, em debates como o das reformas econômicas. A decisão de votar a favor da denúncia contra Michel Temer coroou a divisão pessebista na Câmara.

# Mudança de partido

Com a filiação do ex-prefeito de São Gonçalo do Amarante, Jaime Calado, ao Partido da Mulher Brasileira (PMB), aumentam as chances da sua esposa e deputada federal Zenaide Maia também acompanhar a decisão. No entanto, isso só vai acontecer se ela for expulsa do partido ou quando vier a janela – período em que deputados podem alterar a filiação partidária sem perderem o mandato. No final de 2016, após ter votado na Câmara dos Deputados contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que previa o estabelecimento de um teto para os gastos públicos, carro-chefe do início do governo de Michel Temer (PMDB), Zenaide foi suspensa pelo PR – que havia fechado questão favoravelmente em relação ao assunto – pelo prazo de um ano. Em tempo Zenaide não esconde de ninguém o desejo de uma possível disputa ao Senado no pleito de 2018, já que o seu irmão João Maia deverá disputar uma cadeira na Câmara Federal.

03
out

Estréia

Postado às 18:56 Hs

PMB obtém mais de 5 mil votos em sua primeira disputa eleitoral

O Partido da Mulher Brasileira (PMB) em Mossoró obteve 5.382 votos em sua primeira disputa eleitoral na segunda maior cidade do Rio Grande do Norte. Foi reeleito o vereador Alex do Frango, para o segundo mandato na Câmara Municipal, com 2.040 votos. Dois candidatos tiveram votação expressiva. Wellington do Samu, com 1.593 votos, e Genildo da Barrinha, com 1.362 votos.

Fundada em fevereiro deste ano, a legenda lançou nove candidaturas a vereador e já possui 220 filiados. “O resultado da expressiva votação do PMB mostra que a população já apoia este projeto. Agradecemos a toda a militância, candidatos e a cada um que está ao nosso lado”, concluiu a presidente municipal do partido, Leodise Cruz.

01
jul

Repercute

Postado às 8:05 Hs

PMB e Solidariedade discutem aliança na proporcional em Mossoró

Dirigentes municipais do Partido da Mulher Brasileira (PMB) e do Solidariedade se reuniram na noite desta quinta-feira, 30, para tratar de uma possível aliança na chapa proporcional para as eleições municipais deste ano, em Mossoró. O encontro reuniu pré-candidatos a vereadores das duas legendas, além da presidente do PMB, Leodise Cruz, do presidente do Solidariedade e vereador, Soldado Jadson, e do vereador Alex do Frango (PMB).

Segundo a presidente do PMB em Mossoró, Leodise Cruz, as duas legendas tendem a caminhar juntas nas chapas proporcionais. “Foi um encontro muito produtivo, onde ouvimos sugestões e podemos fazer encaminhamentos importantes para uma união dos dois partidos nas proporcionais”, comemorou. O presidente do Solidariedade, Soldado Jadson, também destacou a importância do encontro. “Os dois partidos participarão ativamente das eleições, já contando com diversos pré-candidatos a vereadores. Nós iremos fortalecer o diálogo com o PMB, que tem sido muito proveitoso, e continuar recebendo sugestões de integrantes duas legendas”, afirmou.

18
jun

Encontro

Postado às 17:20 Hs

Índice

Encontro mostra força do PMB em Mossoró

 

O Partido da Mulher Brasileira (PMB) deu uma demonstração de força política durante o I Encontro Municipal da legenda em Mossoró. Realizado nesta sexta-feira, 17, na Câmara de Vereadores, o evento reuniu dirigentes e lideranças políticas de diversas regiões do Estado. A presidente do PMB em Mossoró, Leodise Cruz, destacou que o partido chegou na cidade em fevereiro deste ano e já possui mais de 200 filiados e um representante na Câmara Municipal. “Nós pretendemos manter a cadeira que temos no legislativo local, com o vereador Alex do Frango e ampliar a nossa representatividade. Estamos trabalhando firmes para isso”, afirmou.

O presidente do partido no RN, Raimundo Mendes Alves, também destacou a força do partido no estado e elogiou a mobilização desta sexta. “Esse evento reafirma o que já havíamos dito: o PMB, em Mossoró, já nasceu forte e com grande representatividade política de peso”, pontuou. Ainda durante o evento, novos filiados se integraram ao partido. Uma delas foi Kallyne Veras. “Estou muito feliz em fazer parte desta mobilização, que já demonstra sensibilidade social e desenvoltura política na cidade”, frisou.

 Evento reúne partidos

O I Encontro do PMB reuniu diversas lideranças políticas e dirigentes partidários. Representantes do Solidariedade, PTdoB, PT, PSD, PPL, PTB, PMN, PEN, PRB, PV e PHS estiveram presentes. Também estiveram presente pré-candidatos a vereadores, filiados, simpatizantes

16
jun

Encontro

Postado às 12:35 Hs

PMB realiza I Encontro Municipal nesta sexta

O Partido da Mulher Brasileira (PMB) realizará o I Encontro Municipal do PMB. O evento se dará nesta sexta-feira, 17, na Câmara Municipal de Mossoró, às 17h, e contará com a presença da presidente do partido em Mossoró, Leodise Cruz, e do presidente estadual da legenda, Raimundo Mendes. O encontro também contará com a participação de pré-candidatos a vereadores, de presidentes municipais de diversas legendas e de filiados e simpatizantes do partido. Com o encontro municipal, o partido larga na frente na corrida eleitoral e já demonstra força no cenário regional, tendo filiados mais de 200 pessoas, só nos últimos quatro meses, na segunda maior cidade do RN.

De acordo com a presidente da legenda em Mossoró, Leodise Cruz, o partido, recém formado no município, pretende se fortalecer. “O PMB já inicia com um número grande de filiados e mostrando a sua força, não só no RN, mas também em Mossoró, onde já possui representante na Câmara de Vereadores. Temos planos e metas para mostrar crescimento, aumentando o número de representantes e filiados”, afirma. Ainda de acordo com a presidente, o encontro também objetiva buscar novos filiados. “É um partido novo em Mossoró, pautado no reconhecimento, na consolidação e na valorização da mulher, sem a exclusão masculina no cenário, que luta pela igualdade dos direitos e por um país mais justo e igualitário”, conclui.

 

19
mar

Em destaque

Postado às 12:11 Hs

Índice
O diretório municipal do Partido Social Democrático (PSD) em Mossoró realizou nesta sexta-feira (18) o encontro municipal do partido, que reuniu filiados, convidados e recebeu novas filiações de pessoas que comungam com os princípios e ideais do partido, e que desejam ingressar na legenda. Atualmente, o PSD possui grande expressão política no país e no Rio Grande do Norte, sendo considerado um dos mais fortes do Estado, contando em seus quadros com o governador do RN, Robinson Faria e o deputado federal Fábio Faria. Em Mossoró, o partido conta com o prefeito Francisco José Júnior e o presidente da Câmara Municipal, vereador Jório Nogueira, além da também vereadora Cícera Nogueira. O partido conta ainda com nomes de grande expressão no cenário político mossoroense, como os ex-vereadores Maria das Malhas e Daniel Gomes e grandes lideranças políticas como Fábio Bento, Mocinha, o palhaço Fuxiquinho, Jarda Jacinta, Jacira, Flávio Roberto, Ariosvaldo, Arthur Mafra, Stela Rocha, Rocelito Miranda, Lucas Fernandes, entre outros, sendo considerado o partido mais forte para concorrer às eleições de 2016, com a expectativa de conquistar cinco cadeiras na Câmara Municipal no próximo pleito.
21
fev

* * * Quentinhas … * * *

Postado às 18:13 Hs

* * * O deputado estadual José Dias estará aproveitando a janela partidária para trocar de partido. Rompido com o governador Robinson Faria, desde o início da gestão, José Dias sairá do PSD e assinará filiação ao PSDB, comandado no Estado pelo deputado federal Rogério Marinho. Inclusive, o PSDB estará realizando em março, um grande evento de filiação onde receberá filiações de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores de várias cidades do Estado. * * *

* * * Novas siglas…O caminho partidário da ex-governadora e atual vice-prefeita de Natal, Vilma de Faria, ex-PSB, está entre ir para o PR comandado no Estado pelo ex-deputado federal João Maia ou assumir o controle estadual do recém criado PMB (Partido da Mulher Brasileira). Apesar da incerteza partidária, uma coisa está definida. Estarão juntos DEM, PR e Vilma. E sobre candidaturas, duas postas na mesa da ex-governadora: a candidatura de Márcia Maia prefeita pelo PR e Vilma de Faria candidata a vereadora. * * * 

* * * O deputado federal Rafael Motta destaca que o PSB está decidido a ter candidato próprio a prefeito de Natal. Ele afirma primeiro que está à disposição para concorrer nas eleições majoritárias deste ano para, em seguida, descartar compor em uma aliança na qual o Partido Socialista Brasileiro apoiaria outro candidato. “O PSB terá candidato”, disse ele em entrevista à Tribuna do Norte. * * *

18
fev

Em destaque

Postado às 20:33 Hs

Leodise Cruz assume presidência do PMB em Mossoró

A secretária de saúde de Mossoró, Leodise Cruz, assumiu recentemente o comando do Partido da Mulher Brasileira (PMB), presidido no Estado pelo presidente da Câmara de São Gonçalo do Amarante, Raimundo Mendes. A sigla se tornou uma das mais concorridas no Brasil, já tendo 23 deputados federais, um senador e quase dois minutos de tempo de televisão.

Aqui em Mossoró, a Secretária articula para montar um projeto proporcional vitorioso. Deve, inclusive, atrair um vereador para a legenda, com intuito de fortalecer a nominata e conquistar mais de uma vaga. O PMB é outro partido que nasce na base do prefeito Francisco José Júnior e que deve integrar a Frente Ambientalista ao lado do PEN, PTC e PV.

Com maioria feminina, o PMB de Mossoró pretende inverter a lógica da política tradicional, dividindo o espaço de suas participações, desde o diretório, até a campanha. Quer manter 70% de mulheres e 30% de homens. Na comissão provisória, formada por cinco pessoas, apenas um é homem. Além de Leodise Cruz, fazem parte da mesa diretora a farmacêutica Larizza Queiroz, a professora universitária Regiane Santos, a técnica de enfermagem Maria Francisca e o contador Luciano Marcos.

Na noite de quinta-feira a diretoria-geral da Câmara foi agitada pelo nascimento de uma nova bancada: a do Partido da Mulher Brasileira, composta por sete… homens.

A nova agremiação, cuja convenção nacional foi realizada em outubro, reuniu dissidentes de várias siglas e será liderada por Domingos Neto, que até a própria quinta liderava outra bancada, a do Pros. Também integram o partido das mulheres dois ex-petistas: Toninho Wandsheer (PR) e Weliton Prado (MG). (Veja)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou nesta terça-feira (29) o registro para o Partido da Mulher Brasileira (PMB), a 35ª legenda oficialmente reconhecido no país. Com a decisão, a nova legenda poderá disputar as eleições municipais do ano que vem. O partido adotará nas urnas o número 35.

O estatuto do partido não proíbe a filiação de homens e rege-se “sem restrições de qualquer ordem: sexual, social, racial, econômica ou religiosa”. Ainda conforme as regras, poderá se filiar “todo cidadão na plenitude de seus direitos políticos que estiver de acordo com o Manifesto e o Programa partidário”.

O partido começou o processo de criação em 2008 e, desde então, obteve apoio de 501 mil eleitores, quantidade que supera o mínimo atualmente exigido pela lei, de 486 mil (o equivalente a 0,5% dos votos dados para o cargo de deputado federal nas eleições do ano passado).O PMB também comprovou possuir mais de nove diretórios no país, outro requisito: já existem unidades em Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Roraima e Sergipe.

Ao final da aprovação no TSE, a fundadora e presidente da legenda, Suêd Haidar Nogueira disse que a ideia do PMB surgiu da necessidade de maior participação e respeito das mulheres em instâncias partidárias.

07
mar

@ @ É NOTÍCIA … @ @

Postado às 9:52 Hs

  • No primeiro dia de envio das declarações do Imposto de Renda, o aplicativo m-IRPF –que permite ao contribuinte fazer sua declaração de smartphones ou tablets– ainda não foi liberado pela Apple, como havia sido programado. Até agora, portanto, não é possível preencher e enviar a declaração por meio de iPhones ou iPads. O aplicativo está disponível desde esta quinta-feira (06) para dispositivos móveis com o sistema operacional Android, do Google.A Receita informou, por meio da assessoria de imprensa, que fez todo o processo para o aplicativo estar no ar e que o atraso é responsabilidade da Apple.
  • Está confirmada para o próximo dia 14 de março a inauguração do Distrito Industrial de Monte Alegre. O prefeito municipal, Severino Rodrigues, destacou que vinte empresas já apresentaram ao Executivo a documentação solicitando a instalação no local. A definição para locação da área às empresas foi feita a partir do número de empregos gerados. A cada 15 empregos gerados pela indústria vão resultar na doação de terreno com mil metros quadrados. Outro grande diferencial do empreendimento é a preocupação com o meio ambiente. O prefeito Severino Rodrigues destaca que 30% do total da área serão não edificável, destinada ao plantio de árvores. “Essa é uma obra que será o grande divisor de águas para o desenvolvimento da nossa cidade de Monte Alegre”, anuncia o prefeito, Severino Rodrigues. Ele chamou atenção que a expectativa é gerar 4 mil empregos diretos dentro de 36 meses. “Logo na abertura do distrito vamos gerar, inicialmente, 2 mil empregos diretos, com as empresas que já entregaram documentação para a prefeitura”, destacou.
  • O Partido Militar Brasileiro (PMB) saiu da trincheira. Seus líderes já coletaram 320 mil das 492 mil assinaturas necessárias para criar a legenda. Fundador do PMB, o capitão da Polícia Militar de São Paulo Augusto Rosa calcula que o partido tem representantes em mil municípios espalhados pelos 26 estados e o Distrito Federal. A meta é acelerar a formação da sigla e lançar candidatos nas eleições municipais de 2016. O número requerido no Tribunal Superior Eleitoral é o 99, “para mostrar que estamos à extrema direita de tudo o que existe na política hoje”, diz o capitão Rosa. Os pilares do PMB são pátria, honra, moral e ética. No front da ação para criar o partido está o coronel Marcos Pontes, o primeiro astronauta brasileiro. “O apoio do coronel Pontes dá credibilidade ao nosso projeto de extrema direita dentro da democracia”, afirma o capitão Rosa. (Época/Felipe Patury)
  • Segundo reportagem da Tribuna do Norte, as chuvas que caíram mês passado no interior do Rio Grande do Norte e encheram alguns açudes, não foram suficientes para melhorar os níveis nos principais reservatórios do Estado. A Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, em Assú, continua secando e, atualmente, está com pouco mais de 32% de sua capacidade total. É o percentual mais baixo da história. Por dia, a barragem está secando 1,07 bilhão de litros d’água para abastecer 34 cidades. De acordo com o gerente operacional da Caern, Izaías Costa, a perda de água na barragem não ocorre apenas devido ao abastecimento das cidades. Ele citou que os projetos de irrigação e outros canais como o do rio Pataxó, consomem um número significativo do reservatório. Por outro lado, o hidrólogo e professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), João Abner Guimarães Júnior informou que a evaporação também é fator que contribui para a diminuição do nível d’água. “Temos a evaporação natural e, o que mais preocupa, é que a ANA [Agência Nacional das Águas] não prioriza o consumo humano. Perde-se muita água para projetos de irrigação e carcinicultura”, disse. A Armando Ribeiro Gonçalves tem capacidade total de 2,4 bilhões m³. Outras barragens e açudes também estão com níveis críticos. É o caso do açude Itans, em Caicó.
  • Na reunião de anteontem com a equipe da pré-campanha, o marqueteiro João Santana levou pesquisas a Dilma para dizer que quanto menos ela cede a políticos, mais ela é aprovada. Com o recrudescimento da troca de acusações públicas entre os aliados PT e PMDB, o governo decidiu que é preciso isolar Eduardo Cunha (RJ), líder peemedebista na Câmara e principal protagonista das críticas contra o Planalto, e tentar fortalecer outros setores do PMDB, sobretudo o representado pelo vice Michel Temer (SP). Para diminuir atritos, governo deve aumentar repasse de verbas de emendas parlamentares e ceder mais cargos. Em reunião anteontem à noite no Palácio da Alvorada, a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula orientaram aliados a não aceitar ‘ultimatos’ de Cunha. A fórmula do governo para tentar debelar a crise passa ainda por um receituário que até hoje foi incapaz de tirar o PMDB da lista dos principais problemas do governo no Congresso: liberação de emendas, cessão de cargos federais e aproximação com outros caciques do partido. (Com informações da Folha de S.Paulo – Andréia Sadi, Márcio Falcão, Natuza Nery, Valdo Cruz e Gabriella Guerreiro)
06
fev

Novo Partido

Postado às 12:10 Hs

Tá no blog de Cardoso Silva

“Nós vamos invadir o Congresso”, afirma o capitão da Polícia Militar de Ourinhos (SP), Augusto Rosa. Mas antes que alguém se assuste com uma nova investida da caserna no Parlamento, ele completa: “Pela via democrática. Pelo sufrágio universal”.

O capitão Augusto é o idealizador do Partido Militar Brasileiro, o PMB. No último dia 29 de janeiro foi realizada a convenção nacional do partido, que já tem estatuto aprovado e mais de 5 mil pré-filiados nos 27 Estados do Brasil – a Constituição exige pelo menos 101 membros-fundadores em nove Estados. O próximo passo para oficialização é, segundo o Capitão Augusto, levar a documentação à Brasília, onde ele aterrissa neste domingo, 6 de fevereiro, para publicar no Diário Oficial a demanda. Na segunda-feira ele faz o requerimento ao Tribunal Superior Eleitoral e o registro no cartório de notas.
A ideia da criação de um partido militar começou a ser acalentada pelo capitão após algumas tentativas de candidatura como suplente de deputado estadual. Em 2003 então juntou simpatizantes e foi estudar como se cria um partido. Oito anos depois, a ideia deu certo.

ago 18
sexta-feira
20 54
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
19 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5618748 VISITAS

Facebook

Twitter

Instagram