O vice-governador Walter Alves assume interinamente o governo do estado durante missão oficial que a governadora Fátima Bezerra realizará de 10 a 18 de maio. Como governador em exercício, Walter Alves participará de todos os compromissos e reuniões agendados para o chefe do Executivo.

E dará continuidade, como nas vezes anteriores, aos entendimentos iniciados pela governadora para negociações visando o crescimento do estado.

“Será mais uma oportunidade para dar sequência aos trabalhos da administração estadual enquanto a governadora viaja em missão oficial visando obter investimento para o RN”, afirmou.

E complementou: “Como nas outras vezes que assumi o governo, estou pronto e à disposição no sentido de contribuir e executar tudo o que for necessário para defender os interesses do Rio Grande do Norte”.

Na viagem internacional, a governadora Fátima Bezerra integrará uma comitiva do Consórcio Nordeste, do qual é presidente. A agenda entre 12 e 18 de maio inclui compromissos em Amsterdã e Roterdã, na Holanda; em Bruxelas, Suíça; e Berlim, na Alemanha.

O objetivo da viagem é discutir questões ambientais e climáticas cruciais para o desenvolvimento sustentável da região.

“Esta agenda será de muita importância para que nós consigamos pensar e desenvolver uma política de crescimento econômico sustentável. É necessário também que comecemos a colocar em prática urgentemente o desenvolvimento da produção de energias renováveis, como o Hidrogênio Verde”, disse Fátima Bezerra.

Durante a missão oficial na Europa, os representantes do Consórcio Nordeste iniciarão a jornada participando da World Hydrogen Summit, em Roterdã, na Holanda. O evento é considerado o maior e mais sênior encontro global sobre hidrogênio e sua cadeia de valor.

Em Bruxelas e Berlim, haverá reunião com membros da Comissão da União Europeia, incluindo o vice-presidente-executivo e responsável pelo Pacto Verde Europeu, Maroš Šefčovič, para debater pautas ambientais de relevância para o Nordeste e o Brasil.

O foco das discussões ambientais durante toda a missão na Europa será projetos de energia renovável e hidrogênio verde e o Fundo Caatinga.

 

O Movimento Democrático Brasileiro no Rio Grande do Norte (MDB-RN) ganhou reforço com a chegada de cinco prefeitos. André Júnior, prefeito de Itaú; André Rodrigues, prefeito de Monte Alegre; Cletson Rivaldo, prefeito de Equador; Reno Marinho, prefeito de São Rafael e Thuanne Souza, prefeita de Vila Flor, anunciaram filiação ao maior partido potiguar.

No mês passado, os prefeitos de Lajes, Felipe Menezes, e de São Bento do Norte, Dão Montenegro, também anunciaram filiação ao MDB-RN que agora conta com 45 prefeitos em todas as regiões do estado.

A chegada dos novos prefeitos ocorre após convite do presidente da legenda, vice-governador Walter Alves, e do ex-senador Garibaldi Filho. “Convidamos André Júnior, André Rodrigues, Cletson, Reno e Thuanne porque reconhecemos a seriedade de suas administrações e acreditamos que, juntos, no MDB, podemos trabalhar incansavelmente para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos e fortalecer os municípios”, afirmou Garibaldi Filho.

Walter Alves expressou sua satisfação com a adesão dos prefeitos que se unem a outros gestores e lideranças que estão chegando ao partido. “Amanhã, dia 15, faremos um ato de filiação em São José de Mipibu. No mês passado, tivemos as adesões dos prefeitos de Lajes e de São Bento do Norte. Agora, recebemos os prefeitos André Júnior, André Rodrigues, Cletson, Reno e a prefeita Thuanne de braços abertos. Estamos confiantes de que todos contribuirão significativamente para fortalecer nosso partido”, contou.

Prefeitos

Francisco André Régis Júnior é médico e iniciou a vida pública no ano de 2016 quando foi candidato a vice-prefeito. Em 2020, foi eleito prefeito de Itaú pela primeira vez, conquistando mais de 52% dos votos válidos.

André Rodrigues da Silva é advogado e começou a trajetória política no ano de 2020 quando foi eleito, pela primeira vez, prefeito de Monte Alegre com mais de 61% dos votos válidos. O atual vice-prefeito do município, Toinho Ananias, também é filiado ao MDB.

Cletson Rivaldo de Oliveira é professor de ensino médio e foi eleito, em 2020, prefeito de Equador, pela primeira vez, com mais de 56% dos votos válidos. O gestor já exerceu o cargo de vereador no município.

Reno Marinho de Macêdo Souza é advogado e, em 2020, foi reeleito prefeito de São Rafael com mais de 45% dos votos válidos.

Thuanne Karla Carvalho de Souza é enfermeira, e atuou na secretaria municipal de Saúde de Vila Flor. Iniciou a vida pública em 2020 quando, pela primeira vez, foi eleita prefeita de Vila Flor com mais de 42% dos votos válidos.

Fonte: Blog Robson Pires

Citando as movimentações políticas realizadas pelo grupo liderado pela Governadora Fátima Bezerra, lembrou que a primeira ação que, segundo ele, garantiu o enfraquecimento da oposição e fortalecimento do projeto político que está no comando do Estado foi a entrada de Carlos Eduardo (PDT) no grupo como candidato a senador. O ingresso, no entendimento de Antenor Roberto, atrapalhou os planos do Prefeito de Natal (RN), Álvaro Dias (PSDB), de disputar a eleição.

“Todo mundo sabe que imobilizamos não só Carlos Eduardo, que queria vir para nosso campo político e era a tradição dele, mas imobilizávamos também aquele que queria muito ser candidato que era o Prefeito da Capital. Era o candidato que estava ‘com a faca nos dentes’. Então, houve essa desmobilização da oposição”, explicou o vice-governador.

Agora, com a entrada de Walter Alves, Antenor Roberto disse que a aliança entre o MDB e o presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira (PSDB), também deixou de lado a possibilidade de participar da oposição, contribuindo para o projeto político de Fátima Bezerra. “Foi a grande jogada última para criar o ambiente e a gente acomoda o MDB como vice no RN. Plano cantado em verso e prosa”.

TN

Foto: divulgação

Na manhã deste domingo (20), os dirigentes do PSDB, presidente da Assembleia Legislativa, deputado  e o MDB, deputado federal Walter Alves fecharam um acordo entre as duas legendas para as Eleições 2022. Os dois partidos elegeram em 2020 o maior número de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores em todo Rio Grande do Norte. O peso político das duas siglas ainda conta com o ex-governador Garibaldi Filho, conhecido pelo “Governo das Águas” e altos índices de aprovação. Já os tucanos têm hoje a maior bancada na Assembleia Legislativa e que nos próximos dias ganhará ainda mais deputados.

Juntos, os dois partidos elegeram candidatos em 70 dos 167 municípios potiguares. MDB teve 39 vencedores e PSDB 31, contando com a capital do estado. O PSDB elegeu 31 prefeitos, inclusive na capital potiguar, onde Álvaro Dias venceu a disputa em 1º turno. Além de Natal, também foram eleitos tucanos em cidades importantes, como Areia Branca, no Oeste; Caicó, no Seridó; Santa Cruz, no Trairi e Nísia Floresta e Bom Jesus, na região metropolitana. Já o MDB venceu em municípios com grande potencial eleitoral como Apodi, no Oeste, São José de Mipibu, na Grande Natal e Nova Cruz, no Agreste, entre outras.

Segundo informações oficiais repassadas, o PSDB e MDB também fizeram um acordo para as chapas proporcionais. O PSDB articula uma nominata de 25 nomes fortes que concorrerão à Assembleia Legislativa. Já o MDB está fechando nove nomes de peso para garantir até duas vagas de deputado federal a partir de fevereiro de 2023. PSDB e MDB juntos também contam com a simpatia de vários partidos importantes na eleição estadual deste ano.

O Presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira faz um grande trabalho de crescimento do PSDB Potiguar e conta com o apoio do Diretório Nacional da sigla. Além de lideranças e prefeitos do PSDB, Ezequiel também é apoiado no interior por prefeitos de outras siglas como Dr. Zé Antônio Menezes, em Macau, e Manoel Bernardo, em João Câmara. Já Walter Alves concentra a maior parte de suas bases políticas no Oeste, Médio e Alto Oeste Potiguar. A força das duas siglas tem um peso significativo juntas, segundo analistas eleitorais que estudam todas as regiões do Estado.

Via Gustavo Negreiros

Liguei para o deputado federal Walter Alves. Na conversa ele disse que não encontrou com Lula e nem com Fátima Bezerra, está em Brasília e volta amanhã para o RN. Falou que tem conversado muito com Ezequiel Ferreira. Se disse animado com a possibilidade de uma aliança com o presidente da Assembleia Legislativa para a disputa do governo do estado.

Essa chapa Ezequiel Ferreira e Walter Alves saindo do papel deixa a governadora Fátima Bezerra em pânico. Nas pesquisas qualitativas que ela tem acesso relatam o estrago que essa chapa pode causar.

É esperar esse final de semana que teremos novidades. Senti muita firmeza de Walter.

Aguardemos…

 

O Globo

Diante de dificuldades para formalização de federações partidárias de campos políticos diferentes, PT e MDB já consolidaram alianças regionais de apoio ao Ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva em pelo menos seis dos nove Estados do Nordeste.

No Rio Grande do Norte (RN), PT e MDB também devem caminhar juntos. Inicialmente, Lula sugeriu a Garibaldi Alves, cacique do MDB local, que ele deveria concorrer ao Senado na chapa da Governadora Fátima Bezerra (PT). No entanto, após negativa de Garibaldi, quem deve ser indicado para a vaga é o Ex-Prefeito de Natal (RN) Carlos Eduardo Alves (PDT). No segundo turno das eleições de 2018, ele apoiou o Presidente Jair Bolsonaro (PL).

O MDB no Rio Grande do Norte (RN) passou a reivindicar a vaga de vice. A ideia era colocar o deputado federal Walter Alves, filho de Garibaldi Alves. A governadora tem resistido e quer manter seu vice, Antenor Roberto (PCdoB). No arranjo eleitoral, Garibaldi Alves vai disputar vaga na Câmara. Walter Alves deve concorrer a deputado estadual. Há acordos com a governadora para que, se eleito, ele assuma a presidência da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

17
fev

* * * QUENTINHAS… * * *

Postado às 13:32 Hs

* * * O prefeito de Mossoró, Allysson Bezerra, confirmou nesta quinta-feira (17) à TV Ponta Negra, que o município terá este ano o ‘Mossoró Cidade Junina’ – considerada a maior festa junina do RN , após dois anos consecutivos sem o evento por causa da pandemia. * * *

* * * O BG confirmou que vai acontecer nas próximas horas uma reunião entre o Presidente da Assembleia Ezequiel Ferreira e o deputado Federal Walter Alves. Da conversa deverá sair o entendimento de os dois caminharem juntos na campanha deste ano e uma parceria do PSDB e MDB no RN. Esse entendimento também se daria se o presidente da AL confirmar se será pré-candidato ao Governo do Estado com o MDB ocupando lugar de destaque na composição. O tabuleiro das eleições 2022 ganhou velocidade.* * *

* * * A governadora Fátima Bezerra segue sem adversários. A pré-candidatura do empresário Haroldo Azevedo pelo PP, como anunciado, parece não ter chamado atenção da direita. Nem mesmo o presidente do PP, deputado Beto Rosado, repercutiu em suas redes sociais a manchete impressa apontando Haroldo como postulante ao governo. Fátima segue sozinha em busca da reeleição. Já a disputa pelo Senado tende a embaralhar o jogo. * * *

Foto: José Aldenir

O noticiário político nacional está bastante agitado, sobretudo para o MDB que, no Rio Grande do Norte, é dirigido pelo deputado federal Walter Alves. O partido convidou o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (sem partido), para se filiar à sigla e ser o vice em chapa com o ex-presidente Lula (PT), para a Presidência da República nas eleições deste ano. Lula anunciou que, em março, baterá o martelo com a decisão final sobre a possível chapa Lula-Alckmin.

Em entrevista ao AGORA RN, nesta terça-feira 15, o deputado federal Walter Alves disse que esse é um momento para agir com “bastante cautela”, sobretudo porque a decisão final do MDB no Estado só será tomada após a formalização das federações no âmbito nacional, que repercutirá nas articulações e alianças políticas que vêm sendo costuradas no Rio Grande do Norte.

“Estamos acompanhando as questões políticas nacionais, que são a formação das federações e, ao mesmo tempo, conversando com os nossos amigos do MDB no Rio Grande do Norte”, destacou Walter.

O deputado federal explicou que o MDB, ao contrário do que se especula nos bastidores da política potiguar, não encerrou as conversas com o Partido dos Trabalhadores no Estado. As articulações começaram em agosto passado, quando o ex-presidente Lula esteve em Natal e sinalizou positivamente para a possibilidade de ter os emedebistas no palanque para a reeleição da governadora Fátima Bezerra.

Uma aliança entre os dois partidos resultaria na chapa majoritária Fátima Bezerra e Walter Alves, que seria completada pela pré-candidatura do ex-senador e ex-ministro Garibaldi Alves Filho, pai de Walter, para a Câmara Federal. “Está tudo indefinido. Mas estamos conversando com o PT e os demais partidos no Rio Grande do Norte”, enfatizou Walter.

“Temos que ter muita cautela nesse momento, porque como fui encarregado da missão de presidir o partido no RN, estamos dialogando com a nossa liderança maior, que é o ex-senador Garibaldi Filho, meu pai, e consultando os prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, apoiadores e amigos para, no final de março, tomarmos uma decisão final sobre os rumos que o partido vai caminhar nas eleições”, explicou Walter Alves.

Agora RN

O ex-senador Garibaldi Filh o (MDB) botou o pé fora de casa e deu o start na sua campanha para deputado federal.

Com o deputado Walter como o nome do MDB para vice na chapa de reeleição da governadora Fátima Bezerra, Garibaldi volta ao cenário político depois de liderar várias pesquisas para o Senado.

E Garibaldi começa a pré-campanha já recebendo o apoio dos prefeitos Aníbal Pereira, de São João do Sabugi, e Jackson Dantas, de São José do Seridó.

Os dois se reuniram com Garibaldi e Walter, que preside o MDB no Rio Grande do Norte e lembraram das ações do deputado Walter e do ex-governador e ex-senador Garibaldi na região Seridó.

FONTE: thaisagalvao.com.br

Via blog do BG

Reprodução

Jornalistas potiguares destacam hoje a aproximação do PT com o MDB, mas o Blog do BG apurou que não é apenas uma aproximação. É uma aliança praticamente fechada, inclusive com a chancela do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva.

Essa aliança, pelo que o Blog apurou, vai ser decidida em um jantar a ser realizado na noite desta terça-feira (24) com a presença de Lula. O jantar será decisivo para o entendimento do MDB com o PT no Rio Grande do Norte para as eleições do próximo ano.

Esse entendimento se encaminha para colocar o nome do deputado federal Walter Alves para vice-governador na chapa de Fátima Bezerra e o nome do ex-ministro e ex-senador Garibaldi Alves Filho para ser candidato a deputado federal com apoio da chapa.

O deputado federal pelo MDB de Alagoas Isnaldo Bulhões Jr., que vem articulando alianças do MDB pelo Nordeste, deve participar do encontro de logo mais.

O encontro do ex-presidente Lula com o ex-senador Garibadi Filho, no jantar oferecido por Garibaldi e o filho deputado federal Walter Alves nesta terça-feira, poderá ter o rumo que até agora não foi discutido, pelo menos de público. Walter seria o nome viável do MDB para ser o vice da governadora Fátima Bezerra na chapa da reeleição. Não é a primeira vez que Walter tem o nome atrelado a Fátima na formação de uma chapa. Na campanha de 2008, quando Fátima foi candidata a prefeita de Natal, Walter teve o nome sondado para ser vice mas não aceitou. Chegou a ir à casa da então governadora Wilma de Faria para ser convidado, mas disse não.

O atual Presidente Estadual do MDB no Rio Grande do Norte (MDB-(RN), Deputado Federal Walter Alves, foi reconduzido ao cargo até novembro de 2022, em reunião da Executiva Nacional do partido nesta quarta-feira (28). Com a decisão unânime, Walter comandará o partido até as próximas eleições.

Walter Alves foi eleito presidente do MDB (RN) em outubro de 2019 para um mandato de dois anos que encerraria em novembro deste ano. No entanto, como é necessário organizar o partido para eleições de 2022, a Executiva Nacional entendeu que era mais estratégico prorrogar a presidência.

“Agradeço a confiança da Executiva Nacional do MDB. Temos um grande desafio pela frente. Ao lado dos diretórios municipais do MDB espalhados por todo o estado, vamos continuar o trabalho a favor da democracia, do municipalismo e do Rio Grande do Norte”, disse Walter Alves.

MDB no RN

O MDB é o maior partido do Rio Grande do Norte. Nas últimas eleições, em 2020, sob o comando do presidente Walter Alves e vice-presidência de Garibaldi Filho, o partido fez o maior número de eleitos do estado: 39 prefeitos, 30 vice-prefeitos e quase 400 vereadores.

Henrique o desafeto

Para ser candidato, como vem sendo cogitado, o ex-deputado Henrique Alves terá que buscar uma nova legenda, de preferência com um fundo partidário considerável, o que não será fácil.

12
set

Em Apodi

Postado às 9:54 Hs

O deputado federal Walter Alves (MDB-RN) participou, no início da tarde de ontem (11), da convenção cartorial do MDB e partidos coligados no município de Apodi, a 328 quilômetros de Natal (RN). No encontro, foi homologada a chapa formada pelo prefeito e candidato à reeleição Alan Silveira (MDB) e candidato a vice-prefeito Neilton Diógenes (PL).

Além do MDB, o PSDB, PL e Solidariedade também realizaram convenções para a formação da coligação “O trabalho tem que continuar”. A aliança dos partidos homologou o nome de quase quarenta candidatos a vereador, sendo 19 do MDB.

Ao discursar, Walter Alves prestou contas do mandato e ressaltou a gestão do prefeito Alan. “Felizmente, posso vir a Apodi e prestar contas de várias ações que o nosso mandato já desenvolveu. Só esse ano, enviamos mais de R$ 1 milhão em emendas para a saúde. O trabalho que Alan vem desenvolvendo à frente da prefeitura é reconhecido por todos e merece continuar”, disse.

Via Eliana Lima

O deputado federal Walter Alves, presidente do MDB no RN, estava até propenso a seguir a orientação do presidente nacional da legenda,  Baleia Rossi, e entrar na disputa pelo Palácio Felipe Camarão. E hoje (2), ele teve uma reunião com Rossi sobre as eleições no Rio Grande do Norte.

Toquei o telefone para o deputado. Será ou não candidato adversário de Álvaro Dias?, perguntei. Ele riu, com sua gentileza, e respondeu que está à disposição do partido, mas explicou o motivo pelo qual não deve disputar, o que foi entendido por Baleia Rossi.

O MDB terá mais de 80 candidatos a prefeito em todas as regiões do estado, além da disputa de número considerável para vice-prefeito e vereador. Caso ele assuma a disputa na capital, esse grande contingente, a contar os 167 municípios do RN, ficará sem a sua presença e sua colaboração.

O que faz sentido. Ainda mais que diante da pandemia o pai, ex-senador Garibaldi Filho, o maior responsável pela agremiação de candidatos em solo de potis-eleitores, não terá como ficar à frente das campanhas inloco. Pensando bem…se o MDB faz esse montão de prefeitos, vices e vereadores, o partido continua fortalecido no RN. Ou mais mais. Projetos futuros, idem.

Atualmente são mais de 50 prefeitos.

No Twitter, em foto da reunião com Baleia Rossi, Walter declarou:

– Nosso desafio, este ano, é continuar como o maior partido do Rio Grande do Norte, e para isto, teremos o apoio do MDB Nacional.

01
set

Ameaça real em Natal

Postado às 17:02 Hs

Por Robson Pires

Uma possível candidatura do deputado federal Walter Alves a prefeito de Natal (RN) com o apoio do ex-Senador Garibaldi Alves Filho e o time dos “bacuraus” poderá dificultar a reeleição do prefeito Alvaro Dias. Walter está animado e não descarta a possibilidade de concorrer ao cargo. Hoje, Álvaro lidera as últimas pesquisas. Entretanto, com a chegada de Walter muita coisa poderá ser mudar.

 Do blog: Parece que o tempo vai fechar na capital potiguar e a disputa pode ficar interessante já que pelas pesquisas Álvaro Dias tinha uma eleição tranquila até então. Aguardemos os próximos capitulos.

O deputado estadual Dr. Bernardo Amorim confirmou que vai se filiar ao Movimento Democrático Brasileiro no Rio Grande do Norte (MDB-RN). O anúncio foi feito ao presidente da legenda, deputado federal Walter Alves, no início da tarde de hoje (16).

Dr. Bernardo informou a vinda ao MDB após conseguir autorização de desfiliação do Avante. O documento de desfiliação foi assinado pelo presidente nacional do partido, deputado federal Luís Tibé, e tramitará junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN). A filiação oficial ocorrerá após autorização da Justiça Eleitoral.

Para Walter Alves, a filiação de Dr. Bernardo Amorim reforça a atuação do MDB no Rio Grande do Norte. “Dr. Bernardo está no primeiro mandato como deputado estadual e já demonstra ser um ótimo parlamentar. Além disso, ele tem um histórico de serviços prestados na região Oeste do estado. O MDB fica mais forte com a chegada de Dr. Bernardo”, diz.

O deputado federal Walter Alves foi eleito na manhã desta segunda-feira(21), por aclamação, presidente do Movimento Democrático Brasileiro(MDB) no Rio Grande do Norte. Com a presença de prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e lideranças políticas , homologaram a chapa única do Diretório Estadual e da Comissão Executiva para o próximo biênio.

A escolha aconteceu na sede do partido, e também definiu os vices, secretários, tesoureiros, lideranças e conselhos, conforme lista abaixo.

No próximo dia 7 de novembro, o MDB fará um evento com presença do presidente nacional, deputado Baleia Rossi, com apresentação de novos filiados.

Não há políticos de Mossoró na formação do diretório estadual da sigla. Por que será ?

O Movimento Democrático Brasileiro (MDB) realizou, na manhã de hoje (6), no Centro de Eventos e Convenções do Brasil 21, em Brasília-DF, a Convenção Nacional do partido. Na ocasião, os integrantes da legenda elegeram, por aclamação, o deputado federal Baleia Rossi (MDB-SP), como novo presidente do partido.

O diretório do MDB-RN participou da solenidade. O presidente da legenda, Garibaldi Filho, aproveitou para confirmar que o MDB-RN vai realizar convenção estadual cartorial no próximo dia 21 de outubro. “Além disso, em novembro, teremos um grande evento para filiação de novos membros e a presença do presidente nacional Baleia Rossi”, afirma.

Além de Garibaldi, participaram da Convenção Nacional do MDB, o vice-presidente do MDB-RN e deputado federal, Walter Alves; e o prefeito de Natal, Álvaro Dias.  E a confirmação de que Álvaro Dias  não deixará agremiação por outro partido como se especulou no passado. Ele será candidato à reeleição pelo MDB.

O futuro presidente do MDB, deputado Baleia Rossi (SP), decidiu nomear como primeiro-secretário da sigla o deputado estadual Gabriel Souza (MDB-RS). O gesto é uma tentativa de contemplar emedebistas gaúchos que ameaçaram uma rebelião contra a ascensão de Baleia ao comando da legenda, mas depois recuaram.

Baleia também contemplou governadores, como o do DF, Ibaneis Rocha, com vagas na executiva. Ibaneis chegou a indicar que disputaria com ele o controle da legenda, mas acabou fechando um acordo após obter a garantia de que teria uma cadeira na diretoria do partido

jul 13
sábado
13 23
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
18 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.963.053 VISITAS