Renato Barros, vocalista da banda Renato e Seus Blue Caps, morreu, hoje, aos 76 anos, no Hospital de Clínicas de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio. Ele estava internado há 10 dias após uma cirurgia cardíaca e teve complicações pulmonares.

Durante a cirurgia, o cantor já havia apresentado problemas e chegou a ficar trinta minutos sem as funções vitais.

Nos anos 1960, a banda fez sucesso com hits como “Até o fim”, ” Menina Linda”, “Não te esquecerei” e “Feche os Olhos”.

Autora do livro “Renato Barros: Um mito, Uma Lenda”, Luzinha Zanetti se despediu em uma rede social. “Nosso amado e muito querido cantor, compositor e guitarrista não suportou tanto sofrimento e descansou! Foi tocar sua guitarra no plano superior, onde está agora ao lado de seus pais e de sua amada esposa Lúcia Helena”.

Morreu, na madrugada desta terça-feira (21), o cantor e músico paraibano Francisco Ferreira Lima, mais conhecido como Pinto do Acordeon. Ele tinha 72 anos e estava internado desde janeiro no Hospital da Beneficência Portuguesa, em São Paulo, onde tratava um câncer.

Natural de Conceição, no Sertão do estado, Pinto do Acordeon ficou conhecido por participar de apresentações com a trupe de Luiz Gonzaga. A carreira solo começou em 1976. Ele é autor e intérprete de várias canções que marcaram a cultura nordestina, como Neném Mulher, Paixão de Beata, Matuto Teimoso e Engenho Velho.

Além de artista, Pinto do Acordeon foi vereador de João Pessoa, em mandato que durou de 1993 a 1997.

Em julho do ano passado, a obra de Pinto do Acordeon se tornou Patrimônio Cultural e Imaterial do Estado da Paraíba. Ainda em 2019, o artista recebeu o título de Mestre das Artes Canhoto da Paraíba.

O corpo de Pinto do Acordeon será velado em João Pessoa, em um cemitério particular, e enterrado na cidade de Patos, no Sertão. A previsão é de que o corpo do artista chegue à capital paraibana por volta das 16h desta terça-feira.

Portal Correio

06
jun

Acontece

Postado às 12:44 Hs

Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria Municipal de Cultura, vai lançar uma programação junina que será trabalhada de forma on-line. Todas as ações serão realizadas sem custo financeiro para a Prefeitura de Mossoró e serão veiculadas através das redes sociais do Mossoró Cidade Junina e no site do evento. Os endereços são Instagram: @mossorocidadejunina, Facebook/MossoróCidadeJunina e www.mossorocidadejunina.com.br.
A programação será iniciada a partir do dia 03, com concurso “A Resistência de Mossoró e o Cangaço”, realização da Fundação Vingt-Un Rosado, com apoio da Prefeitura de Mossoró. Edital no endereço da colecaomossoroense.org.br – Inscrições em: fvrcm@uol.com.br. Também dia 03 de junho às 18h, a Banda Artur Paraguai apresenta um pot-pourri de Luiz Gonzaga e “Tareco e Mariola” obra de Petrucio Amorim. Os livros estarão disponíveis nas plataformas da Coleção Mossoroense e  www.mossorocidadejunina.com.br.

No dia 04 de junho, será lançado através das redes sociais do evento a proposta do Minuto Recordação, um incentivo para que as pessoas gravem um vídeo recordando fatos, histórias, encontros e desencontros vividos pelas pessoas nas edições anteriores do Mossoró Cidade Junina.

No dia 05 será lançada a edição 2020 do Prêmio Fomento, com publicação de editais de apoio à cultura, no valor de R$ 242 mil. Na mesma data, às 19h, será veiculado o vídeo “beleza no arraia”, que faz parte de uma série de oficinas sobre cabelo e maquiagem com o maquiador e cabeleireiro  Antônio Carlos.

No dia 06, sábado, às 12h, a Live Pingo Do Mei Dia, organizado pelos artistas locais André Luvi, Renata Falcão, Everaldo Rodrigues, Forró com ela, Nataly Vox, João Netto Pegadão e convidados. Doações serão entregues para os músicos da cidade. A programação também estará disponível Canal do Youtube.

Dia 06 de junho, após o Zorra Total, da Inter TV Cabugi será apresentada uma reprise do espetáculo Chuva de Bala no País de Mossoró 2019.

Em 07 de junho, às 18h, a Banda Artur Paraguai interpreta Vital Farias “Saudade D’ocê” e “São João na Roça”.

Dia 08, às 16h, o vídeo, Para Entender Mossoró e o Cangaço. Ler o livro “Nas garras de Lampião”, de Antônio Gurgel e Raimundo Soares de Brito, na plataforma da Coleção Mossoroense.

Em 09 de junho, a partir das 19h, será veiculado o vídeo “São João nos traços da criatividade”, com oficina sobre figurinos com Josivan Silva, estilista, design de moda.

Dia 10 de junho será veiculada através das redes sociais a exposição “O Chuva de Bala por outro

ângulo”, que mostra figurinos dos personagens do Chuva de Bala e entrevistas com artistas envolvidos na construção de cada um dos personagens.

Dia 12 de junho, o V Salão Dorian Gray traz uma exposição virtual integrada por 100 artistas do RN e 200 obras selecionadas.

Dia 13, às 16h, acontecerá a entrega da carta original do prefeito Rodolfo Fernandes, à Prefeita Rosalba Ciarlini, pelo pesquisador e jornalista Robério Santos. O documento histórico em que o Prefeito informa a Antônio Gurgel que a cidade não dispõe dos 400 contos de réis.

Também em 13 de junho, às 18h, o primeiro episódio de quatro que contam a história do espetáculo Chuva de Bala no País de Mossoró. O episódio intitulado “O Cangaço e a organização Do Bando”, narrado pelos professores Kildelmir Dantas e Geraldo Maia sobre a formação do grupo mais temido no sertão com apresentação de cenas do Chuva de Bala.

Dia 14 de junho às 16h, segue etapa do concurso da Coleção Mossoroense, “Para Entender Mossoró e o Cangaço”. Ler livro “A Marcha de Lampião”, de Raul Fernandes. Os livros estarão disponíveis nas plataformas da Coleção Mossoroense e  www.mossorocidadejunina.com.br.

No mesmo dia, a partir das 13h, transmissão da live dos Carlinhos, com o artista Carlos José, o poetas Antônio Francisco e Caio César Muniz, André Luvi, Forró dos 3. A programação é de responsabilidade dos próprios artistas.

Dia 15 de junho, às 18h, o segundo episódio da série que conta a história do Chuva de Bala, intitulado “A Marcha Dos Cangaceiros e o Ataque”, narrado por Kildelmir Dantas e Geraldo Maia sobre a viagem do Bando e a chegada na cidade apresentando cenas do espetáculo Chuva de Bala.

Dia 15 de junho, às 11h, live com artistas do RN sobre a criação e acervo do Museu de Arte de Mossoró.

Dia 17, às 18h, a Banda Artur Paraguai apresenta pot-pourri de músicas cantada por Flávio José e “Bate Coração” de Marinês. Também dia 17 de junho às 19h, vídeo São João Coreografado, com a oficina sobre coreografias com Abraão Morais, Coreógrafos e Bailarino.

Dia 20 de junho, às 16h segue concurso da Coleção Mossoroense, “Para entender Mossoró Cangaço. Ler livro “Jesuíno Brilhante” de Raimundo Nonato. Disponível na plataforma da Coleção Mossoroense, www.mossorocidadejunina.com.br

Dia 22 de junho, às 18h, o episódio “Os preparativos da defesa”. O 3º episódio da novela mostra como o Prefeito organizou a resistência. Muitos dos atores que fizeram o Prefeito serão relembrados.

Dia 24 de junho, às 18h, seguem os vídeos de apresentação da Banda Artur Paraguai, com apresentação do Pot-pourri do Mastruz com LEITE e de Luiz Gonzaga. Disponível em: redes sociais da Prefeitura de Mossoró.

Dia 26 de junho às 16h, mais uma etapa do concurso da Coleção Mossoroense, Para Entender Mossoró e o Cangaço, com o livro “Cangaço – Episódios e personagens” de Kyldemir Dantas e Caio César Muniz. Disponível na plataforma da Coleção Mossoroense, www.mossorocidadejunina.com.br

Também dia 26 de junho, às 19h, disponibilização do vídeo “A fogueira não pode apagar… regional incendeia”, com oficinas sobre Marcação de quadrilha junina com a banda Regional Incendeia. Disponível em: Redes Sociais da Prefeitura, www.mossorocidadejunina.com.br.

Dia  27 de junho a programação será encerrada com a live Boca da Noite, às 18h, organizada e promovida pelos artistas locais André Luví, Renata Falcão, Everaldo Rodrigues, Forro com ela, Nataly Vox, João Netto Pegadão e convidados. Doações serão entregues para os músicos da cidade. Disponível em: Canal do Youtube e redes socias do Mossoró Cidade Junina.

A secretária de Cultura, Isaura Amélia Rosado destacou que a programação não terá custo financeiro nenhum por parte da Prefeitura de Mossoró, visto que será realizada pelos próprios artistas e entidades. “Todos sabem que o Mossoró Cidade Junina foi cancelado pois todos os recursos foram destinados para a Saúde. Foi uma ação justa e necessária da prefeita Rosalba Ciarlini. No entanto, a Secretaria Municipal de Cultura foi procurada pelos artistas para que algumas programações fossem apenas retransmitidas e nós daremos esse apoio, não de forma financeira, mas nos utilizando das redes sociais do evento para mostrar o trabalho desses artistas. Toda a programação poderá ser assistida de casa, cumprindo o isolamento social, sempre com objetivo de trazer um pouco de alegria às pessoas que estão em confinamento”, concluiu.

O compositor e trovador Evaldo Gouveia morreu na noite desta sexta-feira, 29 de maio, aos 91 anos.  O artista, que há alguns anos convivia com as consequências de um acidente vascular cerebral, foi contaminado pela Covid-19 e não resistiu às complicações. O cearense deixa um legado robusto e apaixonado.

Do menino de oito anos que cantava na radiadora da Praça da Estação de Iguatu ao trovador que conquistou o Brasil com palavras e melodias. Evaldo Gouveia de Oliveira nasceu em 8 de agosto de 1928 no município de Orós e, desde cedo, sentia que, eventualmente, conquistaria o País. “Eu ia pro pezinho do rádio e pegava a letra, o tom. Eu já nasci artista”, dividiu em entrevista às Páginas Azuis do O POVO, publicada em 16 de agosto de 2010. A partir de “Deixe que Ela se Vá” (1957), primeira composição de sua autoria, escreveu sentimentos e melodias intensas que reverberam até hoje no cancioneiro nacional popular e nos corações dos românticos. Entre elas, despontam “Tango de Teresa”, “Sentimental”, “Brigas”, “Bloco da Solidão e “O Trovador” – para citar somente algumas, pois entre as mais de mil composições acumulam-se sucessos.

O repertório de Evaldo Gouveia foi impulsionado pelas vozes de cantores consagrados como Altemar Dutra, Nelson Gonçalves, Alaíde Costa e Maysa Monjardim. O cearense fez parte do lendário Trio Nagô, ao lado de Mário Alves e Epaminondas Souza.

O ápice da carreira do cantor veio da relação com Altemar Dutra (1940-1983). O cearense levou Dutra às boates de Copacabana, no Rio de Janeiro, e o sucesso do cantor mineiro, interpretando as composições de Evaldo, levou ambos ao auge.

Agência de Notícias 

22
Maio

Homenagem

Postado às 12:57 Hs

Orquestra Sinfônica do RN homenageia profissionais da saúde em vídeo com obra de Bach

Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte – OSRN faz homenagem aos trabalhadores da saúde, profissionais que têm sido os verdadeiros heróis contra a pandemia da Covid-19 que assola o mundo.

No vídeo, a Ária da Quarta Corda (Suíte para Orchestra no. 3) de Johan Sebastian Bach é regida pelo diretor artístico e maestro da OSRN, Linus Lerner, tocada pelos músicos da Orquestra (todos em casa em Natal-RN), com a participação especial da Soprano Tatiana Vanderlei (brasileira residente na Itália) na Igreja de San Silvestro, em Áquila, Itália.

A Orquestra expressa, através desse material todo, o seu respeito e admiração aos profissionais que estão na linha de frente dessa luta. Vídeo disponível em https://www.youtube.com/watch?v=cCAOrsu_7_0&feature=youtu.be

O compositor e escritor Aldir Blanc, de 73 anos, morreu na madrugada desta segunda-feira (4) no Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Vila Isabel, Zona Norte do Rio. Ele estava com Covid-19 e seu quadro de saúde era considerado grave. No dia 10 de abril, o compositor deu entrada na CER do Leblon com infecção urinária e pneumonia, que evoluíram para um quadro de infecção generalizada. Cinco dias depois, a partir de uma campanha de amigos e artistas, ele conseguiu transferência para o Hospital Pedro Ernesto. Na unidade, chegou a apresentar sinais de melhoras, mas como seu estado era muito grave, foi mantido sedado o tempo inteiro.

As lives, transmissões ao vivo pela internet, se tornaram uma forma de artistas manterem o contato com os fãs e continuar fazendo shows mesmo em meio à quarentena devido ao novo coronavírus. E nesta semana, diversos músicos vão realizar suas apresentações.

Confira abaixo a lista com as principais lives, que serão realizadas nos canais no YouTube de cada artista:

Quinta-feira (30):

Banda Eva (17h)
Onze20 (19h)
Matheus e Kauan (20h)
Calcinha Preta (20h)
Chitãozinho & Xororó (20h)
Pabllo Vittar (21h) – Festival do Orgulho ainda contará com Pepita, Aretuza Lovi, Mateus Carrilho e Urias

Sexta-feira (1º):

Thaeme e Thiago (14h)
Naiara Azevedo, Humberto e Ronaldo, Gabriel Gava e Ícaro e Gilmar (16h)
Jonas Esticado (16h)
Só Pra Contrariar (16h)
Murilo Huff (18h)
Priscilla Alcantara (18h)
Jota Quest (20h)
Eduardo Costa e Leonardo (20h)
Léo Santana, Harmonia do Samba e Banda Parangolé (21h)

Sábado (2):

Jorge e Mateus (17h)
Xand Avião (20h)
Lulu Santos (21h30)
Maria Cecília e Rodolfo (21h30)
Kevin O Chris (22h)
Alok, no projeto Em Casa (22h30)

Domingo (3):

Lagum (16h)
Dudu Nobre (18h)
Alceu Valença (18h)
Capital Inicial (20h)
Wanessa Camargo (20h)

19
abr

Horários de Lives

Postado às 13:07 Hs

As “Lives” de grandes nomes da música brasileira que acontecem a partir deste fim de semana incluem nomes consagrados como Roberto Carlos, Wesley Safadão, Sandy & Júnior, Luan Santana, Simone e Simária, dentre outros. A novidade é que o assinante da TCM Telecom poderá acompanhar todas elas através do nosso Canal do Assinante, sintonizado no Pacote Compacto pelo 20.7 e no Pacote Família pelo 1. Confira abaixo a agenda das “lives” que você poderá acompanhar pelos canais dos artistas no Youtube e aqui no nosso Canal do Assinante:

Dia 18.04, 16h: Alexandre Pires
18.04, 20h: Wesley Safadão

Dia 19.04, 16h: Bráulio c/ Waldonys
19.04, 19h45: Roberto Carlos

Dia 20.04, 20h: Os Amigos

Dia 21.04, 20h: Sandy & Júnior

Dia 22.04, 20h: Joelma
Dia 24.04, 21h: Simone e Simaria
Dia 25.04, 15h: Sorriso Maroto
25.04, 20h: Limão com Mel
Dia 26.04, 16h: Mumuzinho
26.04, 18h: Luan Santana

16
abr

Vaquinha virtual

Postado às 21:42 Hs

Evento acontece dia 30 de abril através de lives em comemoração ao International Jazz Day, e link para doação já está disponível Para se divertir, reviver memórias, acalmar, alegrar ou espantar a solidão. A arte está presente no dia a dia de todos e a música perpetua os ambientes e auxilia a dá o tom na nota dos sentimentos. Em tempos de pandemia, as lives têm se destacado por levar às casas muito mais que entretenimento. Artistas utilizam das suas redes sociais para arrecadar fundos e auxiliar comunidades ou instituições carentes. E Juçara Figueiredo Produções prepara para o dia 30 de abril, o Fest Bossa & Jazz Home Sessions em comemoração ao International Jazz Day. O evento reúne artistas nacionais e internacionais através de lives. Ao todo serão dez apresentações e duas Home Sessions. A primeira live começa às 16h e a programação segue até às 22h. Logo após, iniciam as Home Sessions – encontros musicais pré-gravados entre vários músicos participantes do festival e convidados. Sendo uma às 21h e a segunda a partir das 21h30. Dentre as atrações já confirmadas estão Wanda Sá (RJ), Nuno Mindelis (SP), Marcos Viana (SP), Família Pádua (Áustria) e o trompetista norte americano Mark Rapp.

Faleceu nesta segunda-feira (13), no Rio de Janeiro (RJ), o cantor Moraes Moreira, aos 72 anos. Foi encontrado sem vida no apartamento onde morava. A causa da morte ainda não foi divulgada.

A causa da morte ainda não foi conhecida. Moraes Moreira começou tocando sanfona de doze baixos em festas de São João e outros eventos de Ituaçu, o “Portal da Chapada Diamantina”. Na adolescência aprendeu a tocar violão, enquanto fazia curso de ciências em Caculé, Bahia. Mudou-se para Salvador e lá conheceu Tom Zé, e também entrou em contato com o rock n’ roll. Mais tarde, ao conhecer Baby Consuelo, Pepeu Gomes, Paulinho Boca de Cantor e Luiz Galvão, formou o conjunto Novos Baianos, onde ficou de 1969 a 1975.

Em mais de 50 anos de carreira, Moraes Moreira trafegou do rock ao axé, sem esquecer do samba, sua eterna paixão. Ainda criança, tocava sanfona nas festas de São João na cidade de Ituaçu, onde nasceu. O contato com o rock veio só quando foi morar em Salvador, já com a influência de futuros tropicalistas como Tom Zé. Acabou se tornando um virtuose do violão e da guitarra.

Saiu em carreira solo no ano de 1975, e desde então já lançou mais de 20 discos. Na sua carreira solo, destacou-se como o primeiro cantor de trio elétrico, cantando no Trio de Dodô e Osmar, e lançou diversos sucessos de músicas de carnaval, no que se convencionou chamar de “frevo trieletrizado”.

A programação do São João 2020 de Campina Grande foi divulgada na manhã da ultima sexta-feira (6).

Esta é a 37ª edição da festa junina, que acontece de 5 de junho a 5 de julho. A abertura vai ficar por conta do cantor Flávio José e a véspera de São João tem show de Elba Ramalho.

Programação completa do São João de Campina Grande 2020

  • Dia 5 de junho, sexta-feira (abertura): Flávio José; Calcinha Preta; Biliu de Campina; Genival e João Lacerda; Eric Land;
  • Dia 6 de junho, sábado: Simone e Simaria; JM Puxado; Capilé; Tinho Lima;
  • Dia 7 de junho, domingo: Banda Encantus; Sâmya Maia; Felipe Alcântara; Fernanda Lima;
  • Dia 9 de junho, terça-feira: Louvor e Adoração;
  • Dia 10 de junho, quarta-feira: Dorgival Dantas; Luan Estilizado; Pedrinho Pegação; Felipe Warley;
  • Dia 11 de junho, quinta-feira: Kátia Cilene; Banda Cascavel; Aduílio Mendes;
  • Dia 12 de junho, sexta-feira: Walkyria Santos; Gil Mendes; Fabiana e Forró das Antigas; Mexe Ville;
  • Dia 13 de junho, sábado: Felipe Araújo; Fabiano Guimarães; Coroné Grilo; Anna Barros;
  • Dia 14 de junho, domingo: Waldonys; Os 3 do Nordeste; Forró da Barka; Edu e Maraial;
  • Dia 16 de junho, terça-feira: Padre Nilson e convidados;
  • Dia 17 de junho, quarta-feira: Geovane Júnior; Estella Alves; Filipe Santos;
  • Dia 18 de junho, quinta-feira: Cavalo de Pau; Forrozão das Antigas; Poeta Francinaldo; Cumpade João e Seu Cabras;
  • Dia 19 de junho, sexta-feira: Matheus e Kauan; Jonas Esticado; Henry Freitas; Berinho Lima;
  • Dia 20 de junho, sábado: Zé Neto e Cristiano; Edyr Vaqueiro; Fabiano Guimarães; Matheus Fernandes;
  • Dia 21 de junho, domingo: Brasas do Forró, Assisão; Duquinha; Forró da Resenha;
  • Dia 22 de junho, segunda-feira: Karkará; Forró 3×4; Niedson Lua; Candeeiro Natural;
  • Dia 23 de de junho: Elba e convidados;
  • Dia 24 de junho, quarta-feira: Ton Oliveira; Douglas Pegador; Os Parazin; Rapha Mello;
  • Dia 25 de junho, quinta-feira: Eliane, Tan, Gitana Pimentel;
  • Dia 26 de junho, sexta-feira: Gustavo Mioto; Naiara Azevedo; Ramon Schnayder; Garota Sertaneja;
  • Dia 27 de junho, sábado: Henrique e Juliano; Iohannes; Os Gonzagas; Coco Seco – Cesar e Artur;
  • Dia 28 de junho, domingo: Bonde do Brasil, Priscila Senna; Forró Campina; Forró do Nosso Jeito;
  • Dia 29 de junho, segunda-feira: Luizinho Calixto; Forró D2; Diego Santana;
  • Dia 30 de junho, terça-feira: Evento religioso;
  • Dia 1º de julho, quarta-feira: Ana Barros; Inaldete Amorim; João Neto Pegadão;
  • Dia 2 de julho, quinta-feira: Cavaleiros do Forró; Forró do Garotinho; Bob Léo Mercadoria; Lucca e Wilker;
  • Dia 3 de julho, sexta-feira: Raí Saia Rodada; Márcia Fellipe; Banda Palov; Donas da Farra;
  • Dia 4 de julho, sábado: Wesley Safadão; Luka Bass; Gegê Bismarck; Fabrício Rodrigues;
  • Dia 5 de julho, domingo: Santanna, o Cantador; Ranniery Gomes; Tony Dumond. (Encerramento)
23
fev

Em Porto do Mangue…

Postado às 12:29 Hs

Carnaval de Porto do Mangue/RN 2020, de 22 a 25 de fevereiro.


Sábado, 22/02 tem Samba A7
Domingo, 23/02 tem Litto Lins e Sandro Bahia
Segunda, 24/02 tem Forró da Mídia e Pode Balançar
Terça, 25/02 tem Sandro Bahia e Kevi Piseiro

Carnaval do Burita 2020 em Afonso Bezerra/RN, de 22 a 25 de fevereiro veja a programação:


Sábado, 22/02 tem Mela com D’Lelis e na Praça tem Giannini Alencar e Pode Balançar
Domingo, 23/02 tem Mela com Forró Esponsa e na praça tem Litto Lins e Felipe Santos
Segunda, 24/02 tem Mela com Aldi show e na praça tem Forró dos 3 e Pedro Matias
Terça, 25/02 tem Mela Kevi Pizeiro e na Praça tem Banda Pretta e Whadi Gama.

Mais um destino potiguar da folia. Programe-se !

21
fev

Carnaval de Gov. Dix-Sept Rosado 2020

Postado às 17:01 Hs

Na Terra de São Sebastião, tem carnaval.

A Prefeitura Municipal de Governador Dix-sept Rosado/RN, através da Secretaria Municipal da Juventude, Cultura e Desporto confirma a realização do Carnaval 2020 do município no período de 22 a 25 de Fevereiro.

“Estamos trabalhando no sentido de realizarmos um bom carnaval para todo o povo dix-septiense, um carnaval com segurança e boas atrações para a alegria do folião e daqueles que encontram no carnaval uma fonte de renda extra”, afirmou o Prefeito Antônio Freire.

Confira programação:

Sexta, 21/02 tem  Alle Almeida ( Arrastão )
Sábado, 22/02 tem Bonde do Maluco / Júnior Voice / Muny Santos 
Domingo, 23/02 tem Renata Falcão / Alexandro Costa e Forró da Mídia
Segunda, 24/02 tem Os Piraz / João Neto Pegadão / Williame e Wesley
Terça, 25/02 tem Forró Danado / Furacão Love 

Agende-se !

20
fev

Carnaval de Lajes 2020

Postado às 21:47 Hs

 

Dia 22 – Arroxadeira do Papai / Itanildo Show e Giannini Alencar 

Dia 23 – Ericka Lima/ Bruno Martins e Giullian Monte 

Dia 24 – Agassiz Resenha / Isaque Galvão / Dj Kevin e Litto Lins

Dia 25 – Vandinho Pancada / Rafinha Rapaziada e Cavaleiros do Forró

20
fev

Carnaval no Seridó: PARELHAS 2020

Postado às 16:51 Hs

Carnaval 2020 em Parelhas/RN, de 21 a 25 de fevereiro confira a programação:


Sexta, 21/02 tem Grafith e Nara Castro
Sábado, 22/02 tem Michel Broncador e Deto Edina
Domingo, 23/02 tem Banda B2 (infantil), Fofo Chicleteiro e Banda Feras
Segunda, 24/02 tem André Luvi e Som Balanço
Terça, 25/02 tem Marquinhos Carrera e Paulinho e Parcélio.

O RN com muitos destinos de folia e diversão. Aqui mais um roteiro. AGENDE-SE !

Após muitas expectativas sobre o retorno do Carnapau, a direção da micareta da cidade de Pau dos Ferros/RN, divulgou nesta quarta-feira (19), a programação da 14ª edição do evento.

Confira as atrações:

Parangolé (Trio)
Chicabana (Trio)
Babado Novo (Trio)
Forro dos 3 (Palco)
Eric Land Palco)

Realizado no mês de julho, o Carnapau 2020 vem com uma série de inovações que promete incrementar ainda mais um dos maiores carnavais fora de época da região do Alto Oeste. Segundo a direção do evento, durante os três dias o folião contará não apenas com a superestrutura em torno do bloco, mas também com todo um aparato à parte.

“Além das atrações no trio elétrico, durante dois dias teremos shows no palco montado na Arena Carnapau que receberá uma estrutura composta de camarotes, banheiros químicos, praça de alimentação, bares, ambulância e segurança” adiantou João Noronha, um dos organizadores da micareta.

O percurso do evento também sofrerá alterações. “Para a maior tranquilidade e segurança dos foliões do bloco, decidimos cercar todo o percurso do evento, dessa forma, não haverá cordeiros e só terá acesso ao corredor da folia quem estivar usando o abadá.” Comenta Cleanto Bezerra, sócio da micareta.

ago 6
quinta-feira
06 21
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
26 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.831.225 VISITAS