Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

O pagamento da primeira parcela do piso da enfermagem não entrou na conta dos servidores estaduais do Rio Grande do Norte neste sábado (30), como era previsto, junto à folha do funcionalismo público.

As secretarias de Estado da Administração (Sead) e de Estado da Saúde Pública (Sesap), do governo do RN, informaram em nota que “a ordem bancária enviada ao Banco do Brasil durante esta sexta-feira (29) para repasse da primeira parcela do piso da enfermagem foi recusada pela instituição duas vezes”. O problema, portanto, impossibilitou o depósito na conta dos servidores neste sábado (30).

As pastas informaram que as equipes técnicas do governo e do banco vão se reunir na segunda-feira “para assegurar o processamento do crédito durante o dia”. “As secretarias pedem desculpas aos servidores pelo ocorrido e garantem que vão trabalhar para solucionar a questão o mais rápido possível”, concluiu a nota.

Ao todo, 3 mil servidores ligados diretamente à Sesap receberiam a primeira parcela do pagamento, no valor total de R$ 6,8 milhões, neste sábado. No final do mês de agosto, o Governo Federal anunciou que o Governo do Estado e as prefeituras do Rio Grande do Norte receberam o repasse da primeira parcela para complemento do pagamento do piso nacional da enfermagem. O valor total foi de R$ 56 milhões. No dia 19 de setembro, o governo do RN anunciou o pagamento da primeira parcela da enfermagem e divulgou as datas para o pagamento do valor retroativo, considerando também os enfermeiros contratados em hospitais privados ou entidades filantrópicas.

Novo piso

O novo piso para enfermeiros contratados sob o regime da CLT é de R$ 4.750. Técnicos de enfermagem devem receber, no mínimo, 70% desse valor, enquanto auxiliares e parteiras devem ganhar pelo menos 50% do valor.

Os valores correspondem à carga horária de 44 horas semanais. De acordo com o Conselho Regional de Enfermagem, o estado conta atualmente com cerca de 33 mil enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem.

Com o aumento na incidência de chuvas no Rio Grande do Norte, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) reforça o alerta para que as medidas de prevenção aos casos de Dengue, Zica e Chikungunya sejam intensificadas nesse período que tende a favorecer a reprodução do mosquito transmissor, o Aedes Aegypti.

Segundo a chefe do Programa Estadual das Arboviroses, Silvia Dinara do Nascimento Alves, é importante o cidadão ficar atento para evitar o acúmulo de água parada em casa,  nos ralos e pias, bandeja do bebedouro e geladeira; observar vasos e pratos de plantas que acumulam água parada, manter as caixas d´água sempre tampadas, observar vasos de plantas que acumulam água parada; manter os quintais livres de criadouros do mosquito; não colocar lixo nem pneus inservíveis que possam acumular água em terrenos baldios, além de receber a visita do agente de endemias.

Dados do boletim

O mais recente informe epidemiológico contém os dados coletados entre a Semana Epidemiológica de 1 a 12 com término em 25 de março de 2023. Segundo o informe, foram notificados 2.232 casos de dengue no estado. Desses, 405 casos foram confirmados, 1.758 casos considerados prováveis, 474 descartados, nenhum óbito confirmado e 2 em processo de investigação. A incidência apresentada foi de 49,37 casos prováveis por 100 mil habitantes.

Com relação à Chikungunya, foram notificados no RN, até a Semana Epidemiológica 12, um total de 848 casos da doença, sendo confirmados 59 casos, 789 casos considerados prováveis, 131 descartados e nenhum óbito confirmado. A incidência foi de 22,2 casos prováveis por 100 mil habitantes.

Já no que diz respeito à Zika, até a Semana Epidemiológica 12, foram notificados 228 casos da doença, sendo confirmados 7 casos, 187 casos considerados prováveis, 41 descartados e nenhum óbito confirmado. A incidência foi de 5,3 casos prováveis por 100 mil habitantes.

Sintomas

Os sintomas iniciais das arboviroses podem ser semelhantes e clinicamente inespecíficos, sendo imprescindível observar a diferenciação dos sintomas para que se possa conduzir o tratamento do caso de forma adequada. Entre os principais sintomas estão: febre, manchas na pele, dores nos músculos e inchaço nas articulações, além de conjuntivite, dor de cabeça, e coceira.

A Secretaria de Saúde do Rio Grande do Norte (Sesap) recomendou a volta do uso de máscaras em locais fechados, por causa do surgimento de uma nova variante da Covid-19 e da retomada do aumento de casos da doença no país. A recomendação, no entanto, não representa uma obrigatoriedade. O uso de máscaras não é obrigatório em locais fechados do estado desde abril de 2022. A nova recomendação foi publicada após reunião dos membros do comitê científico da pasta, que também sugeriram o início da aplicação da quinta dose da vacina contra o vírus em pessoas idosas. A reunião do comitê aconteceu na noite de segunda-feira (14). A equipe da Secretaria de Saúde e os pesquisadores da UFRN que fazem parte do comitê decidiram realizar as novas recomendações diante de uma “apresentação das tendências e estratégias de controle da Covid-19 e do período sazonal da circulação de vírus respiratórios”.
30
jul

Números da Covid

Postado às 19:54 Hs

RN

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste sábado (30). São 546.673 casos totalizados. Nas últimas 24 horas foram registrados 192 novos casos e nenhum óbito.

Óbitos confirmados para Covid-19: 8.395. Em investigação são 1.156. Recuperados são 533.905. Casos suspeitos somam 1.463 e descartados são 1.025.928. Estimativa de casos em acompanhamento: 4.373.

A Sesap esclarece que foram atualizados 104 óbitos que constavam como suspeitos: 15 foram classificados como confirmados e 89 foram descartados.

Brasil

Foram divulgados os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil neste sábado (30), de acordo com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass):

– O país registrou 173* óbitos nas últimas 24h, totalizando 678.486 mortes;

– Foram 22.889* novos casos de coronavírus registrados, no total 33.813.587;

Não atualizaram: DF, MA, MG, MT, RJ, RR e TO
*Sem dados do Ceará
*Óbitos represados no Paraná, com 67 registrados (influência de +7 em 1 dia na média de óbitos do estado) *Óbitos represados no RN, com 15 registrados (influência de +2 em 1 dia na média de óbitos no estado)

A média móvel de óbitos nos últimos sete dias é de 223. A a média móvel de novos casos é de 33.151. O ministério da Saúde calcula que mais de 32,3 milhões de pessoas já se recuperaram da Covid.

13
jun

Registros

Postado às 20:17 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (13). São 511.701 casos totalizados. Nas últimas 24h foram confirmados 270novos casos.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.220. Duas mortes registradas nas últimas 24h, em Lagoa Nova e Natal. Óbitos em investigação são 1.366.

Recuperados são 499.251. Casos suspeitos somam 1.164 e descartados são 969.013. Estimativa de casos em acompanhamento: 4.230. A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 54,5%, registrada na tarde desta segunda-feira (13). Pacientes com Covid-19 internados em leitos clínicos e críticos somam 41. Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 54,1% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 57,1% e a Região Seridó tem 0%.

Até o momento desta publicação são 12 leitos críticos (UTI) disponíveis e 24 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 38 disponíveis e 17 ocupados. Outros 8 leitos de UTI estão ocupados por pacientes ‘não Covid-19’ e também 4 leitos clínicos também estão ocupados por pacientes ‘não Covid-19’, com outras síndromes gripais.

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 16h50 desta segunda-feira (13).

Neste período, havia três (03) pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação e um aguardando avaliação. Foram registrados disponíveis 12 leitos críticos e outros 38, sendo clínicos.

 

06
jan

Registros

Postado às 12:45 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quinta-feira (6). São 388.861 casos totalizados. Na quarta-feira (5) eram contabilizados 388.313, ou seja, 548 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 316 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.581 no total. Nenhum óbito foi registrado nas últimas 24 horas. Na quarta-feira (5) eram 7.580 mortes. A Sesap registrou um (01) outro óbito após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.424. Recuperados são 378.562. Casos suspeitos somam 113.854 e descartados são 388.861.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 21,7%, registrada no início da tarde desta quinta-feira (6). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 42. Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 33,8% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 6,8% e a Região Seridó tem 0,0%.

Até o momento desta publicação são 88 leitos críticos (UTI) disponíveis e 30 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 86 disponíveis e 12 ocupados.

Outros 19 leitos de UTI estão ocupados por pacientes ‘não Covid-19’ e também 19 leitos clínicos também estão ocupados por pacientes ‘não Covid-19’, com outras síndromes gripais.

Em virtude do surto gripal que atinge não somente o RN, a Sesap informou nesta quinta-feira (6) que disponibilizou leitos da rede Covid para pacientes com outras síndromes gripais que tenham teste negativo para Covid-19, resguardando as medidas de biossegurança para evitar contaminação.

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 12h desta quinta-feira (6). Neste período, havia 9 (nove) pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação e outros 4 (quatro) aguardavam avaliação. Foram registrados disponíveis 88 leitos críticos e outros 86, sendo clínicos. Em virtude do surto gripal que atinge não somente o RN, a Sesap informou nesta quinta-feira (6) que disponibilizou leitos da rede Covid para pacientes com outras síndromes gripais que tenham teste negativo para Covid-19, resguardando as medidas de biossegurança para evitar contaminação.

20
dez

Registros

Postado às 14:03 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (20). São 385.166 casos totalizados. No sábado (18) eram contabilizados 385.020, ou seja, 146 novos casos em comparação com os dias anteriores, destes, nenhum foi confirmado nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.545 no total. Nenhum óbito foi registrado nas últimas 24 horas. No sábado (18) eram 7.542 mortes. A Sesap registrou dois óbitos após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.383. Recuperados são 237.240 e casos suspeitos somam 189.231. Estimativa de casos em acompanhamento, são 140.381.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 29,9%, registrada no início da tarde desta segunda-feira (20). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 85. Até o momento desta publicação são 110 leitos críticos (UTI) disponíveis e 47 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 99 disponíveis e 38 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 30,6% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 22,7% e a Região Seridó tem 46,7%. O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 12h05 desta segunda-feira (20).

Neste período, não haviam 03 pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação, e outros 05 aguardavam avaliação. Foram registrados disponíveis 110 leitos críticos e outros 99, sendo clínicos.

16
dez

Registros

Postado às 13:35 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quinta-feira (16). São 384.791 casos totalizados. Na quarta-feira (15) eram contabilizados 384.672, ou seja, 119 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 02 confirmado nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.533 no total. Três (03) óbitos foram registrados nas últimas 24 horas, em Macaíba, Assu e Guamaré. Na quarta (15) eram 7.530 mortes. A Sesap não registrou óbitos após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.035.

Recuperados são 273.986. Casos suspeitos somam 190.234 e descartados são 809.622. Em acompanhamento, são 103.272.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 31,5%, registrada no início da tarde deste quinta-feira (16). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 100. Até o momento desta publicação são 111 leitos críticos (UTI) disponíveis e 51 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 90 disponíveis e 49 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 34% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 15,9% e a Região Seridó tem 60%.

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 12h05 deste quinta-feira (16).

Neste período, 02 pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação e nenhum aguardava avaliação. Foram registrados disponíveis 111 leitos críticos e outros 90, sendo clínicos.

08
out

Registros

Postado às 13:14 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta sexta-feira (8). São 369.581 casos totalizados. Na quinta (7) eram contabilizados 369.448, ou seja, 133 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 34 confirmados nas últimas 24h horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.350 no total, com o registro de nenhum óbito nas últimas 24 horas. Na quinta (7) eram 7.347 mortes. A Sesap não registrou mortes após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.339. Recuperados são 259.995. Casos suspeitos somam 177.909 e descartados são 740.490. Em acompanhamento, são 102.236.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 27,4%, registrada no início da tarde desta sexta-feira (8). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 114. Até o momento desta publicação são 143 leitos críticos (UTI) disponíveis e 54 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 98 disponíveis e 60 ocupados. Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 32,8% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 20,4% e a Região Seridó tem 6,7%.

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 11h50 desta sexta-feira (8). Neste período, havia 03 pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação e nenhum aguardava avaliação. Foram registrados disponíveis 143 leitos críticos e outros 98, sendo clínicos.

Maura Vanessa Silva Sobreira (secretária-adjunta) e Gilsandra de Lira Fernandes (coordenadora de Operações de Hospitais e Unidades de Referência) foram as servidoras afastadas da Secretaria de Saúde do RN (Sesap) por decisão da Justiça Federal nesta quarta-feira (25). O Blog havia noticiado o caso na postagem “OPERAÇÃO LECTUS: Servidoras da Sesap afastadas por decisão judicial não serão exoneradas”.

A Polícia Federal e a Controladoria Geral da União amanheceram na porta da Sesap ontem para dar cumprimento à Operação Lectus, que tem como objetivo apurar fraudes em dispensas de licitações, peculato, corrupção passiva e ativa e lavagem de dinheiro.

Na ocasião foram cumpridas as duas medidas cautelares de afastamento do cargo público das servidoras. As ordens foram expedidas pela 14ª Vara Federal – Seção Judiciária do Rio Grande do Norte.

A operação apura irregularidades na contratação de empresa para implantação de leitos de UTI no Hospital da PM e no Hospital Dr. João Machado, em Natal. De acordo com a CGU, o prejuízo aos cofres públicos pode chegar a R$ 4 milhões.

A investigação aponta para irregularidades ocorridas na implantação de 50 leitos de UTI contratados pelo Governo do RN para o atendimento aos pacientes infectados pelo coronavírus.

Em entrevista a Inter TV Cabugi, a governadora Fátima Bezerra (PT) afirmou que a secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) está colaborando com as investigações sobre irregularidades em contratos de UTI Covid. A operação Lectus foi deflagrada nesta quarta (25) e tem como objetivo apurar supostas irregularidades na contratação de empresa para implantação de leitos de UTI no Hospital da PM e no Hospital João Machado, em Natal.

Segundo a CGU, o prejuízo causado aos cofres públicos pode chegar a R$ 4 milhões. Duas servidoras da Sesap foram afastadas dos cargos. Na entrevista, a gestora afirmou que “o governo não tem absolutamente nada o que temer, nada a esconder”.

“A Sesap está acompanhando, prestando todos os esclarecimentos. O RN sabe da lisura, da seriedade do nosso governo, de como nós enfrentamos a pandemia nesse estado para salvar vidas, inclusive, com o acompanhamento dos órgãos de controle, dos ministérios públicos, então que se apure o que se deva ser apurado”, concluiu Fátima Bezerra.

Nos próximos dois sábados de agosto, dias 21 e 28, o Rio Grande do Norte fará uma grande mobilização de vacinação para as pessoas que estão com a segunda dose da vacina contra a Covid-19 em atraso. A estimativa atual é que 61.628 pessoas ainda precisam completar seu esquema vacinal. Em nota técnica, emitida nesta quarta-feira (18), a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) detalhou o quantitativo de doses que será enviado para cada município, totalizando 155.775 doses exclusivas para D2. Seguindo o Plano Nacional de Imunização, as doses são destinadas aos: profissionais da Educação Infantil; trabalhadores portuários; profissionais da saúde; pessoas com comorbidades e pessoas portadoras de deficiência permanente; gestantes e população geral na faixa etária de 49 a 45 anos de todos os municípios do Rio Grande do Norte.
03
ago

Registros

Postado às 16:51 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta terça-feira (03). São 359.995 casos totalizados. Na segunda-feira (02)eram contabilizados 359.776, ou seja, 219 novos casos em comparação com o dia anterior).

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.106 no total, sendo 05 mortes registradas nas últimas 24h: Natal(01), Extremoz (01), Tibau do Sul(01), Florânia(01) e Angicos(01). Na segunda-feira (02), o número total de mortes era 7.100.

Segundo a Sesap, 01 outro óbito foi confirmado após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.492. Recuperados são 249.447. Pacientes em acompanhamento são 103.442 Casos suspeitos somam 166.860 e descartados são 688.663.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 38,2%, registrada no fim da manhã desta terça-feira (03). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 188. Até o momento desta publicação são 188 leitos críticos (UTI) disponíveis e 116 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 248 disponíveis e 72 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 38,5% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 40,2% e a Região Seridó tem 29,6%.

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento próximo do fim da manhã desta terça-feira (03). Por volta das 12h15, havia 01 paciente com perfil para leitos críticos na lista de regulação, e so 01 aguardando avaliação. Foram registrados disponíveis 188 leitos críticos e outros 248, sendo clínicos.

 

Servidores públicos estaduais, bolsistas e estagiários do Governo do Rio Grande do Norte que não integram o grupo de risco da Covid-19 estão liberados para retornar à jornada de trabalho presencial nas suas secretarias e órgãos onde são lotados, os que integram o grupo de risco podem retornar ao expediente presencial após completarem o ciclo de imunização. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado nesta sexta-feira (9), por meio das Secretarias da Saúde Pública (Sesap) e da Administração (Sead), e leva em consideração o cenário epidemiológico atual do RN. Para a secretária de Administração, Virgínia Ferreira, essa deliberação foi possível em virtude da melhora no quadro da pandemia no estado. “O Rio Grande do Norte é um dos estados em que a pandemia está dando sinais de recuo. Isso é fruto do avanço da vacinação, além de todas as medidas adotadas pelo Governo no combate ao coronavírus”, destaca a secretária.
08
jul

Registros

Postado às 16:24 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quinta-feira (08). Foram 664 novos casos confirmados, totalizando 348.638. Até quarta-feira (07) eram 347. 974 infectados. (Sem levar em conta os dados de um informe para o dia seguinte, o órgão destaca nesta data que nas últimas 24 horas, casos notificados e confirmados somam 252).

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 6.879 no total, sendo 04 mortes registradas nas últimas 24h: Caicó(02), Campo Grande(01) e Areia Branca(01). Segundo a Sesap, foram registrados 05 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Na quarta-feira (07) o número total de mortes era 6.870. Óbitos em investigação são 1.443. Casos suspeitos somam 164.426 e descartados são 657.467. Recuperados são 150.649.

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento no fim da manhã desta quinta-feira (08). Por volta das 12h05, haviam apenas 03 pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação. Dois(02) pacientes aguardavam avaliação. Foram registrados disponíveis 175 leitos críticos e outros 278, sendo clínicos.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 55,5%, registrada no fim da manhã desta quinta-feira (08). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 360. Até o momento desta publicação são 175 leitos críticos (UTI) disponíveis e 218 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 278 disponíveis e 142 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 55,5% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 60,2% e a Região Seridó tem 42,5%.

13
jun

Registros

Postado às 12:22 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste domingo (13). Foram mais 1.294 casos confirmados, totalizando 282.824. Até sábado (12) eram 281.530 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 6.452 no total, sendo 08 mortes registradas nas últimas 24h: Assu (01), Caraúbas (01), Lagoa de Velhos (01), Coronel João Pessoa (01), Francisco Dantas (01), Campo Grande (01), Mossoró (01) e Itajá (01).

A Sesap ainda registrou outros 04 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. No sábado (12) o número total de mortes era 6.440. Óbitos em investigação são 1.365. Casos suspeitos somam 102.190 e descartados 542.596.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 88,9%, registrada no início da tarde deste domingo (13). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 627. Desde 1º de março, a taxa de ocupação dos leitos críticos do estado tem média acima de 90%. As únicas exceções foram os dias 23 de abril e 5 de maio, que registraram 89%.

Até o momento desta publicação são 45 leitos críticos (UTI) disponíveis e 359 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 145 disponíveis e 268 ocupados. Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 85,9% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 99,1% e a Região Seridó tem 80%.

10
jun

* * * QUENTINHAS… * * *

Postado às 12:24 Hs

* * * Pelo que se escuta nas ruas – da tromba ao rabo do elefante no mapa do Rio Grande do Norte (RN) – uma candidatura de Garibaldi Alves ao Senado nas eleições de 2022 é considerada imbatível. Fábio FariaRogério Marinho, Carlos Eduardo e o atual Jean-Paul Prates não teriam a menor chance * * *

* * * A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) definiu nesta quarta (9) que as doses da vacina da Janssen serão destinadas a população em situação de rua e caminhoneiros. De acordo com a Sesap, o estado deve receber 46.600 doses do imunizante na próxima semana e distribuí-las a todos os 167 municípios. A vacina requer a aplicação só de uma dose, ao contrário da maioria das vacinas aplicadas atualmente contra a Covid, que exigem duas doses. * * *

* * * O governo do Rio Grande do Norte autorizou a realização de eventos corporativos, técnicos, científicos e convenções com até 50 pessoas no estado. A medida está no decreto publicado nesta quarta-feira (9) prorrogando as medidas de prevenção à Covid-19 no estado. “Fica autorizada a realização de eventos corporativos, técnicos, científicos e convenções, limitado ao público de 50 (cinquenta) pessoas, sem prejuízo da observância dos protocolos sanitários vigentes”, diz a publicação. Além da prorrogação, anunciada nesta terça-feira (8) pela governadora Fátima Bezerra (PT), a autorização para realização dos eventos foi a única alteração no decreto anterior. Em maio, a prefeitura de Natal publicou decreto autorizando eventos com até 100 pessoas. * * *

* * * O Rio Grande do Norte recebeu do Ministério da Saúde, no início da madrugada desta quinta-feira (10), o segundo lote de vacinas contra a Covid-19 nesta semana. A carga conta com 59.250 vacinas da Astrazeneca/Fiocruz, que conta com as primeiras doses destinadas ao público sem comorbidades entre 18 e 59 anos. O lote recebido pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) foi direcionado à Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat), para posterior distribuição entre os municípios. A Sesap e os municípios pactuaram ontem (9) que será iniciada a vacinação de novos grupos. * * *

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) recebeu nesta terça-feira (8) mais um lote de vacinas contra a Covid-19. A carga de 43.290 doses foi encaminhada do Aeroporto Internacional de São Gonçalo para a Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat), onde será catalogada e separada para a distribuição entre os municípios.

As vacinas da Pfizer serão destinadas para a aceleração do processo de imunização dos grupos prioritários que estão sendo atendidos no momento, em especial as grávidas e puérperas.

Os dados recolhidos e analisados pela Sesap apontam uma alta recente no índice de morte por Covid-19 entre as grávidas. Como o imunizante da Pfizer é o único disponível para aplicação neste grupo, a Sesap vem orientando aos municípios que o imunizante seja usado prioritariamente entre elas.

Em paralelo, a Secretaria está articulando junto às gestões municipais uma ação especial no próximo sábado (12), com foco na vacinação de gestantes.

O lote, segundo a orientação do Ministério da Saúde, também inclui unidades para a primeira dose de trabalhadores da educação e do transporte aéreo, forças de segurança pública e forças armadas.

jun 15
sábado
17 06
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
22 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.960.900 VISITAS