Mais dois milhões de brasileiros entraram para a lista de inadimplentes entre dezembro de 2014 e maio deste ano, de acordo com dados do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), divulgados hoje (10). A alta nos cinco meses do ano chegou a 4,63%. A estimativa é que ao final de maio, havia 56,5 milhões de brasileiros com o CPF negativado no Brasil.

Em maio, comparado com o mesmo mês do ano passado, o crescimento ficou em 4,79%. Esse crescimento é o maior desde agosto do ano passado.De acordo com o SPC Brasil, os brasileiros estão com dificuldades para fazer o pagamento até mesmo de contas básicas. O maior avanço no número de dívidas foi causado por atrasos com empresas concessionárias de água e luz, aumento de 13,31%, na comparação anual. Em segundo lugar, estão as dívidas com telefonia, internet e TV por assinatura, com crescimento de 12,02%.

A alta no segmento de bancos, com dívidas no cartão de crédito, empréstimos e seguros, ficou em 10,1%. Os bancos são os principais credores dos brasileiros, respondendo por 48,56% do toral de dívidas em atraso. A pesquisa do SPC Brasil é feita em parceria com a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL).

16
set

Corda no pescoço

Postado às 8:55 Hs

BRASILEIROS ESTÃO COM MAIS DIFICULDADE PARA PAGAR AS CONTAS E LIMPAR O NOME

O volume de dívidas regularizadas, calculado a partir das exclusões dos registros de inadimplência do banco de dados do SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) e da CNDL (Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas) recuou 1,66% em agosto de 2014, frente ao mesmo mês do ano passado.A retração observada no último mês veio após uma leve alta de 0,97% verificada em julho. Nos oito primeiros meses deste ano, o indicador apresentou cinco quedas na base anual de comparação.

A economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, explica que o recuo do indicador de recuperação de crédito, analisado em conjunto com a inadimplência em trajetória de alta, indica uma deterioração da capacidade de pagamento do consumidor brasileiro.“Os indicadores refletem as condições menos favoráveis da atividade econômica tanto para o consumo quanto para a quitação de dívidas. Este cenário é impactado negativamente pela manutenção dos juros e da inflação em patamares elevados e pelo enfraquecimento do mercado de trabalho”, afirmou.

Em relação a julho de 2014, a retração na recuperação de crédito foi mais expressiva, de 2,92%. Já no acumulado do ano, o número de consumidores que saldaram suas dívidas em atraso e voltaram a ter crédito no mercado apresentou uma contração de 1,06%.Na avaliação dos economistas do SPC Brasil, o encolhimento do número de consumidores que têm quitado suas dívidas é um sinal de que a recuperação de crédito – que tradicionalmente cresce nos últimos meses do ano para que o consumidor se veja livre de dívidas para as comprasde Natal e contas de início de ano – deve encontrar um ambiente menos propício e apresentar resultados menos expressivos do que os de 2013. (Tribuna da Bahia)

21
nov

Otimismo

Postado às 4:12 Hs

Pesquisa divulgada nesta terça-feira, 20, apontou que 60% dos empresários esperam crescimento nas vendas de fim de ano em relação ao mesmo período ano passado. O otimismo se deve ao aumento da oferta de crédito e à estabilidade do emprego, informaram, em nota, a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e o SPC Brasil, que encomendaram a pesquisa.

 Outros fatores que, na avaliação dos comerciantes, devem elevar a atividade do varejo em dezembro são a redução das taxas de juros e o maior planejamento financeiro das famílias. O setor varejista brasileiro está confiante no cenário econômico nacional, afirma a CNDL. Para 11% dos entrevistados, entretanto, as vendas de fim de ano devem cair na comparação com 2011. O levantamento foi realizado com empresários de todas capitais brasileiras e do Distrito Federal.

Em Mossoró o comércio também ficará aquecido com a chegada do pagamento do 13º salário e consequentemente o movimento vai ser grande e intenso no comércio local.

nov 28
sábado
19 15
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
52 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.841.309 VISITAS