21
mar

Gabinete de Fachin recebe lista de Janot

Postado às 21:01 Hs

O gabinete do ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), recebeu, há pouco, a chamada lista de Janot, com os 83 pedidos do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para investigar políticos citados nas delações da Odebrecht no âmbito da Operação Lava Jato. Fachin não tem prazo para decidir se autoriza a abertura dos inquéritos nem mesmo para analisar se derruba o sigilo do material, como solicitou a PGR. Segundo a reportagem apurou, o relator da Lava Jato já disse internamente no Supremo que será criterioso na análise dos documentos e não terá pressa para responder aos pedidos do Ministério Público. Ele, no entanto, sinalizou que não irá se alongar demais para evitar interpretações de que está “sentando” no processo. Os pedidos de abertura de inquérito foram enviados por Rodrigo Janot na semana passada, mas antes de serem encaminhados para o relator, passaram por um processo de protocolo na Secretaria Judiciária do tribunal.
08
out

Nordestinês

Postado às 22:00 Hs

É um verdadeiro dialeto.
Se é miúdo é pixototinho.
Se é pequeno é cotôco.
Se é alto é galalau.
Se é franzino é xôxo.
Tudo que é bom é massa.
Tudo que é ruim é peba.
Rir dos outros é mangar. O bobo se chama leso.
E o medroso chama frouxo.
Tá torto é tronxo. Vai sair diz vô chegá. Dar a volta é arrodeio.
Se é longe é o fim du mundu.
Dinheiro é bufunfa. Cabra sem dinheiro é liso.
Pernilongo é muriçoca.
Chicote se chama peia. Quem entra sem licença emburaca. Sinal de espanto é – – vôte!!
Se tá folgado tá foló. Quem tem sorte é cagado. Quem dá furo é fulêro.
Sujeira de olho é remela ou argueiro.
Gente insistente é pegajosa. Agonia é aperreio ou gastura.
Meleca se chama catôta.
Gases se chamam bufa.
Catinga de suor é inhaca.
Mancha de pancada é roncha.
Palhaçada é munganga. Desarrumado é malamanhado.
Pessoa triste é borocoxô.
E então é iapôis. Pois sim é num concordo.
Pois não é estou as ordis. Correr atrás de alguém é dá carrera.
Passear é batê perna.
Fofoca é resenha.
Estouro se chama pipôco.
Confusão é rolo.
Travessura é presepada.
Gente complicada é nó cego.
Paquerar é se inxerir.
Distraído é aluado.
01
jul

@ @ É NOTÍCIA … @ @

Postado às 10:05 Hs

  • Joaquim Barbosa não fará qualquer discurso, declaração ou balanço hoje, quando presidirá pela última vez uma sessão do STF (Supremo Tribunal Federal). Ele já anunciou que se aposenta neste mês. “O que eu fiz em 11 anos de Supremo é público e está disponível para quem quiser pesquisar”, afirma Barbosa. Ele deve abrir a sessão pela manhã e encerrá-la no máximo ao meio-dia. A formalização da aposentadoria de Barbosa depende de decreto da presidente Dilma Rousseff, conforme as regras que regem o funcionamento do STF. Num primeiro momento, o ministro pretende entrar de férias. E deve ficar no Brasil pelo menos até o fim da Copa do Mundo.
  • O governo federal decidiu prorrogar até o fim deste ano as alíquotas reduzidas do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para veículos novos e móveis, afirmou o ministro da Fazenda, Guido Mantega. O IPI voltaria à alíquota normal hoje, 1º de julho. O anúncio foi feito depois de reunião com representantes de ambos os setores. A renúncia fiscal do governo pela prorrogação em automóveis será de R$ 800 milhões só no segundo semestre, calculou o ministro. Já por conta do setor moveleiro, a renúncia será de R$ 161,6 milhões no mesmo período.
  • Há exatos 20 anos, no dia 1º de julho de 1994, eram colocadas em circulação as primeiras cédulas do real. Ao completar 20 anos, o Plano Real conseguiu vencer a sua principal batalha: acabar com a hiperinflação. Antes de a nova moeda entrar em circulação, em junho de 1994, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) estava em 47,43% ao mês. Em julho daquele mesmo ano, a inflação caiu para 6,84%. A estabilização permitiu avanços: o mercado de trabalho se formalizou, a desigualdade social diminuiu, o Brasil passou de devedor a credor do Fundo Monetário Internacional (FMI) e a economia brasileira foi elevada a grau de investimento pelas principais agências internacionais de classificação de risco. Apesar da estabilidade, que colocou o País num novo patamar de desenvolvimento, a economia ainda tem diversos desafios, como a manutenção dos índices de inflação e a até redução deles para patamares similares aos de países desenvolvidos. O Brasil não conseguiu, por exemplo, resolver um dos eternos dilemas: conjugar alto crescimento com uma baixa inflação.
  •   O Google anunciou ontem o que muitas pessoas já esperavam há algum tempo. A rede social Orkut, que fez muito sucesso no Brasil até ser ultrapassada pelo Facebook, será desativada. O Orkut funcionará apenas até o dia 30 de setembro deste ano. Segundo o Google, até esta data nada mudará para os usuários. Eles poderão usar a ferramenta Google Takeout para baixar informações de perfil, fotos e outros dados da rede social para seus computadores. Mas a criação de novas contas já não é mais possível a partir desta segunda-feira. Nem todo o conteúdo do site será tirado do ar. Um arquivo com as comunidades criadas no Orkut será mantido no ar mesmo após o fim do fechamento do Orkut. Quem não quiser que seus posts ou informações sejam exibidos nas comunidades deve remover o Orkut permanentemente de sua conta do Google. (IG)
  • Com a realização das convenções e definição das coligações, os partidos do Rio Grande do Norte lançaram cinco candidatos ao Governo do Estado para as eleições de 2014. A primeira convenção foi no dia 18 de junho, do PSOL, que definiu como candidato ao Governo do Estado Robério Paulino e Ronaldo Garcia como vice. No dia 26 foi a vez do PSTU homologar a candidatura de Simone Dutra ao Executivo Estadual, tendo Socorro Ribeiro como vice. Na sexta-feira (27) aconteceu a convenção do PMDB que definiu Henrique Eduardo Alves como candidato ao Governo do Estado e João Maia (PR) como vice. No sábado (28), o PSL homologou a candidatura de Araken Farias para o Governo do Estado, e Paulo Roberto (PSL) como vice. A última convenção aconteceu neste domingo (29) e lançou a candidatura de Robinson Faria (PSD) ao governo do estado com Fábio Dantas (PCdoB) como vice.
04
fev

Xenofobia pelo Twitter

Postado às 19:44 Hs

Piadas ou expressões claras, e ilegais, de xenofobia? Infelizmente, em mais um episódio de dificuldades no Nordeste, o separatismo ainda presente na mente de algumas pessoas encontra espaço nas redes sociais, gerando incômodo e revolta. Entre os assuntos mais comentados da rede mundial de microblogs, o twitter, a expressão ‘#apagao’ continua em discussão, agora, por conta de comentários preconceituosos de alguns usuários.

O início da ‘brincadeira’ foi simples, com a sacada “Disseram ao estagiário da Chesf: ‘o último a sair apaga a luz’”. Em seguida, o usuário Pedro Felipe Teles, da cidade de Bela Vista, em Goiás (@pfteles) postou: “Nordeste está sofrendo com #apagao, como assim? Lá já existia energia?”.
A frase não apenas incitou respostas em revolta, mas também piadas mal interpretadas e mais demonstrações de xenofobia. De um lado, Leandro Cavinato (@lecavinatto) brincava dizendo que “Certamento o #apagao de ontem no Nordeste foi porque Deus, cansado de ouvir axé, tirou o Estado da tomada”, de outro, um usuário, identificado apenas pelo avatar @oseparatista, do Rio Grande do Sul, reforçava “Apagão no Nordeste? Aproveita e some! Vai pedir Bolsa-energia agora, é só o que falta”, postou.

A ação causou mais do que desconforto para usuárias como Rebecca Cirino (@rebeccacirino), que lembrou do recente episódio da estudante de direito Mayara Petruso, processada por demonstrações de preconceito contra os nordestinos durante o episódio das enchentes que atingiram Pernambuco e Alagoas, em junho do ano passado. “Alô Ministério Público, tem mais um imbecil aqui!” postou, denunciando um dos abusos.

O ressentimento foi ainda maior entre aqueles que começaram a respostar uma das frases que mais ganharam força nesta manhã, durante o episódio: “Pros que estão falando M… do NE. Nas próximas enchentes (no RJ), nós ainda lembraremos de vocês. Não se preocupem”. O protesto de um dos usuários, Marcos Túlio Athayde (@mtathayde), acabou ganhando força e representa a lamentação de usuários quanto à ignorância de um grupo que ainda não compreendeu que respeito aos outros (e às leis) é desejável e exigível em todas as regiões do país.

11
jun

Mal Educado?

Postado às 6:30 Hs

Deu na Folha de São Paulo

O brasileiro tem uma fama ruim de ser mal-educado.

Fala alto ou com a boca cheia.

Palita os dentes na mesa de restaurante.

Forja intimidade num aperto de mão ou tapinha nas costas.

É um dos maiores consumidores mundiais de fofocas, piadas, apelidos e trocadilhos infames, teorias da conspiração, humor negro.

Despudorado e maldoso, vê sexo em tudo.

Folgado, invade e vandaliza espaços, joga lixo ou urina na rua e, no maior dos paradoxos, ainda cobra bravinho seus direitos, mesmo quando está errado, furando fila ou dando carteirada.

ago 20
sábado
02 52
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
50 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.912.843 VISITAS