30
jun

Avançando

Postado às 21:09 Hs

As duas doses ou a dose única de vacinas contra a Covid foram aplicadas em 12,41% dos brasileiros. São 25.746.662 da segunda dose e 522.164 da dose única, um total de 26.268.826 pessoas imunizadas. Os dados são do consórcio de veículos de imprensa e foram divulgados às 20h desta quarta-feira (30).

primeira dose foi aplicada em 73.569.254 pessoas, o que corresponde a 34,74% da população. Somando as duas doses e a dose única, são 99.838.080 vacinas aplicados no total.

De ontem para hoje, a primeira dose foi aplicada em 1.034.598 pessoas, em 190.122 na segunda dose e em 91.058 na dose única, com um total de 1.315.778 doses aplicadas neste intervalo.

RN: 1ª dose – 1.147.998 (32,48%); 2ª dose – 411.048 (11,63%)

30
jun

Números da Covid

Postado às 20:21 Hs

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta quarta-feira (30):

– O país registrou 2.081 óbitos nas últimas 24h, totalizando 518.066 mortes;

– Foram 43.836 novos casos de coronavírus registrados, no total 18.557.141.

– Com mais 79.496 curados registrados nas últimas 24h, o número total de recuperados do coronavírus é 16.858.632. Outros 1.180.443 pacientes estão em acompanhamento.

Nesta quarta-feira (30), o Brasil ultrapassou, a marca de 100 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 aplicadas. O número, de 100.241.042, foi registrado pela plataforma coronavirusbra1, que compila as informações das secretarias estaduais de Saúde.

Segundo a plataforma, foram 73,6 milhões de doses em 1ª aplicação e 24,4 milhões de segundas doses ou doses únicas. Isso significa que 34,5% da população receberam pelo menos a 1ª dose da vacina e 12,4% estão plenamente imunizados.

Nesta quarta-feira (30), as vacinas Covid-19 da Astrazeneca/Fiocruz e Pfizer/Biontech foram incorporadas ao Sistema Único de Saúde (SUS) pelo Ministério da Saúde. A portaria que traz a inclusão desses imunizantes foi publicada na edição do Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (30).

A medida foi tomada após parecer favorável da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec), que assessora o Ministério da Saúde nas decisões sobre a incorporação ou alteração de tecnologias no SUS. A demandas de avaliação de tecnologias para tratamento da Covid-19 têm tido prioridade na análise da Comissão, com prazos emergenciais e avaliações concluídas em até 60 dias, um terço do prazo normal, de 180 dias.

30
jun

Registros

Postado às 16:42 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quarta-feira (30). Foram 3.360 novos casos confirmados nas últimas 48 horas, totalizando 340.165. Nessa terça-feira(29), os números não foram divulgados para se fazer comparativo. Na segunda-feira(28) eram 336.805.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 6.768 no total, sendo 10 mortes registradas nas últimas 24h:  Natal (02), Pau dos Ferros(02), Parnamirim(01), Santa Cruz(01),  Mossoró(01), Ouro Branco(01), Francisco Dantas(01) e Olho-d´água dos Borges(01). Óbitos em investigação são 1.449.

Casos suspeitos somam 159.452 e descartados 639.163.

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento no fim da manhã desta quarta-feira (30). Por volta das 12h10, não haviam pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação. Apenas 04 pacientes aguardavam avaliação. Foram registrados disponíveis 111 leitos críticos e outros 221, sendo clínicos.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 71%, registrada no fim da manhã desta quarta-feira (30). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 471. Até o momento desta publicação são 111 leitos críticos (UTI) disponíveis e 272 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 221 disponíveis e 199 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 67,9% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 84% e a Região Seridó tem 57,5%.

O deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) anunciou na manhã nesta quarta-feira (30) que o bloco da oposição terá maioria na CPI da COVID-19 no Rio Grande do Norte (RN). A informação foi confirmada pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB).

Segundo Kelps, o bloco liderado por ele, com 6 partidos, indicará 3 membros: sendo um deles o próprio Kelps, além de Gustavo Carvalho (PSDB) e Getúlio Rêgo (DEM). Os suplentes serão dos deputados Galeno Torquato, Nelter Queiroz e Tomba Farias.

Ainda segundo Kelps, ficou acordado na reunião de líderes que o bloco maior, da oposição, indicará o presidente da CPI e a bancada do Governo indicará o relator.

A CPI da Covid aprovou nesta quarta-feira (30) a convocação do líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR), e do agora ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Dias. Ao todo, foram aprovadas as convocações de 21 pessoas (confira a lista abaixo). Servidores do Ministério da Saúde e empresários do ramo farmacêutico também foram atingidos. Com a medida, os senadores buscam avançar sobre o que chamam de uma nova fase de investigação. A cúpula da CPI avalia que há indícios de “desvio de dinheiro público no âmbito da administração federal”, nas palavras do relator Renan Calheiros (MDB-AL). A convocação do líder do governo Jair Bolsonaro na Câmara, Ricardo Barros, acontece após depoimento dos irmãos Miranda à CPI. Segundo eles, houve pressão pela liberação da vacina indiana Covaxin, embora a área técnica do Ministério da Saúde tenha constatado irregularidades no contrato.

Foto: Célio Duarte/PMM

A Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos (SEIMURB), avança cada vez mais na modernização do sistema de iluminação pública. Desde janeiro, as equipes intensificam o trabalhando para atender um maior número possível de ruas em bairros da zona urbana e ainda comunidades rurais do município com a tecnologia de led.

Nos seis primeiros meses do ano, a Secretaria de Infraestrutura realizou a substituição de mais de 2.850 luminárias em 26 bairros da cidade e ainda na zona rural. A troca de lâmpadas convencionais pela tecnologia led representa maior eficiência energética. A lâmpada de led proporciona maior luminosidade e maior economia. A modernização impacta diretamente na segurança das vias contempladas com os serviços da SEIMURB, inibindo a ação de criminosos.

Na manhã desta quarta-feira (30), o prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra, vistoriou a instalação de lâmpadas de led em ruas do grande Santo Antônio, zona Norte da cidade, uma das regiões beneficiadas com as melhorias. “Estamos intensificando o serviço por toda Mossoró trocando lâmpadas de vapor por led, ofertando mais segurança e comodidade para os moradores. A tecnologia impacta diretamente no dia a dia da população melhorando a qualidade de vida”, destacou o gestor.

A Secretaria de Infraestrutura trabalha com planejamento que atende de modo gradativo as demandas da população. “Nós temos várias equipes trabalhando com a substituição de lâmpadas dentro de um planejamento executado por bairros, por setores. Aos poucos chegaremos a todas as comunidades de Mossoró”, explicou Rodrigo Lima, titular da pasta.

A modernização no sistema de iluminação com lâmpadas de led ainda contempla praças públicas. A população pode solicitar o serviço através do telefone 3315-4787.

Fonte: Assessoria

As gestantes já vacinadas com a 1ª dose da vacina AstraZeneca contra a Covid-19 poderão receber a 2ª dose com a vacina da Pfizer. A autorização foi feita na cidade do Rio de Janeiro, a partir de recomendações da Secretaria de Saúde do Município.

A informação foi divulgada na madrugada de hoje (29) pelo secretário de Saúde, Daniel Soranz, em seu perfil no Twitter. “Seguindo a recomendação do nosso comitê: As gestantes que tomaram a primeira dose da vacina astrazeneca poderão, mediante avaliação dos riscos e benefícios com seus médicos, realizar a segunda dose com a vacina da pfizer 12 semanas após a primeira dose”, disse.

Soranz usou como exemplo países como Alemanha, Canadá, Dinamarca, França, Finlândia, Portugal, Suécia, Inglaterra e Itália, que recomendam ou autorizam o uso da Pfizer como segunda dose nesses casos. A vacinação de grávidas com AstraZeneca foi suspensa por orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), devido a possíveis efeitos adversos do imunizante

30
jun

Avançando

Postado às 11:34 Hs

Mais de 12% dos brasileiros tomaram as duas doses ou a dose única de vacinas contra a Covid. De acordo com dados do consórcio de veículos de imprensa, divulgado às 20h desta terça-feira (29), são 25.556.540 pessoas vacinadas com a segunda dose e 431.106 pessoas que receberam a dose única, um total de 25.987.646 doses aplicadas, ou seja, 12,27% da população.

A primeira dose foi aplicada em 72.534.656 pessoas, o que corresponde a 34,25% da população. Somando as duas doses e a dose única, são 98.552.302 vacinas aplicados no total. De ontem para hoje, a primeira dose foi aplicada em 1.165.441 pessoas, em 211.775 na segunda dose e em 183.600 na dose única, com um total de 1.560.816 doses aplicadas neste intervalo.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) inicia, nesta quarta-feira (30), as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021.

Os interessados poderão se inscrever na Página do Participante, até 14 de julho. A taxa de inscrição é de R$ 85 e o pagamento deve ser feito por aqueles que não estão isentos, por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU Cobrança).

Os resultados finais das solicitações de isenção foram divulgados pelo Inep, no dia 25 de junho, e estão disponíveis na Página do Participante.

Os interessados em fazer o Enem 2021 deverão realizar a inscrição no exame, isentos ou não. O Inep preparou um passo a passo para ajudar na inscrição. Para isso, basta acessar a Página do Participante, no endereço eletrônico enem.inep.gov.br.

Provas

As provas do Enem 2021 serão aplicadas nos dias 21 e 28 de novembro, tanto a versão digital quanto a impressa. As duas versões também terão a mesma estrutura de prova: quatro cadernos de questões e a redação.

Cada prova terá 45 questões de múltipla escolha, que, no caso do Enem Digital, serão apresentadas na tela do computador. Já a redação será realizada em formato impresso, nos mesmos moldes de aplicação e correção da versão em papel. Os participantes receberão folhas de rascunho nos dois dias.

No primeiro dia, serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, e ciências humanas e suas tecnologias, além da redação. A aplicação regular terá cinco horas e 30 minutos de duração.

No segundo dia, as provas serão de ciências da natureza e suas tecnologias, e matemática e suas tecnologias. Nesse caso, a aplicação regular terá cinco horas de duração.

Agência Brasil

30
jun

Vem aí um novo apagão?

Postado às 8:24 Hs

É grave a crise hídrica no País, que corre risco de sofrer um apagão com a mesma intensidade do que ocorreu na era Fernando Henrique Cardoso. A desconfiança nessa direção se deu com a campanha publicitária do Governo para sensibilizar a população quanto ao desperdício de água. E se confirmou com o pronunciamento, em rede nacional de TV e rádio, pelo ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque.

Ele pediu a colaboração da população para economizar energia e água devido à crise hídrica. Afirmou que é natural que os brasileiros tenham preocupação com a possibilidade de um racionamento, como aconteceu em 2001. O ministro reiterou que o Governo está atento e afirmou que o sistema elétrico brasileiro evoluiu nos últimos anos, o que traz “garantia do fornecimento de energia elétrica aos brasileiros”.

Durante o pronunciamento, o ministro citou medidas do Governo para enfrentar a situação, incluindo um programa de redução de consumo voluntário para incentivar grandes empresas e indústrias a deslocarem o uso de energia para horários menos disputados. O mecanismo ainda está em elaboração e não há previsão de quando será lançado. Segundo o ministro, o consumo consciente vai reduzir a pressão no sistema elétrico e o custo da energia gerada.

O governo publicou, também na segunda passada, mesmo dia do pronunciamento do ministro, uma medida provisória (MP) que dá poderes excepcionais para o enfrentamento da crise hídrica ao titular de Minas e Energia. Na MP, o Governo retirou o termo “racionalização compulsória” do texto. O trecho abria a possibilidade de o governo implementar um racionamento de energia. Não há mais nenhuma menção à programa de racionamento (corte compulsório no consumo de energia) ou a racionalização (incentivo à economia de energia).

Pela MP, todos os custos dessas decisões, financeiros e ambientais, serão pagos por meio de um encargo embutido na conta de luz – o Encargos de Serviço do Sistema (ESS), que é pago por todos os consumidores, sejam os cativos atendidos por distribuidoras, sejam os livres (grandes consumidores, como indústrias).

Blog do Magno

30
jun

@@@ O dia de Hoje na História…@@@

Postado às 6:45 Hs

30 de junho:1911 – É apresentada oficialmente a Bandeira de Portugal, sendo aprovada pela Assembleia Nacional Constituinte de 1911.
1997 – O Reino Unido transfere o poder sobre Hong Kong, sob domínio britânico desde 1945, para a República Popular da China.
2002 – A Seleção Brasileira de Futebol vence a Copa do Mundo de Futebol de 2002, tornando-se na primeira seleção a conquistar o pentacampeonato.
Nasceram neste dia…

1817 – Joseph Dalton Hooker, botânico britânico (m. 1911).
1966 – Mike Tyson, pugilista estado-unidense.
1975 – Ralf Schumacher, piloto alemão.

Morreram neste dia…

1785 – James Oglethorpe, militar britânico (n. 1696).
1961 – Lee De Forest, inventor estado-unidense (n. 1873).
1966 – Giuseppe Farina, primeiro campeão mundial de Fórmula 1 (n. 1906).
1988 – Chacrinha, apresentador brasileiro de rádio e televisão (n. 1916).
2002 – Chico Xavier (imagem), médium brasileiro (n. 1910).

2007 – Júlio Lerner, jornalista brasileiro (n. 1939).

2009 – Pina Bausch, coreógrafa e dançarina alemã (n. 1940).

2009 – Harve Presnell, ator e cantor estadunidense (n. 1933).

 2012 – Yitzhak Shamir, político israelense (n. 1915).

2013 – Thompson Oliha, futebolista nigeriano (n. 1969).

Nada de Fátima Bezerra com quem tenho profundas divergências políticas e de gestão, disse Álvaro Dias ao blog do Xerife.

Num contexto político são observadas vária suposições. Ninguém pode fechar as portas em definitivo para nenhum político. Foi isso que quis dizer em relação a Fátima Bezerra. Apenas isso. Nada de possibilidade de apoio à sua reeleição, contou Álvaro Dias para acrescentar:

“Eu disse numa entrevista que tenho profundas divergências com Fátima, principalmente durante toda a Pandemia. Montei Hospital de Campanha, postos de atendimento, UBSs, tratamento de pacientes, avancei na vacina, fiz tudo o que estava ao meu alcance e continuarei fazendo. Não contei com ajuda de Fátima em nenhum momento. Até nos decretos do município ela interferiu e derrubou. Como vou apoiar quem esteve contra mim a todo momento? Eu tenho um relacionamento amigável com Fátima, mas longe da política onde, repito, temos profundas divergências”.

E mais:

“Eu tenho candidato a governador. Esse candidato é o Ministro do Desenvolvimento Rogério Marinho. Esse tem me ajudado, ajudado a Natal (RN) e ao Rio Grande do Norte (RN). Rogério está capacitado para ser Governador. No que depender do Prefeito de Natal (RN) ele será o nosso candidato”.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta terça-feira (29) que o aumento da arrecadação registrado pela Receita Federal (RFB), mostra que a economia brasileira “voltou a ficar de pé”. “A economia brasileira continua surpreendendo favoravelmente”, disse o ministro ao anunciar a arrecadação de impostos e contribuições federais, de R$ 142,1 bilhões em maio. “É um recorde histórico esse crescimento de quase 70% em relação ao mesmo mês de maio do ano anterior. No acumulado de janeiro a maio, [a arrecadação] chegou a R$ 744 bilhões. É um acréscimo real de 21% sobre o mesmo período do ano passado”, disse o ministro. Segundo Guedes, todos os setores aumentaram a arrecadação. “É inequívoco que o Brasil já se levantou e a economia está caminhando com velocidade bem acima da que era esperada na virada do ano”.
29
jun

Números da Covid

Postado às 19:53 Hs

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta terça-feira (29):

– O país registrou 1.893 óbitos nas últimas 24h, totalizando 515.985 mortes;

– Foram 64.903 novos casos de coronavírus registrados, no total 18.516.305.

– Com mais 105.807 curados registrados nas últimas 24h, o número total de recuperados do coronavírus é 16.779.136. Outros 1.218.184 pacientes estão em acompanhamento.

A deputada Federal Carla Dickson, vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados, tem sido lembrada como possível nome para disputar o Governo do Estado pela oposição.

Na manhã desta terça-feira, a esposa do deputado Estadual Albert Dickson descartou a possibilidade de encabeçar a chapa majoritária da oposição contra a governadora Fátima Bezerra.

Segundo Carla, “Meu objetivo é a reeleição de Federal. Não tenho esses planos de candidatura ao Governo agora não. Agradeço a lembrança ao meu nome, mas agora não tenho esse projeto.”

Carla Dickson obteve mais de 60 mil votos em sua primeira candidatura como deputada Federal, acima de Rogério Marinho, que obteve 59 mil votos. Ela ficou na primeira suplência e assumiu o mandato com a posse de Fábio Faria no ministério das Comunicações.

Ela é muito forte no segmento evangélico do RN, onde atua ao lado do marido, deputado Albert Dickson. Como deputada, tem se destacado na busca de recursos para o Estado e no apoio a demandas de prefeitos.

Justamente por ser mulher e evangélica, a médica Carla Dickson estava sendo cotada para ser a candidata apoiada pelo grupo do presidente Jair Bolsonaro no RN, comandado pelos ministros Fábio Faria e Rogério Marinho. Ambos querem disputar o Senado e procuram um nome para o Governo.

Blog do Túlio Lemos

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou que a conta de luz deverá seguir com a taxa extra mais elevada em julho. Caso isso ocorra, esse será o terceiro aumento do ano.

Agora, o país paga o valor da bandeira vermelha patamar dois, com tarifa de R$ 6,24 a mais a cada 100 quilowatts/hora (kWh) consumidos. Nesta terça-feira (29), no entanto, a diretoria da Aneel fará reunião para definir o novo valor da taxa. De acordo com o diretor-geral da agência, André Pepitone, a bandeira vermelha dois terá reajuste superior a 20%, ultrapassando R$ 7,50.

“Julho inicia-se com a mesma perspectiva hidrológica desfavorável, com os principais reservatórios do SIN [Sistema Interligado Nacional] em níveis consideravelmente baixos para essa época do ano, o que sinaliza horizonte com reduzida capacidade de produção hidrelétrica e elevada necessidade de acionamento de recursos termelétricos”, explicou a agência por meio de uma nota divulgada.

Criado pela Aneel, o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada. O funcionamento das bandeiras tarifárias é simples: as cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração.  “Com o acionamento da bandeira vermelha em seu maior patamar, é importante reforçar aos consumidores ações relacionadas ao uso consciente e ao combate ao desperdício de energia”, afirmou.

Confira os aumentos de tarifa deste ano

  • De janeiro a abril de 2021: amarela
  • Maio 2021: vermelha patamar 1​
  • Junho 2021: vermelha patamar 2
  • Julho de 2021: vermelha patamar 2 (com reajuste)

Metrópoles

29
jun

Eleições 2022: PSL se aproxima de Datena

Postado às 12:26 Hs

O PSL busca filiar o apresentador de televisão José Luiz Datena, em uma operação que está “bem encaminhada”, segundo o presidente do diretório estadual da legenda em São Paulo, deputado Junior Bozzella. A ideia seria lançá-lo na disputa para presidente da República em 2022, disse o deputado ao Poder360. Datena atualmente é filiado ao MDB e já ensaiou em diversos momentos ser candidato a algum cargo, mas costuma desistir no meio do caminho. Em 2016, por exemplo, anunciou ao vivo que não seria candidato a prefeito de São Paulo. Em 2018, era cotado para ser candidato a senador, mas não concorreu. Seu nome também circulou em 2020, mas ele ficou novamente fora da disputa pela prefeitura da capital paulista.
Maio 22
domingo
04 23
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
59 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.899.490 VISITAS