20
mar

* * * QUENTINHAS… * * *

Postado às 10:25 Hs

* * * A partir deste domingo (20) faltam quatro meses para o início das convenções partidárias, que vão definir candidatos a Presidente, Governador, Senador, Deputados federal e Estadual. Eleições 2022 nos bastidores fervendo * * *

* * * O deputado federal Eduardo Bolsonaro e a deputada federal Bia Kicis (DF) assinaram neste sábado, 19, suas filiações ao PL, partido escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro para disputar a reeleição ao Planalto neste ano. O presidente acompanhou o evento de filiação do filho e da aliada na sede do PL, em Brasília. Ambos deixaram o União Brasil, sigla que uniu o PSL e o DEM. O deputado Coronel Armando (SC) também deixou a legenda. O lançamento da pré-candidatura de Bolsonaro ao Palácio do Planalto será no próximo domingo, 27. * * *

* * *Quem conversou com a Governadora Fátima Bezerra (PT) garante que está animada com as últimas conversas para bater o martelo com o MDB na chapa majoritária. Fátima Bezerra viu que a possibilidade de enfrentar a chapa Ezequiel Ferreira como Governador poderá lhe custar a renovação do mandato e, finalmente, acordou. Vamos aguardar os próximos dias que serão decisivos… * * *

 

O governo de Fátima Bezerra (PT) deve sofrer uma debandada de secretários até o final de abril, prazo estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que os possíveis candidatos se desincompatibilizem de seus cargos públicos e possam disputar o pleito de outubro. A dança das cadeiras envolverá ao menos sete, dos 20 secretários e trará uma “nova cara” ao governo do Rio Grande do Norte. O primeiro a abandonar o governo de Fátima Bezerra foi o secretário adjunto de Turismo, Leandro Carlos Prudêncio, que teve a sua exoneração publicada no Diário Oficial do Estado ainda em fevereiro. Ele havia sido nomeado em 31 de janeiro de 2019, após ter feito parte da campanha eleitoral da governadora nas eleições de 2018. Em seu lugar, no dia 2 de fevereiro, foi nomeada a secretária-adjunta de Turismo, Danielly Christine Gadêlha Rêgo Brandão. O pacote nas mudanças no primeiro escalão do governo ainda inclui os secretários Carlos Eduardo Xavier (Tributação), Fernando Mineiro (Gestão de Projetos, Metas de Governo e Relações Institucionais), Jaime Calado (Desenvolvimento Econômico), Samanda Alves de Freitas (subsecretária Trabalho, Habitação e Assistência Social), Júlia Arruda (Mulheres, Juventude, Igualdade Racial e Direitos Humanos), Pedro Lopes Neto (Controladoria-Geral) e Márcia Maia (Agência de Fomento do RN).
Ameaçada pela possibilidade de não ser reeleita, com a provável candidatura do presidente da Assembleia Legislativa e do PSDB potiguar, deputado estadual Ezequiel Ferreira, a Governadora Fátima Bezerra (PT) convocou sua equipe às pressas para uma reunião, à portas fechadas, que deve acontecer nesta quinta-feira 03, em Natal (RN). De acordo com apuração exclusiva realizada pela reportagem do AGORA RN, o motivo da convocação é debater a possibilidade da candidatura de Ezequiel Ferreira – articulada pelo prefeito de Capital, Álvaro Dias (PSDB) e os ministros Rogério Marinho (PL) e Fábio Faria (PSD), além de grupos políticos ligados ao presidente Jair Bolsonaro (PL) no RN -, se concretizar, o que poderia ter forças suficientes para impedir a continuidade da gestão do PT no Estado.

Reprodução

Via Nordeste 360

As principais lideranças do PT do Rio Grande do Norte e nacional, foram comunicadas ontem (01), do fechamento da chapa governista que concorrerá às eleições de outubro no estado.

Encabeçada pela governadora Fátima Bezerra (PT), que irá para a reeleição, a chapa majoritária repete a dobradinha Fátima/Antenor e traz a novidade do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT) como candidato ao senador.

O primeiro a ser comunicado do fechamento da aliança foi o atual senador Jean-Paul Prates, em seguida, a presidenta nacional do Partido dos Trabalhadores, a deputada federal pelo Paraná, a Gleisi Roffman.

Gleisi comemorou o fechamento da parceria que, segunda ela, impacta diretamente no cenário nacional da disputa Lula x Bolsonaro, visto que deixa o Pedetista Ciro Gomes sem palanque no Rio Grande do Norte.

Reprodução

Via Blog da Chris

Na última semana o blog publicou que uma possível candidatura do prefeito de Natal ao Governo do Estado Álvaro Dias (PSDB) era sempre lembrada, mas improvável.

Uma fonte ligada ao prefeito nos contou que não tão improvável assim. Ela nos garantiu que há um movimento de deputados de partidos de oposição trabalhando na possível chapa Álvaro Dias ao governo do Estado e o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) para o Senado.

E completou: “não é tão improvável assim. Álvaro já admite a possibilidade”. E concluiu dizendo que os dois (Álvaro e Carlos) já estão com uma conversa agendada para os próximos dias.

Segundo alguns analistas, a possível união, em acontecendo, poderá ameaçar o projeto de reeleição da governadora Fátima Bezerra (PT).

Do blog: As conversas de alpendre no litoral potiguar continua em efervescência. Aguardemos os próximos capítulos…

O Portal Agora RN publicou nesta quinta-feira, 12, pesquisa do Instituto Perfil trazendo a governadora Fátima Bezerra (PT) liderando a corrida a reeleição com vantagem superior a 10% em todos os cenários.

No cenário estimulado ficou assim:

Fátima Bezerra: 17,33%

Carlos Eduardo: 3,33%

Álvaro Dias: 2,42%

Styvenson Valentim: 1,25%

Ainda foram citados Garibaldi Alves Filho (0,83%), José Agripino Maia (0,33%), Robinson Faria (0,25%), Benes Leocádio (0,25%), Tomba (0,17%), Rogério Marinho (0,17%, Walter Alves (0,08%), José Dias (0,08%), Haroldo Azevedo (0,08%), George Soares (0,08%) e Rosalba Ciarlini (0,08%).

Indecisos: 62,10%  Brancos e Nulos: 11,17%.

Rejeição

A pesquisa também abordou o tema rejeição. A governadora tem com 17,58%, Styvenson Valentim tem 9,50%, Garibaldi 7,25% e Benes Leocádio ficou com 4,42. Já Carlos Eduardo tem 3,67% e Álvaro Dias 2,58%. O Instituto Perfil ouviu 1.200 eleitores entre os dias 3 e 6 de agosto em todas as regiões do Rio Grande do Norte. A margem de erro é de 2,82 pontos percentuais para mais u para menos com intervalo de confiança de 95%.

# Senado Federal 

O Portal Agora RN também buscou saber as intenções de voto para o Senado. O ex-governador Garibaldi Alves Filho (MDB) lidera todos os cenários em que teve o nome avaliado.

Na pergunta espontânea Garibaldi tem 2,33% seguido por Styvenson (1,58%), Zenaide Maia (1,25%), Carlos Eduardo (0,83%), Rogério Marinho (0,75%), José Agripino (0,50%), Geraldo Melo (0,42%), Jean Paul Prates (0,42%), Fábio Faria (0,33%) e Fernando Mineiro (0,17%).

Instagram de Júlia Arruda

A governadora Fátima Bezerra (PT) anunciou a vereadora Júlia Arruda (PC do B) como a nova secretária estadual das mulheres, da juventude, da igualdade racial e dos direitos humanos.

Ela substitui Eveline Guerra. “A pasta agora será liderada pela querida @juliaarruda, que vem contribuir com sua militância e compromisso pautados na luta em defesa das mulheres, da juventude, da igualdade racial, dos direitos humanos e da diversidade. Uma trajetória importante para que possamos fortalecer e avançar cada vez mais nas politicas públicas em favor da cidadania e da dignidade do povo potiguar”, frisou Fátima. “Toda nossa gratidão e reconhecimento à Eveline Guerra, que esteve conosco até hoje sempre desenvolvendo um trabalho competente e representativo à frente da secretaria”, completou.

Júlia será substituída na Câmara Municipal de Natal pelo líder estudantil Pedro Gorki (PC do B) que recebeu 1.250 (0,35%) nas eleições do ano passado.

Blog do Barreto

10
jun

* * * QUENTINHAS… * * *

Postado às 12:24 Hs

* * * Pelo que se escuta nas ruas – da tromba ao rabo do elefante no mapa do Rio Grande do Norte (RN) – uma candidatura de Garibaldi Alves ao Senado nas eleições de 2022 é considerada imbatível. Fábio FariaRogério Marinho, Carlos Eduardo e o atual Jean-Paul Prates não teriam a menor chance * * *

* * * A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) definiu nesta quarta (9) que as doses da vacina da Janssen serão destinadas a população em situação de rua e caminhoneiros. De acordo com a Sesap, o estado deve receber 46.600 doses do imunizante na próxima semana e distribuí-las a todos os 167 municípios. A vacina requer a aplicação só de uma dose, ao contrário da maioria das vacinas aplicadas atualmente contra a Covid, que exigem duas doses. * * *

* * * O governo do Rio Grande do Norte autorizou a realização de eventos corporativos, técnicos, científicos e convenções com até 50 pessoas no estado. A medida está no decreto publicado nesta quarta-feira (9) prorrogando as medidas de prevenção à Covid-19 no estado. “Fica autorizada a realização de eventos corporativos, técnicos, científicos e convenções, limitado ao público de 50 (cinquenta) pessoas, sem prejuízo da observância dos protocolos sanitários vigentes”, diz a publicação. Além da prorrogação, anunciada nesta terça-feira (8) pela governadora Fátima Bezerra (PT), a autorização para realização dos eventos foi a única alteração no decreto anterior. Em maio, a prefeitura de Natal publicou decreto autorizando eventos com até 100 pessoas. * * *

* * * O Rio Grande do Norte recebeu do Ministério da Saúde, no início da madrugada desta quinta-feira (10), o segundo lote de vacinas contra a Covid-19 nesta semana. A carga conta com 59.250 vacinas da Astrazeneca/Fiocruz, que conta com as primeiras doses destinadas ao público sem comorbidades entre 18 e 59 anos. O lote recebido pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) foi direcionado à Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat), para posterior distribuição entre os municípios. A Sesap e os municípios pactuaram ontem (9) que será iniciada a vacinação de novos grupos. * * *

O deputado estadual Tomba Farias (PSDB) está veiculando em suas redes sociais neste sábado,1° de Maio, Dia do Trabalhador, um vídeo no qual reafirma a sua posição em favor do direito ao trabalho e contra o lockdown.

Em sua fala, o parlamentar revela apoiar a manifestação que representantes das classes trabalhadora e empresarial, além de formadores de opinião e  políticos, estão realizando na manhã de hoje e que será encerrada em frente à Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

“Todo mundo sabe da minha posição, sou contra o lockdown, sou a favor que o trabalhador tenha o direito de trabalhar,  que o ambulante do Alecrim, de Ponta Negra,  da Praia do Meio tenha o direito de trabalhar com dignidade, para levar o pão de cada dia para sua casa. Estamos juntos nessa luta”, enfatiza o parlamentar.

No vídeo, o deputado também sai em defesa do setor de turismo, “que alavanca e segura esse Rio Grande do Norte”,  assim como da abertura de bares e restaurantes, mediante o cumprimento rigoroso dos protocolos de segurança  sanitária.

Tomba ainda se dirigiu à governadora Fátima Bezerra (PT) e disse para ela usar os recursos públicos com transparência. “Use os recursos públicos com mais transparência, preste conta do que você recebeu a todo povo do Rio Grande do. O povo do Rio Grande do Norte quer saber”, destacou.

29
abr

Cenário Potiguar 2022 : Conjecturas

Postado às 9:57 Hs

No Rio Grande do Norte o cenário projeta um duelo de titãs na disputa pelo Governo do Estado e o Senado Federal. Isso é o que mais tem se comentado nos bastidores da política potiguar. Para enfrentar a governadora Fátima Bezerra (PT) que deverá disputar a reeleição, surgem os nomes do deputado estadual Tomba Farias (PSDB), deputado federal General Girão (PSL) e o senador Styvenson Valentim (Podemos). Apesar das incertezas, as eleições 2022, estão previstas para ocorrer nos dias 2 e 30 em outubro.

Desses, o nome que nasce com mais força para enfrentar a petista Fátima Bezerra é o parlamentar Tomba Farias, voz firme na oposição a governadora. Tomba chegaria com o apoio do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira (PSDB); prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB); ministro das Comunicações, Fábio Faria (PSD), deputados estaduais e prefeitos de cidades-polo. Na sua chapa majoritária, o candidato a Senador seria o ministro Rogério Marinho (sem partido). Maior liderança política do Trairi e com o apoio do prefeito da capital, segundo consta, o objetivo de Tomba é buscar seu companheiro de chapa em Mossoró. A indicação partiria do prefeito Allyson Bezerra (Solidariedade).

Por sua vez, a governadora Fátima Bezerra contará em seu palanque com o ex-presidente Lula (PT), apontado hoje em todas as pesquisas na corrida presidenciável como o favorito do eleitorado. O seu vice-governador seria o secretário de Desenvolvimento Econômico e ex-prefeito de São Gonçalo do Amarante, Jaime Calado (PROS). Na sua base, a governadora contabiliza a senadora Zenaide Maia (PROS), o senador Jean-Paul Prates (PT), deputada federal Natália Bonavides e os deputados estaduais que lhe dão sustentação na Assembleia Legislativa e diversos prefeitos do interior do RN.

E agora viria a cartada de mestre de Fátima Bezerra. Para o Senado Federal, o convite foi formulado, é o que se propaga, para Carlos Eduardo Alves, ex-prefeito de Natal por quatro mandatos. Pelo que se comenta nas rodas políticas, como forma de unir a capital e o interior, o ex-prefeito de Caicó, Bibi Costa (PL) estaria na chapa como o 1º suplente, bem como para atrair o apoio da família Alves que tem como maior liderança o ex-senador e ex-governador Garibaldi Alves Filho (MDB). Especula-se que neste cenário, o deputado federal Walter Alves (MDB) e o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves (MDB), também estariam juntos.  São conjecturas. Aguardemos…

Fonte: Blog A Fonte

 

 

A Governadora Fátima Bezerra (PT) anunciou que vai endurecer ainda mais o toque de recolher. A medida agora passa a valer das 20h às 6h da manhã de segunda à sábado. E aos domingos, o toque de recolher acontece durante todo o dia.

O novo decreto passa a valer a partir deste sábado (6). Durante esse período, só poderão funcionar serviços considerados essenciais como farmácias e supermercados.

Confira o decreto na íntegra:

1) Toque de recolher, com proibição de circulação de pessoas entre 20h e 06h, durante a semana de segunda a sexta e aos domingos em tempo integral;

2) Suspensão de funcionamento de parques públicos, centros de artesanato, circos, parques de diversões, museus, bibliotecas, teatros, cinemas e demais equipamentos culturais;

3) Suspensão de eventos corporativos, técnicos, científicos, esportivos, convenções, shows ou qualquer outra modalidade de evento de massa, inclusive locais privados, como os condomínio edilícios;

4) Suspensão de funcionamento do Centro de Convenções de Natal;

5) Suspensão de atividades recreativas em clubes sociais e esportivos;

6) Suspende a realização de atividades coletivas de qualquer natureza como cultos, missas e congêneres em igrejas, espaços religiosos, lojas maçônicas e estabelecimentos similares;

7) Suspensão das aulas presenciais nas unidades das redes pública estadual e privada de ensino, incluindo instituições de ensino superior;

8) o funcionamento de academias de ginástica, box de crossfit, estúdios de pilates e afins;

9) a venda para consumo em locais de acesso público de bebidas alcóolicas, como conveniências e similares, de segunda-feira a sexta-feira, após as 20h e até as 06h da manhã do dia seguinte;

10) a venda para consumo no local de bebidas alcóolicas, bem como seu consumo em locais de acesso público, como conveniências, bares, restaurantes e similares, durante os finais de semana e feriados.

O que o decreto estadual recomenda aos municípios:

1) Suspensão do funcionamento entre 20h e 06h, de segunda a sexta, de restaurantes, lanchonetes, barracas de praia, praças de alimentação, praças de food truck, bares e similares;

2) Suspensão da venda e consumo de bebida alcóolica em locais públicos, de segunda a sexta, das 20h às 06h;

3) Suspensão, nos finais de semana, do funcionamento de restaurantes, lanchonetes, barracas de praia, praças de alimentação, praças de food truck, bares e similares;

4) Durante os finais de semana e feriados a proibição de venda para consumo no local de bebidas alcóolicas, bem como seu consumo em locais públicos, como conveniências, restaurantes, bares e similares;

5) Suspensão das aulas presenciais nas escolas da rede pública municipal de ensino;

6) Nos finais de semana e feriados, impedir acessos às praias, lagoas, cachoeiras, balneários, clubes, rios e similares, bem como piscinas, inclusive aquelas em locais de uso coletivo;

7) Campanhas de divulgação e esclarecimento da atual situação pandêmica, inclusive da superlotação da rede hospitalar, bem como da necessidade de adoção de medidas sanitárias, utilização de máscaras, distanciamento social;

8) Reorganização das feiras livres e similares, de modo a assegurar o distanciamento social, evitando aglomeração de pessoas e contatos proximais;

9) Disciplinar o funcionamento do transporte coletivo urbano, de modo a evitar aglomerações e demanda concentrada em determinados horários, e proibir transporte de passageiros em pé ou sem máscara;

10) Medidas visando restringir a circulação de pessoas em espaços coletivos e serviços essenciais, como horários prioritários para pessoas idosas ou em grupo de risco, definição de horários de funcionamento para cada setor da economia, restringir o quantitativo de pessoas por grupo familiar;

11) Como medida de contingência à disseminação do novo coronavírus e visando reduzir aglomerações, recomenda-se aos municípios que ajustem os horários de funcionamento de serviços e atividades econômicas e sociais de modo a se adequarem às medidas de proibição de circulação de que trata o art. 2º desde Decreto.

A governadora Fátima Bezerra (PT) se reuniu, remotamente, com dez dos 11 membros da bancada federal do Rio Grande do Norte para começar a avaliar os reflexos da decisão da Petrobras de vender seus ativos no Estado. Ela disse aos parlamentares, na videoconferência que começou por volta das 17h35 e se prolongou pelo começo da noite de ontem, que o presidente da estatal, Roberto Castello Branco, ligou para ela, a fim de marcar um horário para que os dois conversassem sobre a questão hoje, em hora ainda a ser determinada.

Fatima Bezerra também aguarda uma resposta do presidente da Petrobras, a respeito da sugestão dela que, já na conversa virtual de hoje, também tivesse as participações de dois representantes da bancada federal, um senador e um deputado.

Ontem, durante a conversa com os parlamentares, ficou acertado que, na manhã da próxima segunda-feira (31), os oito deputados e três senadores potiguares participarão de uma reunião presencial com a área econômica do governo para assistirem a uma explanação sobre os reflexos econômicos da saída da Petrobras sobre a arrecadação de impostos, geração de emprego e renda no Rio Grande do Norte.

Leia a notícia na íntegra na Tribuna do Norte.

12
ago

Reta da Tabajara: só em 2021

Postado às 12:35 Hs

Um dos temas abordados em audiência virtual realizada entre a governadora Fátima Bezerra (PT) e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes, nesta terça-feira (11), foram as obras de duplicação da Reta Tabajara, a RN-304.

“A duplicação está andando. Já estamos com 40% de avanços físicos. Temos saldos de recurso e hoje já temos execução de pavimento rígido. Estamos trabalhando nas pontes e a previsão é de que façamos a entrega de 6 a 7 km ainda em 2020. A 304 é uma das prioridades no RN e queremos entregar os 24km da Reta Tabajara em 2021”, explicou Tarcísio Gomes.

O secretário estadual de Infraestrutura, Gustavo Coelho, também participou da audiência e questionou sobre o projeto de duplicação da BR-304 até a BR-116 no Ceará, por meio do Programa de Parceria de Investimentos (PPI). “Essa rodovia corta o RN de Leste a Oeste. É o principal meio de transporte para passageiros e para o escoamento da nossa produção. Essa é uma rodovia extremamente importante para o RN, que promoveria uma integração muito grande”, pontuou ao perguntar sobre os estudos de pré-viabilidade, que são de responsabilidade do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Em resposta, o ministro explicou que os estudos devem começar no próximo mês, em setembro, e concluído até o primeiro semestre de 2021 com a possibilidade de leilão em 2022.

Também participaram da audiência o vice-governador, Antenor Roberto; o procurador geral do Estado, Luiz Antônio Marinho; a secretária de Turismo, Ana Maria Costa; o presidente da Emprotur, Bruno Reis, e o procurador estadual, Frederico Martins.

Grande Ponto

Do ex-prefeito Carlos Eduardo:

A pandemia do coronavírus nos trouxe doença, medo e mudanças radicais na forma de viver e conviver. Mas não foi só isso.

Ela nos trouxe também o agravamento da grande crise econômica, que já vivíamos há vários anos. E essa crise é trágica porque sufoca as empresas, reduz os salários dos trabalhadores da iniciativa privada e, principalmente, aumenta o número de desempregados.

Isso é o que se chama de tempestade perfeita na economia de um Estado pobre como o nosso. O governo federal está tentando amenizar a situação das pessoas e empresas.

Mas o governo do Rio Grande do Norte está omisso, faltando ao seu compromisso básico de proteger as pessoas e seus empregos ou formas de renda.

E isso é inaceitável. É preciso o governo ser governo e anunciar à população o seu planejamento estratégico para a nova convivência entre a proteção à saúde e os meios de trabalho e renda.

As pessoas merecem viver. As empresas e os empregos precisam sobreviver. E isso é urgente.

Governadora, a senhora assumiu o poder há mais de dezesseis meses. Falta agora governar.

Porque governar é liderar, é apontar caminhos e soluções para os problemas, é comandar o enfrentamento das crises.

Me faço aqui porta-voz de milhares de pessoas que estão se sentindo abandonadas por quem prometeu governar para todos.

Precisamos de diálogo construtivo com os setores da saúde e da produção econômica.

O governo precisa ouvir os médicos, cientistas, professores das universidades, mas também os empresários, especialmente os micro e pequenos que estão com sérias dificuldades e sem perspectivas. O governo precisa ouvir e agir, fazer, trabalhar, encontrar saídas. É pra isso que temos governo.

Estamos atrasados, a lentidão do governo nos preocupa e provoca enormes prejuízos aos geradores de emprego e aos trabalhadores ou desempregados, mas inda é tempo de salvar o Rio Grande do Norte da maior falência pública e privada da sua história.

Na última quarta-feira (22), a governadora Fátima Bezerra postou em suas redes sociais o anúncio no repasse de R$ 17 milhões aos municípios para enfrentar a pandemia do Coronavírus.

Nesta sexta-feira (24), a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN) emitiu uma nota contestando a governadora:

Veja a íntegra:

A Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN esclarece que os repasses de, aproximadamente, R$ 17 milhões anunciado pelo Governo do Estado, na última quarta-feira, dia 22 de abril – os quais ainda não foram concretizados até a presente data – correspondem à seguinte destinação:

  • R$ 8,5 milhões são do Programa Estadual de Transporte Escolar do RN (PETERN) – referente ao pagamento da parcela em atraso do mês de dezembro do ano passado (2019);
  • R$ 4,8 milhões são para o fundo de saúde/Coronavirus, através de emendas parlamentares impositivas dos Deputados Estaduais, as quais os parlamentares ainda deverão definir quais os municípios serão contemplados – sendo que, possivelmente, muitos municípios não serão beneficiados;
  • R$ 3,6 milhões para a área assistência social, cujo valor foi repassado pelo Governo Federal através do Sistema Único de Assistência Social – SUAS ao Governo do Estado, que por sua vez está transferindo em 03 parcelas mensais (abril/maio/junho) aos municípios.

Em relação ao valor de R$ 3,6 milhões para a área assistência social, é importante esclarecer que a divisão dos R$ 3 milhões ocorrerá em 03 (três) parcelas de R$ 1 milhão a serem creditadas em abril, maio e junho, dividido de maneira per capita para os municípios. Os R$ 600 mil será um valor extra para os municípios com mais de 50 mil habitantes, também dividido entre eles em parcelas mensais, voltado para a população em situação de vulnerabilidade social.

A FEMURN reitera que o dinheiro anunciado que será repassado pelo Governo do Estado não é para uso exclusivo do combate ao novo coronavírus nos municípios potiguares.

Os gestores municipais do RN, esperançosamente, torcem por ações que fortaleçam a parceria pretendida pelo executivo estadual no enfrentamento à doença junto aos entes municipais.

De forma semelhante ao Estado com relação ao Governo Federal, os Municípios pedem a compreensão do Governo do Estado na luta empreendida no atual momento de crise, inclusive e oportunamente, lembrando da desatenção com que o Executivo Estadual trata os Municípios, na grande maioria das vezes, sem o devido cumprimento dos acordos e compromissos firmados, tais como o não pagamento da cota-parte da farmácia básica, os atrasos nos repasses do Programa de Transporte Escolar (PETERN), e até mesmo do acordo firmado no PROEDI (Programa de Estímulo ao Desenvolvimento Industrial) – fatos que, infelizmente, se faz necessário expor.

Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN

14
abr

Proposta…

Postado às 17:55 Hs

O Deputado Estadual Allyson Bezerra (Solidariedade) sugeriu à governadora Fátima Bezerra (PT), durante Sessão Remota da Assembleia Legislativa nesta terça-feira (14), a suspensão do pagamento ao Consórcio Arena das Dunas por pelo menos seis meses. Aponta que recursos devem ser destinados a ações de combate ao Coronavírus no Rio Grande do Norte. Allyson explicou que o contrato com o Consórcio Arena das Dunas tem prazo total de 20 anos e somará ao seu final cerca de R$ 1 bilhão e 200 milhões de reais. “Só em 2019, no ano passado, o Arena das Dunas custou 131 milhões, 96 mil, 342 reais e 15 centavos, quase R$ 11 milhões por mês, a você que mora em Mossoró, em Encanto, Jardim do Seridó, Apodi, Bodó, Angicos e em todo o RN”, afirmou.
O município de Mossoró deverá receber 170 novos leitos, para o combate ao novo coronavírus. O assunto foi tratado em reunião, por vídeoconferência, nesta segunda-feira, entre a governadora Fátima Bezerra (PT) e a prefeita Rosalba Ciarlini (PP). Os secretários de Saúde do estado, Cipriano Maia, e do município, Saudade Azevedo, também participaram do encontro. No Hospital Regional da Polícia Militar serão criados 25 novos leitos. O Hospital São Luiz está em negociação para a criação de 20 leitos de UTI e mais 20 enfermarias. Já no Hospital Rafael Fernandes serão 18 leitos, enquanto que no Hospital Maternidade Almeida Castro serão 10 UTIs e 40 Unidades de cuidados intermediários (UCI/enfermarias). No Hospital Regional Tarcísio Maia serão 20 novos leitos de UTI e 7 UCI, além de mais 10 leitos de estabilização nas UPAs.
Na sessão plenária da Assembleia Legislativa desta quinta-feira (24) os deputados aprovaram, por unanimidade, o Projeto de Lei Complementar Substitutivo (PLC) 19/2019, que promove a Reestruturação na Carreira dos Militares Estaduais, Estabelece Medidas de Redução das Distorções Salariais dos Agentes de Segurança Pública e Dispõe sobre o Regime de Promoções dos Oficiais da Polícia Militar (PMRN) e de Praças da PM e do Corpo de Bombeiros Militar (CBM). Na justificativa da matéria encaminhada pelo Executivo, a governadora Fátima Bezerra (PT) registra que o projeto almeja promover uma reestruturação da carreira dos militares, alterando regras de promoção das carreiras militares da Polícia e do Corpo de Bombeiros, dentre outras disposições
jul 5
terça-feira
04 30
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
42 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.903.405 VISITAS