23
jun

O Importante é que é cultura…

Postado às 14:12 Hs

Sou eclético até demais. Primeiro é preciso destinguir. Chamou-se erroneamente o forró verdadeiro de pé-de-serra, e se convencionou que o forró pé-de-serra é composto de triângulo, zabumba e sanfona. Nisto aí até concordo, mas não se pode chamar todo forró autêntico de pé-de-serra, ele é forró e pronto! Só forró! E aí com suas variantes rítmicas como o xote, baião, xaxado, arrasta-pé, etc. E o forró verdadeiro pode colocar quantos instrumentos quiser que não vai perder sua autenticidade, o próprio Luiz Gonzaga começa “O fole roncou” com um contrabaixo irado!

Portanto, pé-de-serra é o forró com os três instrumentos, o forró que segue a linha melódica do Rei do Baião é forró simples e puro. E o forró das bandas estilizadas, distancia-se pela proposta musical, outra coisa totalmente diferente, onde as dançarinas são mais importantes que a sanfona. A linha melódica é de laboratório e as letras não têm poesia, beirando a pornografia e o incentivo ao consumo de álcool para impactar os jovens que vivem nas festas. A beleza é exaltada e a sensualidade se torna mais importante que a própria música.

As letras das bandas de forró são de consumo fácil e duram somente uma temporada. Mas não se pode negar que hoje é um forró de multidão, que achou seu espaço, e os governos gastam milhões de reais com elas. Existem bandas com caché superior aos maiores nomes da Música Brasileira, e em suas agendas é difícil encaixar data. Aviões e Garota Safada são dois exemplos entre muitas.

O tradicional e o estilizado são dois públicos diferentes. Na verdade o consumidor da banda de forró até curte mais o forró autêntico, já o que gosta deste, muito mais dificilmente aceita o midiático.

Para atender estes dois públicos, os governos têm feito suas programações juninas atendendo a todos, colocando na mesma noite representantes dos dois estilos. É salutar dizer que o forró de banda é incentivado pela grande mídia, as rádios, televisões, internet, dão destaque maior ao estilizado devido o grande investimento feito, pois se trata de um projeto comercial em todo o Nordeste, investimentos na mídia, coisa que o pé-de-serra não conseguirá nunca. Por isto, para equilibrar a disputa, os governos devem incentivar a música de qualidade, pois o forró de banda tem mercado e comércio o ano todo.

Com os tempos são outros,temos que conviver com o passageiro e com a música de qualidade, democraticamente as pessoas fazem isso sim, o mais importante é a música nordestina e brasileira cada vez mais variada. Isso é Cultura.

26
jul

# # Rapidinhas … # #

Postado às 10:19 Hs

 

@@ Completando agora em agosto 10 anos de bons serviços o Portal do Saber, está  com  equipamentos  novos de última geração. O  Portal do Saber Vingt Neto atendendo ainda mais e melhor os usuários que buscam fazer trabalhos e pesquisas através da net, gratuitos e agora com mais qualidade. Nestas férias, visite-nos! O Portal conta ainda com mais de 2 mil livros para quem gosta de um espaço traquilo para uma boa leitura.

@ @ O prêmio da Mega Sena acumulou novamente e pode chegar a R$ 33 milhões no próximo sorteio, marcado para sábado (28). Nenhuma aposta acertou as seis dezenas do concurso 1.409. A quina saiu para 96 apostadores (prêmio de R$ 25.376,40) e a quadra, para 6.846 apostadores (prêmio de R$ 508,35). As dezenas sorteadas na noite desta quarta-feira (25) em Caetité (BA) foram: 06 – 19 – 26 – 47 – 50 – 58.

@ @ Na 28ª edição do Brazilian Day, consta um tributo em homenagem ao centenário de Luiz Gonzaga, com atrações de vários estados do país, que vem repercutindo críticas negativas nas redes sociais. Os internautas opinam que a maioria dos artistas escalados pouco tem a ver com o Rei do Baião, informa a coluna do jornalista João Alberto Na programação: Tucumanus (AM), Banda 5% (BA), Del Feliz (BA), Giba Gonçalves (BA), Clima de Montanha (DF), Hierofante Cia de Teatro (DF), Batala (DF), Ossos do Banquete (MG) e Embaixada dos Bonecos Gigantes de Olinda (PE), além de Claus e Vanessa (RS), Edu & Rapha (DF), Geraldo Fornasa & Bandalheira (SC) e Manhattan Samba Band (RJ). O evento acontece dia 2 de setembro, em Nova York.

@ @ As mensagens 42 e 43, encaminhadas pelo Governo do Estado a Assembleia Legislativa, serão votadas em sessão na próxima sexta-feira (27), após decisão tomada em reunião do colégio de Líderes, realizada na manhã de quarta-feira (25). A sessão ordinária realizada dentro de período extraordinário acontecerá em horário regimental, às 10h. As mensagens tratam, respectivamente, do Projeto de Lei que autoriza o Estado do Rio Grande do Norte, por intermédio do Poder Executivo, a contratar parcelamento e reparcelamento de créditos devidos à União e outras providências e do Projeto de Lei Complementar que altera a remuneração de servidores públicos da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN).

@ @ Participe e faça nossa página cada vez mais com participação popular,envie email e sugestões para nós. Entre em contato nosso email:paduabarreto@bol.com.br ou contato@paduacampos.com.br ou ainda pelo twitter e facebook.

@ @ A tendência de realizar cada vez mais transações financeiras por meio eletrônico, incluindo compras com cartões de crédito e de débito e saques em terminais bancários, é diretamente proporcional ao aumento de fraudes e delitos relacionados a esses tipos de operações. Entre as modalidades criminosas mais comuns, a clonagem de cartão figura em posição de destaque. Em recente levantamento divulgado pela ClearSale, empresa responsável por monitorar cerca de 80% do comércio eletrônico no Brasil, o Rio Grande do Norte está entre os 10 estados que mais sofrem fraudes virtuais no país. A pesquisa é relativa ao primeiro semestre de 2012 e os números apontam que 5,19% de toda a movimentação no RN houve fraude ou tentativa de fraude. No relatório apresentado o Ceará aparece em primeiro lugar com 8,18%; Bahia vem em segundo com 7%; seguidos por Maranhão 6,71%, Distrito Federal 6,27% e Pernambuco, onde 6,22% das transações financeiras por meio eletrônico são falsas.

25
Maio

Origem do FORRÓ

Postado às 19:00 Hs

Origem do nome

O termo “forró”, segundo o folclorista potiguar Luís da Câmara Cascudo, estudioso de manifestações culturais populares, vem da palavra “forrobodó”, de origem bantu (Tronco linguístico africano, que influenciou o idioma brasileiro, sendo base cultural de identidade no brasil escravista), que significa: arrasta-pé, farra, confusão, desordem.

A Versão mais verossímil, apoiada pelo próprio historiador Câmara Cascudo, é a de que Forró é derivado do termo africano forrobodó e era uma festa que foi transformada em gênero musical, tal seu fascínio sobre as pessoas.

Na etimologia popular (ou pseudoetimologia) é freqüente associar a origem da palavra “forró” à expressão da língua inglesa for all (para todos). Para essa versão foi construída uma engenhosa história: no início do século XX, os engenheiros britânicos, instalados em Pernambuco para construir a ferrovia Great Western, promoviam bailes abertos ao público, ou seja for all. Assim, o termo passaria a ser pronunciado “forró” pelos nordestinos. Outra versão da mesma história substitui os ingleses pelos estadunidenses e Pernambuco por Natal do período da Segunda Guerra Mundial, quando uma base militar dos Estados Unidos foi instalada nessa cidade.

Apesar da versão bem-humorada, não há nenhuma sustentação para tal etimologia do termo, pois em 1937, cinco anos antes da instalação da referida base, a palavra “forró” já se encontrava registrada na história musical na gravação fonográfica de “Forró na roça”, canção composta por Manuel Queirós e Xerém.

No idioma húngaro, Forró significa “Quente”. Não se tem variação da palavra no idioma húngaro, o termo Forró é igualmente escrito (com acento) como no português.

Antes disso, em 1912, Chiquinha Gonzaga compôs Forrobodó, que ela classificou como uma peça burlesca e que lhe valeu, algum tempo depois, em 1915, o Prêmio Mambembe, sendo Mambembe também de origem banto, significando medíocre, de má qualidade.

 

Histórico

Os bailes populares eram conhecidos em Pernambuco por “forrobodó” ou “forrobodança” (nomes dos quais deriva “forró”) já em fins do século XIX.[2]

O forró tornou-se um fenômeno pop em princípios da década de 1950. Em 1949, Luiz Gonzaga gravou “Forró de Mané Vito”, de sua autoria em parceria com Zé Dantas e em 1958, “Forró no escuro”. No entanto, o forró popularizou-se em todo o Brasil com a intensa imigração dos nordestinos para outras regiões do país, especialmente, para as capitais: Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo.

Nos anos 1970, surgiram, nessas e noutras cidades brasileiras, “casas de forró”. Artistas nordestinos que já faziam sucesso tornaram-se consagrados (Luiz Gonzaga, Dominguinhos, Trio Nordestino, Genival Lacerda) e outros surgiram.

Depois de um período de desinteresse na década de 1980, o forró ganhou novo fôlego da década de 1990 em diante, com o surgimento e sucesso de novos trios e artistas de forró.

Gêneros musicais

O forró é dançado ao som de vários ritmos brasileiros tipicamente nordestinos, entre os quais destacam-se: o xote, o baião, o xaxado, a marcha (estilo tradicionalmente adotado em quadrilhas) e coco. Outros estilos de forró são: o forró universitário, uma revisitação do forró tradicional (conhecido como forró pé-de-serra) e o forró eletrônico ou estilizado (que, para alguns, não é considerado forró).

15
abr

# # Rapidinhas… # #

Postado às 22:32 Hs

@ @ A Prefeitura de Mossoró fará uma justa homenagem aos 100 anos de nascimento do ex-prefeito Dix Huit Rosado ( O velho Alcaíde)com uma exposição contando sua história de vida,política e gestor público.Muito bom a memória de um povo deve ser lembrada.Justa homenagem.

@ @ A greve dos professores da Rede Municipal continua, nesta segunda feira haverá uma reunião no SINDISERPUM ás 7:30 para analisar o movimento paredista junto as escolas.Os servidores reivindicam 22,22%, enquanto que a municipalidade oferece 6,37%.

@ @ Para 2013 a cidade deve dispor de 3 novos cursos de medicinas: UNP,Facene e UFERSA irão ofertar a Mossoró e região este curso. Muito bom,mesmo !

@ @ O RN fica ruim na fita,pois com os recentes escândalos dos precatórios expõe o estado ao ridículo na Globo e na mídia nacional. É uma pena,mas o pior é que é verdade. Fazer o que ?

@ @ Na próxima 5ª feira 19/04 toda a classe política potiguar juntamente com a prefeita Fafá Rosado estarão em Brasília para lutarem pela revitalização ou construção de um novo Aeroporto Dix Sept Rosado. Mossoró aguarda isso mesmo !!

@ @ Nos 100 de Luiz Gonzaga o Mossoró Cidade Junina 2012 prestará homenagem ao ícone do forró “O Gonzagão”. O Trio Mossoró fará a abertura da temporada do Chuvas de Balas onde serão lembrados seus grandes sucessos.

@ @A Propaganda eleitoral gratuita deverá novamente ser gerada pela TV Mossoró e a TCM deverá também fazer retransmissão da mesma. Isso deve ocorrer no 2º semestre.

07
fev

Centenário de Luiz Gonzaga

Postado às 19:41 Hs

Estão abertas as inscrições para o Prêmio Centenário de Luiz Gonzaga, que selecionará projetos de criação, produção ou difusão de obras de cunho musical em homenagem ao Rei do Baião, como informa o NE10. Aos vencedores serão concedidos 20 prêmios com valores variados, sendo 12 prêmios de R$ 35 mil; cinco prêmios de R$ 50 mil; e três prêmios de R$ 100 mil, totalizando R$ 970 mil.

O edital do concurso foi publicado no Diário Oficial da União da última quinta-feira (2). O concurso é promovido pela Fundação Nacional de Artes (Funarte) e as inscrições estão abertas até 19 de março. Podem participar do processo seletivo pessoas físicas (produtores, músicos ou representantes de grupos musicais) e pessoas jurídicas (empresas ou instituições privadas de natureza artística e/ou cultural).

Podem concorrer composições, arranjos, espetáculos, exposições, obras audiovisuais, cancioneiros, livros, discos, sites, revistas, pesquisas, seminários, ciclos de debates, palestras e oficinas.

A ficha de inscrição, os documentos e outros materiais solicitados dentro do edital deverão ser enviados, até 19 de março, pelos Correios, em um único envelope, por meio de carta registrada e Aviso de Recebimento para o seguinte endereço: Centro de Música/Funarte, Rua da Imprensa, nº 16, sala 1.308, CEP: 20030-120 – Rio de Janeiro/RJ.

» Confira o edital
» Ficha de Inscrição

19
dez

O Grande icone da sanfona

Postado às 13:33 Hs

Pode perguntar a qualquer sanfoneiro, do mais experiente ao iniciante, o ídolo é sempre Dominguinhos. “Quando você escuta as músicas dele ou desiste de ser sanfoneiro ou tem mais vontade ainda de ser tocador”, diz o exuense Felipe Bruno, de 16 anos, estudante de sanfona há apenas um ano.

Mesma opinião tem o forrozeiro Targino Gondim, 18 discos no currículo e uma indicação ao Grammy com a música Esperando na janela. “Dominguinhos é o maior sanfoneiro do Brasil. Ele é um virtuoso não só tocando forró, mas em outros gêneros que ele domina, como valsa, jazz, choro…”, diz. Aos 70 anos, o músico de Garanhuns leva vida de viajante.

Por medo, há 30 anos não entra em um avião. “Já tomei remédio, mas não adiantou. Fui até no médico, mas essa coisa de mexer com a cabeça é muito complicada”, conta Dominguinhos, que também tem medo do mar e de florestas. “É um medo que se confunde com respeito”, diz. Na véspera do que seria o aniversário de 99 anos de Luiz Gonzaga, Dominguinhos chegou no Exu para um show na praça do centro da cidade. Era mais uma parada de uma viagem que começou em São Paulo, onde mora, e seguiu por Brasília, Fortaleza e Natal. “É muito cansativo. Se eu andasse de avião, seria bem mais fácil”, admite.

A primeira vez em que o artista visitou a terra do Rei do Baião foi no centenário do Araripe, em 1968, acompanhando Luiz Gonzaga. “Ele fez uma música para a ocasião, chamada Meu Araripe, e viemos todos: eu, Gonzaguinha, Rosinha”, lembra. Naquele show, Gonzaga reclamou do comportamento dos seus conterrâneos. “Ele estava no auge, em grande forma tocando e cantando. Se naquela época Exu tinha uns 15 mil habitantes, somente uns 30 compareceram ao show na praça, de graça. Ele disse: ‘isso aqui é esquisito, nem eu agrado!”, lembra.

Apesar da má impressão inicial, o sanfoneiro aprendeu a amar Exu. No show que fez pelos 99 anos de Gonzaga, ele tocou, de improviso, uma música instrumental em homenagem ao município. “A música me vem muito fácil, não tenho dificuldade para compor. Mas, quando faço no improviso, esqueço tudo depois. Se gravar bem, senão, perco para sempre”, conta.

Em 2007, Dominguinhos recebeu o diagnóstico de um câncer nos pulmões. Desde então se trata no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, e faz sessões de quimioterapia nas cidades por onde passa, a cada 20 dias.

Apesar dos efeitos colaterais do tratamento, não pensa em parar de viajar para tocar. “Desde que eu comecei que é assim. Parar de fazer isso… não vai ter mais o que fazer”.

Fonte:  Diário de Pernambuco

13
dez

Homenagens a Luiz Gonzaga

Postado às 9:45 Hs

As homenagens aos 99 anos de nascimento de Luiz Gonzaga, celebrados nesta terça-feira (13), estão apenas começando. Recife e Exu dedicam toda uma semana para as comemorações, como informa o Ne10.

Na capital, o QG é o Pátio de São Pedro que, nesta terça-feira, terá um “parabéns pra você” com show de Daniel Bueno, Geraldo Cardoso, Cristina Amaral e Sopa de Aruá. Em Exu, terra-natal do Rei do Baião, as apresentações musicais adentram a madrugada na terça, em evento que tem jornada de cinema e novena. Confira as programações, todas gratuitas:

» Memorial Luiz Gonzaga
Pátio de São Pedro, casa 35, São José. Informações: 3355.3154.

Dia 13/12 – Terça-feira
9h às 17h – Audição do repertório de Luiz Gonzaga no Pátio de São Pedro

Cine Memorial Luiz Gonzaga
10h – Filme: O homem que engarrafava nuvens (01h45)
14h – Documentário: TV Cultura – As sanfonas do Lua (53min)
19h – Parabéns pra Gonzagão no Pátio de São Pedro – Grande show com Daniel Bueno, Geraldo Cardoso, Cristina Amaral e Sopa de Aruá

Dia 14/12 – Quarta-feira
9h às 17h – Audição do repertório de Luiz Gonzaga no Pátio de São Pedro

Cine Memorial Luiz Gonzaga
10h – filme: Chapéu de couro (01h15)
14h – Documentário: Luiz Gonzaga – especial Globo News (23min)
14h30 às 17h – Workshop: Cronologia musical gonzaguiana (Edierck Silva)

Dia 15/12 – Quinta- feira
9h às 17h – Audição do repertório de Luiz Gonzaga no Pátio de São Pedro

Cine Memorial Luiz Gonzaga
10h – Filme: E o mundo se diverte (01h50)
14h – Documentário: Raízes do fole (01h11)
19h – Lançamento do documentário Ascenso Ferreira: Menestrel do Povo. Direção: Wolney Mororó

Dia 16/12 – Sexta-feira
9h às 17h – Audição do repertório de Luiz Gonzaga no Pátio de São Pedro

Cine Memorial Luiz Gonzaga
10h – Filme: O comprador de fazendas (01h35)
14h – Documentário: O Brasil da sanfona (01h28)

» Festival Pernambuco Nação Cultural
Exu – Sertão do Araripe

Terça-feira, 13 de dezembro
20h – Coral de Aboios de Serrita
21h20 – Chá Cutuba
22h40 – Leonardo D’Luna
0h – Joãozinho de Exu
01h20 – Targino Gondim
02h40 – Waldonys

Quarta-feira, 14 de dezembro
21h – Fua Carvalho
22h20 – Antônio da Mutuca
23h40 – Donizete Batista
01h – Sotaque Nordestino
02h20 – Raimundinho do Acordeon

PALCO PERNAMBUCO NAÇÃO CULTURAL – VIVA GONZAGÃO
Local: Parque Asa Branca

Sexta-feira, 16 de dezembro
20h – Jaiminho do Acordeon
21h20 – Maria Lafaete
22h40 – Epitácio Pessoa
0h – Flávio Leandro
01h20 – Flávio José
02h40 – Bel Lima

Sábado, 17 de dezembro
21h – Mauro Sanfoneiro
22h20 – Seguidores do Rei
23h40 – Joquinha Gonzaga
01h – Adelmário Coelho
02h20 – Fabio Carneirinho

PALCO JUAZEIRO
Local: Pé de juazeiro – Parque Asa Branca

Domingo, 18 de dezembro
11h – Missa em Homenagem aos 99 anos de Gonzagão – em baixo do pé de Juazeiro, com a participação do Bispo da Diocese de Salgueiro, Dom Magnus Henrique
14h – Forró em baixo do Pé de Juazeiro
16h – Grupo de Sanfoneiro e de Dança
17h10 – Zezinho do Exu
18h20 – Flávio do Baião
19h30 – Beto Ortiz e banda
20h30 – Genaro e banda
21h50 – Toinho do Baião
23h – Dorgival Dantas

1º JORNADA DE CINEMA E VÍDEO DO SERTÃO DO ARARIPE
Quinta-feira, 15 de dezembro, às 19h
Local: Auditório Dr. Givaldo Peixoto de Carvalho – Colégio Municipal Bárbara de Alencar

CELEBRAÇÃO DA NOVENA DE SANTANA
Terça-feira, 13 de dezembro, às 19h
Local: Igreja Matriz de Exu

Fonte: Elba Galindo

18
jul

Justa homenagem

Postado às 13:13 Hs

Nesta terça-feira, o carnavalesco Paulo Barros estará divulgando a sinopse do samba-enredo “No dia que toda a realeza desembarcou na Avenida para coroar o Rei Luiz do Sertão”, ao vivo, e direto da quadra da Escola de Samba Unidos da Tijuca, para o Rio de Janeiro e o Recife, informa o Blog de Inaldo Sampaio.

O evento ocorrerá às 20h. A explanação também poderá ser vista ao vivo, no Centro de Convenções, onde são esperados compositores pernambucanos e pelo site www.carnavalesco.com.br

O samba-enredo é feito especificamente para o desfile de uma escola de samba. Anualmente, as escolas de samba promovem concursos internos, onde várias músicas são apresentadas ao público em suas quadras e, ao final, normalmente entre os meses de setembro e outubro, uma delas é escolhida como samba-enredo oficial para o Carnaval do ano seguinte.

Já a sinopse é o resumo seqüencial do que o carnavalesco apresentará artisticamente na Avenida. É de onde os compositores se orientam para criação da parte escrita dos seus sambas. A sinopse contém as informações mais importantes que devem constar na composição.

O primeiro colocado em Pernambuco será escolhido no mês de setembro e irá para o Rio disputar a finalíssima na quadra da Unidos da Tijuca. O samba campeão será escolhido no dia 15 de outubro.

Além do vencedor, do segundo ao quinto colocado haverá premiação em dinheiro.  Todas as informações para inscrições serão obtidas no lançamento da sinopse e estarão no site www.unidosdatijuca.com.br  a partir de quarta-feira, dia 20 de julho.

03
jul

Grande homenagem

Postado às 19:48 Hs

Dez dias após definir seu enredo para o Carnaval 2012 (“O dia em que toda a realeza desembarcou na Sapucaí para coroar o Rei Luiz do Sertão”), a diretoria da Unidos da Tijuca, campeã de 2010, inicia os trabalhos de pesquisa em campo, amanhã, às 12h, com reunião no restaurante Beijupirá, em Olinda.

Na ocasião, o grupo liderado pelo badalado carnavalesco Paulo Barros – conhecido como “o gênio” da década na Sapucaí – discutirá estratégias para explorar no Recife, até o final de semana, as informações em torno do Rei do Baião.

A equipe desembarca no Aeroporto dos Guararapes às 10h30 desta segunda-feira e conta, além de Barros, com o diretor de Carnaval, Ricardo Fernandes, o diretor de Comunicação, Bruno Tenório, a diretora de Marketing, Fabiana Amorim, pesquisadores e especialistas em design.

Fonte: Blog do Jamildo

16
jun

# # Rapidinhas… # #

Postado às 20:17 Hs

@ Em Natal o movimento “Fora Micarla” continua sem previsão de término assim como a greve dos professores da rede estadual que já dura 46 dias. O nosso estado paga o preço de desmandos de gestões passadas que nada fizeram e agora explode com força, é o povo reivindicando melhorias…

@ A cidade de Mossoró está recebendo a operação Tapa-buracos em muitas ruas ,algumas estavam mesmo precisando,buracos que se proliferavam já a algum tempo.Enquanto isso a CAERN,destrói…

@ O ex-senador Geraldo Melo pode mesmo trocar o PPS pelo PP no estado porém a vaidade é tanta que ainda não se sabe se ele aceitará.Melhor mesmo o prefeito de Assú, Ivan Júnior que é tido como sangue novo na política. Ele ainda pode voltar ao PMDB sua antiga legenda a pedido de Henrique Alves.

@ O nosso agradecimento a todos os links/parceiros e patrocinadores, nesta jornada de bem informar…

@ A NOAR pretende em breve ampliar seus voos no RN, sendo que Mossoró também será beneficiada. Vamos aguardar. O Aeroporto aguarda melhoras…

@A Abertura do IX Seminário da Cultura Popular no Teatro Dix Huit Rosado foi sucesso, a importância do fenômeno Luiz Gonzaga para o Cancioneiro Popular, o público interagiu com o palestrante Cláudio Henrique – Maestro da Orquestra Sanfônica e aprovou.Muito bom mesmo.Continua  hoje.

@ O setor hoteleiro de Mossoró não tem do que reclamar,praticamente todos os hotéis,pousadas e similares estão lotadas para o fim de semana do Mossoró Cidade Junina 2011, evento consolidado e com destaque na Rede Globo. É Mossoró cada vez, mais com ares de metrópole.

@ O Jornalista da Rede Globo Caco Barcelos estará amanhã na cidade,onde participa do Congresso Científico da UNP,sem dúvida deve dá uma olhada no Mossoró Cidade Junina. Ninguém é de Ferro.

@ Já dizia o velho ditado : ” Quem nasceu para ser cocada,jamais chegará a ser doce de leite “.

@ Participe e ajude a fazer um blog com participação popular,envie email e sugestões para nós. Entre em contato:paduabarreto@bol.com.br ou contato@paduacampos.com.br ou ainda pelo twitter e facebook.

27
dez

Muitos reais…

Postado às 18:20 Hs

Nesta terça feira (28) acontecerá a segunda etapa do evento VivaLuiz! com o lançamento oficial do projeto Centro Cultural Cais do Sertão Luiz Gonzaga, no Marco Zero, em Recife, às 17h, com as presenças do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, do Ministro da Cultura, Juca Ferreira, e do governador de Pernambuco, Eduardo Campos.

Na ocasião, ocorrerá também a cessão de uma área para a construção de escola de música que ficará sob a coordenação da Associação Orquestra Criança Cidadã Meninos do Coque.

O projeto é resultado de uma parceria entre o Ministério da Cultura, o Governo do Estado de Pernambuco e do Porto de Recife, e representa um investimento de R$ 26 milhões, sendo R$ 21 milhões investidos pelo governo federal.

O Centro Cultural Cais do Sertão Luiz Gonzaga será o primeiro museu nacional hi-tech de alto porte em Pernambuco e destacará a importância de Luiz Gonzaga, ícone do sertão nordestino, para a cultura e o imaginário brasileiro.

“O Rei e o Baião”

A primeira etapa do Viva Luiz!, ocorreu, em Recife, com o lançamento do livro “O Rei e o Baião”, de Bené Fonteles no dia 13 de dezembro e no dia 17 de dezembro, em Brasília.

O livro resume, numa publicação recheada de fotografias e belos textos, a trajetória de Luiz Gonzaga, um dos grandes ícones da cultura brasileira e nordestina. “O Rei e o Baião” tem como objetivo fomentar e intensificar a obra do artista, que completaria 98 anos no dia13 de dezembro, data em que o livro foi lançado em Recife.

13
dez

Gonzagão vai virar filme

Postado às 11:30 Hs

O Pernambucano de Exu, Luiz Gonzaga, estaria completando hoje, se vivo fosse, seus 98 anos de nascimento. Apesar de fisicamente não estar mais no nosso meio, Luiz Gonzaga continua sendo a maior expressão musical do Nordeste e uma das maiores do Brasil. Até hoje, numa programação que vem se estendendo a quase uma semana, muitas homenagens estão sendo feitas ao Rei do Baião, em sua cidade natal, com uma verdadeira maratona de shows.

Ontem, uma missa especial foi celebrada no Parque Asa Branca que ficou lotado de fãs. O blog também reverencia este grande Pernambucano que aprendeu a tocar sanfona e levou a cultura do Sertão para todo o Brasil e a cantar as maravilhas e as adversidades do Nordeste. Luiz Gonzaga é considerado um dos maiores ícones da cultura brasileira, reconhecido internacionalmente. As comemorações deste ano, abrem também as portas para a festa do centenário em 2012. Salve Luiz Gonzaga,  salve o Nordeste.  Salve o Brasil.

O repórter JC do sábado passado trouxe uma informação que deve repercutir entre os fãs de Gonzagão, e merecidamente deve impactar todo o Nordeste, e por consequencia o Brasil inteiro.

O cineasta Breno Silveira, o mesmo que fez o filme “Os 2 filhos de Francisco”, iniciou neste final de semana as gravações de “Gonzaga, de pai pra filho”, sobre a história do Rei do Baião e seu filho Gonzaguinha.

Salve o Rei Luiz. O homem que dignificou a vida nordestina e se tornou o maior artista da história deste país.

01
dez

Homenagem ao Rei do Baião

Postado às 12:46 Hs

De 10 a 12 de dezembro, forrozeiros e fãs de Luiz Gonzaga de todo o Nordeste estarão em Exu, terra natal do Rei do Baião, no Sertão do Araripe, celebrando aniversário de nascimento do artista que completaria 98 anos se estivesse vivo, no dia 13 de dezembro. O evento marca a última etapa do Festival Pernambuco Nação Cultural, realizado pela Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), em parceria com o projeto Viva Gonzagão. Neste período, o município recebe uma verdadeira maratona de shows com grandes nomes do forró, no Parque Aza Branca, como Dominguinhos, Flávio Leandro e Joquinha Gonzaga.

Além da música, neste ano, a programação inclui o Cine Exu – 1º Festival de Cinema e Vídeo do Sertão do Araripe, com a exibição de curtas-metragens produzidos e protagonizados por pessoas da região. Cada uma das 10 cidades que compõem o Sertão do Araripe – Exu, Araripina, Ipubi, Moreilândia, Granito, Santa Cruz, Bodocó, Ouricuri, Santa Filomena e Trindade – apresentará um filme, que terá como temática a cultura e a história de cada município. O Cine Exu é um projeto aprovado no Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura/Audiovisual).

No dia 12, às 10h, cidade também celebra uma missa especial em homenagem a Luiz Gonzaga, no Parque Aza Branca, com a participação de forrozeiros da região. O Rei do Baião nasceu no dia 13 de dezembro. Aprendeu a tocar sanfona e levou a cultura do Sertão para todo o Brasil, cantando as maravilhas e as adversidades do Nordeste. É considerado um dos maiores ícones da cultura brasileira, reconhecido internacionalmente.

abr 18
domingo
21 14
ENQUETE

Você acha que o brasileiro acostumou-se com a Corrupção ao longo do tempo ?

Ver resultado parcial

Carregando ... Carregando ...
PREVISÃO DO TEMPO
INDICADOR ECONÔMICO
104 USUÁRIOS ONLINE
Publicidade
  5.865.852 VISITAS