06
dez

Ação Parlamentar

Postado às 23:42 Hs

Deputado Allyson defende investimentos na educação em seminário da Undime em Mossoró

O deputado estadual Allyson Bezerra (Solidariedade), participou nesta sexta-feira (06), do II Seminário Gestão Educacional da União dos Dirigentes Municipais de Educação do Rio Grande do Norte (Undime-RN), que aconteceu no Hotel Thermas, em Mossoró.

O parlamentar destacou a importância da educação em sua trajetória e falou sobre como tem defendido a pauta na Assembleia Legislativa, especialmente na Comissão de Educação da casa, onde é vice-presidente. “Quem acompanha nosso mandato e conhece nossa trajetória até aqui sabe da importância que damos à educação. Morei numa casinha de taipa no Sítio Chafariz, estudei numa creche de barro, me formei em escola pública e sou servidor público concursado da Universidade Federal Rural do Semi-árido (UFERSA). Então, eu sei a importância da educação. Com certeza, professores e estudantes do nosso estado podem contar sempre com nosso mandato para fazer essa defesa”, afirmou Allyson.

Além de Allyson Bezerra, participaram do evento o presidente da Undime-RN e secretário municipal de educação de Monte Alegre Alexandre Soares, o secretário estadual de educação Prof. Getúlio Marques, o deputado federal do PDT/CE e vice-presidente da Comissão Especial do Fundeb, Idilvan Alencar e o vereador de Mossoró Francisco Carlos.

Fonte: Assessoria

06
out

Referência

Postado às 17:28 Hs

Conexão Felipe Camarão é referência no trabalho em educação integral. O Conexão Felipe Camarão mais uma vez recebe o reconhecimento do trabalho realizado na Zona Oeste de Natal, com educação integral, ao longo dos últimos 13 anos e desta vez em São Paulo. O projeto serviu como referência no último dia 21 de setembro, na capital paulista, durante o evento em comemoração ao 19º aniversário da Associação Cidade Escola Aprendiz, onde foi realizada uma Roda de Conversa “Cidades Educadoras: O que é uma Cidade para Todxs?”. O Conexão Felipe Camarão foi representado pela sua diretora geral Vera Santana, que na oportunidade recebeu uma homenagem pela dedicação e o trabalho com a educação integral, sendo referência no Estado. O evento faz parte do Centro de Referências em Educação Integral, uma iniciativa da Associação Cidade Escola Aprendiz em parceria com outras organizações não governamentais e com o apoio da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco)
29
abr

Professores ainda sem diploma

Postado às 20:24 Hs

Aproximadamente 25% dos professores que trabalham nas escolas de educação básica do país não têm diploma de ensino superior. Eles cursaram apenas até o ensino médio ou o antigo curso normal. Os dados são do Censo Escolar de 2011, divulgado este mês pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais). Apesar de ainda existir um enorme contingente de professores que não passaram pela universidade – eram mais de 530 mil em 2011 – o quadro apresenta melhora. Em 2007, os profissionais de nível médio eram mais de 30% do total, segundo mostra o censo. Para o presidente da CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação), Roberto Leão, os números são mais um indicativo de que o magistério não é uma carreira atraente. “Isso mostra que as pessoas estão indo lecionar como última opção de carreira profissional. Poucos profissionais bem preparados se dedicam ao magistério por vocação, uma vez que a carreira não aponta para uma boa perspectiva de futuro. Os salários são baixo, e as condições de trabalho ruins”, explica.
13
fev

Em alguns municípios do RN…

Postado às 15:00 Hs

Nas contas dos municípios – pelo menos no que se refere à educação – o detalhamento dos gastos é colocado de lado e as prestações de contas são mais relatórios que vão cumprir a burocracia que instrumento de gestão e planejamento. Essa é uma das conclusões que se pode tirar do estudo Perfil dos Gastos Educacionais nos Municípios Brasileiros, realizado pela Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação).

“Não dá para dizer que uma criança de educação infantil custa R$ 3,75 por ano, como fez uma prefeitura”, afirmou Cleuza Repulho, presidente da Undime. Numa prestação de contas no sistema federal de controle de gastos (o Siope – Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação), um secretário municipal informou esse valor.

Segundo o relatório da Undime, “não há controle prático sobre os gastos que efetivamente são registrados nos balanços contábeis como realizados para manutenção e desenvolvimento da educação”. Para se ter uma ideia, os municípios foram responsáveis por 39,1% das verbas investida no setor em 2009, contra 19,7% da União segundo um estudo publicado pelo Ipea no final do ano passado.

Por determinação constitucional, os municípios são obrigados a aplicar pelo menos 25% da arrecadação de impostos e transferências em educação.

Enquanto isso as eleições 2012 se aproxima, e o eleitor poderá dá sua resposta. Aguardemos…

27
dez

# # Rapidinhas… # #

Postado às 20:23 Hs

@ As exportações brasileiras ultrapassaram, pela primeira vez, a marca de US$ 250 bilhões neste ano, segundo dados divulgados hoje (26) pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. O volume recorde de US$ 250,3 bilhões, registrado entre janeiro e a quarta semana de dezembro, é 24% superior ao observado em todo o ano passado, que havia sido de 201,9 bilhões.

@ Nas Férias você pode ir ao Portal, com equipamentos de novos de última geração  o Portal do Saber Vingt Neto vai  atender ainda mais e melhor os usuários que buscam fazer trabalhos e pesquisas através da net, gratuitos e agora com mais qualidade. Conta ainda com mais de 2 mil livros para quem gosta de um espaço traquilo para uma boa leitura. Visite-nos e comprove !

@As vendas do setor de shopping centers no Brasil devem encerrar o ano somando R$ 104,1 bilhões. O valor representa um crescimento de 12% em relação a 2010, quando este mercado registrou vendas de R$ 93 bilhões. Apesar disso, a taxa de expansão deste ano é inferior à do ano passado, quando o setor cresceu 16,3%.Os dados são da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop). A desaceleração das vendas, por influência do cenário externo, foi sentida neste Natal: a expectativa da Alshop era de um crescimento de 6,5% nas vendas de fim de ano. Mas o resultado foi um aumento de 5,5%.

@ O JEGUE FOLIA 2012 promete  botar pra ferver Marcelino Vieira em Janeiro com as seguintes atrações (06/Jan) Jammil, (07/Jan) Chicabana e dia (08/Jan) Garota Safada. É sucesso !

@ Os preços de passagens aéreas e de alguns alimentos ficaram entre as maiores altas registradas entre janeiro e novembro de 2011 pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), índice de inflação elaborado mensalmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, de acordo com levantamento feito pela Tendências Consultoria Integrada.Entre janeiro e novembro de 2011, o preço das passagens aéreas acumulou alta de 56,11%, liderando o ranking da inflação no período.

@ A Prefeitura de Mossoró foi contemplada com o Selo Escola Solidária, realizado pelo Instituto Brasil Voluntário – Faça Parte. A premiação é desenvolvida em parceria com o Ministério da Educação, Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED), União Nacional dos Dirigentes de Educação (UNDIME), Unesco, Unicef e Organização dos Estados Iberamericanos (OEI).De acordo com o resultado divulgado pelo Faça Parte, seis unidades de ensino municipais foram certificadas com o Prêmio Escola Solidária. São elas: Escola Dinarte Mariz, Escola Rotary, Escola Marineide Pereira da Cunha, Escola Professor Antônio da Graça Machado, Escola Nono Rosado e a Unidade de Educação Infantil Menino Jesus de Praça. Cada estabelecimento submeteu um projeto à apreciação do Insrtituto Brasil Voluntário.

@ Agradecemos a todos que fazem e fizeram deste espaço leitura diária. Obrigado mesmo. Continue sempre conosco. Você é o nosso diferencial!

@ Já circulando a versão imprensa do Jornal Folha do Estado edição de dezembro, veja nossa coluna Fique Sabendo… Também na versão Online através do link: http://www.folhadoestadorn.com/#

@ Participe e ajude a fazer um blog com participação popular,envie email e sugestões para nós. Entre em contato:paduabarreto@bol.com.br ou contato@paduacampos.com.br ou ainda pelo twitter e facebook. # #

@ A governadora Rosalba Ciarlini anunciou, nesta terça-feira (27), em Natal, que o programa do leite vai ser municipalizado. Apesar do controle passar a ser feito pelas Prefeituras, o governo exigirá criação de uma comissão com representantes da Igreja e outros segmentos da sociedade. Com a fiscalização, ela acredita que o programa nao será usado como moeda eleitoral.


24
fev

Pobre dos Professores…

Postado às 15:34 Hs

Tal no Portal Uol

O ministro da Educação, Fernando Haddad, vai divulgar nesta quinta-feira (24) o novo do piso nacional do professor do ensino básico, que terá um reajuste de 15,9%. O valor vai subir de R$ 1.024,67 para R$ 1.187,97.

Pela lei, nenhum professor de nível médio, com jornada de 40 horas semanais, pode ganhar menos que isso. O piso é determinado com base no custo por aluno do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) –atualmente, R$ 1.722,05.

O MEC (Ministério da Educação), no entanto, não tem competência para determinar o reajuste, por problemas na legislação. Haddad deve divulgar amanhã uma espécie de documento-referência para Estados e municípios.

Esse documento também deve regulamentar a transferência de recursos da União para o pagamento do piso mínimo salarial do professor. A exemplo do que acontece com o mínimo a ser investido por aluno, a União complementa o piso naqueles municípios que não têm condição de pagá-lo.

Segundo o presidente da Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação), Carlos Eduardo Sanches, não havia um caminho que detalhava como os municípios poderiam pedir o dinheiro. Por causa disso, o dinheiro “destinado” ao piso acabou voltando para a conta geral do Fundeb.

Por mais que haja a obrigatoriedade, o piso nacional ainda provoca muitos atritos entre os três níveis de governo. Estados já chegaram a argumentar que a lei que instituiu o valor mínimo é inconstitucional. No Congresso, tramita um projeto que pretende dar ao MEC o poder de regular o aumento.

A docência não é o único ponto de problemas no financiamento da educação básica. Segundo Sanches e especialistas, senão houver “dinheiro novo”, não será possível incluir  todas as crianças de 4 a 17 anos, como a lei prevê que aconteça até 2016.

jul 11
sábado
21 42
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
164 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.828.634 VISITAS