16
out

Celebrando

Postado às 12:41 Hs

Emissora de rádio que faz parte do Grupo TCM Telecom completa aniversário neste sábado (16). A Rádio Princesa FM – 90,9 FM, em Assú – completa neste sábado (16) 40 anos no ar cumprindo sua missão de difundir informação, levar entretenimento e promoções aos ouvintes, servindo à população da região do Vale do Açu. A emissora que faz parte do Grupo TCM Telecom celebra o aniversário junto aos seus ouvintes. Estão sendo realizadas promoções ao longo deste mês e amanhã haverá programações especiais, durante todo o dia. Lucílio Filho, Diretor da Rádio Princesa FM informa que em comemoração aos 40 anos da Rádio e aos 176 anos de emancipação política de Assú – celebrados também neste sábado – haverá sorteios de prêmios durante a programação da emissora, das 8h ao meio-dia neste dia 16. Entre os prêmios, uma moto elétrica. Haverá também Maratona esportiva, com jogos de futsal em várias categorias, das 8h às 14h, no Ginásio Poliesportivo Deputado Arnóbio Abreu. Durante a noite, a equipe da Princesa FM também fará parte do desfile da emancipação e fará a cobertura especial da programação, ocorrendo das 16h às 20h.

Reprodução

O jornalista José Luiz Datena anunciou que irá deixar a Band para concorrer nas eleições ao cargo de presidente da República. O anúncio foi feito pelo jornalista na tarde desta quarta-feira (13/10) durante o Brasil urgente, programa que ele comanda na emissora.

De maneira geral, ele declarou que pretende ser um ‘bom brasileiro’ e que irá entrar para política com esse objetivo. Em julho deste ano, Datena se filiou ao ex-partido de Jair Bolsonaro, o PSL. Ao falar sobre a saída, ele citou o filósofo grego Platão e explicou a demora para se envolver com a política tradicional.

“Platão, que foi um sábio, dizia: se você não entrar na política e não for um bom cidadão, com boa intenção – e meu único interesse em entrar na política é público, de ser um bom brasileiro – enquanto você não entrar na política, o mau político continuará lá e ele vai ocupar o lugar do bom político”, declarou.

Datena reforçou que a história na política não é recente, mas que tinha uma certa insegurança: “Um dia, um político importante disse que político não tem senso ridículo. O outro me disse que político não pode ter ética. Por essas frases e outras eu não entrei para a política até agora”.

Correio Braziliense

Após uma reportagem da agência de notícias ProPublica, dos Estados Unidos, levantar dúvidas sobre a criptografia usada pelo WhatsApp em casos de pessoas que infringem as regras, o aplicativo decidiu fazer mudanças na sua ferramenta de denúncia.

Agora, é possível denunciar mensagens específicas ao WhatsApp por infração às regras do aplicativo. Antes da atualização mais recente, só era possível denunciar pessoas ou grupos inteiros, incluindo as últimas cinco mensagens trocadas na conversa.

“Houve comentários de que, às vezes, os usuários desejam denunciar uma conta por mensagens que receberam anteriormente na conversa, e esta atualização permite que estas pessoas encaminhem as mensagens incômodas diretamente para o WhatsApp”, disse a empresa no anúncio da novidade.

Para denunciar uma mensagem isolada ou mais antiga, as pessoas agora podem simplesmente manter a mensagem pressionada até aparecer a opção “denunciar” e tocar nela. Fazendo isso, você ainda estará denunciando a pessoa, mas vai sinalizar aquela mensagem específica para que os moderadores olhem para ela com mais atenção.

Foto: Mcom

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, disse hoje (8) que o  vai garantir internet para todos os lugares do Brasil e acabar com os “desertos digitais”. “Todos os locais no Brasil, as pequenas vilas, todos eles receberão internet”, enfatizou ao participar da inauguração de um complexo de laboratórios de conectividade no Centro de Pesquisa de Desenvolvimento Tecnológico em Telecomunicações (CPQD), em Campinas.

O leilão das quatro faixas de frequência por onde trafegam os dados do 5G está previsto para acontecer no dia 4 de novembro. A tecnologia permite o envio de uma quantidade maior de dados com um tempo menor de resposta, permitindo a conexão de diversos equipamentos e máquinas.

Segundo o ministro, dos mais de R$ 49 bilhões previstos para serem arrecadados com o leilão, a maior parte será investida em infraestrutura. “Será um leilão estimado em R$ 49 bilhões. 80% desse valor, cerca de R$ 40 bilhões serão investidos no setor de telecom. Vai resolver de uma vez por todas o deserto digital no Brasil”, acrescentou.

O modelo, destinando os recursos diretamente para os investimentos, também garante, de acordo com Faria, a melhor aplicação do dinheiro. “Não tem mais aquele risco do dinheiro entrar para o Executivo, aí vai, muda o ministro, e o retorno para o setor não volta”, disse. O ministro disse que o CPQD, poderá ajudar o Brasil a desenvolver e até exportar tecnologias relacionadas à implementação do 5G. “O CPQD tem muita coisa para contribuir com o 5G no Brasil, com internet das coisas. O Brasil tem tudo para ser um exportador de soluções”, destacou.

 

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, disse que o projeto de privatização dos Correios, em debate no Senado, é uma “última janela” para resolver o que considera o “problema” que a estatal representa para o país. Segundo ele, empresas de entregas estão tomando espaço no mercado, o que pode levar a uma desvalorização dos Correios.O processo, para Faria, pode fazer com que a venda da estatal não interesse possíveis compradores, caso a desestatização se arraste por mais alguns anos. Defendeu o “timing” para que a privatização ocorra agora, por meio do projeto do governo já aprovado pela Câmara. O ministro participou de evento da CNT (Confederação Nacional dos Transportes) sobre a desestatização dos Correios. A proposta de privatização tramita na CAE (Comissão de Assuntos Econômicos) do Senado como PL (Projeto de Lei) 591/2021. O relator é o senador Márcio Bittar (MDB-AC).

A população de 183 cidades do Ceará, Paraíba, Piauí, Maranhão e Rio Grande do Norte tem agora mais motivos para comemorar: o sinal de televisão digital está bem próximo de chegar às casas. Nessa quarta (6/10), o ministro das Comunicações, Fábio Faria, assinou novos 178 termos de adesão, que confirmam a participação de cidades no programa Digitaliza Brasil. Outros cinco documentos foram assinados ainda durante solenidade realizada em Pau dos Ferros (RN), no final de setembro. A previsão é de que sejam entregues, entre novembro e dezembro, as estações compartilhadas para transmissão digital.

“Os municípios que aderirem poderão receber, gratuitamente, a infraestrutura para digitalização do sinal de TV”, salienta o ministro. Faria revela que ainda existem 1.638 cidades, em todo o país, apenas com o sinal analógico de televisão. O MCom criou o programa Digitaliza Brasil para transformar esse cenário de exclusão digital. “Vamos levar a TV digital para o resto do Brasil e, até dezembro do ano que vem, nenhum município mais vai assistir TV analógica”, garante.

As prefeituras municipais que confirmaram a adesão ao programa foram convocadas nas fases 1.1 e 1.2 do Digitaliza Brasil. Das cidades, 44 são do Ceará, 43 do Maranhão, 53 da Paraíba, 16 do Piauí e 27 do Rio Grande do Norte. As cinco primeiras a oficializarem participação foram Coronel João Pessoa, Doutor Severiano, Portalegre, Rafael Fernandes e Umarizal, todas do RN.

NOVAS ESTAÇÕES ENTREGUES – Após a assinatura dos termos de adesão pelo MCom, os documentos são enviados à Seja Digital, entidade responsável por operacionalizar a digitalização do sinal de TV e instalar nos municípios as novas estações. Finalizada essa etapa, a infraestrutura será inaugurada e estará pronta para realizar transmissão da programação digital. As estações têm capacidade para até oito canais.

Nas casas, a população com televisores compatíveis ou com kits conversores poderão desfrutar, sem qualquer custo extra, dos benefícios da TV digital: diversidade na programação e melhor qualidade de som e imagem, sem ruídos e interferências.

Por meio do Digitaliza Brasil, também serão entregues os kits conversores às famílias com baixa renda que atenderem aos requisitos definidos pelo grupo gestor da digitalização (GIRED).

04
out

De volta…

Postado às 20:10 Hs

Imagem: Primakov/Shutterstock

Após mais de 6 horas de falha no sistema, WhatsApp, Facebook e Instagram voltam, ao poucos, a funcionar, mas ainda apresentando instabilidade. Pelo Twitter, usuários informaram que já conseguem enviar e receber mensagens, além de visualizar postagens.

Tanto o Facebook quanto WhatsApp e Instagram saíram do ar pouco antes das 13h, no horário de Brasília.

Dois membros da equipe de segurança disseram, sob condição de anonimato por não poder fornecer informações abertamente, que um ataque cibernético é bastante improvável. Eles explicaram que a ação de hackers não seria capaz de derrubar tantos aplicativos.

Mais cedo, em comunicado à imprensa, o Facebook confirmou a dificuldade de usuários acessarem o sistema, incluindo WhatsApp e Instagram, e disse “estar trabalhando para que tudo volte ao normal o quanto antes”.

Metrópoles

A fortuna pessoal do empresário Mark Zuckerberg diminuiu em quase US$ 7 bilhões (cerca de R$ 35 bilhões), em poucas horas. Isso fez com que o famoso proprietário do Facebook caísse de posição da Bloomberg Billionaires de pessoas mais ricas do mundo, ficando abaixo de Bill Gates.

O valor da fortuna de Zuckerberg, então, caiu para US$ 120,9 bilhões. Desde 13 de setembro, segundo a agência, o CEO do Facebook perdeu cerca de US$ 19 bilhões em riqueza. Naquela data, a fortuna era avaliada em US$ 140 bilhões, de acordo com o índice.

O dia de Mark começou nesta segunda (04), com uma denúncia de uma ex-funcionário contra o Facebook, que acusou a plataforma de colocar o “lucro acima da segurança”. Ela também contatou autoridades reguladoras do setor financeiro americano, acusando a rede social de ter enganado investidores. Durante toda tarde de hoje, as redes sociais da companhia ficaram fora do ar.

Logo após a instabilidade do WhatsApp, Instagram e Facebook, reclamações sobre operadoras de telefonia e internet começaram a crescer. No Brasil, o site Downdetector, que reúne queixas sobre serviços, registrou picos para Claro, Vivo, TIM e Oi por volta das 13h30.

É comum que as reclamações cresçam logo que alguma rede popular sai do ar: pessoas comentaram no Twitter que pensavam que o problema estava na internet, e não nos aplicativos. Mas a rede está registrando também queixas de pessoas sobre o 4G de algumas operadoras.

Nos Estados Unidos, as reclamações se concentram nas operadoras T-Mobile e AT&T, além de Amazon Web Services e do Google.

04
out

Fora do ar

Postado às 14:30 Hs

WhatsApp, Facebook e Instagram apresentam instabilidade no começo da tarde desta segunda-feira (4). Internautas em todo o mundo estão relatando dificuldade pra acessar os serviços que pertencem ao Facebook.

O termo WhatsApp se tornou o primeiro nos Trending Topics do Twitter no Brasil por volta das 12h50. Às 13h10, o site Downdetector, que monitora reclamações sobre serviços da internet, registrava cerca de 40 mil queixas sobre o o aplicativo de mensagens. Para o Instagram, eram cerca de 10 mil e, para o Facebook, 5 mil.

G1

O assentamento Maísa, em Mossoró, no Rio Grande do Norte, saiu do deserto digital e entrou para o mapa da conectividade. Essa nova realidade se tornou possível graças a entregas realizadas nesta terça-feira (28/9) pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria. A população recebeu pontos de conexão via satélite que vão garantir internet banda larga gratuita, por meio do programa Wi-Fi Brasil. Além disso, o ministro fez a doação de 100 computadores, por meio do programa Computadores para Inclusão. A ação marca o ciclo de mil dias de governo.

Na cerimônia, o ministro recordou que 48 milhões e 500 mil pessoas não tinham acesso à internet no início de 2019. Cenário de exclusão que está se transformando graças aos programas desenvolvidos. “Assumi o ministério e implantamos o programa chamado Wi-Fi Brasil. A gente pega uma antena da Telebras e coloca em uma praça, em uma escola, em algum órgão público, e hoje já são 15 mil pontos. Já são 9 milhões de pessoas que saíram do escuro, do deserto digital – igual à Maísa – para ter internet e estar conectado com os brasileiros”, destacou.

As cinco mil famílias que vivem no assentamento agora poderão usufruir de todos os benefícios que a tecnologia proporciona. As entregas do MCom marcam o início de uma nova fase com inclusão social e digital para a população. A internet e os novos computadores chegam como um sinal de esperança para comunidades de Maísa e Alagoinha, levando conectividade para cinco Unidades Básicas de saúde (UBS), três escolas e uma base da Polícia Militar. “Hoje todos os órgãos públicos da saúde, da segurança, e da educação de Maísa já têm Wi-Fi gratuito e ilimitado”, comemorou o ministro Fábio Faria.

As comunidades beneficiadas estão instaladas em uma área correspondente à antiga Fazenda MAISA (Mossoró Agroindustrial S.A.), símbolo de força da agropecuária na região, grande produtora de caju e melão. Porém, ao longo do ano de 2002, seus quase 20 mil hectares foram desapropriados.

*Conectividade* – Nos últimos anos, o Brasil passou por importantes transformações que impactaram, para melhor, o dia a dia dos brasileiros. O Ministério das Comunicações (MCom), recriado em 2020, tem se destacado com as políticas de promoção de inclusão digital e expansão dos serviços de conectividade, com o esforço de trazer tecnologia de banda larga móvel de quinta geração para o país, o chamado 5G; e com o fortalecimento do setor de radiodifusão; além de garantir que as parcelas mais vulneráveis da população tenham acesso à recepção de televisão digital.

Já são 14 mil pontos de internet banda larga gratuita, via satélite, do programa Wi-Fi Brasil. Do total, 78% estão nas regiões Norte e Nordeste, sendo que mais de 10 mil conexões estão instaladas em escolas da rede pública, 91% delas em atividade na região rural. O programa também beneficia unidades de saúde, telecentros, povos e comunidades tradicionais (indígenas, quilombolas e pescadores), além de outros equipamentos de interesse público. Nos próximos meses, a instalação de mais três mil pontos foi pactuada com a Telebras (2.000), com a Fundação Banco do Brasil (500) e com o Sebrae (500). Só no RN, são 119 municípios atendidos com 450 pontos instalados (78% na área rural).

Fonte: Blog do BG

 

A primeira estação compartilhada de televisão digital do programa Digitaliza Brasil será instalada no município de Tenente Ananias, no Rio Grande do Norte (RN). A inauguração foi anunciada pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria, que visitou, nesta segunda-feira (27), a cidade de Pau dos Ferros (RN), cidade vizinha, no estado potiguar.  A ação marca a última fase da transição da TV analógica para a TV Digital e irá beneficiar toda a região Nordeste.

Com o programa Digitaliza Brasil, o sinal digital será levado para 1.638 municípios do país  que, atualmente, transmitem apenas em sinal analógico. Segundo a pasta, o processo de digitalização nessas localidades será concluído até 2022 e irá beneficiar mais de 23 milhões de brasileiros. As primeiras cidades convocadas para aderir ao Digitaliza Brasil são da região Nordeste. A pasta já lançou quatro editais do programa que contemplam 580 cidades de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

Como explicou o ministro, o Digitaliza Brasil vai possibilitar que a TV Digital alcance os municípios mais distantes. Com uma antena compartilhada, o sinal vai chegar a Tenente Ananias com pelo menos oito canais de TV, incluindo o sinal da TV TROPICAL, filiada da RECORD TV. A novidade permitirá que a emissora amplie a sua cobertura em mais de 170 cidades do país. Além do maior número de canais, o telespectador contará com imagens com mais qualidade,  melhor definição e sem ruídos.

Portal da Tropical

Reprodução

Ao contrário do que muitos imaginam, o consumo de conteúdo via rádio aumentou no último ano, mesmo com tantas opções. É o que aponta o estudo Inside Radio 2021, da Kantar IBOPE Media, realizado em treze regiões metropolitanas do Brasil. O levantamento mostra que 80% da população dessas regiões ouvem rádio. E que, mesmo aumentando a audiência das rádios pelo celular, as pessoas preferem é escutar no aparelho de rádio tradicional.

Além disso, os dados revelam ainda que 71% escutam em casa. A professora de comunicação da Universidade de Brasília Cristiane Parente explica que o contexto da pandemia, do isolamento social e o trabalho em home office, contribuiu para o aumento do consumo no ambiente residencial.

Segundo Cristiane, mesmo com o surgimento de outras mídias, o rádio permanece sendo o veículo mais popular. E isso se fortaleceu no contexto da pandemia. Enquanto o rádio tem um dia comemorado em todo o mundo no mês de fevereiro, no Brasil é em 25 de setembro, data em que nasceu Edgard Roquette Pinto, precursor da radiodifusão no país. Foi ele quem fez a primeira transmissão, via rádio, no dia 7 de setembro de 1922, durante comemoração dos 100 anos da independência do País.

Roquette Pinto também criou a primeira estação de rádio brasileira, a Rádio Sociedade, no Rio de Janeiro, em 1923.

Treze anos mais tarde, a emissora foi cedida ao Governo e virou a Rádio MEC, hoje comandada pela empresa pública EBC, Empresa Brasil de Comunicação.

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou, em reunião extraordinária nesta sexta-feira (24), o edital com as regras para o leilão do 5G, que venderá frequências de 700 MHz, 2,3 GHz, 3,5 GHz e 26 GHz. De acordo com o texto final, o certame será realizado no dia 4 de novembro. A análise pela Anatel do edital do leilão havia sido adiada em 13 de setembro após pedido de vistas do processo por conselheiro da autarquia. Em reunião extraordinária nesta sexta-feira, a agência liberou o andamento do processo. O presidente da Anatel, Leonardo de Morais, destacou que os investimentos previstos no edital contribuirão para a retomada e desenvolvimento da atividade econômica nos próximos anos, bem como fortalecerá a economia digital no país.
22
set

Acontece

Postado às 11:22 Hs

Presidente Jair Bolsonaro vai participar, ao vivo, de forma virtual

Reprodução

O Governo Bolsonaro vai completar 1.000 dias de gestão e em cada estado do país fará uma agenda de entregas para marcar a data. No Rio Grande do Norte, o ministro das comunicações, Fábio Faria, estará na segunda-feira (27) em Pau dos Ferros e na terça-feira (28) em Mossoró. Na capital do Oeste, a cerimônia, inclusive, vai contar com a participação ao vivo do presidente da República, conectado via internet pelo Programa Wi-Fi Brasil.

A agenda oficial do Governo Federal no RN na segunda-feira está marcada para 14h30, em Pau dos Ferros. Na cidade do alto oeste potiguar, Fábio Faria libera oficialmente sinal de TV Digital para cidades potiguares, oferecendo mais canais e melhor qualidade de imagem.

Também haverá inauguração de R$ 9,57 milhões em obras da Funasa em 10 municípios da região de Alto Oeste e assinatura de convênio no valor de R$ 19,8 milhões para aterros sanitários em 44 municípios.

Além do Ministro das Comunicações, Fábio Faria, também participam do evento o Ministro da Cidadania, João Roma e o Presidente da Funasa, Miguel da Silva Marques.

MOSSORÓ

Na terça, a agenda do Governo Federal com o ministro das Comunicações será no assentamento Maísa, em Mossoró. O presidente Jair Messias Bolsonaro vai participar ao vivo, de forma virtual, para inaugurar a conexão via satélite que vai garantir internet banda larga gratuita para a comunidade Maísa, que também vai receber, pela primeira vez, o sinal de telefonia móvel, com a torre de telefonia celular que acaba de ser instalada no assentamento.

A conexão de internet garantida pelo Ministério das Comunicações chegará, ainda, para os moradores da comunidade Alagoinha. Além de 4 unidades de saúde; 10 escolas; 1 base da Polícia Militar. O ministro Fábio Faria fará a doação de 100 computadores e finaliza apresentando projetos de Instalação de laboratórios de informática em seis escolas; solução automatizada de monitoramento de insetos; teleducação com realidade mista; teleconsulta médica imersiva; e realidade aumentada. Todas já simulando o modelo de Experiência 5G no Brasil.

A diretoria da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) marcou para a próxima sexta-feira (24) a reunião para concluir a votação da proposta de leilão para a exploração de serviços de acesso móvel usando a tecnologia 5G, que amplia a velocidade da conexão móvel. A agência havia marcado a votação para a semana passada. Mas a decisão foi adiada por um pedido de vista do conselheiro Moisés Moreira. Os ministros ainda discutem algumas adequações sobre o texto da proposta para concluir a votação.

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, afirmou que o Brasil terá redes de 5G puras funcionando já neste ano de 2021 no país, em pelo menos cinco capitais, entre elas São Paulo. Ainda segundo o ministro, o leilão do 5G deve ocorrer entre os dias 20 e 21 de outubro.

“No natal já teremos cidades utilizando o 5G standalone. Muitos CEOs já mostraram interesse em começar as instalar as antenas em cidades já no dia seguinte ao leilão. O Brasil vai se colocar perante o mundo em termos de economia digital. Alguns países saíram na nossa frente em termos de 5G, mas nós vamos recuperar o tempo perdido”, disse Fábio Faria.

O governo deve publicar em breve um decreto que flexibiliza a construção da rede privativa de 5G. o ministro Fabio Faria já adiantou que o decreto está pronto e trata também da rede privativa do Governo.

Para a realização do leilão 5G, o governo aguarda apenas a liberação da Anatel, que deve ocorrer nos próximos dias. A aprovação pela autarquia é a última etapa necessária antes da publicação do edital do certame, que deve movimentar cerca de 45 bilhões de reais para levar a tecnologia 5G a todas as 27 capitais do país até julho de 2022.

Em paralelo, o leilão de 5G também prevê recursos para internet na educação. Segundo o ministro, 80% das escolas receberão melhoria de tecnologia e as escolas rurais ou em localidades abaixo de 600 mil habitantes, receberão internet via Wifi Brasil, que é um programa do ministério em parceria com a Telebras, no qual é distribuída gratuitamente a antena que capta o sinal do satélite.

A publicação do edital do leilão do 5G está prevista para a semana que vem, segundo o ministro das Comunicações, Fábio Faria, apesar de a análise do documento pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) ter sido adiada no início da semana, após pedido de vista do conselheiro Moisés Queiroz Moreira.

“Acredito que, em breve, vamos resolver. O edital pode sair no dia 21 ou 24. Nenhuma dos investimentos e prazos que estão lá serão prejudicados. Tudo será mantido”, disse o ministro em evento do setor, nesta quinta-feira (16). O edital foi aprovado pelo TCU (Tribunal de Contas da União) no último dia 25 de agosto.

5G Standalone

Faria disse ainda que a tecnologia 5G Standalone — que não depende do 4G para funcionar — deve chegar no estado de São Paulo até o Natal. “Até julho do ano que vem, todas as capitais terão o 5G Standalone funcionando. Talvez nós ultrapassemos o Chile como o primeiro país na América Latina”, disse.

CNN Brasil

out 17
domingo
21 09
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
57 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.881.803 VISITAS