Via Thaisa Galvão

Caso a negociação de Jair Bolsonaro com o Centrão termine na nomeação do deputado Fábio Faria para o Ministério da Ciência e Tecnologia, derrubando o astronauta Marcos Pontes, trocando o perfil de governo técnico para político, a vereadora de Natal, Carla Dickson (PROS) assumirá a vaga de deputada federal. Ganhará o Rio Grande do Norte com a presença da parlamentar atuante em Natal. Para assumir, se for o caso, Carla terá que renunciar ao mandato de vereadora.

Como deputada federal, na vaga de Fábio, seria uma provável indicada de Fábio para ser vice do prefeito Álvaro Dias, como forma de envolvimento do provável ministro na campanha de reeleição do prefeito da capital. Mas pula essa parte porque esse convite Carla já recebeu do próprio Álvaro e não aceitou. É que ela tinha que mudar do PROS para o PDT, e ela não quis deixar a legenda, fortalecida agora na abertura da janela, com a filiação do vereador Sueldo Medeiros e a criação de uma nominata forte. Mesmo deputada federal, se for o caso, Carla Dickson será candidata a vereadora, mantendo mandato próprio, para chamar de seu.

Na Câmara 

Quem deve estar torcendo, cruzando os dedos, para o deputado Fábio Faria ser ministro, é o ex-vereador Adão Eridan. É que a ida da vereadora Carla Dickson para a Câmara Federal abrirá vaga na Câmara de Natal para César de Adão Eridan, o filho do ex-vereador que tentou substituir o pai nas eleições de 2016, mas ficou na suplência.

29
mar

FIQUE SABENDO…

Postado às 13:00 Hs

  • O ex-deputado federal Cipriano Correia, que vai disputar vaga na Câmara Federal, vai assumir o PMN no Rio Grande do Norte. Ontem o presidente nacional da legenda, Carlos Massarollo, estava em Natal e convidou o vereador Paulinho Freire para comandar o partido. Paulinho, que no próximo ano assumirá a presidência da Câmara, cargo para o qual já foi eleito, vai para o PTC e sugeriu o convite – já feito e aceito – a Cipriano. Há duas semanas o PMN sofreu intervenção no RN.
  • O empresário do melão Luiz Roberto Barcellos, que emprega mais de 9 mil pessoas no Rio Grande do Norte desistiu de disputar uma vaga para o Senado Federal. Em conversas com amigos e líderes de partidos, Barcellos tem dito que a empresa precisa dele, fato este que inviabiliza sua candidatura.
  • Disposto a entregar a Prefeitura ao vice Álvaro Dias (MDB), Carlos Eduardo deverá deixar o cargo e avaliar o que dizem os estudos em relação à pré-candidatura de Kelps.Aí, se o deputado continuar melhor do que ele, em vez do Governo, Carlos Eduardo poderá disputar o Senado, completando a chapa que a senadora e pré-candidata ao Governo, Fátima Bezerra (PT), tanto sonhava: ela para o Governo e a deputada Zenaide Maia (PHS) e o prefeito Carlos Eduardo para o Senado.O prazo para renunciar é 7 de abril, mas Carlos Eduardo, caso decida sair, deverá deixar a Prefeitura no dia 5, uma quinta-feira, com margem para solucionar qualquer pendência jurídica que venha a surgir.Fora da Prefeitura, Carlos Eduardo vai encarar uma disputa preliminar com Kelps. Se reagir e dar as costas para o deputado, será sim, candidato a governador. Se não ultrapassar Kelps, Carlos poderá disputar o Senado.
  • A Assembleia Legislativa fará entrega de 50 novas viaturas policiais ao sistema de Segurança Pública do estado. Ato acontecerá na próxima terça-feira (3), em Brasília Teimosa (Natal), e vai beneficiar todas as regiões do Estado. “A Assembleia Legislativa foi além do seu dever de legislar e transformou economias com o seu custeio em benefícios para a população norte-rio-grandense. Demos a nossa colaboração para a Saúde, com 85 ambulâncias, e agora faremos o mesmo pela Segurança, com as 50 viaturas. No total, serão 135 veículos a serviço dos potiguares”, explica Ezequiel Ferreira (PSDB), presidente da Casa.
  • O vereador natalense, Adão Eridan, deixou o PR. Hoje, quarta-feira (29), logo cedo, ele foi ao apartamento do presidente do partido, João Maia, para obter a assinatura liberando para a troca de partido.Adão vai se filiar ao PHS, mesmo partido da irmã de João, deputada Zenaide Maia, que vai disputar o Senado. E pelo PHS vai disputar mandato de deputado federal.
  • Em curta publicação no Twitter, o ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, comentou nesta quinta-feira (29) a prisão do ex-assessor do presidente Michel Temer José Yunes. “Começou? Acho que sim”, disse Janot, ao compartilhar uma reportagem que informa a prisão do amigo de Temer pela Polícia Federal no início do dia. Além de Yunes, foram presos o coronel João Batista Lima Filho, o ex-ministro da Agricultura Wagner Rossi (MDB), aliados de Temer, e o empresário Antônio Celso Grecco, dono da Rodrimar, empresa que atua no Porto de Santos. As detenções foram autorizadas pelo ministro Luís Roberto Barroso, do STF (Supremo Tribunal Federal), relator do inquérito que investiga Temer por suposto recebimento de propina em troca de benefícios a empresas do setor portuário via decreto.
22
ago

Rejeitada

Postado às 14:24 Hs

Desembargadora rejeita pedido de suplente para ocupar vaga de Ricardo Motta

A desembargadora Zeneide Bezerra rejeitou, liminarmente, pedido do suplente de deputado estadual Adão Eridan para ser empossado em mandato parlamentar na Assembleia Legislativa.

A decisão ocorreu nesta segunda-feira (21). Adão requeria sua posse para ocupar vaga no parlamento estadual durante o afastamento do deputado estadual Ricardo Motta.

A magistrada refutou as alegações do autor do mandado de segurança. “Da forma como pretende o impetrante, em sede de liminar, os efeitos do possível deferimento cautelar confunde-se com o mérito da causa, tendo, verdadeiro cunho “satisfativo”, o que é vedada pela jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça e desta Corte”.

ago 16
terça-feira
14 09
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
55 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.911.685 VISITAS