18
abr

Números da Covid

Postado às 19:44 Hs

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil neste domingo (18):

– O país registrou 1.657 óbitos nas últimas 24h, totalizando 373.335 mortes;

– Foram 42.980 novos casos de coronavírus registrados, no total 13.943.071 pessoas já foram infectadas.

– O número total de recuperados do coronavírus é 12.391.599, com o registro de mais 46.738 pacientes curados. Outros 1.178.137 pacientes estão em acompanhamento.

O número de pessoas curadas representa 88,8% do total de casos acumulados. A quantidade de pessoas curadas no Brasil é mais de dez vezes superior ao número de casos ativos (1.178.137), que são os pacientes em acompanhamento médico.

18
abr

Registros

Postado às 18:53 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste domingo (18). Foram mais 802 casos confirmados, totalizando 212.692. Até sábado (17) eram 211.890 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 5.106 no total, sendo 8 mortes registradas nas últimas 24h: Natal (01), Assu (02), São Miguel (01), Cerro Corá (01), Parnamirim (01), Governador Dixsept Rosado (01) e Mossoró (01).

A Sesap ainda registrou outros 5 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.015. No sábado (17) o número total de mortes era 5.093 mortes. Casos suspeitos somam 52.701 e descartados 434.494. Recuperados são 150.649.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 94,2%, registrada por volta das 11h40 deste domingo (18). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 700. Até o momento desta publicação são 22 leitos críticos (UTI) disponíveis e 355 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 69 disponíveis e 345 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 93,4% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 98,2% e a Região Seridó tem 87,5%.

O feriadão da Páscoa não atrapalhou o ritmo de vacinação contra covid no Brasil, que continua acelerando e superou as 12 milhões de doses aplicadas em abril.

Para ilustrar o sucesso da campanha brasileira de vacinação, o Reino Unido, tido como exemplo, aplicou cerca de seis milhões de doses no mesmo período e o máximo em um mês inteiro foi de 14,3 milhões, marca que o Brasil ultrapassará antes do fim da semana. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Foram necessários 16 dias em abril para chegas às 12 milhões de doses, quase metade dos 29 dias para aplicar a mesma quantidade em março.

Há duas semanas, a média de vacinas aplicadas no Brasil é mais que o dobro do Reino Unido e vamos ultrapassá-los no total de doses este mês

O Brasil já se aproxima da marca de 35 milhões de doses e a expectativa é que abril termine com algo entre 45 e 50 milhões de vacinas aplicadas.

DIÁRIO DO PODER

O uso de máscara ao ar livre deixará de ser obrigatório em Israel a partir deste domingo (18) em Israel, país que apostou fortemente na vacinação em massa de sua população para lutar contra o coronavírus, informaram as autoridades. Israel foi um dos primeiros países a impor a utilização de máscaras em locais públicos, no começo de 2020.

Atualmente, porém, 53% de sua população, de 9,3 milhões de habitantes, já recebeu ambas as doses da vacina da Pfizer/BioNTech. “As máscaras são feitas para nos proteger da pandemia do coronavírus. Mas como os especialistas concluíram que a máscara não era mais necessária ao ar livre, decidi retirar a (obrigação de usar) máscara”, disse o ministro da Saúde, Yuli Edelstein, em um comunicado.

16
abr

Números da Covid

Postado às 20:07 Hs

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta sexta-feira (16):

– O país registrou 3.305 óbitos nas últimas 24h, totalizando 368.749 mortes;

– Foram 85.774 novos casos de coronavírus registrados, no total 13.832.455 pessoas já foram infectadas.

– O número total de recuperados do coronavírus é 12.298.863, com o registro de mais 65.568 pacientes curados. Outros 1.164.843 pacientes estão em acompanhamento.

O número de pessoas curadas representa 88,9% do total de casos acumulados. A quantidade de pessoas curadas no Brasil é mais de dez vezes superior ao número de casos ativos (1.164.843), que são os pacientes em acompanhamento médico.

Mossoroenses a partir de 60 anos já poderão se vacinar contra a Covid-19 neste sábado (17) e domingo (18), em 10 Unidades Básicas de Saúde (UBS’s), que estarão abertas neste fim de semana no município.

O município recebe nesta sexta-feira, dia 16, 7.885 doses das vacinas Astrazeneca/Oxford e Butantan/Coronavac, o que garante a continuidade da campanha “Mossoró Vacina”.

“A campanha adota um modelo de sucesso que já foi aprovado pela população. Foram alguns finais de semana que serviram para gente aperfeiçoar, e o resultado disso é visto pelos números, que a cada edição apresenta pessoas sendo vacinadas sem tumulto, sem aglomeração e com atendimento de qualidade prestado pelas equipes”, disse Morgana Dantas, secretária municipal de Saúde.

Ela destaca o trabalho dos voluntários: “contamos com muitos voluntários que nos ajudam e o trabalho dos parceiros tem sido de grande importância para o sucesso da campanha Mossoró Vacina”.

Unidades Básicas de Saúde que vão abrir neste fim de semana:

UBS Vereador Durval Costa – Walfredo Gurgel
UBS Raimundo Renê Dantas – Boa Vista
UBS Dr. Cid Salem Duarte – Abolição 4
UBS Dr. Sueldo Câmara – Aeroporto 2 (Quixabeirinha)
UBS Francisco Pereira Azevedo – Liberdade 1
UBS Dr. Agnaldo Pereira – Vingt Rosado
UBS Dr. José Fernandes de Melo – Lagoa do Mato
UBS Dr. Francisco Nazareno Gurgel – Bom Pastor
UBS Dr. Moisés Costa Lopes – Redenção
Centro Clínico Evangélico – Centro

16
abr

Registros

Postado às 16:36 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta sexta-feira (16). Foram mais 592 casos confirmados, totalizando 211.050. Até quinta-feira (15) eram 210.458 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 5.045 no total, sendo 15 mortes registradas nas últimas 24h: Natal(02), Mossoró(02), São Gonçalo do Amarante(02), Maxaranguape(01), São Miguel do Gostoso(01), Canguaretama(01), Caraúbas(01), Jardim do Seridó(01), São Tomé(01), Jucurutu(01), Tenente Ananias(01) e Assu(01).

A Sesap ainda registrou outros 11 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.015. Na quinta-feira (15), o número total de mortes era 5.019. Casos suspeitos somam 52.774 e descartados 432.262. Recuperados são 150.649.

O Rio Grande do Norte registra no fim da manhã desta sexta-feira(16) quarenta e dois(42) pacientes com Covid-19 à espera de um leito de UTI, de acordo com o portal Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos públicos no estado. Às 12h20, o estado tinha 16 leitos de UTI disponíveis aguardando regulação de pacientes. A maior parte dos pacientes é da região metropolitana de Natal.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 95,7%, registrada no fim da manhã desta sexta-feira (16). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 710. Até o momento desta publicação são 16 leitos críticos (UTI) disponíveis e 359 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 63 disponíveis e 351 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 94,7% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 99,1% e a Região Seridó tem 92,5%.

16
abr

Mais vacinas no RN

Postado às 10:08 Hs

O plano de imunização contra a Covid-19 no Rio Grande do Norte ganhou novo reforço nesta sexta-feira (16). São 89,4 mil doses, entre imunizantes CoronaVac/Butantan e Oxford/Fiocruz, que a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) distribuirá aos municípios potiguares ainda nesta sexta.

As doses, seguindo a orientação do Ministério da Saúde, são voltadas aos potiguares idosos, trabalhadores da saúde e forças de segurança. As 36.400 doses da CoronaVac serão divididas entre a primeira dose para pessoas entre 60 e 64 anos, trabalhadores da segurança e da saúde, além da dose 2 para quem trabalha na saúde e idosos entre 65 e 69 anos.

Já no caso da Oxford serão 53 mil doses, todas destinadas à ampliação da vacinação com a primeira doses para idosos entre 60 e 69 anos.

A distribuição dos imunizantes seguirá o mesmo esquema de segurança montado desde janeiro, coordenado por Sesap e Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), contando com a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros Militar.

Esta semana o RN cruzou os números de 400 mil pessoas vacinas e 500 mil vacinas aplicadas. De acordo com a plataforma RN+ Vacina, até o início da manhã desta sexta-feira 415 mil potiguares receberam ao menos a primeira dose, sendo aplicadas 534 mil vacinas. Assim, o RN chegou a 54% da meta de vacinação para o público-alvo da fase 2 do plano de imunização, que é de 757.069 pessoas.

15
abr

Números da Covid

Postado às 20:16 Hs

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta quinta-feira (15):

– O país registrou 3.560 óbitos nas últimas 24h, totalizando 365.444 mortes;

– Foram 73.174 novos casos de coronavírus registrados, no total 13.746.681 pessoas já foram infectadas.

– O número total de recuperados do coronavírus é 12.236.295, com o registro de mais 65.524 pacientes curados. Outros 1.144.942 pacientes estão em acompanhamento.

15
abr

Nota

Postado às 17:10 Hs

Comunicador Francileno que estava internado na UTI do Hospital de Pau dos Ferros morreu vítima de complicações da Covid-19.

É com profundo pesar, que o Grupo TCM Telecom recebe a notícia do falecimento do apresentador e repórter do programa Ronda Policial, na TCM e da Rádio 95 FM, Francileno Góis, que infelizmente não resistiu às complicações da Covid-19. Natural de Caraúbas, Francileno Góis estava internado na UTI do Hospital em Pau dos Ferros, desde a quinta-feira (8) e faleceu na manhã desta quinta (15).

Apaixonado pela comunicação, Francileno fazia parte do grupo de colaboradores da TCM desde maio de 2009, quando passou a atuar como repórter do Ronda Policial. Além de repórter, atualmente apresentava o programa Ronda Policial 1ª edição. Humildade, paixão pela comunicação, profissionalismo e carisma são marcas deixadas por Francileno Góis.

Filho de Francisco de Assis de Góis e Maria Madalena de Góis, o comunicador tinha 50 anos e deixa esposa, Valdelice (Licinha) Gurgel de Góis e duas filhas, Fernanda e Giovana.

Perdemos um profissional dedicado e um ser humano iluminado. Sentiremos falta do seu bom humor e seu comprometimento com a verdade e a comunicação e também do seu carinho com todos. À família, amigos e colegas de trabalho, a nossa solidariedade e os nossos sentimentos. Que Deus conforte os corações de todos.

Em virtude da perda, a programação jornalística do Canal TCM 10HD foi suspensa, tendo um momento especial de homenagens ao comunicador com retransmissão do Meio-Dia Mossoró da Rádio 95 FM. A programação será retomada às 18h, com o Jornal TCM.

O Grupo TCM reforça que segue cumprindo os protocolos de higiene, saúde e segurança determinados pelo Ministério da Saúde.

Fonte: Assessoria

15
abr

Registros

Postado às 12:36 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quinta-feira (15). Foram mais 1.043 casos confirmados, totalizando 210.458. Até quarta-feira (14) eram 209.415 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 5.019 no total, sendo 18 mortes registradas nas últimas 24h: Natal(07), Mossoró(02), Goianinha(01), Macaíba(01), Parnamirim(01), Assu(01), Pedro Velho(01), Serra de São Bento(01), Angicos(01) , Felipe Guerra(01) e mais um município no interior a ser informado.

A Sesap ainda registrou outros 18 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.007. Na quarta-feira (14), o número total de mortes era 4.983.

Casos suspeitos somam 52.799 e descartados 431.517. Recuperados são 150.649.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 97,3%, registrada no fim da manhã desta quinta-feira (15). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 717. Até o momento desta publicação são 10 leitos críticos (UTI) disponíveis e 360 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 62 disponíveis e 351 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 97,3% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 99,1% e a Região Seridó tem 92,5%.

O Rio Grande do Norte registra no fim da manhã desta quinta-feira(15) sessenta e cinco(65) pacientes com Covid-19 à espera de um leito de UTI, de acordo com o portal Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos públicos no estado. Às 12h10, o estado tinha 10 leitos de UTI disponíveis aguardando regulação de pacientes. A maior parte dos pacientes é da região metropolitana de Natal.

15
abr

* * * QUENTINHAS… * * *

Postado às 10:03 Hs

* * * Em um ano, o número de internautas no Brasil aumentou em 6,1 milhões de pessoas. Havia no País, ao final de 2019, 143,5 milhões pessoas conectadas à internet (78,3%). Os números são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad C), com levantamento feito no 4º trimestre de 2019, divulgada, ontem, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). * *

* * * Três das 27 capitais brasileiras paralisaram a aplicação da primeira dose contra a Covid, ontem, por falta de doses: João Pessoa – que também deixou de aplicar a segunda dose –, Rio Branco e Salvador. Além delas, em Curitiba, a ampliação primeira dose para pessoas com 66 anos ou mais, que começou na terça-feira passada, foi suspensa ontem. Outros grupos que já vinham recebendo a primeira dose seguem sendo imunizados. * * *

* * * O presidente Jair Bolsonaro disse, ontem, que o Brasil está na iminência de uma “crise enorme”. Afirmou que só aguarda uma “sinalização” do povo para agir, sem detalhar o que seria essa ação. Bolsonaro também criticou recentes decisões do STF e medidas de isolamento social para conter a pandemia. Falou que dá tempo de evitar o “aumento da temperatura” no País. “É só parar de usar menos a caneta e um pouco mais o coração”, afirmou. “O Brasil está no limite. O pessoal fala que eu devo tomar uma providência. Estou aguardando o povo dar uma sinalização porque a fome, a miséria e o desemprego está aí [sic], só não vê quem não quer. Ou quem não está na rua. Eu sempre estive na rua”, disse. * * *

Com o anúncio das restrições aos viajantes do Brasil feito pela França nesta terça-feira (13), o país soma barreiras de entrada impostas como forma de tentar conter o avanço da pandemia de Covid-19 —particularmente, a variante brasileira do vírus— em ao menos 22 nações, de acordo com levantamento feito a partir dos dados da Iata (Associação Internacional de Transporte Aéreo). Os dados atualizados até esta quarta-feira (14) referem-se apenas a países que adotaram medidas específicas contra o Brasil. Assim, ficam de fora do levantamento países como a China, por exemplo, que fechou suas fronteiras de maneira mais generalizada. Pessoas que estiveram no Brasil em um período de 14 dias antes de viajar não podem entrar na Arábia Saudita, Irã, Itália, Japão, Omã, San Marino e Vaticano. No Reino Unido, o prazo estabelecido como margem de segurança é de dez dias, mas os viajantes precisam se comprometer a ficar em quarentena em solo britânico por 11 noites.
14
abr

Números da Covid

Postado às 20:34 Hs

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta quarta-feira (14):

– O país registrou 3.459 óbitos nas últimas 24h, totalizando 361.884 mortes;

– Foram 73.513 novos casos de coronavírus registrados, no total 13.673.507 pessoas já foram infectadas.

O número de pessoas curadas representa 88,3% do total de casos acumulados. A quantidade de pessoas curadas no Brasil é mais de dez vezes superior ao número de casos ativos (1.140.852), que são os pacientes em acompanhamento médico

14
abr

Mais vacinas

Postado às 17:01 Hs

O Ministério da Saúde envia amanhã (15) ao Rio Grande do Norte um novo lote com mais 89.400 doses da vacina contra Covid-19.

Foto: Raiane Miranda

Ao todo, serão 36.400 imunizantes da CoronaVac e 53 mil de Oxford/AstraZeneca.

Deste lote, são 54.752 vacinas para primeira dose e 26.470 para segunda dose, entre doses de CoronaVac e AstraZeneca.

O Rio Grande do Norte já recebeu 604.040 doses de CoronaVac e 150.650 da Oxford/Asrazeneca desde o início da vacinação.

14
abr

Registros

Postado às 16:51 Hs

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quarta-feira (14). Foram mais 820 casos confirmados, totalizando 209.415. Até terça-feira (13) eram 208.595 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 4.983 no total, sendo 19 mortes registradas nas últimas 24h: Natal(05), Jucurutu(02), São Tomé(02), Parnamirim(01), João Câmara(01), Extremoz(01), Goianinha(01), Areia Branca(01), Caicó(01), Apodi(01), Santa Cruz(01), Caraúbas(01) e Jardim do Seridó(01).

A Sesap ainda registrou outros 17 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 991. Na terça-feira (13), o número total de mortes era 4.947.

Casos suspeitos somam 52.838 e descartados 430.106. Recuperados são 142.776.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 95,7%, registrada no fim da manhã desta quarta-feira (14). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 717. Até o momento desta publicação são 16 leitos críticos (UTI) disponíveis e 359 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 52 disponíveis e 358 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 94,3% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 98,1% e a Região Seridó tem 97,5%.

O Rio Grande do Norte registra no fim da manhã desta quarta-feira(14) cinquenta e sete(57) pacientes com Covid-19 à espera de um leito de UTI, de acordo com o portal Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos públicos no estado. Às 11h50, o estado tinha 14 leitos de UTI disponíveis aguardando regulação de pacientes. A maior parte dos pacientes é da região metropolitana de Natal.

Foto: Wilson Moreno/Secom PMM

O Ministério da Saúde divulgou nesta terça-feira, 13, a lista dos estados com pessoas que estão em atraso para tomar a segunda dose de vacinas contra a covid-19. Hoje, o titular da pasta, Marcelo Queiroga, disse que há 1,5 milhão de brasileiros nessa situação, e alertou que essas pessoas precisam buscar os postos de vacinação. No Rio Grande do Norte, 14.932 pessoas que aguardam a segunda dose.

O estado com mais pessoas em atraso é São Paulo (343.925), seguido da Bahia (148.877), Rio de Janeiro (143.015), Rio Grande do Sul (123.514), Minas Gerais (89.122) e Paraná (71.857).

Os estados com menos doses em atraso são Amapá (5.741), Tocantins (6.033), Acre (6.191), Alagoas (7.625) e Roraima (8.555).

Segundo o ministro, mesmo quem perdeu o prazo previsto no cronograma de vacinação deve procurar uma unidade de saúde para regularizar a situação. A grande maioria dos atrasos está em doses da vacina CoronaVac, desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. No total, 1.514.340 doses do imunizante estão em atraso, sendo 287 da Oxford/AstraZeneca, em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Agência Brasil

O Brasil bateu recorde na aplicação de doses de vacinas contra covid-19 nesta terça-feira (13). De acordo com a plataforma independente acinabrasil.org, foram aplicadas 1.225.396 doses apenas hoje. Agora, o Brasil contabiliza 32.310.602 doses administradas nos brasileiros, sendo 24.498.318 primeiras doses e 7.812.284 segundas doses das vacinas adquiridas pelo governo federal.

O Ministério da Saúde já disponibilizou aos Estados um total de 47.862.856 doses de imunizantes contra o coronavírus, das quais 32,3 milhões foram efetivamente aplicadas.

O Brasil continua ostentando a posição de quinto país que mais aplica vacinas em sua população, ficando atrás apenas dos quatro grandes produtores de imunizantes: Estados Unidos, China, Índia e Reino Unido.

Nesta terça, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, confirmou que cerca de 1,5 milhão de brasileiros não apareceram para tomar a segunda dose, mas todos serão chamados a comparecer aos postos de vacinação. Afinal, apenas uma dose de vacina não é suficiente para imuniza uma pessoa, de acordo com especialistas.

DIÁRIO DO PODER

abr 18
domingo
21 26
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
90 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.865.852 VISITAS