A barragem central do Rio Apodi/Mossoró começou a transbordar neste domingo (15). O fato não ocorria há mais de 8 anos.

Em um vídeo divulgado pelo Portal Mossoró Notícias, neste domingo, mostra a força da água limpando boa parte do rio.

O fato ocorre após os grandes volumes de chuvas registrados em toda região Oeste nos últimos dias. Segundo a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn), Mossoró registrou quase 200 milímetros de chuva só em abril.

As águas que chegaram à barragem (do centro) neste domingo vêm das barragens de Felipe Guerra e Governador Dix-Sept Rosado.

Em atendimento ao pleito do prefeito Francisco José Jr. junto ao governador do Estado, Robinson Faria, o titular da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH), Mairton França, entregou ao chefe do Executivo Municipal o projeto de limpeza do Rio Mossoró. A reunião foi realizada, na tarde desta sexta-feira, 19, no gabinete do prefeito. O chefe do Executivo Municipal explicou que, na próxima semana será aberto o processo de licitação para contratar o serviço de limpeza que atuará no leito principal do rio. “Agradeço ao governador Robinson Faria pela agilidade em atender esse importante pleito de Mossoró. Por meio dessa iniciativa, vamos efetuar a limpeza do rio, que é um precioso patrimônio proporcionado pela natureza à cidade”, declarou. De acordo com Mairton, a abertura da licitação deve acontecer já na próxima segunda-feira, 22. O secretário estadual assinalou que, após estudos, ficou definida a aplicação de um método mais eficiente para realizar a limpeza do rio, hoje com baixo nível de água.
10
abr

Audiência Pública

Postado às 20:32 Hs

Audiência pública discutirá propostas para revitalização do Rio Mossoró Com o objetivo de discutir propostas e ações para a revitalização do Rio Apodi-Mossoró, a Câmara Municipal de Mossoró (CMM) promoverá audiência pública na próxima quinta-feira, 16, às 9h. O debate foi proposto pelo vereador Genivan Vale (Pros).Serão convidados a participar do encontro o secretário estadual de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Mairton França; o secretário municipal de Meio Ambiente e Urbanismo, João Gentil; os professores e pesquisadores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), Ramiro Camacho e Suely Leal; moradores de comunidades ribeirinhas; e a população em geral. A proposta do debate atende um pedido do arquiteto Carlos Mendes para tratar a situação do Rio Apodi-Mossoró.
08
jul

Na telinha

Postado às 9:16 Hs

Conexão faz parceria com a Fish TV para exibição de programas gravados no Rio Mossoró

O canal Fish TV, que integra o line-up do pacote Família Digital da TCM (TV Cabo Mossoró), gravou o programa “Momento da Pesca” no Rio Mossoró e fez tanto sucesso nas redes sociais que o programa Conexão da TCM, apresentado por Danielle Silveira e Léo Jr, fechou parceria com a Fish TV para exibir o especial no Canal 10.

Ate sexta-feira, 11, você poderá acompanhar o que a equipe da emissora Fish TV sediada no Sul do Brasil mostrou para o país, agora exibido no Conexão, a partir das 10h15, e pelo portaltcm.com.br em tempo real.

A Fish TV é uma emissora que foca apresentar toda a riqueza natural do país, através do turismo sustentável, em especial, a pesca esportiva. Além de conteúdo próprio, incentiva e valoriza a produção audiovisual independente no Brasil.

26
abr

Vem mais chuvas…

Postado às 15:10 Hs

O fim de semana deverá ser de chuvas em todo o estado.

As instabilidades associadas à atuação da Zona de Convergência Intertropical continuarão presentes sobre todas as regiões do Estado, trazendo pancadas de chuvas com predominância de céu parcialmente nublado. A análise é do setor de meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN).Ainda de acordo com os meteorologistas, a nebulosidade também é decorrente da Zona de Convergência Intertropical com atuação em todo o estado, com atenção especial ao litoral entre segunda e terça-feira (30).

Já no início da semana, entre a madrugada de domingo até terça-feira, poderão ocorrer chuvas de intensidade moderada a forte ao longo da faixa litorânea leste, devido às instabilidades de origem oceânicas associadas à Zona de Convergência Intertropical.

O comportamento de boas chuvas vem ocorrendo nos últimos sete dias em algumas regiões do Estado, principalmente no Oeste e no Seridó.

No campo a alegria do agricultor com a chegada das chuvas é motivo de festa… pelo menos a água veio  no momento certo. A falta d”agua era um grande problema na zona rural Na zona urbana o problema agora é o medo de possiveis inundações ou alagamentos  que possam ocorrer devido ao aumento no volume do Rio Mossoró.  A Defesa Cívil está em alerta 24 hs através do telefone 3315-5000.

Quem chega ao cais de atracação das balsas no município de Grossos, percebe de princípio a degradação ao meio ambiente provocada pelo homem naquela região.

Primeiro avista-se o lixo em grande quantidade que em maioria são residuos sólidos como garrafas pet e outros tipos de embalagens plásticas. Em outro ângulo observa-se o esgotamento sanitário de um quiosque sendo despejado diretamente no estuário, que compreende o Rio Apodi-Mossoró, que separa as cidades de Grossos e Areia Branca.

Também é possível notar que várias árvores de mangue foram cortadas. O corte de mangues é proibido por lei. Ainda não há informações acerca das pessoas que cometeram tais atos que vão contra a lei e contra o meio ambiente, visto que a área de manguezal desenvolvem importânte papel no ecossistema marinho, tanto para a alimentação quanto para a reprodução de inumeras espécies de peixes, crustáceos e outros animais marinhos.

O Ministério Público, a Polícia Ambiental e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (IBAMA) devem ser comunicados para que ivestiguem, punam e evitem outros danos ao manguezal desta região.

Precisa-se que as pessoas e o poder público através da secretaria de meio ambiente de todas as cidades cortadas pelo rio Apodi-Mossoró, ou Rio Ivipanim, se mobilizem em prol de um mutirão de limpeza naquela área.

03
jun

Triste realidade

Postado às 20:17 Hs

 

Triste realidade o nosso rio Mossoró esperando ajudar para sua despoluição,enquanto isso a água deve ficar cara e rara no mundo todo. Temos que acordar as autoridades para que algo seja feito o quanto antes. Pois sua importãncia é vital.

Enquanto isso…

A poluição, o crescimento urbano desordenado e as mudanças climáticas estão tornando a água doce do Brasil — recurso do qual o país é líder mundial — a protagonista de uma crescente contradição econômica.

Especialistas, empresários e agentes de governo já temem o cenário de um apagão hídrico nas principais regiões metropolitanas até o fim desta década. Além do constrangimento na oferta, as projeções também mostram uma curiosa perspectiva, que está tornando a produção da água bombeada para torneiras até 60% mais cara do que a das garrafas PET de água mineral. O produto engarrafado só chega mais caro ao consumidor porque suporta uma alta carga de impostos, já que o sistema tributário classifica a água mineral como minério e não como item básico de consumo.

Um dos temas na agenda da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável — a Rio+20 —, que será aberta na próxima semana no Rio de Janeiro, o encarecimento da água potável pressiona hoje o Estado a agilizar investimentos em infraestrutura de saneamento básico e estimula empresas a implementar programas de gestão racional do uso de recursos hídricos. Segundo Sérgio Ayrimoraes, coordenador de pesquisas da Agência Nacional de Águas (ANA), a diferença de valor entre águas pública e privada decorre de diferentes fatores, sobretudo eventos climáticos extremos (cheias ou estiagem) e a dificuldade cada vez maior em se tratar água de rios, lagos e outras fontes.

20
jul

Nossos rios de abandono…

Postado às 10:21 Hs

riosnapior19072011143447_medA Agência Nacional de Águas (ANA) divulgou nesta terça-feira que 105 corpos d’água – que são rios, reservatórios, lagoas, canais – de 17 Estados possuem água em condições ruins ou péssimas. A constatação está no ‘Relatório de Conjuntura dos Recursos Hídricos no Brasil – Informe 2011′, estudo que traz a situação mais atualizada sobre a água no Brasil, com dados coletados no ano de 2009.

Segundo o estudo divulgado ontem, a proporção de água de ótima qualidade encontrada nos pontos de monitoramento caiu de 10% para 4%, em comparação com o relatório do ano passado. Em 2009 foi encontrada água de boa qualidade em 71% dos pontos, regular em 16%, ruim em 7% e péssima em 2%. O Índice de Qualidade das Águas (IQA) que traz esse resultado é a soma de nove parâmetros de qualidade que reflete principalmente a situação de contaminação dos rios pelo lançamento de esgotos domésticos.

O diagnóstico dos mais de 1.700 pontos analisados mostra várias bacias comprometidas devido ao grande lançamento de esgotos urbanos domésticos sem tratamento adequado, especialmente nas regiões metropolitanas (São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador) e cidades de médio porte (ex.: Campinas/SP, Juiz de Fora/MG). No entanto, em algumas bacias foi possível associar melhorias na qualidade das águas a investimentos realizados em tratamento de esgotos na última década, como por exemplo, nas seguintes bacias: do rio das Velhas, Paraíba do Sul, Grande e Tietê (Reservatório Billings – Braço do Taquacetuba).

Bacias

Além de destacar os pontos críticos, o relatório aponta as causas da qualidade inadequada da águas encontrada nas principais bacias hidrográficas do País. As regiões hidrográficas Amazônica, Tocantins-Araguaia e Paraguai são as que possuem os menores valores de comprometimento de extensão de rio. Essas áreas são caracterizadas por elevada disponibilidade hídrica, associada a uma baixa densidade populacional e a existência de grandes áreas protegidas e conservadas.

Já os rios localizados na região hidrográfica do Paraná apresentam problemas devido ao grande contingente populacional localizado nas regiões metropolitanas. Nessas regiões, ainda é encontrada uma grande demanda para os usos urbano e industrial e elevada carga de esgotos domésticos. Na região Nordeste, a ocorrência de rios com má qualidade de água aparece pela a baixa disponibilidade hídrica dos corpos d’água.

O nosso Rio Mossoró também está agonizando com a poluição nas suas águas e nas margens como se fosse uma grande fossa e um lixão exposto,não podemos fechar os olhos nesta situação que já se arrasta a muito tempo.É uma pena mais é a pura verdade. S O S  Rio Mossoró !!!

Fonte: IG

26
abr

# # Rapidinhas… # #

Postado às 22:49 Hs

@ Além do fedor e dos aguapés o Rio Mossoró tá com uma paisagem tenebrosa, principalmente no centro da cidade,o rio pede socorro e precisa urgente de atenção por parte de todos nós mossoroenses.

@ Assú terá em seu São João de 12 a 25 de Junho entre suas atrações principais: Zé Ramalho e Leonardo entre outros nomes. Você confere aqui em breve a programação completa como também do Mossoró Cidade Junina 2011, que começa no dia 04. O São João de Assú é considerado o mais antigo do Brasil e também um dos mais animados.

@ A cidade de Mossoró que as vezes brincamos e chamamos de Moscou, tá mais para BEIRUTE (Líbano) com tamanha violência e as execuções em série, números altíssimos quase sempre ligados ao uso de drogas e a marginalidade. Algo precisa ser feito, isso não pode continuar do jeito que está…

@ Elias Fernandes poderá não ficar no DNOCS, já é grande a dor de cabeça nas bases do PMDB Nacional, para acomodar o governador derrotado na eleição passada o paraibano, José Maranhão que também é da cota do PMDB.

@ Na Terra de Santa Luzia os preços da gasolina estão fora de órbita, não é admissível um litro de gasolina custar quase 3 reais, como tá sendo cobrado em quase todos os postos. O preço parece que é combinado.

@ A cidade será em muito breve destino de novas companhias aéreas, já que o mercado das cidades de médio porte estão em expansão, isso é fato.Esperasse no entanto que o nosso aeroporto seja revitalizado e passe a integrar em definitivo a malha aérea nacional. A cidade com certeza tem pujança prá isso.

@ O PSD em Mossoró poderá nascer grande através do presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Francisco José Júnior, o assédio é grande.

@ Agradecemos a todos que nos acompanha pelo twitter,site e facebook;Nossa missão é ser referência na Qualidade em Informação.1 Ano e cada vez mais lutamos pelo nosso espaço, que a cada dia ganha mais adeptos. Obrigado mesmo.

Em breve no Ar o site do maior evento do RN o www.mossorocidadejunina.com.br, com informações e muitas novidades, como já dissemos Mossoró te espera em JUNHO no maior Arraial do Brasil, dentro das atrações: Michel Teló,Forró do Muído,Maria Cecília & Rodolfo,Aviões do Forró,Garota Safada , atrações locais e muito mais… Tá chegando !! Começa no dia 04 com o Pingo da Mei Dia # #

24
mar

@ @ É Noticia… @

Postado às 20:15 Hs

  • Os aguapés se proliferam no leito do Rio Mossoró, deixando-nos atônitos com o nível de degradação de seu bem natural mais precioso,que é a água.É esperado que se faça alguma coisa e logo,pelo menos para a diminuição do nível de poluição do nosso rio.
  • A APAE Mossoró completa nesta 6ª feira(25/03), 38 anos de atividades prestando um excelente trabalho de assistência as pessoas com necessidades especiais.Parabéns ao seu novo presidente Sebastião Almeida a frente desta importante instituição.Parabéns APAE.
  • O Teatro Alberto Maranhão (TAM) completa hoje 107 anos de fundação, foi durante muito tempo o único templo da cultura do Estado.É parte integrante do Patrimônio Histórico e Artístico do RN.
  • A Infraero tem grana para aeroportos só não para o nosso,”Moscow” vai ter que esperar e olhe lá, a ausência de projetos do governo anterior, mostra porque estamos tão aquém de outros estados, na vizinha Aracati em junho ganhará um super-aeroporto,e pela proximidade poderá inviabilizar o nosso aeroporto. É uma pena mais é verdade.
  • Entre os nomes do grupo da Prefeita Fafá Rosado(DEM) alguns nomes já estão em evidência, mesmo faltando um ano para as convenções partidárias são eles: Francisco Carlos(PV),Claúdia Regina(DEM) e Alex Moacir(PMDB); me perdoe os outros mais renovação teria que ser um desses, pelo menos na minha ótica esses quadros agregam muito, bem mais que um nome do bolso do palitó de algum figurão.Mas como política tudo é possível, até lá muitos outros nomes deverão aparecer,pois todo mundo fala mais ser prefeito(a) de uma cidade como Mossoró, deve ser muito bom.
  • Fátima Bezerra detona Micarla : “A pesquisa que avalia a intenção de voto para a Prefeitura de Natal é um verdadeiro tsunami de desaprovação da atual gestão. Ela revela em números, o que já se percebe em todos os recantos da cidade. A impressão que fica é de que a gestão acabou antes do fim ou, no máximo, comporta-se como um doente em estado terminal que busca de maneira desesperada um milagre ou uma tábua de salvação.Os dados são incontestáveis, não autorizam que a prefeita venda ilusões para o futuro. A atual gestão não tem condições de se recuperar.”
  • A governadora Rosalba Ciarlini participa nesta sexta-feira (25) da inauguração da primeira fase da Indústria de Cimento MIZU, localizada em Baraúna, região oeste do Estado.   A agenda de compromissos começa às 14h, na Associação Comercial e Industrial de Mossoró, com a assinatura da concessão do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Industrial – PROADI à empresa.
  • Em sua primeira reunião como presidente nacional do DEM, o senador José Agripino (RN) confirmou, em acordo com os membros da Executiva Nacional, a dissolução da comissão provisória do DEM em São Paulo, nomeada após a saída do prefeito Gilberto Kassab dos quadros do partido. A reunião ocorreu nesta manhã de quinta-feira (24), em Brasília.Os nomes dos novos representantes do DEM no estado deverão ser apresentados na próxima semana. Com a dissidência do prefeito Kassab, que era presidente do partido no estado, a Executiva Nacional fará, em etapas, uma intervenção no diretório estadual.
01
fev

Previsões nada animadoras

Postado às 15:49 Hs

A cidade de Mossoró precisa também ser contemplada com vistoria,as áreas do rio Mossoró além de está assoreada o seu leito esta tomada por aguapés devido a poluição.

Segundo  avaliação feita pela Defesa Civil do Rio Grande do Norte constatou que as barragens Armando Ribeiro Gonçalves (foto) no município de Assú e Santa Cruz, em Apodi, atingiram 70% da capacidade de armazenamento, faltando 4,5 metros para atingir o primeiro sangradouro.

A situação é de alerta vez que as duas barragens poderão sangrar com a ocorrência de 700 milímetros de chuva. Em Apodi, a Defesa Civil constatou risco de inundação, no caso de transbordamento da barragem, nos distritos de Caboclo, Caraforça, Carpina, Várzea de Salina, Várzea da Carreira, Trapiá I e II, Bamburral, Cipó e Baixa Faixada I e II. Em Apodi existem 12 mil pessoas morando em áreas de risco, segundo a COMDEC.

Nas regiões visitadas, a Defesa Civil constatou problemas que podem contribuir para as inundações. Para corrigi-los, o Governo do Estado está notificando as autoridades responsáveis, prefeituras, órgãos da União e do próprio Estado. Em Apodi, é preciso desassorear os rios Apodi e Umari, retirar entulhos, sedimentos, lixo e outros detritos para repor a capacidade de vazão.

No município de Ipanguaçu, a Defesa Civil constatou erosão na parede externa da barragem do Pataxó, defeito nas comportas, impossibilitando sua abertura para dar vazão às águas e elevado nível das águas.

Em Assú foi constatado erosão na parede externa da barragem Armando Ribeiro Gonçalves, o que mostra a falta de manutenção, riscos de inundação e isolamento nos bairros Lagoinhas e comunidades de Linda Flor, Santo Antonio, Martins, Estevão e Ilha Forte, favela Belo Horizonte.

A Defesa Civil também constatou risco de inundação em cidades que margeiam o rio Piranhas, como Carnaubais, Pendências, Itajá, Alto do Rodrigues, Ipanguaçu, Macau e Porto do Mangue.

Mossoró poderá nem chover,mas devido a fluidez do rio que vem do Alto Oeste pode novamente sofrer com enchentes.


jul 30
sexta-feira
09 42
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
63 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.875.091 VISITAS