A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal votou para rejeitar duas ações que pedem a suspensão da Copa América. Com a decisão, o início da competição fica mantido para domingo (13), com quatro cidades-sede confirmadas: Brasília, Rio de Janeiro, Cuiabá e Goiânia. Dez dos onze ministros votaram a favor da manutenção da competição: Marco Aurélio, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Rosa Weber, Luiz Fux, Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso. Edson Fachin concordou, mas impôs protocolos sanitários para o evento. Os magistrados podem inserir os votos no sistema virtual da Corte até as 23h59. O Supremo analisa três ações distintas. Uma delas é da Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos, que pede a suspensão da competição em caráter liminar por conta do risco de aumento de casos e mortes por Covid-19.  A outra, do PSB (Partido Socialista Brasileiro), defende que sediar o evento viola os direitos fundamentais à vida e à saúde. Ambas são relatadas pela ministra Cármen Lúcia.
08
jun

STF julga suspensão da Copa América

Postado às 21:28 Hs

A próxima quinta-feira será decisiva para o rumo da Copa América no Brasil. Hoje, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, acatou o pedido da ministra Carmen Lúcia para realização de uma sessão extraordinária para discutirem como proceder com competição sul-americana sediada no país. As informações são do portal Lance.

No dia primeiro de junho, um dia após o anúncio por parte da Conmebol, CBF e governo federal, o processo para impedir a realização da Copa América foi protocolado no STF por meio de ações do Partido dos Trabalhadores (PT) e do Partido Socialista Brasileiro (PSB). A partir da meia-noite desta quinta-feira, em plenário virtual, os ministros julgarão se o Brasil apresenta condições cabíveis para sediar a competição marcada para o próximo domingo.

Inicialmente, a Copa América seria realizada na Colômbia e Argentina. Contudo, em razão de protestos que dominaram o país, a Colômbia retrocedeu e vetou o torneio. Em seguida, sob nova quarentena por avanços da Covid-19, a Argentina também cancelou o evento.

Motivo de críticas nas últimas semanas, embora mais de 470 mil mortes confirmadas por conta da pandemia, o aval do governo Bolsonaro possibilitou a CBF aceitar realizar a competição da Conmebol.

Reprodução

A Copa América poderá ocorrer em Natal. O presidente da Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF), José Vanildo, confirmou que recebeu uma ligação da CBF confirmando a possibilidade. “Estamos ultimando detalhes com instituições públicas e demais entidades representativas dos desportos”, disse o dirigente através do microblog Twitter.

Após ser sede da Copa do Mundo de 2014, a Arena das Dunas pode voltar ao cenário internacional recebendo jogos da Copa América que já começa no próximo dia 13 de junho.

A FNF, inclusive, vai enviar ofício à CBF colocando a Arena das Dunas à disposição da Conmebol para sediar os jogos.

Até o início da reunião, a possibilidade de o Brasil organizar o torneio era descartada tanto pela CBF quanto pela Conmebol. Mas ao longo do encontro mencionou-se que o país tem estádios de Copa do Mundo que estão ociosos, como Mané Garrincha em Brasília, Arena da Amazônia, Arena Pernambuco e Arena das Dunas em Natal.

A ideia é colocar um grupo para jogar em Manaus e Brasília, o outro nos dois estádios do Nordeste. O Campeonato Brasileiro não será interrompido.

Com drama a euforia, Brasil cumpre sua missão: é campeão no Maracanã

A Seleção Brasileira confirmou o seu favoritismo no Maracanã, derrotou o Peru neste domingo, por 3 a 1, e conquistou o seu nono título da Copa América. Os gols foram de Everton Cebolinha, Gabriel Jesus e Richarlison (de pênalti). Paolo Guerrero descontou, também em cobrança de penalidade.

Ao erguer a taça, o Brasil mantém a tradição de vencer o torneio sempre que o sediou. Foi assim também nas edições de 1919, 1922, 1949 e 1989.

O presidente Jair Bolsonaro está convidado para entregar troféu ao campeão da Copa América.

Chile e Peru se enfrentam nesta quarta-feira, 3, pela semifinal da Copa América. A partida será disputada na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. O confronto está marcado para as 21h30, pelo horário de Brasília. As duas seleções não estavam no grupo das favoritas, que contava com Brasil, Argentina, Uruguai e Colômbia, apesar da chilena ser a atual bicampeã da competição, e a peruana de ter participado da última Copa do Mundo.

Em entrevista coletiva, o lateral-esquerdo Trauco declarou que a semifinal contra a ‘Roja’ será a partida mais importante da carreira dos jogadores peruanos. “Sabemos que este é o jogo das nossas vidas. O Chile é o favorito ao título pelo que vem mostrando, mas crescemos e precisamos manter esse ritmo e a atitude mostrada contra o Uruguai”, comentou o jogador do Flamengo.

Já o meia Arturo Vidal comparou a seleção chilena de 2015, que ganhou a Copa América pela primeira vez em sua história, com a atual, e opinou que o elenco que disputa a edição no Brasil é mais competitivo, porque mantém a sede de título, mas tem mais experiência.

Após um empate por 0 a 0 durante o jogo, o Chile venceu a Argentina em disputa de pênaltis por 4 a 1, na noite deste sábado, e sagrou-se campeão da Copa América 2015. É a primeira vez na história que a Roja conquista o título continental. Gonzalo Higuaín e Ever Banega foram os únicos a desperdiçar.

A vitória da Roja, como a equipe é conhecida, correspondeu às expectativas dos 18 milhões de chilenos que sonhavam com a glória. A Seleção havia sido vice quatro vezes até aqui – 1955, 1956, 1979 e 1987.

Como o empate persistiu no marcador, o jogo seguiu para a prorrogação. A Roja se manteve em cima do adversário. Henríquez, substituto de Vargas, Alexis Sánchez e Arturo Vidal foram os responsáveis por incomodar a defesa rival, mas não fizeram o suficiente para balançar a rede na primeira etapa do tempo extra. Nos últimos 15 minutos da prorrogação, as equipes fizeram um jogo bastante igual e encontraram dificuldades para criar. Não é à toa que o duelo terminou empatado.

Nas cobranças de pênalti, a Argentina desperdiçou duas penalidades, com Gonzalo Higuaín e Ever Banega. O Chile teve 100% de aproveitamento e sagrou-se campeão da Copa América pela primeira vez na história. (Correio da Bahia)

set 18
sábado
08 42
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
44 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.879.128 VISITAS