O vice-presidente Hamilton Mourão disse nesta segunda-feira que o governo atual começou com uma “visão idílica” que o deixou “aprisionado” durante o primeiro ano de gestão, ao tentar negociar a aprovação de projetos com bancadas temáticas no Congresso. Segundo Mourão, Bolsonaro “mudou a sua rota” em 2020. Ele defendeu ainda que, “se não houver coalizão, o presidente não governa”. “O governo começou com uma visão idílica, estou sendo bem sincero, de que por meio das bancadas temáticas nós teríamos um relacionamento eficiente com o Congresso”, afirmou em conversa promovida pelo Credit Suisse, acrescentando: “Quando viramos esse ano, o presidente, que obviamente passou 28 anos dentro da casa, sabe como a coisa funciona, entendeu que tinha que ter uma base mais consistente”, disse.

Procuradores do Ministério Público Federal (MPF) pediram nesta segunda-feira (06) o afastamento de Ricardo Salles do posto de ministro do Meio Ambiente.

Para os procuradores, Salles age com a intenção de desmontar a proteção ao meio ambiente no país, incorrendo no ato de improbidade administrativa.

Leia a matéria completa aqui, no site Justiça Potiguar.

Foto: reprodução

O presidente Jair Bolsonaro informou nesta segunda-feira (6) à CNN que está com sintomas de Covid-19.

Bolsonaro disse que está com 38°C de febre e 96% de taxa de oxigenação no sangue, e contou que está tomando hidroxicloroquina. Por causa dos sintomas, a agenda do presidente para o restante da semana está cancelada.

O presidente já fez um teste para Covid-19 no Hospital das Forças Armadas, em Brasília. O resultado do exame deve sair por volta do meio-dia desta terça-feira (7).

CNN Brasil

06
jul

Registros

Postado às 19:15 Hs

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta segunda-feira (6):

– Registro de 620 óbitos nas últimas 24h, totalizando 65.487 mortes;

– Foram 20.229 novos casos de coronavírus registrados, no total 1.623.284 pessoas já foram infectadas.

– O número total de recuperados do coronavírus é 927.292, são mais 21.006 pacientes curados em relação ao boletim de ontem. Outros 630.505 pacientes estão em acompanhamento.

06
jul

Em Apodi

Postado às 18:34 Hs

Caern trabalha em vazamento na cidade de Apodi

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) está trabalhando na retirada de um vazamento na adutora de 500mm da cidade de Apodi. O problema foi detectado no fim da manhã desta segunda-feira (06). Devido ao vazamento, os poços do sistema precisaram ser paralisados, com isso o fornecimento de água para a cidade foi suspenso. A previsão da Caern é concluir o serviço até o fim da tarde desta terça-feira (07), quando o abastecimento deverá ser retomado. O prazo de normalização, ou seja, para que todos os imóveis estejam com o abastecimento regular é de até 48h após o conserto.

O valor da cesta básica caiu em junho, em 10 das 17 capitais pesquisadas pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Segundo levantamento divulgado hoje (6), a maior redução foi no Rio de Janeiro (8,23%), onde o conjunto de itens básicos ficou em R$ 512, 84. Em 12 meses, a cesta básica ainda acumula alta de 2,84% na capital fluminense.

Aracaju apresentou a maior alta no mês passado, 4,97%. No acumulado de janeiro a junho, os itens pesquisados pelo Dieese registram aumento de 19,34% e. em 12 meses, os preços subiram 9,6%. A cesta básica ficou mais cara também em Campo Grande (4,32%), Fortaleza (2,01%), Belém (0,11%), Brasília (2,12%), Natal (3%) e Salvador (2,16%).

A capital baiana tem a cesta mais barata do país (R$ 419,18). Brasília é única das capitais pesquisadas que apresenta queda no valor da cesta básica em 12 meses, com retração de 0,98%. O conjunto de itens básicos custam R$ 450,45 na capital federal. No acumulado de janeiro a junho, a cesta registrou queda de 4,95% em Brasília.

São Paulo tem a cesta mais cara do país (R$ 547,03). Em junho, os produtos tiveram queda de 1,68%, mas nos últimos 12 meses a alta acumulada é de 9,04%.

O preço do tomate caiu em 15 cidades – em Vitória, a queda o valor foi de 55,89% e, no Rio de Janeiro, de 47,42%. A batata ficou mais barata em oito das dez capitais do Centro-Sul, com redução de 27,68% no preço médio no Rio de Janeiro e de 3,3% em São Paulo.

A ceta básica também ficou mais barata em junho em Florianópolis (1,35%), Porto Alegre (1,20%), Curitiba (4,75%), Vitória (6,84%), Goiânia (4,98%), Belo Horizonte (1,82%), Recife (3,58%) e João Pessoa (2,23%).

Agência Brasil

Depois de registro de chuvas em todas as regiões do Rio Grande do Norte neste final de semana, a segunda-feira (6), também esta sendo de chuva especialmente nas regiões Leste e Agreste que ainda amanheceram com precipitações. As chuvas também chegaram a Mossoró, na região Oeste do RN, desde o inicio da manhã e se consolidaram durante a tarde, com previsão de mais chuvas para a noite. De acordo com a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), as chuvas do final de semana, ocorrem em decorrência de mudanças climáticas. referente. “As chuvas ocorreram devido à mudança do vento, que passou a soprar de sudeste/leste, espalhando mais umidade sobre a região. Nesta segunda-feira as precipitações continuarão praticamente durante todo o dia, atingindo o Litoral Leste e Agreste, podendo chegar à região do Seridó e Serra de Santana”, explicou o chefe da Unidade de Meteorologia da EMPARN, Gilmar Bristot.

Para a semana que se inicia a previsão é de ocorrência de chuvas mais localizadas nestas mesmas regiões que passam pelo inverno. “Continuará a chover no Litoral e no Agreste, mas com menor intensidade e concentração durante os períodos noturnos, madrugadas e inícios das manhãs”, completou Bristot.

Para a terça-feira (7), a previsão é de céu parcialmente nublado a claro com pancadas de chuvas no Litoral e Agreste. No interior, predominância de céu variando entre parcialmente nublado a claro, podendo ocorrer pancadas de chuvas isoladas.

Na quarta-feira(8), o dia começará com pancadas de chuvas fracas sobre o Litoral Leste. No interior haverá predominância de céu parcialmente nublado a claro.

Já na quinta-feira(9), a previsão é de poucas condições de chuvas no Litoral Leste com predominância de céu parcialmente nublado a claro. No interior haverá predominância de céu parcialmente nublado a claro.

Na sexta-feira(10), devem ocorrer pancadas de chuvas com céu parcialmente nublado a claro no Litoral Leste. No interior haverá predominância de céu parcialmente nublado a claro.

A previsão para o sábado(11), também é de pancadas de chuvas no Litoral Leste e Agreste com céu parcialmente nublado. No interior haverá predominância de céu parcialmente nublado a claro.

No domingo(12),  as condições de chuvas continuam no Litoral, mas em menor quantidade. No interior haverá predominância de céu parcialmente nublado a claro com pouca chance de chuvas.

O governo de São Paulo anunciou, hoje, que o recrutamento de voluntários para a terceira fase de testes da vacina contra o novo coronavírus desenvolvida pela farmacêutica chinesa de biotecnologia Sinovac começa na próxima segunda-feira.

Na última sexta, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou a nova etapa do projeto realizado pelo laboratório chinês em parceria com o Instituto Butantan. Em todo o Brasil, serão escolhidos 9 mil voluntários distribuídos em São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Paraná e Distrito Federal.

Segundo o governador João Doria (PSDB), após o recrutamento, a vacina deve começar a ser aplicada nos voluntários no dia 20 de julho.

Apenas profissionais de saúde que estejam na ativa poderão participar do estudo. Outros pré-requisitos são que os voluntários não tenham se contaminado pela Covid-19 e morem perto de um dos 12 centros de pesquisa que conduzirão o projeto.

“A inscrição será obrigatoriamente para profissionais de saúde, médicos, paramédicos, enfermeiros, os que estão atuando e os que já atuaram. Com a autorização da Anvisa, começaremos o processo de testagem a partir do dia 20 de julho”, disse Doria em coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes.

“No mundo são 136 vacinas em desenvolvimento, 12 em estudos clínicos. Desses 12, apenas 3 estão na fase chamada fase 3. Então, a partir da aprovação da Anvisa, nós nos credenciamos como uma das 3 vacinas que têm grande chance de chegar ao público muito rapidamente. E nós temos um acordo preliminar de um acesso, até o final deste ano, de 60 milhões de doses [para o Brasil] se a vacina for efetiva”, afirmou o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas.

A parceria havia sido anunciada no dia 11 de junho. Na ocasião, Doria disse que, se comprovada a eficácia e segurança da vacina, ela será produzida no país e disponibilizada no SUS a partir de junho de 2021.

O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) emitiu um alerta de chuvas em perigo potencial para 92 municípios do Rio Grande do Norte. De acordo com o instituto, pode chover entre 20 a 30 mm/h ou até 50 mm/dia. Existe baixo risco de alagamentos e pequenos deslizamentos, em cidades com tais áreas de risco.

O alerta é válido até às 23h59 de hoje e pode ser estendido de acordo com as novas previsões ao longo do dia. Os municípios em alerta são:  Afonso Bezerra, Alto Do Rodrigues, Angicos, Areia Branca, Arês, Açu, Baraúna, Barcelona, Baía Formosa, Bento Fernandes, Bom Jesus, Brejinho, Caiçara Do Norte, Caiçara Do Rio Do Vento, Canguaretama, Carnaubais, Ceará-Mirim, Cerro Corá, Espírito Santo, Extremoz, Fernando Pedroza, Galinhos, Goianinha, Governador Dix-Sept Rosado, Grossos, Guamaré, Ielmo Marinho, Ipanguaçu, Itajá, Jandaíra, Januário Cicco, Jardim De Angicos, João Câmara, Jundiá, Lagoa D’Anta, Lagoa De Pedras, Lagoa De Velhos, Lagoa Salgada, Lajes, Macau, Macaíba, Maxaranguape,Montanhas, Monte Alegre, Mossoró, Natal, Nova Cruz, Nísia Floresta, Parazinho, Parnamirim, Passa E Fica, Passagem, Pedra Grande, Pedra Preta, Pedro Avelino, Pedro Velho, Pendências, Porto Do Mangue, Poço Branco, Pureza, Riachuelo, Rio Do Fogo, Ruy Barbosa, Santa Maria, Santana Do Matos, Santo Antônio, Senador Elói De Souza, Senador Georgino, Avelino, Serra Caiada, Serra De São Bento, Serra Do Mel, Serrinha, São Bento Do Norte, São Gonçalo Do Amarante, São José De Mipibu, São José Do Campestre, São Miguel Do Gostoso, São Paulo Do Potengi, São Pedro, São Tomé, Sítio Novo, Taipu, Tangará, Tibau, Tibau Do Sul, Touros, Vera Cruz, Vila Flor e Várzea.

06
jul

Registros

Postado às 12:55 Hs

Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap atualizou os números do coronavírus no Rio Grande do Norte nesta segunda-feira(06). Os casos confirmados chegam a 34.983.

O total de vítimas da covid-19 no RN chega a 1.246,  sendo 07 confirmadas nas últimas 24 horas. Óbitos em investigação são 173.

Os casos suspeitos são 47.654. Descartados somam 54.914. O número de recuperados, até então computados em 2.904 desde os últimos dias, não teve atualização. Sobre a taxa de isolamento social, registrou-se uma taxa de 50,4% do fim de semana até essa segunda-feira(06);

A taxa de ocupação de leitos públicos no Rio Grande do Norte destinados a tratar a Covid-19 registra 84,3%. Mossoró tem 97%, a região metropolitana de Natal(85,2%), Seridó(82,7%), Alto Oeste – Pau dos Ferros(44%) e Mato Grande(37,5%).

06
jul

Charge: Eita Brasil sem jeito…

Postado às 12:38 Hs

O recolhimento de impostos no Rio Grande do Norte registrou a quarta queda consecutiva desde o início dos primeiros casos do novo coronavírus (Covid-19). Em junho, o estado arrecadou R$ 79 milhões a menos em relação ao recolhido no mesmo período do ano passado. Isso representa uma redução de 15% no total de tributos recolhidos. Em maio, a redução havia sido de 18,3%. A perda de arrecadação foi influenciada principalmente pelas reduções no recolhimento de ICMS, que em junho teve uma queda recorde de 18%. Os dados publicados na sétima edição do Boletim Semanal da Atividade Econômica, divulgada nesta segunda-feira (6) pela Secretaria Estadual de Tributação (SET-RN). A publicação reúne informações sobre os principais indicadores das operações comerciais realizadas no estado. O objetivo do informativo é acompanhar semanalmente os impactos das medidas de combate à pandemia da Covid-19 na economia potiguar. O boletim traz O material está disponível para download no site da SET-RN (www.set.rn.gov.br).
O governo federal deverá anunciar planos para quatro grandes privatizações em período de “30, 60 a 90 dias”. A afirmação foi feita pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, ao programa especial “O Brasil Pós-Pandemia: a Retomada”. Questionado pelos âncoras William Waack e Rafael Colombo, ele disse que os nomes das estatais serão anunciados em breve. Guedes mencionou apenas que “há muito valor escondido debaixo das estatais”. “As subsidiárias da Caixa são um bom exemplo. Ali, há R$ 30 bilhões, R$ 40 bilhões ou R$ 50 bilhões em um IPO (oferta primária de ações) grande”, disse. Atualmente, a Caixa já tem pedido para oferta de ações da Caixa Seguridade – braço de seguros do banco – operação que poderia levantar cerca de R$ 15 bilhões, estima o mercado financeiro. Outra empresa que o ministro quer oferecer à iniciativa privada são os Correios. “Está na lista seguramente, só não vou falar quando (será a privatização). Eu gostaria de privatizar todas as estatais”.
Os cartórios de registro civil do Rio Grande do Norte passam a fazer atos de inscrição, alteração, consulta e emissão de segunda via de CPF (Cadastro de Pessoas Físicas). O convênio foi firmado entre a Receita Federal do Brasil (RFB) e a Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil). O serviço permitirá ao cidadão sair do cartório já com o documento regularizado para sua utilização e, nos casos em que o sistema interligado com a Receita Federal apontar a necessidade de complementação do atendimento, o acompanhamento da situação poderá ser feito de forma online pelo site, mediante entrega de login/senha ao cidadão.
06
jul

Opinião: No poder, leva vantagem

Postado às 11:41 Hs

Da forma como se darão, sem povo nas ruas, sem campanha e sem ambiente eleitoral, as eleições municipais marcadas para 15 de novembro, por força de uma PEC (Proposta de Emenda Constitucional) aprovada pelo Congresso, só se descortinam favoravelmente para os que estão no poder, detentores de mandato, seja prefeito em busca da reeleição ou com candidato já escolhido, ou vereadores tentando um novo mandato.

Trata-se de uma eleição sem campanha, consequência da pandemia do coronavírus, que já tirou a vida de quase 60 mil brasileiros em 90 dias, afetando ainda mais de 1,5 milhões de pessoas. Como a curva permanece ascendente, sem sinais de que mudará o seu curso, quem, de bom senso, vai arriscar a sua vida a fazer campanha de rua? Quanto ao eleitor, a abstenção tende a ser astronômica, a maior da história recente do País.

Custo a acreditar que cidadãos acima de 65 anos se dêem ao luxo e se aventurem a sair da casa para votar, correndo o risco de serem contaminados numa fila. O Brasil está prestes a ir às urnas sem preceder uma campanha sem discussão de ideias, de projetos, sem calor das ruas, sem comício, sem caminhadas, sem nada. Uma campanha apenas com o olho na telinha do computador ou do celular.

Sendo assim, até do ponto de vista econômico, privilegia os detentores de poder, com a máquina nas mãos. Os sem-mandatos dependerão apenas do dinheiro do fundo partidário para bancar as despesas de campanha. Como se trata de um bolo dividido para milhares, sobrará vinténs para cada um dos candidatos. A oposição, lisa, não encontrará respaldo nem fora do balcão.

Candidato à caça de apoios oficiais de simpatizantes tende a levar um tremendo não. Em resposta, quem no passado era acostumado a meter a mão no bolso para ajudar simplesmente se negará, sob a alegação de que a pandemia reduziu seus negócios a pó.

Uma verdade, diga-se de passagem, incontestável, se for levado em consideração, principalmente, o último levantamento oficial, no qual mais de 700 mil pequenas e médias empresas encerraram seus negócios.

Blog do Magno

05
jul

Registros

Postado às 20:03 Hs

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil neste domingo (5):

– Registro de 602 óbitos nas últimas 24h, totalizando 64.867 mortes;

– Foram 26.051 novos casos de coronavírus registrados, no total 1.603.055 pessoas já foram infectadas.

– O número total de recuperados do coronavírus, segundo o Ministério da Saúde, é 906.286, são mais 29.927 pacientes curados em relação ao boletim de ontem. Outras 631.902 pessoas seguem em acompanhamento.
O Rio Grande do Norte registrou nas últimas 24 horas, 388 novos casos de coronavírus e 13 óbitos, de acordo com os dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), neste domingo (5).

Agora, no total são 34.645 infectados e 1.213 óbitos provocados pela Covid-19 no RN.

05
jul

O RN perde Paulo Macedo

Postado às 17:46 Hs

O RN perde um dos ícones do jornalismo social e automotivo, o grande Paulo Macedo se foi aos 88 anos.

Tinha alta hospitalar programada para este domingo (05), mas terminou apresentando insuficiência cardíaca e levado para a UTI.  Paulo era uma referência no jornalismo potiguar e membro da Academia Norte-Rio-Grandense de Letras.

Polêmico, Paulo tinha estórias memoráveis e era de um excelente papo. Imortal da Academia Norte-rio-grandense de Letras, Paulo também era o vice-presidente da instituição.

 

Em nota, a Academia Norte-rio-grandense de Letras lamentou o falecimento do jornalista e vice-presidente da instituição, Paulo Macedo. A Academia também comunicou que em breve informará à respeito das homenagens ao acadêmico.

NOTA OFICIAL

A Academia Norte-rio-grandense de Letras, com consternação dos seus membros, cumpre o doloroso dever de comunicar o falecimento do Acadêmico e Vice-Presidente da instituição, Jornalista Paulo Macedo, ocorrido hoje à tarde, no Hospital Memorial São Francisco, em Natal, vítima do COVID-19.

Oportunamente serão informadas as homenagens fúnebres.

Natal, 05 de julho de 2020

Leide Câmara, Primeira Secretária da ANRL

05
jul

Bolsonaro desiste de Feder, diz jornalista

Postado às 17:09 Hs

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) desistiu de nomear Renato Feder como ministro da Educação, segundo a jornalista Ana Flor, do G1 e da GloboNews. Há muita resistência de apoiadores do chefe do Executivo ao nome de Feder, que é secretário da Educação no Paraná.

“Segundo o relato de assessores próximos do presidente, ele faz consultas acerca de outros nomes, mas insiste que o próximo ministro da Educação precisa estabelecer uma gestão técnica e ter uma relação harmoniosa com outros poderes, como o Congresso, onde as regras do novo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) precisam ser definidas até dezembro”, detalha Flor.

Bolsonaro chegou a fazer o convite a Renato Feder para que fosse a Brasília amanhã, mas recuou.

jul 6
segunda-feira
21 06
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
23 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.828.267 VISITAS